A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
40 pág.
AULA 1 - Sistemas de gestão integrada

Pré-visualização | Página 6 de 7

único sistema,
consolida os sistemas de MRP, compras, serviços, financeiro, contábil, produção, gestão de
pessoas, gestão de materiais, CRM, entre outros.
 
Imagem: Eduardo Trindade
 ERP - Planejamento de recursos empresariais
O ERP auxilia, portanto, os gestores das organizações a melhorar os processos da
organização e integrar as atividades de diferentes setores. Com a centralização das
informações em um único banco de dados, o compartilhamento de dados essenciais se torna
mais ágil e seguro, facilitando a gestão e a tomada de decisões.
As principais vantagens de implantação do ERP são:
GESTÃO INTEGRADA DE TODOS OS PROCESSOS
O ERP é capaz de integrar e controlar todos os processos e atividades, de todos os setores da
organização, consolidando as informações, diminuindo o tempo de execução das atividades e
garantindo uma gestão eficiente.
TRANSPARÊNCIA E GESTÃO
O ERP concentra em tempo real as informações em um único banco de dados, garante a
integridade dos dados e permite auditoria nos lançamentos e acessos.
MITIGA OS ERROS
Reduz a quantidade de erros e desvios ao controlar os lançamentos, além de bloquear a
duplicidade de lançamentos, garantindo a confiabilidade e a integridade das atividades.
SEGURANÇA DE DADOS
Informações possuem grande valor para as empresas, além de auxiliarem na tomada de
decisões. O ERP concentra os dados em segurança e controla os acessos às informações por
perfil de grupo ou usuário.
AUTOMAÇÃO
O ERP é capaz de automatizar atividades do cotidiano empresarial de forma rápida e eficiente,
mitigando erros humanos e reduzindo custos.
AUMENTO DA COMPETITIVIDADE
O ERP proporciona uma gestão eficiente, dando visibilidade aos gestores, reduzindo custos e
aumentando a produtividade, ampliando as possibilidades e a competitividade.
REDUÇÃO DE CUSTOS
Um sistema integrado de gestão, por ser um só, possui custos de implantação e manutenção
inferiores, quando comparado aos custos de vários softwares, um para cada setor ou
segmento.
A Gartner Group utiliza uma nova nomenclatura para tratar o ERP após sua evolução, que
permitiu a integração do comércio colaborativo. Eles acreditam que o ERP II se tornará
indispensável para as organizações se manterem competitivas no futuro próximo. A integração
do comércio colaborativo possibilita aos parceiros de negócio de diversas empresas
compartilharem informações entre si, principalmente advindos do comércio eletrônico.
Com bases nessas informações compartilhadas, o comércio colaborativo consegue
desenvolver e ofertar novos produtos, alinhados com as demandas provenientes das
tendências de mercado. Essas informações, colhidas por meio de buscas e compras nos
marketplaces, incentivam novas parcerias comerciais.
 
Imagem: Marcelo dos Santos Machado
 ERP 2
Os avanços tecnológicos seguem um crescimento vertiginoso nos últimos anos, e acredita-se
que até 2030 estaremos em outro patamar. As organizações, principalmente as indústrias,
estão avançando na aquisição e na utilização de robôs, Internet das Coisas (IoT), automação,
além de outras novidades tecnológicas que serão realidade em nosso cotidiano.
EDGE COMPUTING
O edge computing ou computação de borda disponibiliza o processamento de dados em um
local próximo ao usuário ou na nuvem. Permite mais agilidade e desempenho no envio e
recebimento de informações em tempo real, possibilitando o uso de outras inovações, como
IoT e realidade aumentada.
IOT (INTERNET OF THINGS)
A Internet das Coisas (IoT) permite integrar vários dispositivos eletrônicos por uma conexão de
rede (geralmente sem fios), possibilitando ao usuário interagir com os aparelhos inteligentes.
AUTOMAÇÃO DE PROCESSOS (RPA)
Funciona com a configuração de ações automatizadas de realização de tarefas conforme os
parâmetros estabelecidos. A automação de processos é muito utilizada no uso de web robôs
(bots) para interação com usuários nas plataformas na internet.
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL
É a capacidade de sistemas simularem capacidades da inteligência humana, como análise de
ambiente, raciocínio e tomada de decisões. Seu uso pelas organizações vem crescendo na
otimização de etapas e na análise de informações.
MACHINE LEARNING
Utilizando inteligência artificial, os sistemas conseguem analisar os dados obtidos pelo uso dos
sistemas computacionais e, com isso, podem prever e lidar com diferentes situações. É a
máquina aprendendo com o histórico de informações.
5G
Utilizando uma frequência que permite a transmissão de uma quantidade maior de dados, o 5G
(ou quinta geração) foi homologado para uso no Brasil em 2020. Acredita-se que, até 2026,
86% do território brasileiro terá cobertura 5G, possibilitando a troca de informações mais veloz
e potente.
REALIDADE AUMENTADA (AR) E IMERSÕES
A AR é uma tecnologia que permite integrar elementos virtuais a visualizações do mundo real,
por meio de uma câmera e de sensores de movimento. Uma tendência é o uso dessa
tecnologia em imersão nos programas de treinamentos, o que melhora a experiência de
aprendizagem dos usuários.
ASSISTENTES DIGITAIS
Com o uso de inteligência artificial, os assistentes digitais são sistemas que simulam uma
interface de relacionamento com os usuários, executando ações de interação do usuário com a
internet e com seus equipamentos de IoT. É possível, por exemplo, buscar informações sobre o
clima ou indicações de restaurantes e controlar qualquer item com IoT, como acender luzes e
ligar eletrodomésticos. Grandes players como Google (Google), Amazon (Alexa) e Apple (Siri)
disponibilizam assistentes digitais para seus usuários.
ERP E MRP
Neste vídeo, será apresentado um resumo sobre a evolução do ERP e do MRP, recordaremos
as vantagens e desvantagens de integração entre sistemas, conheceremos o ERP e os
sistemas integrados de gestão empresarial e finalizaremos descrevendo as novas tecnologias
e tendências futuras.
VERIFICANDO O APRENDIZADO
1. SOBRE O ERP, MARQUE A ALTERNATIVA CORRETA:
A) O ERP originou-se nos anos 1960 pela necessidade de gestão dos processos fabris.
B) O ERP não integra o MRP por executarem controles sobre áreas distintas da indústria.
C) O ERP é um sistema de informação completo, composto pela integração de outros sistemas
de gestão empresarial, de diversos setores e áreas.
D) O ERP se adequa em sua totalidade aos processos das organizações.
E) O ERP utiliza bancos de dados descentralizados para otimizar o processamento.
2. COM BASE NO QUE APRENDEMOS SOBRE AS NOVAS TECNOLOGIAS
E TENDÊNCIAS FUTURAS, MARQUE A ALTERNATIVA INCORRETA:
A) Apesar de fazerem parte do dia a dia das pessoas, assistentes virtuais não possuem
atributos que contribuam para as empresas.
B) A automação de processos é muito utilizada no uso de web robôs (bots) para interação com
usuários nas plataformas na internet.
C) A Internet das Coisas (IoT) permite integrar vários dispositivos eletrônicos por meio de uma
conexão de rede (geralmente sem fios), permitindo ao usuário interagir com os aparelhos
inteligentes.
D) Uma das tendências é a adoção da realidade aumentada nos programas de treinamentos, o
que melhora a experiência de aprendizagem dos usuários.
E) A integração do comércio colaborativo possibilita aos parceiros de negócio de diversas
empresas compartilharem informações entre si, principalmente advindos do comércio
eletrônico.
GABARITO
1. Sobre o ERP, marque a alternativa correta:
A alternativa "C " está correta.
 
O ERP consolida MRP, compras, serviços, financeiro, contábil, produção, gestão de pessoas,
gestão de materiais, CRM, entre outros. Abrange, assim, todos os processos.
2. Com base no que aprendemos sobre as novas tecnologias e tendências futuras,
marque a alternativa incorreta:
A alternativa "A " está correta.
 
Assistentes virtuais são importantes para coleta de dados e interação das empresas com o
consumidor final.
CONCLUSÃO
CONSIDERAÇÕES FINAIS
Neste conteúdo, estudamos conceitos importantes sobre o compartilhamento de informações,
os perigos dos sistemas

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.