A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
10 pág.
Teste seu conhecimento! 9 - Economia Aberta_ O Modelo Mundell Fleming

Pré-visualização | Página 1 de 2

 (Buscar cursos)Buscar cursos
Iniciado em Saturday, 20 Nov 2021, 10:57
Estado Finalizada
Concluída em Saturday, 20 Nov 2021, 11:02
Tempo empregado 5 minutos 11 segundos
Avaliar 10,00 de um máximo de 10,00(100%)
Comentários Parabéns! Você foi muito bem! 
https://moodle.ufrgs.br/
Questão 1
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Questão 2
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Complete as lacunas:
Em relação aos efeitos da política fiscal em uma economia aberta com cambio flutuante, pode-se afirmar que ocorre deslocamento
da curva enquanto que a curva não apresenta deslocamento 
Sua resposta está correta.
Para responder a essa questão leia o capítulo 20 do Blanchard e reflita sobre os seguintes aspectos:
 
1 e 2) Política fiscal expansionista desloca qual curva? O ponto é que o fato da economia ter plena mobilidade de capitais não
afeta a questão específica. 
 
Em relação aos componentes da curva IS pode-se afirmar que
Uma apreciação cambial da moeda doméstica afeta negativamente 
O aumento da taxa de juros afeta negativamente 
O aumento da renda disponível aumenta 
Sua resposta está correta.
Retoma-se nessa questão os aspectos específicos da IS mas agora para o caso da economia aberta. 
IS LM
as exportações líquidas
o investimento
o consumo
Questão 3
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Em relação aos efeitos da política fiscal expansionista em uma economia aberta com câmbio flutuante, pode-se afirmar que:
O efeito sobre a taxa de juros é 
O efeito sobre o consumo é 
O efeito sobre o investimento é 
O efeito sobre as exportações líquidas é 
Sua resposta está correta.
Para responder a essa questão leia o capítulo 20 do Blanchard.
 
Primeiro aspecto a ser levado em conta é que o Modelo Mundell Fleming supõe economia com plena mobilidade de capitais. A
partir disso reflita
 
1) Política fiscal expansionista desloca qual curva? Ela encontra o equilíbrio inicial em qual curva? Isso resulta em déficit ou
superávit do BP e qual o impacto disso na pressão sobre o câmbio e como isso afetará a curva BP e a IS? Qual o impacto sobre a
renda final e desta, enfim, para o consumo?
2) Mantendo os aspectos iniciais em 1), qual é o impacto na taxa de juros e renda e como isso afeta o investimento?
3) Mantendo os aspectos iniciais em 1), qual é o impacto na taxa de juros?
4) Política fiscal expansionista desloca qual curva? Ela encontra o equilíbrio inicial em qual curva? Isso resulta em déficit ou
superávit do BP e qual o impacto disso na pressão sobre o câmbio, como isso afetará as exportações líquidas?
positivo
positivo
ambiguo
negativo
Questão 4
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Complete a assertiva abaixo:
No caso brasileiro, uma apreciação cambial implica em que agora são necessários reais para comprar uma
unidade de dólar. Nesse caso ocorre das importações e das exportações, acarretando 
 das exportações líquidas
Sua resposta está correta.
Veja no capítulo 20 de Blanchard:
1) a definição de taxa de câmbio e a relação entre as moedas;
2) como o movimento da taxa de câmbio impacta às importações; 
3) como o movimento da taxa de câmbio impacta às exportações; 
4) o significado das exportações líquidos. 
menos
aumento queda
queda
Questão 5
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Em uma economia aberta com câmbio flutuante pode-se afirmar que uma política monetária contracionista provoca 
 da taxa de câmbio, enquanto que uma política monetária expansionista gera da taxa
de câmbio.
Sua resposta está correta.
Para responder a essa questão leia o capítulo 20 do Blanchard e reflita sobre os seguintes aspectos:
 
Primeiro aspecto a ser levado em conta é que o Modelo Mundell Fleming supõe economia com plena mobilidade de capitais. A
partir disso reflita
 
1) Política fiscal contracionista desloca qual curva em qual direção? Ela encontra o equilíbrio inicial em qual curva? A economia
estará em déficit ou superávit? Como isso afeta a taxa de câmbio?
 2 ) Política monetária expansionista desloca qual curva em qual direção? Ela encontra o equilíbrio inicial em qual curva? A
economia estará em déficit ou superávit? Como isso afeta a taxa de câmbio?
apreciação depreciação
Questão 6
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Complete a sentença:
No regime de cambio fixo, uma política fiscal expansionista acarreta, inicialmente uma tendência de da taxa
de juros. Entretanto esta tendência é compensada por da oferta de moedas com vistas a 
 da taxa de câmbio
Sua resposta está correta.
Para responder a essa questão leia o capítulo 20 do Blanchard e reflita sobre os seguintes aspectos:
Primeiro aspecto a ser levado em conta é que o Modelo Mundell Fleming supõe economia com plena mobilidade de capitais. A
partir disso reflita
1) Política fiscal expansionista desloca qual curva? Ela encontra o equilíbrio inicial em qual curva e como isso afeta os juros?
2 e 3) Isso resulta em déficit ou superávit do BP e qual o impacto disso na pressão sobre o câmbio e como a política monetária
reage para manter o câmbio fixo.
aumento
aumento estabilização
Questão 7
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Com base nas premissas do modelo Mundell Fleming e para uma economia com câmbio flutuante, assinale Verdadeiro ou Falso:
Um política monetária expansionista provoca elevação da taxa de juros 
O mecanismo pelo qual a política monetária atua sobre a taxa de câmbio é através da taxa de juros 
Uma política monetária contracionista provoca apreciação da moeda doméstica 
Sua resposta está correta.
Para responder a essa questão leia o capítulo 20 do Blanchard.
 
Primeiro aspecto a ser levado em conta é que o Modelo Mundell Fleming supõe economia com plena mobilidade de capitais. A
partir disso reflita:
 
1) O ajuste do câmbio pode fazer com que uma política monetária venha a elevar a taxa de juros?
2) Em economia com plena mobilidade, qual é o fator determinante para que o BP seja deficitário ou superavitário?
3) Política monetária expansionista desloca qual curva? Ela encontra o equilíbrio inicial em qual curva e como isso resulta em
déficit ou superávit do BP e qual o impacto disso na pressão sobre o câmbio?
Falso
Verdadeiro
Verdadeiro
Questão 8
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Dada a condição da paridade da taxa de juros é possível afirmar que uma queda da taxa de juros provoca 
da moeda doméstica. Já uma queda da taxa de juros externa provoca da moeda doméstica. No caso de um
aumento na taxa de câmbio esperada ocorre da moeda doméstica
Sua resposta está correta.
Para responder a essa questão leia o capítulo 20 do Blanchard e reflita sobre os seguintes aspectos:
1) significado da paridade da taxa de juros (qual a a relação entre a taxa de juros doméstica e internacional?) e qual o impacto na
taxa de câmbio de uma queda na taxa de juros doméstica. 
2) significado da paridade da taxa de juros e qual o impacto na taxa de câmbio de uma queda na taxa de juros doméstica;
3) paridade da taxa de juros não envolve apenas os juros em si, qual o impacto na moeda doméstica de uma elevação da taxa de
câmbio esperada?
depreciação
apreciação
apreciação
Questão 9
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
A partir das premissas do Modelo Mundell Fleming, assinale Verdadeiro ou Falso para as questões abaixo:
No regime de câmbio fixo, os efeitos sobre o produto de uma política fiscal expansionistas tendem a ser
maiores do que no regime de câmbio flutuante.
No caso de câmbio fixo, a política monetária possui autonomia para impactar no nível de renda. 
 
Na situação de câmbio fixo a condição da paridade da taxa de juros implica que, supondo os demais aspectos
como nulos, as taxas de juros domésticas devam ser iguais as taxas de juros internacionais.
Sua resposta está correta.
Para avaliar essas questões leia o capítulo 20 do Blanchard e reflita sobre os seguintes aspectos:
 
Primeiro aspecto a ser levado em conta é que o Modelo Mundell Fleming supõe economia com plena mobilidade de capitais. A
partir disso reflita
 
1 e 2) É possível manter uma taxa de juros diferente da internacional com câmbio fixo?
 
 3)Política fiscal expansionista

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.