99
16 pág.

99


DisciplinaContabilidade e Mercado de Trabalho2.098 materiais7.699 seguidores
Pré-visualização7 páginas
São Paulo: Atlas, 1991. 
LAURINDO, Marco. Marketing Pessoal e o novo comportamento profissional. 2. ed.São 
Paulo: Altanta, 2001. 
KOTLER, Philip. Marketing de A a Z: 80 conceitos que todo o profissional precisa saber: 
tradução de Afonso Celso Cunha Serra. Rio de Janeiro: Campos, 2003. 
KOTLER, Philip; HAYES, Tom; BLOMM Paul. Marketing de serviços profissionais: 
estratégicas inovadoras para impulsionar sua atividade, sua imagem e seus lucros: 
tradução Eduardo Lasserre. 2.ed. São Paulo: Manole, 2002. 
MOREIRA, Julio César Tavares; PASQUALE, Perrotti Pietrangelo; DUBNER, Alan Gilbert. 
Dicionário de Termos de Marketing. Definições, conceitos e palavras-chaves de 
Marketing, propaganda, pesquisa, comercialização, comunicação e outras áreas 
correlatas a estas atividades. 3.ed. São Paulo: Atlas, 1999. 
 
 
 
16
 
NASSUTTI, Colette P. Four Case studies in Marketing \u2013 CPAs share solutions to 
common practice development problems. Journal of accountancy, August 1994. pp. 51-56. 
O´DONOHOE, S; DIAMANTOPOULOS A; PETERSEN N. Marketing principles and 
pratice in the accounting profession: A review. European Journal of Marketing. Vol. 25. nº 
6, 1991, pp. 37-54. 
ROXAS, Maria; PEEK, Lucia; PEEK, George; HAGEMANN, Thorsten. A preliminary 
evaluation of professional accounting services: direct Marketing on the Internet. Journal 
of Services Marketing, Vol. 14. no. 7, 2000, pp. 595-606. 
SCARPIN, Maria Aparecida; SCARPIN, Jorge Eduardo; CALIJURI, Mônica Sionara. S. 
Marketing: Um instrumento para a valorização Profissional. In: XVI CONGRESSO 
BRASILEIRO CONTABILIDADE - 9, 2000, Goiânia. GO. Anais Goiânia, 2002 CD-ROM. 
WOLOSKY, Howard W. Marketing of financial planning services has some special 
wrinkles. Practical Accountant, December 2000, vol. 33. 
 
1 Os órgãos regulamentadores consultados durante a pesquisa foram o Sindicato das Empresas de Serviços 
Contábeis de São Paulo \u2013 SESCON-SP, e o Conselho Regional de Contabilidade de São Paulo- CRC-SP, além 
de órgãos de classe dos Estados do Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Santa Catarina. 
2 Este posicionamento indica uma das razões pelas quais alguns escritórios de Contabilidade se especializaram 
no atendimento a determinados setores de atividade. 
3 Durante a realização da pesquisa para a elaboração deste artigo, não foram encontrados outros trabalhos em 
língua portuguesa que abordassem o uso do Marketing pelos escritórios de Contabilidade. 
4 Além dos resultados da pesquisa mencionada, é possível observar que grandes organizações, como a 
Telecomunicações de São Paulo \u2013 TELESP, e a rede de lojas franqueadas da Pizza Hut em São Paulo, decidiram 
terceirizar seus serviços contábeis. Tal fato abre novas oportunidades para escritórios de Contabilidade que 
estiverem preparados para atender tal demanda. 
5 Além destes fatores intangíveis, já é possível encontrar no mercado sistemas de gerenciamento de escritórios de 
Contabilidade, que oferecem relevante contribuição com dados quantitativos e financeiros que auxiliam na 
definição dos preços a serem cobrados pelos serviços ofertados. 
6 A logística envolve os meios de transporte, uso de malotes, datas e horários de retirada de documentos e 
entrega de relatórios. 
7 Mais informações sobre o programa \u201cContabilizando o Sucesso\u201d podem ser obtidas no site www.cfc.org.br 
8 Atualmente, a tecnologia ASP \u2013 Advanced Services Provider, aliada à disponibilidade de equipamentos 
(hardware), às facilidades telefônicas e de telecomunicações, permite que alguns escritórios de Contabilidade 
prestem serviços aos clientes, executando grande parte da logística de envio de informações, processamento e 
remessa de relatórios pela Internet. Este aspecto também enseja a realização de pesquisa futuras.