Cap_4_Aula_Umidade
9 pág.

Cap_4_Aula_Umidade


DisciplinaIntrodução Às Ciências Atmosféricas68 materiais306 seguidores
Pré-visualização2 páginas
núcleos de 
condensação no ar (grandes núcleos 
higroscópicos), pode haver 
condensação no ar
névoa úmida
09/04/2012
8
Nevoeiro
\ufffd Se a umidade do ar aumentar e a 
quantidade de partículas líquidas 
aumentar a ponto de restringir a 
visibilidade a menos de 1 km \u2013
nevoeiro
Nevoeiro
\ufffd Sua estrutura não difere da de uma nuvem
\ufffd Diferença: 
\ufffd Lugar onde se formam
\ufffd Mecanismo de formação
\ufffd Nuvens 
\ufffd Resultado da ascensão do ar e do resfriamento 
adiabático.
\ufffd Nevoeiro 
\ufffd Resfriamento por contato ou mistura.
\ufffd Saturação do ar.
Nevoeiro de radiação
\ufffd Também chamados de nevoeiros terrestres 
ou de vales. São pouco extensos.
\ufffd Condições favoráveis: as mesmas do orvalho 
\u2013 noites longas, céu claro, brisa fraca (< 5 
nós). Costumam acontecer juntos.
\ufffd Nevoeiro \u201cse levanta\u201d com a chegada do sol 
\ufffd Mais comuns: final do outono e inverno
\ufffd Associados aos anticiclones
Nevoeiro de radiação
Nevoeiro de advecção
\ufffd Resultante do resfriamento que sofre 
uma massa de ar durante seu 
movimento horizontal
\ufffd Ar frio advectado sobre superfície quente 
do mar
\ufffd Ar úmido e quente advectado sobre 
superfície fria
Nevoeiro de advecção
\ufffd Ar úmido e quente advectado sobre 
superfície fria \u2013 mistura com o ar frio 
existente
\ufffd 4/5 dos nevoeiros marítimos
\ufffd Contrastes entre correntes oceânicas 
facilita sua formação
\ufffd Ventos de 6 a 24 Km/h ajudam sua 
formação.
09/04/2012
9
Nevoeiro de advecção Nevoeiro
\ufffd Quando respiramos em uma manhã fria 
de inverno, reproduzimos este efeito.
Umidade, condensação e nuvens
justi.meteoro@gmail.com