Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
1

Pré-visualização | Página 1 de 1

Questão 1/10 - Lógica Programável
A máquina de estados é um circuito sequencial que transita em uma sequência finita de estados.
Dadas as seguintes sentenças sobre máquinas de estados em VHDL:
I – A transição de estados é comandada por uma entrada de clock.
II – Na máquina de Mealy o valor da saída depende exclusivamente do estado atual.
III – Na máquina de Moore o valor de saída é indicado no arco (seta).
IV – A implementação se dá em uma estrutura sequencial PROCESS.
V – Os sinais de inicialização assíncrona devem estar na lista de sensibilidade do PROCESS.
 
Marque a alternativa que contém apenas as sentenças corretas.
Nota: 0.0
	
	A
	I, II e III, somente.
	
	B
	I, II e IV, somente.
	
	C
	II, III e V, somente.
	
	D
	I, III e V, somente.
	
	E
	I, IV e V, somente.
Rota3 – Tema4
Questão 2/10 - Lógica Programável
A primeira estrutura básica de um dispositivo de lógica programável possuía tanto o plano AND como o plano OR configuráveis.
Esta estrutura é chamada de:
Nota: 0.0
	
	A
	PAL
	
	B
	LAP
	
	C
	PLA
Aula 1 - Tema 1
	
	D
	ALP
	
	E
	LPA
Questão 3/10 - Lógica Programável
A configuração em VHDL estabelece o elo entre a declaração de um componente e uma entidade de projeto.
É necessário utilizar a configuração quando o componente possui uma entidade com:
Nota: 0.0
	
	A
	vários pacotes
	
	B
	várias constantes
	
	C
	vários mapeamentos de portas
	
	D
	várias arquiteturas
Rota3 – Tema2
	
	E
	várias bibliotecas
Questão 4/10 - Lógica Programável
A linguagem VHDL permite a implementação de subprogramas.
Dadas as seguintes sentenças:
I – Os subprogramas compreendem uma região de código sequencial.
II – Os subprogramas podem ser chamados tanto em regiões de código concorrente quanto em regiões de código sequencial.
III – A função permite retornar um ou mais valores.
IV – No procedimento o comando RETURN é obrigatório.
Quanto à veracidade dessas sentenças, respectivamente, marque a alternativa correta:
Nota: 0.0
	
	A
	F, V, F, V
	
	B
	V, F, V, V
	
	C
	F, V, V, V
	
	D
	V, F, V, F
	
	E
	V, V, F, F
Rota2 – Tema5
Questão 5/10 - Lógica Programável
Os dispositivos CPLDs são uma evolução dos SPLDs.
A estrutura mais básica de um CPLD corresponde à um elemento PAL (ou GAL) associado a circuitos adicionais em sua saída, incluindo um registrador e multiplexadores. Esta estrutura é chamada de:
Nota: 0.0
	
	A
	Microcélula
	
	B
	Macrocélula
Aula 1 - Tema 2
	
	C
	LUT
	
	D
	LE
	
	E
	PIA
Questão 6/10 - Lógica Programável
Nas regiões de código sequencial em VHDL a ordem das linhas é importante para o resultado da funcionalidade implementada.
Os comandos sequenciais ficam em 3 regiões de código específicas, que são:
Nota: 0.0
	
	A
	PROCESS, FUNCTION, COMPONENT
	
	B
	PROCESS, PACKAGE, PROCEDURE
	
	C
	PROCESS, FUNCTION, PROCEDURE
Rota2 – Tema4
	
	D
	FUNCTION, PROCEDURE, BLOCK
	
	E
	FUNCTION, PROCESS, MAP
Questão 7/10 - Lógica Programável
Para iniciar um código em VHDL, primeiramente especificam-se as bibliotecas e pacotes, se necessário, e em seguida define-se a entidade de projeto.
Com a palavra-chave da linguagem PORT definem-se as portas, cujos 4 modos possíveis são:
Nota: 0.0
	
	A
	IN, OUT, INOUT, USER
	
	B
	IN, OUT, BUFFER, RTL
	
	C
	IN, OUT, INOUT, BUFFER
Rota2 – Tema1
	
	D
	INOUT, OUT, BUFFER, WORK
	
	E
	IN, INOUT, OUT, STD
Questão 8/10 - Lógica Programável
A ferramenta de Software Altera Quartus II é utilizada para o desenvolvimento de projetos de lógica programável.
Um dos processos de compilação que já permite simular o projeto é chamado Analysis & Synthesis, também chamado compilação parcial, que compreende as seguintes etapas:
Nota: 0.0
	
	A
	Otimização lógica e montagem
	
	B
	Posicionamento e roteamento
	
	C
	Otimização lógica e mapeamento da tecnologia
Aula 1 - Tema 4
	
	D
	Análise de temporização e otimização lógica
	
	E
	Roteamento e montagem
Questão 9/10 - Lógica Programável
A linguagem HDL permite descrever circuitos digitais.
A linguagem de descrição de hardware difere das linguagens de programação de software, pois inclui um meio de descrever:
Nota: 0.0
	
	A
	a tensão de nível alto e a corrente de entrada
	
	B
	o tempo de propagação e a capacidade de corrente
	
	C
	o tempo de propagação e a intensidade de sinais
Aula 1 - Tema 3
	
	D
	a tensão de alimentação e a intensidade de sinais
	
	E
	a capacitância das portas e a intensidade de sinais
Questão 10/10 - Lógica Programável
Todas as classes de objetos em VHDL devem ser declaradas segundo um tipo definido.
Os 2 tipos do padrão IEEE 1164, que podem assumir 9 valores, são:
Nota: 0.0
	
	A
	BIT e BIT_VECTOR
	
	B
	STRING e BIT_VECTOR
	
	C
	STD_LOGIC e BIT_VECTOR
	
	D
	STD_LOGIC e STD_LOGIC_VECTOR
Rota2 – Tema2
	
	E
	BIT e STD_LOGIC_VECTOR
·