Apostila-de-Contabilidade-Gerencial-e-de-Custos
79 pág.

Apostila-de-Contabilidade-Gerencial-e-de-Custos


DisciplinaContabilidade Gerencial11.918 materiais214.005 seguidores
Pré-visualização12 páginas
5.580 3.906 
ME= 50 25 = ME 9.300 5.580 EFPA = 1.674 
 
 3.650 2.475 EFPE = 3.720 
 
EFMD= 1.175 
 
COMENTÁRIOS DO EXERCÍCIO: 
 
ENTÃO: Todo o EIMD foi transferido para pe e o que foi adquirido no mês foi 
transferido somente a metade ( 50% do adquirido). 
O ESTOQUE FINAL DE PE (EFPE) FOI O SALDO QUE FICOU A SER 
PRODUZIDO PARA O PRÓXIMO PERÍODO NO VALOR DE R$ 3.750. 
O VALOR TRANSFERIDO PARA PA FOI DE 60% DO TOTAL QUE TINHA 
NA PRODUÇÃO NO VALOR DE R$ 5.580 
FOI VENDIDO SOMENTE 70% DO QUE FOI PRODUZIDO, ENTÃO 70% 
DE R$ 5.580 QUE É = R$ 3.906. 
 
 
 
 
 
 
 
Contabilidade Gerencial e de Custos
 
COMO ACHAR A MARGEM COMERCIAL? 
 
MC ( MARGEM COMECIAL = CPV ( CUSTO DO PRODUTO VENDIDO X 
PERCENTUAL DA MARGEM PRETENDIDA. 
ENTÃO = MC = 3.906 X 40% = 1.562,40 
 
QUAL O PREÇO DE VENDA DA MERCADORIA? PV? 
 
PV = CPV + MC 
PV = 3.906 + 1.562,40 = 
PV = 5.468,40 
 
 
Considerando o exercício anterior fazer o fechamento da fórmula procurando achar o 
mesmo preço de venda encontrado acima. 
 
APURAÇÃO DO PV PELA FÓRMULA 
 
1. MD CONSUMIDO (MP, MAT SEC. EMB)-------- 
 
2. MOD (MÃO DE OBRA DIRETA)------------------- 
 
3. CIFS (CUSTOS IND. DE FABRICAÇÃO)------- 
 
= CUSTO DO PRODUTO DO PERÍODO---------------- 
 
(+) EIPE (EST. INICIAL DE PROD. EM ELAB)------- 
 
(-) EFPE ( EST. FINAL DE PROD. EM ELAB)-------- 
 
(=) CPA (CUSTO DE PROD. ACAB.)-------------------- 
 
(+) EIPA( EST. INICIAL DE PROD. ACABADOS)--- 
 
(- ) EFPA( EST. FINAL DE PROD. ACABADOS)----- 
 
(=) CPV (CUSTO DE PROD. VENDIDOS)-------------- 
 
(+) MARGEM LÍQUIDA ( % )---------------------------- 
 
(=) PV (PREÇO DE VENDA)------------------------------- 
 
 
EXERCÍCIO PRÁTICO SOBRE PROCESSO PRODUTIVO DE UM PRODUTO 
 
Considerando que num processo produtivo qualquer a empresa apresentava em seus estoques 
remanescente ( do mês anterior): 
 
Curso a Distancia de Graduação em Administração
Matéria-Prima ( MP ) = R$ 3.000 
Material Secundário ( MS )\u2013 R$ 2.000 
Material de Embalagem ( ME ) \u2013 R$ 1.000 
EIPE = R$ 1.000 
EIPA = R$ 2.000 
Considerando ainda as seguintes aquisições no mês de produção: 
Matéria-prima: R$ 5.000; 
Material Secundário: R$ 1.000; 
Material de embalagem: R$ 1.000; 
Nessa produção ainda teve os seguintes gastos: 
 
Custos Indiretos de Fabricação \u2013 CIFs = R$ 10.000; 
Mão-de-Obra direta = R$ MOD = R$ 3.000 
 
Durante o processo produtivo aconteceu as seguintes questões: 
1) Do saldo dos EI de MD todo o valor foi transferido para produtos em elaboração; 
2) Do que foi adquirido de mD no mês foi transferido de cada 50% de cada; 
3) No ato da produção foi considerado do total existente somente 70% produzido e 
transferido para produtos acabados; 
4) Do total do produto acabado foi baixado um custo de produto vendido de 60% do valor; 
5) O administrador tinha em mente uma margem comercial desse produto de 70% sobre o 
custo do produto vendido. 
6) Calcular: 
 EFMD; EFPE; EFPA, CPV, MC E PV DESE PRODUTO. 
7) Apurar o PV pela fórmula. 
 
APURAÇÃO DO PV PELA FÓRMULA 
 
1- MD CONSUMIDO (MP, MAT SEC. EMB)-------- 
 
2- MOD (MÃO DE OBRA DIRETA)------------------- 
 
3- CIFS (CUSTOS IND. DE FABRICAÇÃO)--------- 
 
= CUSTO DO PRODUTO DO PERÍODO---------------- 
 
(+) EIPE (EST. INICIAL DE PROD. EM ELAB)------- 
 
(-) EFPE ( EST. FINAL DE PROD. EM ELAB)-------- 
Contabilidade Gerencial e de Custos
 
(=) CPA (CUSTO DE PROD. ACAB.)-------------------- 
 
(+) EIPA( EST. INICIAL DE PROD. ACABADOS)--- 
 
(- ) EFPA( EST. FINAL DE PROD. ACABADOS)----- 
 
(=) CPV (CUSTO DE PROD. VENDIDOS)-------------- 
 
(+) MARGEM LÍQUIDA ( % )---------------------------- 
 
(=) PV (PREÇO DE VENDA)------------------------------- 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Curso a Distancia de Graduação em Administração
Módulo
NICEUMA@u
V I R T U A L
VI
METODOLOGIA
DE CUSTEAMENTO
MÓDULO 06 - METODOLOGIA DE CUSTEAMENTO ( Martins, 2003) 
 
CUSTEIO DIRETO \u2013 Não integra aos produtos, e aos inventários o valor dos custos fixos e 
indiretos. 
 
CUSTEIO POR ABSORÇÃO \u2013 Integra todos os custos incorridos na fabricação do produto, 
hoje utilizado em todos os balanços, em obediência aos princípios contábeis e pela verdade 
transparente da utilização dos custos. 
 
PARA SE FAZER E VENDER UM PRODUTO, A EMPRESA TEM QUE INCORRER NOS 
SEGUINTES GASTOS OPERACIONAIS: 
 
MATÉRIA \u2013 PRIMA Necessária para uma unidade do produto (A) 200 unidades a R$ 2,30 cada; 
 
MATERIAIS AUXILIARES Consumidos para cada unidade do produto (A) 0,1 unidades a R$ 
360,00 cada; 
 
Tempo necessário para produzir uma unidade do produto (A) 04 horas a R$ 50,00 por hora 
 
GASTOS DO PERÍODO (são os CIFS e as despesas de apoio que poderão serem inclusas 
no processo de produção) 
Salários dos deptos de apoio à produção R$ 200.000 
Despesas dos deptos de apoio à produção R$ 90.000 
Custos indiretos de fabricação R$ 150.000 
Salários e despesas adm. R$ 70.000 
Salários e despesas comerciais R$ 50.000 
 
 
OUTROS DADOS 
 
Comissões - 12% sobre o preço de venda 
Preço de venda r$ 1.700 por unid do produto (a) 
Quant. Produzida ( é igualmente vendida) 1.000 unid. 
 
6.1 CUSTO DO PRODUTO POR CUSTEAMENTO DIRETO/VARIÁVEL 
 
Ex: Considerando que na produção de um produto A qualquer, temos: 
 
Contabilidade Gerencial e de Custos
CUSTO VARIÁVEL 
 
Matéria \u2013 prima - 200 unidades x R$ 2,30------------------------------ = R$ 460,00 
Materiais auxiliares \u2013 0,10 unidades a R$ 360,00----------------------= R$ 36,00 
Mão de obra direta \u2013 4 horas a R$ 50,00 --------------------------------= R$ 200,00 
Comissões \u2013 12% de R$ 1.700 ( PVU- Preço de Venda Unitário) = R$ 204,00 
TOTAL DO CUSTO VARIÁVEL DO PRODUTO A ---------------------= R$ 900,00 
 
MARGEM DE LUCRO 
Preço de venda unitário do produto - PVU (a) ---- R$ 1.700----100,00 % 
Custo variável unitário -------------------------------- R$ 900---- 52,94 % 
Lucro variável por unidade ------------------------------R$ 800-----47,06% 
 
Considerações sobre esse método direto/variável: 
 
Observa-se que foram utilizados somente os custos diretos de fabricação e os custos variáveis, 
não foram inclusos nem custos fixos e nem custos indiretos. 
Observa-se ainda que o PVU que é um valor dado qualquer, foi de R$ 1.700 ( que 
corresponde aos 100% do produto) e que os custos diretos e os variáveis ( nesse caso representado 
pelas comissões de vendas) somaram um total de R$ 900 que corresponde a 52,09% sobre o preço 
de venda. E que a Lucro variável por unidade foi de R$ 800 , o que deixa uma grande margem de 
lucro para a empresa. 
 
OBS: Considerar sempre como se fosse o custo de produção de somente um produto. 
 
Na verdade esse custo não apresenta dificuldades de análise por incluir somente alguns custos 
de produção, o mesmo não é aceito pela legislação tributária brasileira por não incluir todos os 
custos necessários a uma produção. 
6.2 CUSTO DO PRODUTO PELO MÉTODO DE CUSTEIO POR ABSORÇÃO 
 
Na análise desse custeio observa-se a absorção de todos os custos existentes na fabricação do 
produto. Iremos separar em 03 grupos: CI que chamaremos de CUSTO INDUSTRIAL 
onde sua composição é somente de custos diretos de fabricação, OG que chamaremos de 
OUTROS GASTOS( que são os CIFS e os custos e despesas de apoio) e as DESPESAS 
OPERACIONAIS que chamaremos de DO ( que refere-se a todo e qualquer despesa que 
possa ser inclusa no processo produtivo.Não esquecendo que as despesas variáveis deverão 
agora compor esse grupo de produção). 
 
Curso a Distancia de Graduação em Administração
CUSTO INDUSTRIAL 
Matéria-prima \u2013 200 unidades x R$ 2,30------------------------------R$ 460,00 
Materiais auxiliares \u2013 0,10 unidades a R$ 360,00-------------------R$ 36,00 
Mão de obra direta \u2013 4 horas a R$ 50,00------------------------------R$ 200,00 
TOTAL DOS CI ( CUSTO INDUSTRIAL)------------------------------R$ 496,00
silvia
silvia fez um comentário
Gostei
0 aprovações
Leonardo
Leonardo fez um comentário
muito bom
0 aprovações
Carregar mais