Apostila UNIJUÍ - Estudos organizacionais - abordagem estrutural
130 pág.

Apostila UNIJUÍ - Estudos organizacionais - abordagem estrutural


DisciplinaAdministração103.561 materiais762.657 seguidores
Pré-visualização33 páginas
ter presente que o
paradigma organizacional é composto pelas contribuições de Max
Weber, com o tipo ideal de burocracia; de Amitai Etzioni, com as
tipologias das organizações, vinculadas ao tipo de poder estabele-
cido na organização formal, e de Blau e Scott, que
complementaram os estudos de Etzioni com a visão de que o tipo
de organização pode ser estabelecido pelo seu beneficiário e, ain-
da apresenta as críticas ao paradigma da burocracia.
Para findar a Unidade 4 apresentamos uma forma de administrar
que fica classificada dentro do paradigma organizacional cuja pro-
posta de Peter Drucker é o enfoque na Gestão por Objetivos ou
Administração por Objetivos.
EaD
125
ESTUDOS ORGANIZACIONAIS: Abordagem Estrutural
ReferênciasReferênciasReferênciasReferências
ANDRADE, R. O. B.; AMBONI, N. Teoria Geral da Administração: das origens às perspecti-
vas contemporâneas. São Paulo: M. Books do Brasil Editora, 2007.
ARAÚJO, Luis C. G. de. Tecnologias de gestão organizacional. São Paulo: Atlas, 2001.
ARANTES, Nélio. Sistemas de gestão empresarial: conceitos permanentes na administração
de empresas válidas. São Paulo: Atlas, 1994.
BOOG, G. Manual de treinamento e desenvolvimento. São Paulo: Makron Books, 1994.
CALDAS, Miguel P.; BERTERO, Carlos O. (Coord.). Teoria das organizações. São Paulo:
Atlas, 2007.
CARAVANTES, Geraldo R. Teoria Geral da Administração: pensando & fazendo. 4. ed. Porto
Alegre: AGE; Unijuí, 1999.
CARAVANTES, Geraldo R.; PANNO, Cláudia C.; KLOECKNER, Mônica C. Administração:
teorias e processo. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2005.
CAVALCANTE, Ricardo C. Os estudos organizacionais e a sua contribuição para a comuni-
cação de organizações. Disponível em: <http://www.vertent.net/abrapcorp/ www/trabalhos/
relacao_gt1.htm > Acesso em: 13. out. 2008.
CHANLAT, Jean-François. Ciências Sociais e management: reconciliando o econômico e
social. São Paulo: Atlas, 1999.
CHIAVENATO, Idalberto. Administração nos novos tempos. 2. ed. Rio de Janeiro: Campus,
1999.
______. Introdução à Teoria Geral da Administração. 6. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2000.
______. Administração para não-administradores: a gestão de negócios ao alcance de todos.
São Paulo: Saraiva, 2008.
______. Introdução à Teoria Geral da Administração. 7. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2003.
CLEGG, Stewart R.; HARDY, Cynthia.; NORD, Walter R. (Orgs.). Handbook de estudos
organizacionais: modelos de análise e novas questões em estudos organizacionais. São Paulo:
Atlas, 1998. Vol. 1.
CREMA, R. Introdução à visão holística. São Paulo: Summus, 1989.
EaD Marivane da Sil va
126
CURY, Antonio. Organização & métodos: uma visão holística. 8. ed. rev. e ampl. São Paulo:
Atlas, 2007.
ETZIONI, Amitai. Organizações modernas. São Paulo: Pioneira, 1967.
FARIA, J. C. Administração: teorias & aplicações. São Paulo: Pioneira Thomson, 2002.
FARIA, José H. de. Análise crítica das teorias e práticas organizacionais. São Paulo: Atlas,
2007.
FAYOL, Henri. Administração industrial e geral. 10. ed. São Paulo: Atlas, 1989.
FERREIRA, A. A.; REIS, A. C. F.; PEREIRA, M. I. Gestão empresarial: de Taylor aos nossos
dias. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.
GODOI, Christiane K.; MELLO, Rodrigo B. de.; SILVA, Anielson B. da. (Orgs.). Pesquisa
qualitativa nos estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos. São Paulo: Sa-
raiva, 2006.
GRÜN, A. A sabedoria dos monges na arte de liderar pessoas. Petrópolis, RJ: Vozes, 2006.
HALL, R. M. Organizações: estruturas, processos e resultados. São Paulo: Prentice Hall do
Brasil, 2004.
HELOANI, Roberto. Gestão e organização no capitalismo globalizado: história da manipu-
lação psicológica no mundo do trabalho. São Paulo: Atlas, 2003.
KUHN, T. A estrutura das revoluções científicas. 5. ed. São Paulo: Perspectiva, 1970.
KWASNICKA, Eunice Lacava. Introdução à administração. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2006.
LACOMBE, Francisco; HEILBORN, Gilberto. Administração: princípios e tendências. São
Paulo: Saraiva, 2003.
LODI, João B. Administração por O. 5. ed. São Paulo: Pioneira, 1976,
MASIERO, Gilmar. Administração de empresas: teoria e funções com exercícios e casos. São
Paulo: Saraiva, 2007.
MAXIMIANO, Antonio C. A. Teoria Geral da Administração: da revolução industrial à revo-
lução digital. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2002.
MONTANA, Patrick J.; CHARNOV, Bruce H. Administração. São Paulo: Saraiva, 1998.
MORAES, Anna Maris Pereira de. Iniciação ao Estudo da Administração. 2. ed. rev. e ampl.
São Paulo: Makron Books, 2001.
EaD
127
ESTUDOS ORGANIZACIONAIS: Abordagem Estrutural
MORGAN, Gareth. Imagens da organização. São Paulo: Atlas, 1996.
MORIN, E. (Org.). A religação dos saberes: o desafio do século XXI. Rio de Janeiro: Bertrand
Brasil, 2001.
MORIN, E. A inteligência da complexidade. 3. ed. São Paulo: Peirópolis, 2004.
MORIN, E. Introdução ao pensamento complexo. 4. ed. Lisboa: Instituto Piaget, 2003.
MOTTA, F. C. P. Teoria Geral da Administração: uma introdução. 22. ed. ampl. São Paulo:
Pioneira, 1998.
MOTTA, Fernando C. P. Teoria das organizações: evolução e crítica. 2. ed. rev. e ampl. São
Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2001.
MOTTA, Fernando C. P.; PEREIRA, Luiz C. B. Introdução à organização burocrática. 5. ed.
São Paulo: Brasiliense, 1986.
MOTTA, P. R. Gestão contemporânea: a ciência e a arte de ser dirigente. 12. ed. Rio de
Janeiro: Editora Record, 2001. Cap. 2.
MOTTA, Paulo R. Transformação organizacional: a teoria e a prática de inovar. Rio de Ja-
neiro: Quality Mark, 2001.
MUNIZ, Adir J. de O.; FARIA, Hermínio A. Teoria geral da Administração: noções básicas.
5. ed. rev. e ampl. São Paulo: Atlas, 2007.
NETO, João. P. de B. Teorias da administração: curso compacto. Rio de Janeiro: Qualitymark,
2001.
NOGUEIRA, Arnaldo. M. Teoria Geral da Administração para o Século XXI. São Paulo: Ática,
2007.
ODIORNE, George S. Administração por Objetivos. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e
Cientificos, 1981.
OLIVEIRA, Djalma de P. R. de. Teoria geral da Administração: uma abordagem prática. São
Paulo: Atlas, 2008.
OLIVEIRA, Jayr F. de; SILVA, Edison A. da. Gestão organizacional: descobrindo uma chave
de sucesso para os negócios. São Paulo: Saraiva, 2006.
PEREIRA, M. I.; SANTOS, S. A. dos. Modelo de gestão: uma análise conceitual. São Paulo:
Pioneira Thomson Learning, 2001.
EaD Marivane da Sil va
128
RAMOS, A. G. A nova ciência das organizações: uma reconceituação da riqueza das na-
ções. Rio de Janeiro: FGV, 1981.
REED, Michael. Teorização organizacional: um campo historicamente contestado. In:
CLEGG, S.; HARDY, C.; NORD, W. R. Handbook de Estudos Organizacionais: modelos de
análise e novas questões em estudos organizacionais. São Paulo: Atlas, 1998. Vol. 1.
RIBEIRO, Antonio de L. Teorias da Administração. São Paulo: Saraiva, 2003.
SANTOS, R. da C. (Org.). Manual de Gestão empresarial: conceitos e aplicações nas empre-
sas brasileiras. São Paulo: Atlas, 2007.
SAUSEN, Jorge O. Reconceitualização da organização burocrática: a busca de um novo
arcabouço organizacional. Revista de Estudos da Administração, Ijuí: Editora Unijuí, ano 1,
n.1, jul./dez, 2000.
SIEDENBERG, Dieter R. Gestão do desenvolvimento. Ijuí: Ed. Unijuí, 2008.
SILVA, A. B.; REBELO, L. A emergência do pensamento nas organizações. Revista de Admi-
nistração Pública, Rio de Janeiro, v. 37 (4), p. 777-796, jul./ago. 2003. Disponível em: SEN,
Amartya K. Desenvolvimento como liberdade. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.
SILVA, Jairo S. da. Administração por Objetivos: uma abordagem prática. São Paulo: Atlas,
1979.
SILVA, Reinaldo O. da. Teorias da Administração. São Paulo: Pioneira Thomson Learning,
2002.
SILVA, Sebastião O. Enfoque organizacional. In: ______. Estilos de Administração: uma in-
trodução à teoria geral da administração. São Paulo: EDC, 1990.
SILVA, Waldir R. da; RODRIGUES, Cláudia M. C. Motivação nas organizações. São Paulo:
Atlas, 2007.
SOBRAL, Filipe; PECI, Alketa. Administração: teoria e prática no contexto brasileiro.