AV2FunddoDireito
5 pág.

AV2FunddoDireito


DisciplinaIntrodução ao Direito I87.562 materiais508.572 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Avaliação:
	AV2-2012.3EAD-FUNDAMENTOS DE DIREITO-GST0593
	Disciplina:
	GST0593 - FUNDAMENTOS DE DIREITO
	Tipo de Avaliação:
	AV2
	Aluno:
	
	Nota da Prova:
	5
	Nota do Trabalho:     
	Nota da Participação:      2
	Total: 
	7
	Prova On-Line
	
Questão: 1 (199904) 
Assinale a alternativa correta. É vedado à União, aos Estados e aos Municípios exigir ou aumentar tributos sem lei que o estabeleça. Que princípio constitucional tributário é este?
  Pontos da Questão: 1
	 Princípio da Proporcionalidade.
	 Princípio da Oficialidade.
	 Princípio da Legalidade. 
	 Princípio da Anterioridade.
	 Princípio da Anualidade.
	
Questão: 2 (199670) 
Ao processo administrativo pelo qual a Administração Pública seleciona a proposta mais vantajosa dentre as oferecidas, segundo critérios objetivos, dá-se o nome de:  Pontos da Questão: 0,5
	 Contratos Administrativos.
	 PAD ¿ Processo Administrativo Disciplinar.
	 Atos Administrativos.
	 PAF ¿ Processo Administrativo Fiscal.
	 Licitação. 
	
Questão: 3 (189320) 
Acerca do instituto do \u201cDano\u201d, leia e responda \u2013 A conduta praticada deve gerar um dano. O dano pode ser material ou moral. O dano material se divide em dano emergente e lucro cessante. Sendo assim está correta a assertiva:  Pontos da Questão: 0,5
	 O dano emergente representa o dano que emerge, ou seja, o dano que ocasionalmente surgiu da conduta. O lucro cessante representa o que provavelmente deixou de receber em virtude da conduta.
	 O lucro cessante representa o dano que emerge, ou seja, o dano que surge da conduta. O dano emergente representa o que provavelmente deixou de receber em virtude da conduta.
	 O dano emergente não necessariamente representa o dano que emerge, ou seja, o dano que surge da conduta. O lucro cessante representa o que provavelmente deixou de receber em virtude da conduta.
	 O dano emergente representa o dano que emerge, ou seja, o dano que surge da conduta. O lucro cessante representa o que provavelmente deixou de receber em virtude da conduta. 
	 O dano emergente representa o dano que emerge, ou seja, o dano que surge da conduta. O lucro cessante representa o que provavelmente deixou de receber em virtude da conduta que a própria vítma causou.
	
Questão: 4 (189311) 
Além dos sujeitos, a relação jurídica é composta pelo seguinte:  Pontos da Questão: 0,5
	 O objeto é o suposto direito tutelado pelo ordenamento jurídico. O vínculo é o meio pelo qual se materializa o direito. E a prestação que representa o mecanismo pelo qual o direito será realizado.
	 O objeto é o direito tutelado pelo ordenamento jurídico. O vínculo é o meio pelo qual não se relaciona o direito. E a prestação que representa o mecanismo pelo qual o direito será realizado.
	 O objeto é o direito não tutelado pelo ordenamento jurídico. O vínculo é o meio pelo qual se materializa o direito. E a prestação que representa o mecanismo pelo qual o direito será realizado.
	 O objeto é o direito tutelado pelo ordenamento jurídico. O vínculo é o meio pelo qual se materializa o direito. E a prestação que representa o mecanismo pelo qual o direito não será realizado.
	 O objeto é o direito tutelado pelo ordenamento jurídico. O vínculo é o meio pelo qual se materializa o direito. E a prestação que representa o mecanismo pelo qual o direito será realizado. 
	
Questão: 5 (199761) 
O reconhecimento da vulnerabilidade do consumidor é fundamental para que tenhamos o equilíbrio entre:  Pontos da Questão: 0,5
	 Consumidor x fornecedor. 
	 Consumidor e poder legislativo.
	 Fornecedor x legislador. 
	 Consumidor x legislador.
	 Consumidor x juiz.
	
Questão: GST0593 DA9Q1: (200220)
6 - O Direito do consumidor é abrangido em nosso ordenamento jurídico pela Lei n º 8.078, de 11 de setembro de 1990. Este diploma legal veio em cumprimento à ordem assegurada nos termos do artigo 5º, inciso XXXII e artigo 170, inciso V, da Constituição da República Federativa de 1988, e na linha de proteção da parte mais frágil da relação de consumo. Sendo Assim, qual o conceito de Consumidor, Fornecedor, Produto e Serviço?
  Pontos da Questão: 1,5
	Resposta do Aluno:
Consumidor é aquele que participa direta ou indiretamente do processo de compra ou é benificiado direta ou indiretamente por determinado serviço. Fornecedor é aquele que está prestando ou oferencendo o serviço/mercadoria e é a parte menos frágil da relação de consumo. Produto é o motivo para que essa relação possa existir, resultando no fruto essencial dessa relação.O fornecedor precisa (re)conhecer a demanda existente, ou seja, a procura e assim "ofertar" determinado produto.Que nem sempre será um bem material. O Serviço é uma atividade que será prestada e adquirida pelos consumidores.
Gabarito:
Proposta de gabarito:Consumidor é toda pessoa física ou jurídica que adquire ou utiliza produto ou serviço como destinatário final. Equipara-se a consumidor a coletividade de pessoas, ainda que indetermináveis, que haja intervindo nas relações de consumo. Fornecedor é toda pessoa física ou jurídica, pública ou privada, nacional ou estrangeira, bem como os entes despersonalizados, que desenvolvem atividade de produção, montagem, criação, construção, transformação, importação, exportação, distribuição ou comercialização de produtos ou prestação de serviços. Produto é qualquer bem, móvel ou imóvel, material ou imaterial. Serviço é qualquer atividade fornecida no mercado de consumo, mediante remuneração, inclusive as de natureza bancária, financeira, de crédito e securitária, salvo as decorrentes das relações de caráter trabalhista. 
Fundamentação do Professor:
Pontos do Aluno:   
	
Questão: 7 (189302) 
Dentre as espécies de fontes do direito, podemos estudar as principais fontes utilizadas em nosso ordenamento jurídico. Dentre elas a \u201cLei\u201d. Em um breve conceito afirmamos: \u201cÉ ato do Poder Legislativo, que estabelece normas de acordo com os interesses sociais\u201d. Sendo assim, pode-se afirmar que a lei possui duas ordens de caracteres: substanciais e formais. Podemos considerar como seus caracteres substanciais:  Pontos da Questão: 1
	 Imperatividade, generalidade, formalidade e bilateralidade. 
	 Imperatividade, adaptabilidade, abstratividade e bilateralidade. 
	 Imperatividade, generalidade, abstratividade e bilateralidade. 
	 Imperatividade, especificidade, abstratividade e bilateralidade.
	 Imperatividade, generalidade, abstratividade e multilateralidade.
	
Questão: 8 (189308) 
Raciocine e responda com a opção correta. Configura um princípio interpretativo das normas de direito fundamental, em que compete ao intérprete retirar da norma o máximo possível a fim de satisfazer seu anseio. Este princípio tem como contraponto o princípio da Reserva do Possível. Estamos nos referindo a qual princípio:  Pontos da Questão: 0,5
	 Princípio da Máxima Vedação ao Retrocesso.
	 Princípio da legalidade Máxima. 
	 Princípio da Reserva Máxima do Possível.
	 Princípio da Máxima Intangibilidade do Mínimo Existencial.
	 Princípio da Máxima Efetividade. 
	
Questão: GST0593 DA1Q1: (189340)
9 -
O Direito é o norte condutor para nossas vidas em sociedade. Ausente o direito, presente a \u201clei do mais forte\u201d! Sendo assim, sob a sua ótica, conceitue \u201cDireito\u201d:
  Pontos da Questão: 1,5
	Resposta do Aluno:
O homem é um animal social.E o direito surge para estabelecer regras e condutas para que a sociedade possa viver em harmonia social.Sem esse direcionamento de regras e normas as pessoas viveríam na "barbárie" e iríam aplicar a lei do mais forte, uma vez que não teríam punições nem sanções.Dessa forma esse conjunto de regras rege a vida em sociedade para que essa possa de maneira msis coesa e justa e caso tais regras sejam desrespeitadas podem ser aplicadas sanções.
Gabarito:
Proposta de gabarito: Direito é um conjunto de normas e princípios jurídicos que regem a vida em sociedade. Por meio do ordenamento jurídico, as condutas sociais da humanidade são organizadas e conduzidas. 
Fundamentação do Professor:
Pontos do Aluno:   
	
Questão: 10 (199616) 
São requisitos para a Equiparação