Aula Revisão2 av1

Aula Revisão2 av1


DisciplinaSistemas Operacionais I7.777 materiais168.773 seguidores
Pré-visualização3 páginas
drives de disco mas queria sete máquinas virtuais. 
A solução é oferecer discos virtuais, idênticos em todos os aspectos aos outros discos, exceto em tamanho \u2013 eles são chamados de minidiscos.
Um outro aspecto da dificuldade é que a soma dos tamanhos dos minidiscos não poderá superar o tamanho do disco físico. 
40
Máquinas Virtuais
 A principal diferença entre uma máquina real e a máquina virtual é o tempo. 
Enquanto o I/O real pode levar 100 milissegundos, I/O virtual pode ter ocupado menos tempo (por que é spool) ou mais tempo (por que é interpretado) Além disso, a CPU está sendo multiprogramada entre muitas máquinas virtuais, retardando esta máquinas virtuais de maneiras imprevisíveis.
41
Máquinas Virtuais
 A utilização de máquinas virtuais traz duas vantagens primordiais. Em primeiro lugar a máquina virtual oferece um nível de segurança robusto, pela completa proteção que fornece aos recursos do sistema. 
Em segundo lugar , a máquina virtual permite que os sistemas seja desenvolvido sem corromper a sua operação normal.
Cada máquina virtual é completamente isolada das demais máquinas virtuais, portanto não temos problemas de segurança, pois diversos recursos do sistema ficam inteiramente protegidos.
42
Máquinas Virtuais
 Uma desvantagem deste ambiente é que não há compartilhamento direto dos recursos. 
Dois enfoques para prover compartilhamento foram implementados, no primeiro é possível compartilhar um minidisco. Este esquema é modelado sobre o disco físico compartilhado, mas é implementado por software. 
No segundo, é possível definir uma rede de máquinas virtuais, cada um delas podendo transmitir informações ao longo da rede de comunicações virtual. Novamente, a rede é modelada sobre redes de comunicação físicas, mas é implementada por software.
43
Prof. Manoel Pedro
Obrigado