A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
500 questões IBGE

Pré-visualização | Página 3 de 45

romance e a melhor novela da 
literatura brasileira”.
Nesse texto Vinícius expressa sua opinião sobre dois 
livros de Jorge Amado.
Assinale a opção em que o caráter opinativo está presente 
nos dois termos.
a) textos simples – acaba de escrever.
b) para mim – literatura brasileira.
c) acaba de escrever – melhor romance.
d) melhor novela – textos simples.
e) literatura brasileira – melhor romance.
23. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE 
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) Uma das marcas 
do discurso jornalístico é a impessoalidade. Assinale a 
opção que, ao contrário, mostra traços de pessoalidade.
a) Tornou-se habitual a ocorrência de assaltos nos túneis.
b) Sabe-se que a vida nas grandes cidades é mais cara.
c) Tem sido generalizada a ideia de que a polícia comete 
falhas.
d) É de consenso que os professores ganhamos pouco.
e) Comumente ouve-se falar de acidentes com motos.
24. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE 
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) O jornal O 
Estado de São Paulo publicou, em 6/10/2016, a seguinte 
manchete:
Avanço do desmatamento na Amazônia causa alerta 
no governo
Infere-se dessa manchete que
a) o desmatamento na Amazônia tem aumentado pro-
gressivamente nos últimos tempos.
b) em relação aos anos anteriores, tem havido um au-
mento no desmatamento da floresta.
c) o aumento do desmatamento na Amazônia traz insta-
bilidade política ao governo.
d) o desmatamento da Amazônia traz preocupações ao 
Governo.
e) as preocupações econômicas aumentam com o des-
matamento da Amazônia.
25. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE 
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) 
“A civilização do século XX tornou-se altamente de-
pendente do mais nobre dos combustíveis, porque ele é 
extremamente conveniente: é líquido, podendo pois ser 
transportado facilmente nos mais variados recipientes 
e em oleodutos, e, além disso, é o combustível mais rico 
em calorias. Assim, a humanidade se acostumou com o 
“creme” dos combustíveis e o desperdiçou, como quem 
5
LI
VR
O
 D
E 
Q
U
ES
TÕ
ES
 - 
IB
G
E
desperdiça um bem ganho sem qualquer esforço. Mas 
isso vai acabar, o petróleo é uma herança que recebe-
mos do passado e que fatalmente vai terminar”.
José Goldemberg, Quatro Rodas, maio de 2013.
No texto acima, o corretor de texto do computador sub-
linhou os termos “podendo pois”.
Nesse caso, o erro apontado foi
a) a ausência da conjunção “mas” antes de “podendo”.
b) o emprego indevido de uma vírgula antes do gerún-
dio.
c) o erro de posição de “pois”, que deveria vir antes de 
“podendo”.
d) a falta de vírgulas antes e depois de “pois”.
e) o erro no emprego do gerúndio “podendo”.
26. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE 
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) 
O desmatamento da Floresta Amazônica: causas e so-
luções
O debate sobre o problema do desmatamento da Flo-
resta Amazônica, que tem se expresso, entre outros, nos 
debates sobre as mudanças no Código Florestal, tem-se 
caracterizado por sua superficialidade e pelo seu caráter 
ideológico. Inicialmente, há a necessidade de se identificar 
o processo de forma clara, após isto buscar as suas causas, 
e, finalmente, pensar nas soluções no curto, médio e longo 
prazos.
Política Ambiental, nº 8, junho de 2011.
Assinale a opção em que a relação do título com o texto 
está corretamente identificada.
a) O título fala de causas e soluções do desmatamento, 
mas só indica as soluções.
b) O título indica causas e soluções, mas só indica as cau-
sas.
c) O texto não fala nem de umas nem de outras, apesar 
de falar de causas a soluções do desmatamento.
d) O texto explicita as causas e soluções do desmatamen-
to falando de causas e soluções no título.
e) O texto indica somente uma causa e uma solução, 
apesar de indicar uma quantidade plural de causas e 
soluções.
27. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE 
FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019) 
“A ideia de que a natureza existe para servir o homem 
seria apenas ingênua, se não fosse perigosamente preten-
siosa.
Essa crença lançou raízes profundas no espírito hu-
mano, reforçada por doutrinas que situam corretamente 
o Homo Sapiens no ponto mais alto da evolução, mas in-
cidem no equívoco de fazer dele uma espécie de finalida-
de da criação. Pode-se dizer com segurança que nada na 
natureza foi feito para alguma coisa, mas pode-se crer em 
permuta e equilíbrio entre seres e coisas”.
Lisboa, Luiz Carlos, Olhos de ver; ouvidos de ouvir. Ed. 
DIFEL. 2013.
As opções a seguir apresentam uma série de palavras e 
expressões do campo semântico da religiosidade, à ex-
ceção de uma. Assinale-a.
a) Olhos de ver; ouvidos de ouvir.
b) Essa crença lançou raízes profundas.
c) ... uma espécie de finalidade da criação.
d) ... reforçada por doutrinas.
e) ... nada na natureza foi feito para alguma coisa.
28. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE 
FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019) Quando 
procuramos evitar afirmações de certeza absoluta, 
empregamos expressões de possibilidade. Assinale a 
opção que, ao contrário, expressa certeza.
a) A Terra deve tornar-se um planeta desabitado.
b) É muito provável que a gasolina suba de preço.
c) Sabe-se que o desemprego é o pior de nossos pro-
blemas.
d) O Brasil, provavelmente, crescerá mais em 2019.
e) Existe a possibilidade de nosso país ficar mais rico.
29. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE 
FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019) “A redução 
da maioridade penal é urgente, pois, como mostram as 
pesquisas de opinião, 98% da nossa população apoia a 
redução da maioridade penal.”
Nesse caso, a opinião expressa está apoiada em um 
argumento
a) autoritário
b) narrativo
c) causal
d) opinativo
e) tendencioso
30. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE 
FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019) Em 18 de 
novembro de 2011, o jornal A Tarde publicou a seguinte 
manchete:
“‘Babas’ roubam espaço de banhistas na orla de 
Salvador”.
Sobre os componentes da manchete, assinale a 
afirmativa incorreta.
a) O emprego do verbo “roubar” mostra uma visão nega-
tiva da ação praticada.
b) A linguagem utilizada mostra traços de coloquialida-
de.
c) A mensagem traz implícita a ideia de que os banhistas 
têm direito a certo espaço na orla.
d) O vocábulo ‘babas’ traz aspas para indicar um sentido 
diferente do usual.
e) A manchete é construída de forma não opinativa, 
como recomenda a informação jornalística.
6
LI
VR
O
 D
E 
Q
U
ES
TÕ
ES
 - 
IB
G
E
31. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) 
TEXTO II
Você é o que você se diz: a ciência do diálogo interno
PILAR JERICÓ
Se você quiser variar a percepção que tem sobre 
você, precisa alterar seu diálogo interior. A forma como 
você conversa consigo mesmo condiciona sua capacida-
de de enfrentar as dificuldades e determina a tomada de 
decisões.
A autoafirmação, ou pensar coisas positivas sobre 
nós mesmos, é uma ferramenta muito útil para reforçar 
a autoestima. Entretanto, não vale qualquer comentário. 
Já ficou comprovado que frases como “aguento tudo” 
ou “sou uma pessoa superagradável” não ajudam muito. 
Quem as expressa não está realmente convencido disso, 
então essas expressões podem ter efeito contrário.
A ciência do diálogo interior nos dá pistas sobre as 
técnicas que tornam nossas autoafirmações eficazes: de-
vemos imaginar futuras situações agradáveis e nos tratar 
na segunda pessoa.
Adaptado de: <https://brasil.elpais.com/
brasil/2019/05/05/ciencia/1557083642_455016.html>. 
Acesso em: 25 jun. 2019.
De acordo com o texto, é correto afirmar que
a) conversar consigo mesmo pode combater a depres-
são.
b) a imaginação é importante no processo de melhora 
da autoestima.
c) as pessoas que não conversam com elas mesmas não 
têm autoestima.
d) falar consigo mesmo na primeira pessoa não ajuda 
porque isso não reflete como as outras pessoas falam 
conosco.
e) o diálogo interior só é possível a partir de um diálogo 
exterior, no qual está presente uma segunda pessoa.
32. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP