Apostila UNIJUÍ - Sistema integrado de informações
174 pág.

Apostila UNIJUÍ - Sistema integrado de informações


DisciplinaAdministração de Sistemas de Informação6.022 materiais28.517 seguidores
Pré-visualização42 páginas
embora todos estejamos percebendo que cada vez mais
um número menor de pessoas fazem o mesmo trabalho, graças à
Tecnologia da Informação. Ou, se preferir, cada vez mais pessoas
perdem seus empregos tradicionais para os colaboradores de alta
tecnologia.
Assim como isso ocorre nas empresas, o mesmo se pode cons-
tatar nos organismos públicos. O mercado de produção e vendas,
o mercado de trabalho, as necessidades emergentes que surgem
devido ao mau uso dos recursos naturais, as demandas sociais
impactam o governo em todos os seus níveis, seja nos municípi-
os, seja na esfera estadual, seja na esfera federal. Pois então ten-
te imaginar como a Tecnologia da Informação pode auxiliar na
difícil tarefa da gestão pública, em qualquer dessas esferas.
Vamos fazer mais uma comparação para
aprendermos bem a relação entre Tecnologia da
Informação e sistema de informação. A essa altu-
ra de nossas leituras você é capaz de distinguir
bem uma da outra? Acabamos de mencionar os componentes da
Tecnologia da Informação, mas está lembrado do esquema bási-
co dos sistemas de informação? Aliás, você recorda dos compo-
nentes de um sistema em geral? Vamos então relembrar?
Todo sistema compõe-se dos seguintes elementos: entrada
+ processamento + saída, e o feedback.
Pois um sistema de informação tem um pouco mais que isso:
entrada + processamento e armazenamento + saída e o feedback.
Em um sistema de informação as entradas são em forma de dados e
informações, e as saídas são também dados e informações, porém
devidamente processados, úteis para a gestão da organização.
Recessão
Ocorre num país ou região do
mundo quando a respectiva
economia cresce a taxas
negativas.
 
EaD
61
SISTEMA INTEGRADO DE INFORMAÇÕES
Percebeu tudo? Ou ainda não? Percebeu a diferença entre
Tecnologia da Informação e sistema de informação? Bem, a Tecnologia
da Informação provê o hardware e o software, e outros recursos, como
já vimos, para podermos ter, entre outras coisas, sistemas de informa-
ção em nossas empresas. Vamos pedir ajuda de um bom autor em sis-
temas de informação. Rezende (2008, p. 60) argumenta que \u201caos sistemas de informação, a
Tecnologia da Informação é indispensável para que as organizações melhorem sua agili-
dade, efetividade e inteligência. É muito difícil construir e utilizar sistemas de informa-
ção nas organizações sem envolver esta moderna tecnologia\u201d.
Seção 4
Gestão da Tecnologia da Informação
A gestão da Tecnologia da Informação é o conjunto das atividades necessárias para
que os seus recursos tenham utilidade prática para a organizações. Estas precisam cada
vez mais entender que é bem mais importante o desenvolvimento de pessoas competentes
(inteligentes e sábias, que dominem o conhecimento estratégico dos negócios) do que tão-
somente disporem das mais atualizadas tecnologias relacionadas com a informação. Uma
boa gestão de Tecnologia da Informação envolve um bom casamento entre ela e as pesso-
as que atuam na organização. Assim, como observa Rezende (2008, p. 60) \u201co aprendizado
para a gestão desses recursos é fundamental para as pessoas que exercem funções de
gestão nas organizações.\u201d Isso quer dizer que da gestão de Tecnologia da Informação não
participam apenas os especialistas desta área, mas todos os gestores da organização. Enfim,
se todos os líderes dela, e inclusive seus subordinados, utilizam a Tecnologia da Informação,
então todos são responsáveis por seu gerenciamento.
Dessa forma, não se pode dar maior atenção aos recursos de hardware, software e
periféricos do que às pessoas que estão direta ou indiretamente envolvidas com esses
recursos. Sociedade do conhecimento quer dizer uma simbiose entre os recursos técni-
EaD Si kberto Renaldo Marks
62
cos que processam informações e as pessoas que as transfor-
mam em capacidade produtiva e soluções de problemas. E para
não esquecer: também em benefícios sociais para a melhoria da
qualidade de vida de todas as pessoas, não só das que atuam
diretamente na organização.
A questão toda concentra-se num pon-
to vital, identificado por meio das seguintes
perguntas: Como as equipes nas organiza-
ções estão usando as informações? O que
fazem com essas informações? Que resul-
tados estão obtendo? As pessoas sentem-se
realizadas com o que fazem, ou seja, elas estão felizes com sua
contribuição para a organização e para a sociedade? Elas sen-
tem-se seguras com seu crescimento profissional? Elas estão
entendendo as tendências das demandas sociais e econômicas?
Enfim, um conjunto de recursos de TI, bem como um bom
sistema de informação, devem servir para alguma coisa, não é
mesmo? Devem servir para que a organização seja um local segu-
ro de se trabalhar, e no qual possamos obter os recursos necessá-
rios para vivermos confortavelmente os dias de nossa vida en-
quanto eles durarem.
E agora, meu amigo ou amiga: deu para entender tudo o
que envolve a gestão de TI? Notou que a informação e o conhe-
cimento são mais importantes do que as tecnologias que a ge-
ram? Percebeu que o que se faz com a informação e o conheci-
mento é mais importante ainda? Reparou que os resultados que
se obtém com isso são fundamentais para que a organização
seja um lugar seguro para se trabalhar? Pois é, mas se isso tudo
não resultar em qualidade de vida, para quê, afinal, serve tanta
tecnologia?
Sabedoria sustentável
É a sabedoria que orienta as
pessoas ou as organizações
em geral de maneira tal que
elas sejam vencedoras. Nas
pessoas chamamos de caráter,
nas empresas pode ser o seu
conjunto de princípios e
diretrizes no Plano Estratégico.
Simbiose
É uma relação entre dois
organismos na qual ambos
levam vantagem. Pode, por
exemplo, ser uma vinculação
entre pessoas e computadores
pela qual as pessoas obtêm
vantagem em aprendizado e
desempenho em suas tarefas,
e os computadores são
desenvolvidos para que sejam
cada vez mais úteis aos seres
humanos.
EaD
63
SISTEMA INTEGRADO DE INFORMAÇÕES
Será que estamos conseguindo ser coerentes conosco mesmos? Será que estamos sen-
do coerentes com a nossa natureza de seres humanos? Isso depende de como gerenciamos a
tal tecnologia que muitas vezes tanto prezamos!
SÍNTESE DESTA UNIDADE
A Tecnologia da Informação é o conjunto de aparatos necessários
para muitas atividades hoje em dia. Seja em nossos lares, seja nos
automóveis, seja nos aviões, seja na indústria aeroespacial, seja
nas empresas, seja, em especial, nas prefeituras, nos governos es-
taduais, no governo federal, enfim, em todos os lugares, há neces-
sidade de utilização de esquemas eletrônicos de processamento,
armazenamento e transmissão de informações. Nas empresas a
informação é cada vez mais vital, tanto para desenvolver novas
tecnologias quanto para a sua permanência no mercado competi-
tivo. Nos organismos de natureza pública é cada vez mais neces-
sária para gerenciar o complexo contexto de desafios sociais e eco-
nômicos de uma comunidade, uma região, uma nação.
A Tecnologia da Informação fornece as condições necessárias para
o funcionamento de algo que permite mais fácil manipulação do
recurso mais importante nas empresas: a informação e o conheci-
mento. Conceituamos a Tecnologia da Informação como todas as
atividades e recursos técnicos para fazer com que possamos lidar
com a informação de modo mais eficaz, certo? Vimos também uma
descrição ampla dos requisitos de um bom profissional de Tecnologia
da Informação. Ele na verdade deve ser quase um super-homem,
ou uma supermulher.
 
EaD Si kberto Renaldo Marks
64
Depois estudamos quais são os componentes da Tecnologia da In-
formação, que ajudam a entender melhor a sua definição. Esses
componentes são: hardware; software; sistemas de telecomunica-
ções; gestão de Tecnologia da Informação e os seres humanos.
Por fim, nesta unidade ainda estudamos algo muito importante
sobre a gestão da Tecnologia da Informação. A administração es-
tratégica pública deve concentrar-se em fazer com que a
Tecnologia da Informação