Estudo de Caso - Minas Del Rey
27 pág.

Estudo de Caso - Minas Del Rey


DisciplinaQualidade Gestao Negocios19 materiais91 seguidores
Pré-visualização4 páginas
índice de rompimentos do cabo de abrir caçamba, nas proximidades do guincho, na escavadeira 29. As observações feitas pelos membros do grupo e demais convidados estão descritas a seguir.
Técnico da manutenção
\u201cVamos conduzir esta reunião expondo as possíveis causas. À medida que cada causa for exposta nós estaremos obtendo elementos para a construção do diagrama de causa e efeito\u201d.
Supervisor da mina
\u201cPara mim a causa é bem clara. Quando a escavadeira 29 opera nos rejeitos ela \u201cpifa\u201d. É só não colocá-la para trabalhar com os rejeitos de minérios\u201d!
Operador de manutenção
\u201cPara mim esta turma (de manutenção) PM12 tem muitos novatos. Sei lá se eles sabem trabalhar direito! Essa turma nova já chega achando que sabe tudo\u201d!
Supervisor de manutenção
\u201cQue é isso companheiro? Eu acompanhei pessoalmente o treinamento dessa turma! Além do mais eu acompanho o trabalho deles e nunca notei diferença para as outras turmas\u201d.
Técnico de manutenção
\u201cTalvez os ajustes no sistema de abrir a caçamba estejam sendo feitos incorretamente, o que pode estar gerando uma sobrecarga no cabo\u201d.
Supervisor da mina
\u201cMas isto não afetaria todas as escavadeiras\u201d?
Engenheiro de manutenção
\u201cNão! A escavadeira 29 tem um sistema diferente das outras\u201d.
Operador de manutenção
\u201cEntão os ajustes feitos na escavadeira 28 não são os mesmo que os da escavadeira 29\u201d?
Engenheiro de manutenção
\u201cAs escavadeiras 27 e 28 têm o mesmo sistema, mas a escavadeira 29 tem um sistema bem mais complexo\u201d!
Operador de manutenção
\u201cOlha, eu entrei para a manutenção no ano passado e ninguém me falou nada que era diferente! Pode perguntar para todos os outros operadores que entraram comigo, duvido que eles saibam! Na manutenção, todos os ajustes feitos na escavadeira 29 são os mesmo que são feitos nas outras. Todos os operadores que entraram no ano passado sempre fizeram assim, e olha que nós somos a maioria\u201d!
Supervisor de manutenção
\u201cPor que vocês não me perguntaram\u201d?
Operador de manutenção
\u201cA gente perguntava para um colega e ele explicava o jeito que ele fazia, perguntava pra outro colega e ele respondia a mesma coisa! Como que a gente ia imaginar que era diferente\u201d?
Técnico de manutenção
\u201cPessoal! O nosso objetivo não é buscar o culpado e sim a CAUSA! Vamos continuar com as opiniões. Quanto mais hipóteses tivermos, mais fácil será descobrir a causa do problema\u201d!
Engenheiro de manutenção
\u201cÉ mesmo, pessoal! Agora está ficando mais claro porque a escavadeira 29 foi submetida à manutenção mais vezes do que as demais escavadeiras durante todo o ano de 1993. A maioria dos atuais operadores entrou no ano passado e provavelmente eles estão procedendo à manutenção da escavadeira 29 de forma incorreta\u201d.
Supervisor da mina
\u201cMas o número de manutenções feitas na escavadeira 29 foi superior em todos os meses do ano passado\u201d?
Engenheiro de manutenção
\u201cExatamente, do mês de janeiro a dezembro este número sempre se manteve superior ao das outras escavadeiras, sendo que só em outubro, ela foi submetida à manutenção aproximadamente vinte vezes\u201d!
Supervisor da mina
\u201cÉ, realmente as sua observações são coerentes\u201d.
Supervisor de manutenção
\u201cAlguém já pensou que a especificação do cabo de abrir caçamba pode estar errada? Talvez seja por isso que ele esteja rompendo\u201d!
Engenheiro de manutenção
\u201cEsta possibilidade não existe. Já verifiquei que as especificações estão corretas, elas atendem às orientações que o fabricante das caçambas nos passou\u201d.
Operador de manutenção
\u201cMas quem garante que o diâmetro do cabo está certo? Podem estar chegando cabos com diâmetro fora de especificação\u201d!
Inspetor da qualidade
\u201cTodo o material que chega aqui só é liberado para o almoxarifado depois de passar pela área de Inspeção de Entrada. Um dos itens avaliados é justamente o atendimento às especificações de engenharia. Assim, acho que é praticamente impossível entrar um cabo fora das especificações. Mas para tirar a dúvida, podemos medir os diâmetros dos cabos que estão no estoque e comparar com as especificações\u201d.
Supervisor da mina
\u201cEu sempre tive a impressão que as roldanas do guincho de abrir a caçamba são muito estreitas para o cabo. Será que no uso contínuo não há um desgaste maior no cabo\u201d?
Técnico de manutenção
\u201cTambém já tive esta impressão! Pode ser que o projeto do guincho desta escavadeira não esteja adequado às condições de uso no campo\u201d.
Engenheiro de manutenção
\u201cNão tenho informações do projeto do guincho. Mas podemos verificar o número de falhas no enrolamento do cabo. Se o projeto não for adequado, devem ocorrer muitas falhas deste tipo\u201d.
Supervisor de manutenção
\u201cSerá que a alavanca do ferrolho pode influenciar o sistema\u201d?
Engenheiro de manutenção
\u201cÉ mesmo! Pode ser que o ângulo da alavanca esteja incorreto\u201d.
Técnico de manutenção
\u201cVocê acha que o ângulo incorreto pode influenciar o tempo de vida do cabo\u201d?
Engenheiro de manutenção
\u201cÉ apenas uma hipótese\u201d.
Técnico de manutenção
\u201cMas nós não temos dados para verificar esta hipótese\u201d.
Engenheiro de manutenção
\u201cNós podemos fazer algumas experiências, o que vocês acham\u201d?
Supervisor de manutenção
\u201cEu acho que é uma boa ideia, desde que me avisem com antecedência para que eu possa incluí-las no cronograma da nossa área\u201d.
Engenheiro de manutenção
\u201cPode ficar tranqüilo, nós lhe avisaremos com antecedência\u201d.
Operador de manutenção
\u201cEu tenho uma suspeita, mas não sei se devo dizer, eu não tenho muita certeza\u201d.
Supervisor da mina
\u201cVamos lá, diga! Todas as idéias são bem-vindas\u201d!
Operador de manutenção
\u201cParece que toda a vez que eu faço manutenção na escavadeira 29, o guincho está desalinhado\u201d.
Supervisor da mina
\u201cMas o sistema da escavadeira 29 não é diferente? Deve ser por isso que você está com suspeita\u201d.
Operador de manutenção
\u201cNão é só suspeita, não! Eu já registrei várias vezes que o guincho estava desalinhado. Talvez seja interessante ver os registros da manutenção para a gente saber se os meus colegas também já tiveram problema\u201d.
Engenheiro de manutenção
\u201cEle tem razão, é melhor nós olharmos estes dados com atenção\u201d.
Técnico de manutenção
\u201cPessoal, vocês têm mais alguma opinião a ser colocada? Então vamos passar para a fase seguinte, ou seja, a escolha das causas mais prováveis\u201d.
7.2. DIAGRAMA DE CAUSA E EFEITO
7.3. CAUSAS INFLUENTES
1- Escavadeira 29 não opera corretamente para todos os tipos de minério. ----------------->> Minério do tipo 'rejeito' prejudicam o funcionamento do equipamento.
2- Turma de manutenção mal treinada. ----------------->> Turma PM12 com muitos novatos mal treinados.
3- Ajustes no sistema de abrir a caçamba está sendo feito incorretamente, o que pode gerar uma sobrecarga no cabo. ----------------->> Ajuste afeta todas as escavadeiras. ----------------->> Procedimento inadequado de ajustes do sistema da escavadeira 29, diferente das outras. ----------------->> Funcionários que ingressaram em 1992, que são maioria, operam de forma inadequada.
4- Especificação do cabo de abrir caçamba errada. ----------------->> Especificações não atendem às orientações que o fabricante das caçambas. ----------------->> Cabos com diâmetro fora da especificação.
5- Projeto do guincho não esta adequado às condições de uso no campo. ----------------->> Roldanas do guincho de abrir a caçamba são muito estreitas para o cabo. ----------------->> Falhas no enrolamento do cabo.
6- Ângulo incorreto da alavanca do ferrolho. ----------------->> Diminuição do tempo de vida do cabo.
7- Ocorrências de desalinhamento do guincho de abrir caçamba. ----------------->> Sistema diferente da escavadeira 29.
7.4. CAUSAS MAIS PROVÁVEIS
Das sete causas levantadas supracitadas, podem-se selecionar as mais prováveis. As duas primeiras são descartadas, pois para 1 a partir do gráfico de Pareto, constatou-se que o equipamento trabalha de maneira quase igual para os dois tipos de minério, veja as causas de rompimento do cabo: 54% rejeitos e 50 outros.
A segunda causa pode ser descartada pelo depoimento do supervisor de manutenção, \u201cQue é isso