Buscar

Cláusula Penal

Prévia do material em texto

1
Verônica Tamara R .Souza
Cláusula Penal
▶ Art 408.
▶ Pré fixação da indenização.
▶ Origem no latim “stipulation puena”, é uma
fixação contratual facultativa e escrita de uma
indenização que será imposta àquele em uma
obrigação contratual que decompirir no todo ou em
parte a obrigação assumida ou retarde o
cumprimento desta.
▶ Estipulação/contrato acessório, pode ou não
estar presente, serve como uma imposição maior
para a satisfação de uma certa prestação firmada na
obrigação.
▶ Multa= Cláusula Penal.
▶ Natureza Jurídica: Acessória a obrigação
principal (o valor da indenização não poderá em
nenhuma hipótese ser maior do que o valor da
obrigação-art 412).
▶ Cláusula Penal deve ser Escrita.
▶ Quanto à comprovação de culpa: Não basta
apenas a constatação da mora ou descumprimento,
mas necessário que este inadimplemento tenha sido
CULPOSO (caso fortuito e força maior não incide
cláusula penal). (art 416)
RE����IT�� ��RA ����IB����AD� .
.
▶ Existência de uma obrigação principal, que deverá
ser anterior ao fato que motivou a indenização
▶ Inexecução total da obrigação, a obrigação então
deverá ter sido descumprida para que a indenização
possa ser aplicada.
➖ Mora: Atraso no pagamento
.
EF���O� D� ��ÁUS��� �EN�� .
.
▶ Possível que seja estabelecida na espécie
compensatória ou moratória.
▶ Cláusula em compensação do descumprimento da
obrigação é possível ao credor escolher as
alternativas, excluindo assim as outras.
▶ Alternativas:
➖ Exigir a quantia da indenização
compensatória
➖ Pleitear perdas e danos, tendo o ônus de
provar os danos sofridos pelo art. 389
➖ Exigir o cumprimento da obrigação que foi
contratada entre as partes
▶ Cláusula penal do tipo COMPENSATÓRIA:
O
devedor deverá compensar a parte pelo
inadimplemento sofrido , o credor vai poder exigir a
quantia da indenização, pleitear perdas e danos e
exigir o adimplemento da obrigação que foi
contratada entre as partes. (o credor pode ou não
ter mais interesse no cumprimento da obrigação)
▶ Cláusula Penal MORATÓRIA: Atraso no
cumprimento da obrigação principal, logo
reputa-se como inadimplente. O credor tem o
direito de demandar a indenização oratória e exigir
o cumprimento da obrigação, o adimplimento.

Outros materiais

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Perguntas Recentes