mesa_concentracao4-254
8 pág.

mesa_concentracao4-254


DisciplinaProcessamento de Minerais I213 materiais2.115 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Boletim 4-254 
EQUIPAMENTOS PARA CONCENTRAÇÃO 
 
Mesa de concentração vibratória tipo Wilfley 
 
1/8 
 
1 \u2013 INTRODUÇÃO 
 
O método de concentração gravimétrica da Mesa Wilfley foi desenvolvido empiricamente no 
final do século passado por Arthur R. Wilfley e tem sido um fator de importância em muitos 
processos metalúrgicos. Esta mesa vibratória quase que em sua versão original , é um dos 
equipamentos de concentração gravimétrica mais utilizado no tratamento de minérios , 
particularmente daqueles muitos finos com tamanhos próximos aos de lama. Usualmente , 
estas mesas são usadas para operações de deslamagem prévia à concentração , ou 
combinadas com unidades de flotação para recuperação de minérios finos , e , no caso de ouro 
e outros metais pesados , para produzir o concentrado final , partindo de pre-concentrados de 
jigues. 
 
Para muitas aplicações a mesa de concentração vibratória de Wilfley tem particular importância 
e não pode ser igualada em seu funcionamento eficiente e econômico. A utilização de mesas 
Wilfley em operações tais como as listadas abaixo provaram sua superioridade: 
 
\u2022 Antes ou após unidades de flotação para a recuperação de mineral bruto não prontamente 
recuperado por flotação. 
\u2022 Como mesas piloto após as máquinas de flotação para servir de indicador para a Operação 
, da eficiência de cada unidade de flotação , e também para a recuperação de minerais 
valiosos quando a unidade de flotação está trabalhando de modo a obter alta recuperação. 
\u2022 Separação de dois ou mais minerais concentrados na flotação 
\u2022 Concentração eficiente de alimentação pobre , para produzir um concentrado de alto grau 
para posterior tratamento metalúrgico ou mesmo descarte . 
\u2022 Para concentração de minérios com baixa densidade relativa ( gravidade específica ) , tais 
como grafite , molibidênio , etc.. 
\u2022 Para recuperação de metálicos , de refugo de fundições de metais , de oficinas de 
tratamento de cianeto , de laboratórios , etc\u2026 
\u2022 Como meio de controlar a classificação em plantas de moagem sob certas condições. 
\u2022 Para lavagem e limpeza de carvão , minério de ferro , etc\u2026 
 
A ENGENDRAR fabrica mesas do tipo Wilfley de diversos tamanhos padrão como produto de 
série , e , sob encomenda projeta mesas para deslamagem , desbaste ou concentração final 
atendendo os requisitos específicos de operação. 
 
 
 
 
 
Boletim 4-254 
EQUIPAMENTOS PARA CONCENTRAÇÃO 
 
Mesa de concentração vibratória tipo Wilfley 
 
2/8 
 
2 \u2013 DADOS DE CAPACIDADE E OPERAÇÃO 
 
A mesa de concentração vibratória consiste de um plano ( tablado ) levemente inclinado ( ver 
fig. #1) segundo o eixo \u201cX\u201d indicado , com sua superfície superior parcialmente coberta ripas ( 
riffles ) formando corredeiras , e um mecanismo vibratório acionado por motor elétrico , que 
submete ao plano ( tablado ) um movimento oscilante diferencial segundo o eixo \u201cY\u201d indicado. 
 
Fig. # 1 
L \u2013 lamas ( área de estratificação ) 
A \u2013 gangas 
B \u2013 mistos 
C - concentrado 
 
O plano ou tablado é construído em madeira de lei com sua superfície revestida de borracha 
ou linóleo, sendo os riffles ( ripas ) de madeira ou tiras de borracha fixados a mesa mediante 
pregos de bronze. 
 
A ENGENDRAR tem procurado introduzir os tablados construídos em fibra de vidro , com os 
riffles estampados em sua superfície. 
 
 
Boletim 4-254 
EQUIPAMENTOS PARA CONCENTRAÇÃO 
 
Mesa de concentração vibratória tipo Wilfley 
 
3/8 
A mesa possui um mecanismo que permite variar continuamente a inclinação do plano no eixo 
\u201cX\u201d dentro de uma faixa estreita de 0 a 150. 
 
O mecanismo de vibração da mesa também permite variação da pulsação , bem como da 
amplitude da oscilação. 
 
O efeito separador das mesas vibratórias tem origem em dois fenômenos largamente 
explorados em equipamentos de concentração , a estratificação em leitos pulsáveis e a 
separação por escoamento laminar. 
 
A polpa é alimentada na mesa mediante uma caixa distribuidora localizada no lado mais alto do 
plano. Uma segunda caixa distribuidora alinhada com a primeira permite a introdução da 
chamada água de lavagem , água esta essencial para efetuar a concentração na forma de um 
filme transversal à direção de vibração. 
 
Devido a composição dos movimentos de queda no plano inclinado mais o efeito hidraúlico da 
água de lavagem e ainda o deslocamento longitudinal provocado pela vibração lateral , as 
partículas descrevem trajetórias diagonais sobre a superfície da mesa mais ou menos inclinada 
formando bandas de diferentes composições densitária e granulométrica que permitem a 
separação do minério conforme indicado na figura #1 
 
A capacidade de qualquer mesa de concentração tipo Wilfley da ENGENDRAR varia com a 
característica do minério , quantidade de mineral contido , diluição da alimentação e espessura 
da alimentação ( lâmina ). 
 
Com a alimentação estremamente fina e com uma quantidade relativamente baixa de mineral , 
a capacidade pode ser tão baixa como 15 tons por 24 horas para as mesas de 6\u2019 x 15\u2019e 7\u2019 x 
15\u2019. Nestas condições as mesas deveriam operar a uma velocidade de 300 rpm , um 
deslocamento de ½\u201d e uma inclinação lateral de cerca de ¼\u201d , usando quantidades mínimas de 
água de lavagem. Para alimentações de 65 malhas ou mais finas um eixo de manivelas 
especial com deslocamento de ½\u201d a ¾\u201d poderá ser fornecido. 
 
Nas condições onde a alimentação seja fina dentre 20-65 malhas , as mesas deverão ser 
operadas com inclinação lateral de cerca de ½\u201d por pé. A velocidade deverá se encontrar 
numa faixa de 260 a 280 rpm com um deslocamento encompridado de cerca de ¾\u201d. Com isto 
suas capacidades encontran-se en torno de 35 a 50 tons por 24 horas. 
 
 
Boletim 4-254 
EQUIPAMENTOS PARA CONCENTRAÇÃO 
 
Mesa de concentração vibratória tipo Wilfley 
 
4/8 
Em casos excepcionais quando da manipulação de areia de aluvião e materiais em que a 
proporção de concentração seja muito alta a capacidade das mesas maiores pode chegar a 
150 tons por 24 horas. 
 
A tabela a seguir enumera varios tipos de minérios e mostra as capacidades aproximadas sob 
condições normais de operação. 
 
TIPO DE MINÉRIO Tamanho da 
alimentação 
%sólidos na 
alimentação 
Tons / 24 hs 
 
Carvão antracito ¼\u201d 25 105 
Lama de antracito \u22121/16\u201d 25 30 
Carvão betuminoso \u22125/16\u201d 25 120 
Cobre ( calcopirita e calcocita ) 28 mesh 30-40 45 
Ouro ( com pirita ) 35 mesh 30 30 
Ilmenita \u221220 mesh 25 20 
Chumbo 8 mesh 25 50-75 
Chumbo 48 mesh 30 30 
Potassa ( hidróxido de potássio ) 1/16\u201d Salmoura 36 
Tungstênio 20 mesh 22 25 
Zinco \u221220 mesh 17 15-20 
 
3 \u2013 ASPECTOS CONSTRUTIVOS 
 
3.1 \u2013 ACIONAMENTO 
 
As mesas ENGENDRAR são fornecidas com caixa de comando totalmente fechada e 
auto-lubrificada emersa em óleo, fabricada em construção soldada em aço carbono. As 
caixas de comando possuem curso variável em forma contínua , mediante parafuso de 
regulagem e acionamento externo por meio de polia do tipo Reeves. 
O acionador é um motor elétrico com polia fixa montado sobre um carro de translação. 
A polia do tipo Reeves permite a variação da velocidade da caixa de comando , 
permitindo flexibilização operacional. 
 
 
3.2 \u2013 BANCADA 
 
A bancada é fabricada em madeira de lei e compensado naval de grande estabilidade , 
com travamento por meio de ferragem longitudinal e amarras de aço que distribuem as 
 
Boletim 4-254 
EQUIPAMENTOS PARA CONCENTRAÇÃO 
 
Mesa de concentração vibratória tipo Wilfley 
 
5/8 
forças de tração igualmente por todas as partes da bancada. Este tipo de construção 
elimina a possibilidade de arqueamento ou empenamento da mesa aliada a uma 
construção relativamente leve. 
A superfície de trabalho é totalmente revestida com borracha natural de alta resistência 
à abrasão colada sobre o trabalho. Sobre o revestimento de borracha são montados as 
corredeiras ( riffles ) 
 
 
3.3 \u2013 CORREDEIRAS ( RIFFLES ) 
 
Sucessivos \u201criffles\u201d cobrem parcialmente a superfície de trabalho da mesa , paralelas ao 
eixo longitudinal da mesma , formando