50_METEOROLOGIA_E_CLIMATOLOGIA_VD2_Mar_2006
1 pág.

50_METEOROLOGIA_E_CLIMATOLOGIA_VD2_Mar_2006

Disciplina:Climatologia1.799 materiais29.746 seguidores
Pré-visualização1 página
METEOROLOGIA E CLIMATOLOGIA
Mário Adelmo Varejão-Silva

Versão digital 2 – Recife, 2006

36

para atividades civis, que se denomina Hora Legal, ou Oficial (específica para o país conside-
rado).

No Brasil, que se estende do 2º ao 5º fuso a oeste do de Greenwich, adotam-se nor-
malmente quatro faixas com horas legais distintas (Fig. I.16). Observe-se, por exemplo, que em
Fernando de Noronha (3o 51'S, 32o 25'W) a Hora Legal corresponde a TMG–2 h ou, à Hora Ofi-
cial de Brasília mais uma hora; no Recife (8o11'S, 34o 55'W), cidade situada no mesmo fuso
horário de Fernando de Noronha, adota-se a Hora Legal de Brasília (TMG–3 h). Note-se, ainda
(Fig. I.16), que entre Fernando de Noronha (TMG–2 h) e o Acre (TMG–5 h) há uma diferença
de 3 horas. Essa situação, no entanto, é alterada durante a vigência do Horário Brasileiro de
Verão.

LA
TI

TU
D

E

LONGITUDE

BRASIL

TMG-2

TMG-3TMG-4
TMG-5

Fig. I.16 - Hora Legal no Brasil em relação ao Tempo Médio de Greenwich (TMG). Não está
incluída a configuração adotada durante a vigência do Horário Brasileiro de Verão.

9.3 - Linha Internacional de Mudança de Data.

O meridiano de 180 o (oposto ao de Greenwich) é denominado Meridiano Internacional
de Mudança de Data. Nas vizinhanças desse meridiano, tanto a leste como a oeste, a hora civil
é a mesma mas, a leste a data é um dia mais tarde que a oeste. Isso é fácil de verificar a partir
de um círculo dividido em 24 setores iguais, subentendendo 15o de circunferência cada um
(para representar os fusos). Escolhe-se uma determinada hora (de preferência diferente de 0
ou 12) e data, registrando ambas no fuso escolhido para representar o de Greenwich. Em se