apostila_completa_Silvia
272 pág.

apostila_completa_Silvia


DisciplinaParasitologia Veterinária1.859 materiais35.737 seguidores
Pré-visualização50 páginas
Livro didático de Parasitologia Veterinária da Universidade Federal de Santa Maria 
Profa Silvia Gonzalez Monteiro 
Nematocera - Mosquitos 
formando uma jangada. 
- As fêmeas são antropófilas. 
- É encontrado principalmente nos dormitórios, 
sobre o teto, móveis e roupas. 
- Após a desova a fêmea morre ou sobrevive 
poucos dias. 
- -Larvas possuem sifão respiratório com vários 
tufo de cerdas. 
- Ciclo dura em média 10 a 11 dias. 
- Transmite Wuchereria bancrofti (filária, 
Elefantíase). 
 
BIOLOGIA DA FAMÍLIA CULICIDAE 
ALIMENTAÇÃO: 
Quando adultos as fêmeas alimentam-se em 
geral de sangue pois tem necessidade para que 
se processe a maturação dos ovos mas não 
para sua subsistência pois em laboratório 
sobrevivem apenas com água e açúcar., os 
machos alimentam-se de sucos de frutas e 
néctar de flores. 
 
CÓPULA: 
Nos mosquitos de hábitos crepusculares 
(anofelinos) a cópula se dá momentos antes de 
se dirigirem para as casa. Há mesmo a 
chamada \u201cdança nupcial\u201d em que os mosquitos 
ficam voando em largos círculos, aí se 
efetuando a cópula. Os machos e fêmeas saem 
dos criadouros e em geral copulam no ar e essa 
cópula ocorre de duas maneiras: No Aedes 
aegypti, o macho fica sob a fêmea fixando-a por 
meio de duas pinças laterais, o ato dura 4 a 5 
segundos; no Anopheles, macho e fêmea se 
prendem pela extremidade posterior, ficando em 
linha. 
Um macho pode copular várias fêmeas e uma 
fêmea pode ser copulada por vários machos. 
 
POSTURA E OVOS: 
Uma vez alimentada, a fêmea quando está com 
seus ovos amadurecidos precisa fazer a 
postura, e o lugar da postura varia de espécie 
para espécie. 
 
Anopheles: 
Gostam de fazer a postura em grandes coleções 
de água parada, água com leve correnteza ou 
em água coletada de bromélias. Os ovos de 
Anopheles não resistem a dessecação, não 
agüentam três dias em lugar seco. 
Os ovos de anofelinos são postos isoladamente 
na superfície da água, sendo que possuem 
flutuadores laterais. 
 
Aedes: 
Colocam seus ovos à beira das águas de 
pequenas coleções de vasos, latas, etc. 
Evaporando-se a água os ovos aderem as 
paredes do vaso e resistem ali por vários 
meses, quando cai a chuva há a eclosão das 
larvas. Isso explica a disseminação desses 
mosquitos para todos os lugares. Os ovos de 
Aedes são postos isoladamente, mas não 
possuem flutuadores.. 
 
Culex: 
Os ovos de Culex são colocados sempre em 
posição vertical formando jangadas capazes de 
flutuar. 
 
LARVAS: 
As larvas são encontradas na água, ainda que 
possam sobreviver algum tempo em ambiente 
úmido. 
95
_____________________________________________________________________________________________ 
_____________________________________________________________________________________________ 
Livro didático de Parasitologia Veterinária da Universidade Federal de Santa Maria 
Profa Silvia Gonzalez Monteiro 
Nematocera - Mosquitos 
O período larvário representa a fase de 
crescimento do inseto, durante a qual a larva 
expulsa quatro vezes a pele; são as mudas ou 
ecdises. As larvas se alimentam de 
microorganismos. 
As larvas são vermiformes e desprovidas de 
patas e asas. 
O corpo da larva é constituído de cabeça, tórax 
e abdômen. A respiração é feita por um sifão 
respiratório na extremidade final do abdômen. 
Anopheles não possui sifão respiratório. 
 
PUPAS: 
Após a quarta muda larvária emerge a pupa, 
com a forma de uma vírgula. É móvel, porém 
não se alimenta O corpo das pupas de 
mosquitos é constituído de duas partes: 
cefalotórax e abdômen. 
As pupas da família culicidae também se 
localizam na água. Após a saída do mosquito 
adulto ele fica em cima da pele da pupa que 
acabou de deixar para que ocorra a quitinização 
(quitina em contato com o ar endurece). 
 
FAMÍLIA CERATOPOGONIDAE 
Sinonímia: Mosquito pólvora, maruins. 
 
GÊNERO Culicoides. 
 
CARACTERÍSTICAS MORFOLÓGICAS: 
- Bem pequeno, até 4 mm. 
- Peças bucais curtas, pungitivas e sugadoras 
nas fêmeas. 
- Asas hialinas com manchas claras e escuras 
recobertas de curta pilosidade. 
-Antenas longas com 14 segmentos com 
formato de contas de rosário, plumosas nos 
machos. Os primeiros segmentos antenais 
parecem bolas. 
 
Figura 95. Pupa de Nematocera. 
Figura 94. Larva de Culicinae. 
Sifão respiratório 
Figura 93. Larva de Anophelinae 
96
_____________________________________________________________________________________________ 
_____________________________________________________________________________________________ 
Livro didático de Parasitologia Veterinária da Universidade Federal de Santa Maria 
Profa Silvia Gonzalez Monteiro 
Nematocera - Mosquitos 
BIOLOGIA 
Ovos: Os ovos são alongados e levemente 
encurvados; o período de incubação é de 2 a 7 
dias dependendo das condições do ambiente. 
 
Larvas: As larvas apresentam 12 segmentos 
abdominais; desenvolvem-se em meio aquático 
ou semi-aquático, isto é em terrenos lodosos ou 
de muita umidade, tanto pode ser de água doce 
como salgada; habitat ideal é o mangue. As 
larvas nadam com agilidade em busca de 
microorganismos para se nutrirem. 
 
Adultos: São encontrados em mangues, zonas 
de marés, voam pouco, não se afastam muito do 
lugar onde habitam. Machos e fêmeas reúnem-
se em grandes enxames onde ficam voando em 
turbilhão para a cópula. As fêmeas fixam-se ao 
corpo de outros insetos e sugam-lhes a 
hemolinfa. Se o macho após a cópula não fugir, 
a fêmea nutre-se dele. As fêmeas são 
hematófagas e atacam vorazmente o homem. 
Podem matar se atacarem em bandos. Tem 
hábito crepuscular, mas podem sugar à noite ou 
até de dia. 
 
CARACTERÍSTICAS DO CULICOIDES: 
- Vive nos mangues e terrenos pantanosos, pois 
se desenvolvem em certo grau de salinidade. 
- Ovos postos em água doce ou salgada. 
- As fêmeas fazem a postura em pedras, 
pedaços de pau. 
- Seis estágios larvais, só fêmeas são 
hematófagas. 
 
IMPORTÂNCIA MÉDICA VETERINÁRIA: 
A picada é semelhante a um fósforo aceso no 
braço, a picada faz formações bolhosas na pele 
que não raro se complicam com infecção 
secundária pelo ato de coçar. Causa dermatite 
em eqüinos, com perda de pele. 
A picada produz lesões eczematosas 
urticarianas. 
Transmite filarias e vírus da língua azul para 
bovinos e ovinos. 
 
FAMÍLIA PSYCHODIDAE 
 
SUBFAMÍLIA PSYCODINAE: Psychoda - 
mosca dos banheiros. Sem importância em 
medicina veterinária. 
 
SUBFAMÍLIA PHLEBOTOMINAE: 
 
PRINCIPAIS GÊNEROS DE IMPORTÂNCIA 
MÉDICA VETERINÁRIA: 
- Gênero Phlebotomus (Encontrado na 
Europa) 
- Gênero Lutzomyia (Encontrado nas 
Américas) \u2013 mosquito palha. 
 
GÊNERO Lutzomyia Figura 96. Cabeça de Culicoides. 
Antenas 
97
_____________________________________________________________________________________________ 
_____________________________________________________________________________________________ 
Livro didático de Parasitologia Veterinária da Universidade Federal de Santa Maria 
Profa Silvia Gonzalez Monteiro 
Nematocera - Mosquitos 
CARACTERÍSTICAS MORFOLÓGICAS: 
- Olhos compostos ocupando grande parte da 
cabeça. 
- Ocelos ausentes. 
- Antenas tão longas quanto o comprimento da 
cabeça e tórax com densa pilosidade. 
- Dípteros muito pequenos, 4mm no máximo. 
- Palpos maiores que a probóscida com 3 a 5 
artículos. 
- Asa com formato lanceolar e com nervuras 
longitudinais e paralelas. 
- Cerdas longas pelo corpo. 
- Abdômen com 10 segmentos; do oitavo em 
diante os segmentos se modificam e formam as 
peças do aparelho genital. 
 
BIOLOGIA
Kiara
Kiara fez um comentário
alguem poderia me enviar por email, pfvr?? obrigada kiara-nc@hotmail.com
0 aprovações
Juliana
Juliana fez um comentário
Como faço download?
0 aprovações
Isabella
Isabella fez um comentário
teria como por gentileza me enviar este material por email ?
0 aprovações
Gianini
Gianini fez um comentário
Consegui fazer download e o material é de ótima qualidade
1 aprovações
Carregar mais