SEMANAS COMPLETAS
42 pág.

SEMANAS COMPLETAS


DisciplinaDireito Constitucional I76.465 materiais1.770.434 seguidores
Pré-visualização13 páginas
2.°). 
Compete privativamente ao Senado Federal
Igualmente à Câmara dos Deputados (art. 51), O Senado federal exerce competências previstas no Texto Maior \u2013 Art. 51.
Atribuições em destaque
Funcionar como tribunal político no julgamento de crimes de responsabilidades;
Aprovar, previamente, indicações para ocuparem elevados postos na República;
Autorizar operações financeiras.
Imunidades Parlamentares
Estatuto dos Congressistas \u2013 Conjunto de normas que prevê o regime jurídico dos membros do Congresso Nacional, disciplinado seus direitos, deveres, prerrogativas e incompatibilidades.(Art. 53 a 56)
Desdobramentos
Imunidade material ou inviolabilidade \u2013 (art. 53, caput);
Imunidade formal \u2013 (art. 53, pars.1º., 2º., 3º., 4º. E 5º);
Prerrogativa de foro \u2013 (art. 53, par. 1º.)
Isenção do dever de testemunhar \u2013 (art. 53, par. 6º.);
Serviço militar \u2013 (art. 53, par. 7º., c/c 143);
Imunidades durante estado de sítio \u2013 (art. 53, par. 8º.);
Incompatibilidades \u2013 (art. 54)
Comissões Parlamentares de Inquérito
O art. 58, § 3.°, da Constituição Federal, previu que as comissões parlamentares de inquérito terão poderes de investigação próprios das autoridades judiciais.
CASO 1 \u2013 Tema: Comissão Parlamentar de Inquérito
Uma Comissão Parlamentar Inquérito foi instalada pela Câmara dos Deputados para apurar o envolvimento de parlamentares da Casa em esquema de recebimento de propina em troca de emendas ao orçamento da União, para a realização de obras superfaturadas. Diante de indícios de que o presidente da construtora beneficiada pelas emendas parlamentares estaria na iminência de alienar bens imóveis adquiridos com verbas públicas desviadas, a referida comissão deliberou no sentido de expedir decreto de indisponibilidade de bens do investigado. Considerando a jurisprudência do STF acerca dos limites ao poder de investigação parlamentar, a decretação da indisponibilidade de bens encontraria amparo constitucional? 
CASO 2 \u2013 Tema: CPI, Direitos Fundamentais e Relatividade
Antonio impetra mandado de segurança, contra ato senhor Presidente de CPI que determinou a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico, e ordenou busca e apreensão em sua casa e escritório. A medida atacada destinava-se a apurar fatos do conhecimento do Senado Federal, veiculados pela imprensa nacional, envolvendo a prática de ilícitos praticados pelo impetrante junto às instituições financeiras, sociedades de crédito, financiamento e investimento que constituem o Sistema Financeiro Nacional.
 O impetrante alega ser apenas advogado e não exercer qualquer cargo de direção, de gestão ou de administração na empresa Ouro Verde S/A, empresa investigada pela CPI. Alega, ainda, escudado nos artigos 5º, inciso X, e 133, da Constituição Federal de 1988, assim como no artigo 7º, inciso II, da Lei 8.906/94, que o ato impugnado é ilegal.
As questões a serem enfrentadas no presente caso são as seguintes:
	a) Têm as CPI poderes para determinar a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico do impetrante, ou seria o ato ilegal à luz dos dispositivos legais mencionados na defesa?
	b) Com relação a ordem de busca e apreensões domiciliares, seria o ato legal por ter sido efetivado no escritório do impetrante, e não na sua residência, não havendo contrariedade ao inciso XI, do art. 5º, da Constituição federal de 1988?
	c) A ordem de busca e apreensões cumprida no escritório do impetrante contrariaria o disposto no artigo 133, da Constituição Federal de 1988?
SEMANA 6
Processo Legislativo Ordinário - Conceito
Processo legislativo é o conjunto de disposições que disciplinam o procedimento a ser observado pelos órgãos competentes na elaboração das espécies normativas (art. 59 da CF).
A não obediência às disposições sobre o processo legislativo constitucionalmente previstas acarretará inconstitucionalidade.
Espécies
Processo ou procedimento legislativo ordinário ou comum: É aquele que se destina à elaboração da lei ordinária.
Nota Importante: Os princípios do processo legislativo federal se aplicam ao processo legislativo estadual ou municipal (princípio da simetria do processo legislativo).
Processo ou procedimento sumário: Diferencia-se do ordinário apenas pelo fato de existir prazo para o Congresso Nacional deliberar sobre determinado assunto.
Processo ou procedimento especial: É aquele que se destina à elaboração das leis complementares, leis delegadas, medidas provisórias, decretos-legislativos, resoluções e leis financeiras.
Importante
Entre uma lei ordinária e uma lei complementar, em relação ao procedimento, só há diferença quanto ao número de votos para aprovação. Sendo exigido maioria relativa para a lei ordinária e maioria absoluta para a lei complementar.
Na maioria absoluta, leva-se em consideração o total dos membros da Casa e na maioria relativa, os presentes na reunião ou sessão.
Maioria é o número inteiro imediatamente superior à metade, se ela for fracionada, ou é a unidade imediatamente superior a metade, se ela não for fracionada.
Quando o Congresso Nacional vota uma emenda constitucional, não está no exercício de um poder legislativo, mas sim de um poder constitucional (Poder Constituinte Derivado Reformador)
 Conceito de lei
A lei é ato escrito, primário (tem fundamento direto na Constituição Federal), geral (destina-se a todos), abstrato (não regula uma situação concreta) e complexo (exige fusão de duas vontades para se aperfeiçoar e produzir efeitos). 
Eventualmente pode haver lei sem a vontade do Poder Executivo, mas nunca pode existir lei sem a vontade do Poder legislativo.
Fases do processo legislativo ordinário
Fase introdutória (iniciativa): Trata do poder de iniciativa.
Fase constitutiva: Trata da deliberação parlamentar e da deliberação executiva.
Fase complementar (integradora): Trata da promulgação e publicação da lei.
 
Iniciativa
Iniciativa é a faculdade conferida a alguém ou a algum órgão para apresentar um projeto de lei. Da início ao processo legislativo.
Só pode exercer a iniciativa quem tem poder de iniciativa, pois caso contrário haverá um vício de iniciativa, uma inconstitucionalidade formal. 
Hipóteses de iniciativa 
Art. 61 da CRFB/88
Iniciativa geral
Iniciativa parlamentar
Iniciativa extraparlamentar 
Iniciativa concorrente
Iniciativa exclusiva
Iniciativa popular
Iniciativa geral (art. 61 da CF): 
	A iniciativa de leis ordinárias e complementares cabe: Qualquer membro da Câmara dos Deputados ou do Senado Federal; Comissão da Câmara dos Deputados, do Senado Federal ou do Congresso Nacional; Presidente da República; Supremo Tribunal Federal; Tribunais Superiores (STJ, TSE, STM e TST); Procurador-Geral da República e aos Cidadãos.
Iniciativa parlamentar: 
	A apresentação do projeto de lei cabe aos membros do Congresso Nacional (Senadores e Deputados Federais).
Iniciativa extraparlamentar:
	A apresentação do projeto de lei cabe ao Presidente da República, ao Supremo Tribunal Federal, aos Tribunais Superiores, ao Ministério Público e aos cidadãos.
Iniciativa do STF: Estatuto da Magistratura (art. 93 da CF).
Iniciativa do STF, Tribunais Superiores e Tribunais de justiça: Propor ao Poder Legislativo, respectivo, observado o art. 169 da CF:
A alteração do número de membros dos tribunais inferiores (art. 96, II, \u201ca\u201d da CF).
A criação ou extinção dos Tribunais inferiores (art. 96, II, \u201cc\u201d da CF).
A alteração da organização e da divisão judiciárias (art. 96, II, \u201cd\u2019 da CF).
estatuto de cada Ministério Público...\u201d (art. 128, §5º da CF). 
A criação e a extinção de cargos e remuneração dos seus serviços auxiliares e dos juízos que lhes forem vinculados, bem como a fixação do subsídio de seus membros e dos juízes, inclusive dos tribunais inferiores, onde houver (art. 96, II, \u201cb\u201d da CF). A fixação do subsídio dos Ministros do STF será feita por lei ordinária de iniciativa do Presidente do STF.
Iniciativa do Ministério Público:
Propor ao Legislativo, observado o artigo 169 da Constituição, a criação e extinção de seus cargos e serviços auxiliares, promovendo-os