Aula Revisão1 av1
2 pág.

Aula Revisão1 av1

Disciplina:Sistemas Operacionais I6.216 materiais167.376 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Revisão
Prof. Manoel Pedro
Sistemas Operacionais

Sistemas Mainframe
O que é um Mainframe?
segunda-feira, 26 de abril de 2010
2
Um mainframe é um computador de grande porte, dedicado normalmente ao processamento de um volume grande de informações. Os mainframes são capazes de oferecer serviços de processamento a milhares de usuários através de milhares de terminais conectados diretamente ou através de uma rede.

Sistemas Mainframe
Os sistemas de computação mainframe foram os primeiros computadores usados para atender a muitas aplicações comerciais e cientificas

São classificados em:
Sistemas Batch
Sistemas Multiprogramados
Sistemas de Tempo Compartilhado
segunda-feira, 26 de abril de 2010
3
Sistemas Mainframe
Sistemas Batch \u2013
	Por vez apenas um job era processado. Neste Ambiente de execução, a CPU estava freqüentemente ociosa. As velocidades dos dispositivos mecânicos de I/O eram muito mais baixas dos que as dos dispositivos eletrônicos.
Sistemas Multiprogramados
 A multiprogramação é a primeira instância na qual o sistema operacional deve tomar decisões em favor dos usuários. Todos os Jobs que entram no sistema são mantidos na fila de Jobs. Esta fila compõe-se de todos os processos residentes em disco aguardando alocação na memória principal.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
4
Sistemas Mainframe
Sistemas de Tempo Compartilhado
			Finalmente, múltiplos Jobs executando concorrentemente exigem que as suas capacidades de afetar uns ao outros sejam limitadas em todas as fases do sistema operacional, incluindo o agendamento de processos, o armazenamento em disco e o gerenciamento de memória.
 Em um Sistema Tempo Compartilhado a CPU executa múltiplos jobs permutando entre eles com tanta freqüência que o usuário pode interagir com cada programa enquanto ele esta em execução.

segunda-feira, 26 de abril de 2010
5
segunda-feira, 26 de abril de 2010
6
Sistemas de Mesa (desktops)
Os computadores pessoais (PCs) apareceram no anos 70, durante a primeira década, as CPUs dos PCs não possuíam as facilidades necessárias para proteger um sistema operacional dos programas dos usuários. Os Sistemas Operacionais dos PCs não eram, nem multiusuário nem multitarefa.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
7
Sistemas de Mesa (desktops)
O custo para o desenvolvimento desse equpamentos são suficientemente baixos para que individuos façam uso isolado do computador, e assim a utilização da CPU não é mais um problema primordial.
 No entanto proteção para arquivos que não erra um problema para as maquinas pessoais, com a evolução da tecnologia essas maquinas ( PCs ) passaram a se ligar a outras maquinas e outros usuários, tornando a proteção de arquivos algo necessário nos sistemas operacionais Desktop.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
8
Sistemas de Mesa (desktops)
 Sem a proteção de arquivos facilita a utilização de programas predadores a destruição de dados, em sistemas como MS-DOS e o sistema operacional da Macintosh .
Esses Programas são chamados de Vermes e/ou Vírus.

 Verme: Software que quando carregado em um sistema de computador, destrói , interrompe ou cousa erros no processamento. Um verme atua como um agente livre e não se incorpora a outros programas.
Vírus: Pequenos programas criados para se espalharem de um computador para outros e interferir na operação do computador . Um Vírus pode corromper ou apagar dados , usar um programa de e-mail para se espalhar para outros computadores ou até mesmo apagar todo o disco rígido
segunda-feira, 26 de abril de 2010
9
Sistemas Multiprocessadores
A maioria dos sistemas, até então, são sistemas de um único processador; isto é, eles têm somente uma CPU principal. Entretanto, os sistemas multiprocessadores (também conhecidos como sistemas paralelos ou sistemas fortemente acoplados) estão crescendo em importância. Tais sistemas possuem mais de um processador
segunda-feira, 26 de abril de 2010
10
Sistemas Multiprocessadores
Principais Características (vantagens) de um sistema multiprocessadores.
Throughput (taxa de trabalho) Aumentado \u2013 Melhorando o desempenho da maquina ou do serviço.
Economia de Escala - Sistemas multiprocessadores podem economizar mais dinheiro que multiplos sistemas .
Confiabilidade aumentada. Se as funções podem ser distribuídas apropriadamente entre vários processadores, então falha de um processador não interrompe o sistema, apenas o torna mais lento.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
11
Sistemas Multiprocessadores
Os sistemas multiprocessadores mais comum hoje em dia usam multiprocessamento simétrico (SMP \u2013 symmetric multiprecessing) no qual cada processador executa uma copia idêntica do sistema operacional, e estas cópias comunicam-se umas comas outras quando necessário.
Alguns sistemas usam multiprocessamento assimétrico no qual a cada processador é designada uma tarefa especifica. Um processador mestre controla os sistema; os demais processadores ou se dirigem ao mestre para instruções ou possuem tarefas predefinidas. Essa relacionamento tem o nome de mestre-escravo.

segunda-feira, 26 de abril de 2010
12
Sistemas Distribuídos
O Sistemas Distribuídos podem ser divididos em dois Tipos:
Sistemas Cliente-Servidor.
Os Sistemas Servidores de Processamentos proporcionam uma interface para a qual os clientes podem enviar solicitações com o objetivo de desenvolver uma ação e em resposta à qual eles executam a ação e enviam os resultados de volta ao cliente.
Os Sistemas Servidores de Arquivo proporcionam uma interface arquivo-sistema onde os clientes podem criar, atualizar e apagar arquivos.

segunda-feira, 26 de abril de 2010
13
Sistemas Distribuídos
O Sistemas Distribuídos podem ser divididos em dois Tipos:
Sistemas Paralelos
Os Sistemas Paralelos \u2013 são uma ou mais sistemas conectados por intermédio de dispositivos de redes, normalmente de alta velocidade, sendo visto pelos clientes como apenas um único servidor.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
14
Sistemas Agrupados (clusters)
 Como os sistemas paralelos, os Sistemas Agrupados reúnem múltiplos PCs para desenvolver trabalho computacional. Entretanto , estes sistemas diferem dos sistemas paralelos no sentido de que são compostos de dois ou mais sistemas individuais acoplados.
 A definição geralmente aceita é que os sistemas agrupados compartilham memória e são proximamente conectados através de uma rede LAN.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
15
Sistemas Agrupados (clusters)
 O agrupamento é habitualmente utilizado para proporcionar alta disponibilidade. Cada nó pode monitorar um ou mais nós (através da LAN). Se a máquina monitorada falhar , a maquina monitora pode apropriar-se da sua memória e restaurar as aplicações que estavam sem executadas na maquina que falhou.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
16
Sistemas Agrupados (clusters)
No agrupamento Assimétrico, uma máquina permanece em modo de alerta máximo enquanto a outra está em operando as aplicações . O hospedeiro em alerta nada faz além de monitorar o servidor ativo. No modo simétrico, dois ou mais hospedeiros estão operando aplicações e monitorando-se reciprocamente. Esta modo é obviamente mais eficiente, já que usa todo hardware disponível.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
17
Sistemas de Tempo Real
Sistema de Tempo Real é um sistema usado quando requisitos de tempo rígidos são exigidos para a operação de um processador ou para o fluxo de dados, muito usado em dispositivos de controle.
Sensores trazem dados para o computador. O computador deve analisar os dados e possivelmente ajustar os controles para modificar as entradas dos sensor.
segunda-feira, 26 de abril de 2010
18
Sistemas de Tempo Real
Sistemas que controlam experimentos científicos, sistemas médicos de processamento de imagem, sistema de controle industrial, são sistemas de tempo , alguns sistemas de combustível automotivos e sistemas bélicos também são exemplos de sistemas em tempo real.
 Um sistema de tempo real possui restrições de tempo fixas e bem definidas. O processamento tem que ser realizado dentro das restrições definidas, ou o sistema ira falhar.