A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
179 pág.
Apostila-Contabilidade-nocoes-basicas

Pré-visualização | Página 15 de 45

inicial do exercício seguinte. Tal procedimento provocou no resultado 
(positivo) dos dois exercícios: 
 
 a. Aumento do lucro do primeiro exercício e redução do lucro do segundo 
 b. Redução do lucro do primeiro exercício e acréscimo do lucro do segundo 
 c. Aumento do lucro dos dois exercícios 
 d. Redução do lucro dos dois exercícios 
 e. Redução do lucro e do custo das mercadorias vendidas do primeiro exercício 
 
16. (AFCE/TCU/93) A Empresa XY adota o sistema de inventário permanente. No primeiro mês efetuou as 
seguintes transações: 
 
 a. comprou 500 unidades da mercadoria X, a vista (alíquota do ICMS 17%), por $ 100.000,00; 
 b. vendeu a vista 400 unidades, com lucro de 60%/unidade (alíquota d ICMS: 17%). 
 
 Efetuados os registros contábeis correspondentes a essas transações, inclusive os relativos ao ICMS, veri-
ficaram-se seguintes saldos nas contas Estoque ICMS a Recolher (líquido a pagar), respectivamente: 
 
 a. $ 20.000,00 e $ 21.760,00 
 b. $ 100.000,00 e $ 1.060,80 
 c. $ 20.000,00 e $ 18.060,00 
 d. $ 16.600,00 e $ 1.060,80 
 e. $ 16.600,00 e $ 4.760,00 
 
17. (ESAF/MPU/93) O saldo da conta Mercadorias, utilizada pare registro dos estoques, das entradas e das 
saídas de mercadorias, apresentava-se credor, no valor de 430. 
 
! 
 
 
 Sabendo-se que o inventário indica a existência de estoques de 270, pode-se afirmar que o Resultado com 
Mercadorias foi de: 
 
 a. 160 de lucro 
 b. 160 de prejuízo 
 c. 270 de lucro 
 d. 430 de prejuízo 
 e. 700 de lucro 
 
18. (ESAF/TTN/94) O Razão da conta Mercadorias, contabilizada no método conta mista, apresentava 450 na 
coluna Débito e 325 na coluna Crédito. Sabendo-se que o valor das mercadorias existentes no final do pe-
ríodo é 235, é correto afirmar que o lucro obtido nas vendas foi de: 
 
 a. 235 
 b. 215 
 c. 110 
 d. 125 
 e. 360 
 
 
 
19. (ESAF) Uma empresa vinha usando ate o exercício social de 1987 o sistema de avaliação de estoques 
denominado PEPS. No encerramento do exercício social de 1988, passou a usar o sistema denominado 
UEPS. Considerando que no exercício de 1988 foram registrados altos índices inflacionários, a empresa in-
formou que a alteração introduzida teve a seguinte repercussão contábil: 
 
 a. Reduziu o Lucro Liquido do Exercício 
 b. Reduziu o Custo das Mercadorias Vendidas 
 c. Reduziu o valor do ICMS a recolher 
 d. Aumentou o valor do estoque final de mercadorias 
 e. Aumentou o valor do estoque inicial de mercadorias 
 
20. (ESAF) Num regime de economia inflacionaria, o Custo das Mercadorias Vendidas será menor, se usado, 
pare avaliação do estoque final de mercadorias, o sistema denominado: 
 
 a. PEPS 
 b. UEPS 
 c. Média ponderada móvel 
 d. Valor de mercado 
 e. Valor corrente 
 
21. (ESAF/AFTN/94) Considere os dados abaixo de uma empresa comercial varejista: 
 
 Vendas - 4.000 unidades a $ 15 cada 60.000 
 ICMS - 18% s/ vendas 10.800 
 Compras - 3.600 unidades a $ 10 cada 36.000 
 ICMS s. compras - 18% 6.400 
 IPI s/compras - 4% 1.440 
 Frete e seguros s/compras 2.240 
 Estoque inicial - 800 unidades a $ 8,00 6.400 
 Lucro bruto 13.200 
 
 O valor do estoque final é de: 
 
 
! 
 
 (Obs.: Abandone, a partir da 3ª casa) 
 
 a. 3.018,18 
 b. 3.265,45 
 c. 3.600,00 
 d. 3.854,54 
 e. 4.058,18 
 
22. (ESAF/AFTN/94) Na movimentação de mercadorias controladas por ficha de estoque, podemos afirmar 
corretamente que: 
 
 a. o estoque final tem o valor das compras menos o valor das vendas 
 
 b. o estoque final avaliado a preço médio é menor que o mesmo estoque avaliado a UEPS, num período 
de preços crescentes (inflacionário) 
 
 c. o estoque avaliado a preço médio é maior que o mesmo estoque avaliado a PEPS, num período de 
preços crescentes (inflacionário) 
 
 d. o estoque final avaliado a PEPS tem o valor das últimas entradas 
 
 e. o estoque final avaliado a UEPS tem o valor das últimas entradas 
 
 
 
23. (ESAF/AFTN/94) Considere os seguintes dados: 
 
 Data Histórico Quantidade Valor 
 
 28-02-94 Estoque 200 1.200 
 05-03-94 Requisição 231 50 
 10-03-94 Requisição 234 120 
 15-03-94 Compra 300 2.460 
 20-03-94 Compra 200 2.130 
 25-03-94 Requisição 240 130 
 30-03-94 Requisição 242 100 
 31-03-94 Estoque 
 
 O estoque final, em 31-03-94, é de: 
 
 a. 2.700 e 300 unidades, se avaliado pelo método de custo médio ponderado 
 b. 2.020 e 300 unidades, se avaliado pelo método PEPS 
 c. 2.700 e 300 unidades, se avaliado pelo método PEPS 
 d. 2.950 e 300 unidades, se avaliado pelo método do custo médio ponderado 
 e. 2.700 e 300 unidades, se avaliado pelo método UEPS 
 
Para responder as questões de no 24 e 25, observe o seguinte: A Industria Brasília adquiriu, em 01-04-83, 
matérias-primas para serem utilizadas na industrialização de seus produtos. 
 
 Informações Adicionais 
 
 a. Dados da nota fiscal de aquisição: 
 
 Valor das matérias-primas 2.000 
 Valor do IPI 200 
 
! 
 
 Valor do ICMS destacado na nota 340 
 
 b. A empresa pagou de frete das matérias-primas até o seu estabelecimento 240 
 c. No mês de abril/83 a empresa utilizou 40% dessas matérias-primas na fabricação de seus produtos. 
 
24. (ESAF) Sabendo-se que, dos tributos referidos, apenas o ICMS e recuperável pare a empresa, assinale a 
alternativa que contem o valor das matérias-primas adquiridas e utilizadas em abril/83 a ser apropriado 
nesse mesmo mês aos custos de produção. 
 
 a. 664 d. 976 
 b. 760 e. 1112 
 c. 840 
 
25. (ESAF) Supondo-se a inexistência de estoque inicial de matérias-primas e de produtos em 01-04-83 e que 
nesse mesmo mês de abril83 a empresa vendeu 50% dos produtos fabricados, assinale a alternativa que 
contem parcela do custo dos produtos vendidos relativos as matérias-primas utilizadas: 
 
 a. 1.050 
 b. 830 
 c. 556 
 d. 448 
 e. 420 
 
 
26. (ESAF/AFTN/89) Ao contabilizar a devolução de 100 unidades de um lote de 1.000 camisas adquiridas de 
um fornecedor local, para revenda, a Cia. Comercial Camiseiro do Norte fez, em 23-08-89, um credito de 
300 na conta ICMS a Recolher. 
 
 Tendo sido de 10% (dez por cento) a alíquota do ICMS incidente na aquisição, o valor do débito inicial feito 
na conta Compras, com utilização de partida de 3a (terceira) formula, montou em: 
 
 a. 30.000 
 b. 27.000 
 c. 27.300 
 d. 2.700 
 e. 3.000 
 
 
27. (ESAF/TTN/92) Uma empresa contribuinte do ICMS, não contribuinte do IPI, deve registrar como custo das 
mercadorias adquiridas pare venda, quando cobrados esses dois impostos: 
 
 a. Incluindo o IPI e excluindo o ICM 
 b. Incluindo o ICMS e excluindo o lPI 
 c. Incluindo o ICMS e o IPI 
 d. Excluindo o ICMS e o IPI 
 e. Excluindo o ICMS e o IPI, mas incluindo o ICMS relativo a revenda 
 
 
28. (ESAF/AFC/92) Comercial Ltda. adquiriu de Atacada Souza S.A., pare revenda, mercadoria das no valor 
de 300 para pagamento em 30 dias. O vendedor entregou as mercadorias emitiu a Nota Fiscal/Fatura n 
12.345, na qual destacou o ICMS no valor de 51. A transação ocorreu dentro do mesmo Estado e a alíquo-
ta do ICMS e de 17%. Não houve despesas de frete e seguro. 
 
 O comprador, ao receber as mercadorias, efetuou o respectivo lançamento contábil (data e histórico são 
desnecessários para o presente fim). Identifique o correto: 
 
! 
 
 
 a. Fornecedores 300 
 a Mercadorias 249 
 a ICMS a Recuperar 51 
 
 b. Fornecedores 351 
 a Mercadorias 300 
 a ICMS a Recuperar 51 
 
 c. Mercadorias 249 
 ICMS a Recuperar 51 
 a Fornecedores 300 
 
 d. Mercadorias 300 
 ICMS a Recuperar 51