Dir Adiministrativo - 357 Exercicios
61 pág.

Dir Adiministrativo - 357 Exercicios


DisciplinaDireito Administrativo I66.768 materiais1.166.506 seguidores
Pré-visualização26 páginas
para a prática do ato administrativo fazem parte do mérito da ato e não podem ser apreciados judicialmente
a finalidade de interesse público a que visa o agente com a prática do ato administrativo pare sanar eventual vício de forma do ato ou de competência relativa do agente
o desatendimento ao interesse público pode ser invocado pelo Poder Judiciário para a anulação do ato administrativo.
16. A revogação de um ato administrativo discricionário pelo Poder Judiciário
pode ocorrer apenas em razão de vicio de forma
pode ocorrer apenas em razão de vicio de competência do agente.
pode ocorrer apenas em razão de ilegalidade do abjeta.
pode ocorrer apenas em razão de desvio de finalidade.
não pode ocorrer
17. É passível a alteração de um contrato administrativo, por
acordo das partes, para substituição do particular contratado
acorda das partes, para o acréscimo de 50% do valor contatado para prestação de serviços.
ato unilateral da Administração, para substituição da garantia de execução
ato unilateral da Administração, para a acréscimo de 50% do valor contratado para reforma de edifício
ato unilateral da Administração, para a supressão de 50% do valor contratado para compra.
18. Para licitações internacionais é admissível,
exclusivamente a modalidade concorrência.
além da modalidade concorrência, a tomada de preços, desde que o órgão licitante disponha de cadastro internacional de fornecedores, e o convite, desde que não haja fornecedor do bem ou serviço no Pais, respeitadas as faixas de valor legalmente previstas.
além da modalidade concorrência, apenas a tomada de preços, desde que se empregue o sistema de registro de preços, respeitadas as faixas de valor legalmente previstas.
além da modalidade concorrência, a tomada de preços, desde que se empregue o sistema de registro de preços, e o convite, desde que não haja fornecedor do bem ou serviço no País, respeitadas as faixas de valor legalmente previstas.
exclusivamente, a modalidade tomada de preços.
19. É direito constitucionalmente assegurado aos servidores públicos civis a
acumulação de aposentadorias, no regime de previdência de caráter contributivo, decorrentes dos cargos acumuláveis na forma da Constituição.
percepção de proventos integrais na hipótese de aposentadoria compulsória aos 70 anos de idade.
estabilidade após 3 anos contados de sua posse em cargo de provimento efetivo em virtude de concurso público.
percepção de subsídio, acrescido de eventuais abonos e gratificações previstos em lei.
disponibilidade, com remuneração proporcional ao tempo de serviço, na hipótese de perda do cargo em decorrência de processo de avaliação de desempenho.
20. É conseqüência necessária da aprovação em concurso público para ingresso no serviço pública em cargo de provimento efetivo
a nomeação do aprovado para o cargo em questão.
a aquisição de estabilidade pelo aprovado no prazo constitucionalmente previsto.
a não preterição do aprovado, segundo a ordem de classificação, no momento da nomeação.
a indenização do aprovado caso sua nomeação não ocorra no prazo constitucionalmente previsto.
o direito á futura aposentadoria segundo as regras constitucionais vigentes na época da aprovação.
GABARITO
01-C | 02-A | 03-B | 04-D | 05-A
06-A | 07-C | 08-B | 09-D | 10-B 
11-D | 12-E | 13-A | 14-C | 15-B
16-E | 17-D | 18-B | 19-A | 20-C
DIREITO ADMINISTRATIVO \u2013 SIMULADO 10
01. Quais as entidades da administração indireta que são sempre constituídas sem a obrigatoriedade de fins lucrativos?
Empresas concessionárias
Empresas públicas
Sociedades de economia mista
Empresas permissionárias
Fundações autárquicas
02. Configura hipótese de licitação inexigível a
contratação de instituição brasileira incumbida de pesquisa ou ensino
ocorrência de guerra
restauração de obra de arte e objetos históricos, de autenticidade comprovada
locação de imóvel com localização e instalação determinada como condicionante para o atendimento do interesse público
necessidade de a União intervir no domínio econômico para regular preços
03. A rescisão contratual
impede o exame de legalidade por parte do Poder Judiciário
nunca pode se dar por discricionariedade da Administração
configura direito subjetivo do contratado quando a Administração atrasa o pagamento por prazo superior a 30 (trinta) dias
exige sempre a homologação judicial
pode ser determinada por ato unilateral e escrito da Administração
04. A Administração apura infrações e aplica penalidades aos servidores públicos e demais pessoas sujeitas à disciplina administrativa, como os contratados, através do poder
hierárquico
disciplinar
de policia
de prestar contas
de tutela
05. Se o ato administrativo contiver o vício de ilegalidade ou de ilegitimidade ensejará a
reversão
revogação
retrocessao
anulação
rescisão
06. A extinção do ato administrativo em virtude do auto-controle dos atos praticados pelo Poder Executivo se dá por
legalidade, gerando efeitos retroativos
decisão judicial, sem gerar qualquer efeito
conveniência e oportunidade, gerando efeitos retroativos
decisão do Tribunal de Contas, gerando efeitos declaratórios imediatos
legalidade, gerando efeitos declaratórios imediatos
07. Um exemplo de ato de descentralização administrativa é
a delegação de tarefa do Controlador-Geral para seu substituto
a delegação do serviço de cadastro por Secretário para Departamento da Secretaria
a delegação legal do serviço de fiscalização do trânsito para a Empresa de Vigilância da Guarda Municipal
a delegação de tarefa do Prefeito para seus Secretários
o convênio para execução conjunta de serviço público de interesse do Estado e do Município.
08. A licitação pública realizada pela Administração, nos exatos termos do art. 3º da Lei nº 8.666/93, observa os princípios
da economicidade, da impessoalidade e do interesse pessoal
da economicidade, da legalidade e da continuidade do serviço público
da moralidade administrativa, da razoabilidade e da discricionariedade
da vinculação ao instrumento convocatório, da moralidade administrativa e do julgamento objetivo
da necessidade de contratação, da igualdade e da continuidade do serviço público
09. São modalidades de garantia previstas na Lei nº 8666/93:
a fiança bancária e a caução em títulos da dívida pública limitados a até 10% (dez por cento) na aquisição de gêneros alimentícios
a caução em títulos da dívida pública e o seguro-garantia, limitados a até 15% (quinze por cento) na aquisição de material de escritório
a caução em dinheiro e a fiança bancária, limitados a até 10% (dez por cento) para obras de construção de usina de lixo
o seguro-garantia e a fiança bancária, limitados a até 50% (cinquenta por cento) na aquisição de material de informática
a fiança bancária e a caução em títulos da dívida pública limitados a até 20% (vinte por cento) na prestação de serviços de limpeza
10. A presunção de veracidade e legitimidade dos atos administrativos acarreta
que apenas o Judiciário, após produção de prova em contrário, poderá decretar a invalidade do ato administrativo
a celeridade no cumprimento das leis
que, nem com a produção de prova em contrário, poderá ser decretada a invalidade do ato administrativo
que não poderão ser questionados os aspectos legais do ato administrativo
a impessoalidade e a informalidade dos procedimentos administrativos
11. Em relação às sociedades de economia mista, pode-se dizer:
I) são pessoas jurídicas de direito privado, com participação do Poder Público e de particulares no seu capital e na sua administração;
II) quando utilizadas para explorar atividades econô micas, devem operar sob as mesmas normas aplicáveis às empresas privadas, inclusive quanto às obrigações trabalhistas e tributárias;
III) o seu pessoal não está sujeito à proibição constitucional de acumulação de cargos, empregos ou funções.
Quanto às afirmativas acima,
apenas I e II são corretas.
apenas I e III são corretas.
apenas II e III são corretas.
todas são corretas.
12. A edição, pelo Chefe