Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
22 pág.
Enem 1998 2008

Pré-visualização | Página 1 de 9

02 - (ENEM/2006) 
Em certas regiões litorâneas, o sal é obtido da água do mar pelo processo de cristalização por evaporação. Para o desenvolvimento dessa atividade, é mais adequado um local
a)	plano, com alta pluviosidade e pouco vento.
b)	plano, com baixa pluviosidade e muito vento.
c)	plano, com baixa pluviosidade e pouco vento.
d)	montanhoso, com alta pluviosidade e muito vento.
e)	montanhoso, com baixa pluviosidade e pouco vento.
Gab: B
04 - (ENEM/2003) 
Os acidentes de trânsito, no Brasil, em sua maior parte são causados por erro do motorista. Em boa parte deles, o motivo é o fato de dirigir após o consumo de bebida alcoólica. A ingestão de uma lata de cerveja provoca uma concentração de aproximadamente 0,3 g/L de álcool no sangue. 
A tabela abaixo mostra os efeitos sobre o corpo humano provocados por bebidas alcoólicas em função de níveis de concentração de álcool no sangue: 
(Revista Pesquisa FAPESP no 57, setembro 2000) 
Uma pessoa que tenha tomado três latas de cerveja provavelmente apresenta 
a)	queda de atenção, de sensibilidade e das reações motoras. 
b)	aparente normalidade, mas com alterações clínicas. 
c)	confusão mental e falta de coordenação motora. 
d)	disfunção digestiva e desequilíbrio ao andar. 
e)	estupor e risco de parada respiratória. 
Gab: A
05 - (ENEM/2007) 
A duração do efeito de alguns fármacos está relacionada à sua meia–vida, tempo necessário para que a quantidade original do fármaco no organismo se reduza à metade. A cada intervalo de tempo correspondente a uma meia–vida, a quantidade de fármaco existente no organismo no final do intervalo é igual a 50% da quantidade no início desse intervalo.
O gráfico acima representa, de forma genérica, o que acontece com a quantidade de fármaco no organismo humano ao longo do tempo.
F. D. Fuchs e Cher l. Wannma. Farmacologia Clínica.
Rio de Janeiro: Guanabara Koogan,1992, p. 40.
A meia-vida do antibiótico amoxicilina é de 1 hora. Assim, se uma dose desse antibiótico for injetada às 12 h em um paciente, o percentual dessa dose que restará em seu organismo às 13 h 30 min será aproximadamente de
a)	10%.
b)	15%.
c)	25%.
d)	35%.
e)	50%.
Gab: D
06 - (ENEM/2006) 
As características dos vinhos dependem do grau de maturação das uvas nas parreiras porque as concentrações de diversas substâncias da composição das uvas variam à medida que as uvas vão amadurecendo. O gráfico a seguir mostra a variação da concentração de três substâncias presentes em uvas, em função do tempo.
O teor alcoólico do vinho deve-se à fermentação dos açúcares do suco da uva. Por sua vez, a acidez do vinho produzido é proporcional à concentração dos ácidos tartárico e málico.
Considerando-se as diferentes características desejadas, as uvas podem ser colhidas 
a)	mais cedo, para a obtenção de vinhos menos ácidos e menos alcoólicos.
b)	mais cedo, para a obtenção de vinhos mais ácidos e mais alcoólicos.
c)	mais tarde, para a obtenção de vinhos mais alcoólicos e menos ácidos.
d)	mais cedo e ser fermentadas por mais tempo, para a obtenção de vinhos mais alcoólicos.
e)	mais tarde e ser fermentadas por menos tempo, para a obtenção de vinhos menos alcoólicos.
Gab: C
07 - (ENEM/2003) 
Após a ingestão de bebidas alcoólicas, o metabolismo do álcool e sua presença no sangue dependem de fatores como peso corporal, condições e tempo após a ingestão. 
O gráfico mostra a variação da concentração de álcool no sangue de indivíduos de mesmo peso que beberam três latas de cerveja cada um, em diferentes condições: em jejum e após o jantar. 
Tendo em vista que a concentração máxima de álcool no sangue permitida pela legislação brasileira para motoristas é 0,6 g/L, o indivíduo que bebeu após o jantar e o que bebeu em jejum só poderão dirigir após, aproximadamente, 
(Revista Pesquisa FAPESP no 57, setembro 2000) 
a)	uma hora e uma hora e meia, respectivamente. 
b)	três horas e meia hora, respectivamente. 
c)	três horas e quatro horas e meia, respectivamente. 
d)	seis horas e três horas, respectivamente. 
e)	seis horas, igualmente. 
Gab: C
08 - (ENEM/2001) 
Segundo um especialista em petróleo (Estado de S. Paulo, 5 de março de 2000), o consumo total de energia mundial foi estimado em 8,3 bilhões de toneladas equivalentes de petróleo (tep) para 2001. A porcentagem das diversas fontes da energia consumida no globo é representada no gráfico.
Segundo as informações apresentadas, para substituir a energia nuclear utilizada é necessário, por exemplo, aumentar a energia proveniente do gás natural em cerca de
a)	10%. 
b)	18%. 
c)	25%. 
d)	33%. 
e)	50%.
Gab: D
09 - (ENEM/1998) 
O pH informa a acidez ou basicidade de uma solução. A escala abaixo apresenta a natureza e o pH de algumas soluções e da água pura, a 25C.
 Uma solução desconhecida estava sendo testada no laboratório por um grupo de alunos. Esses alunos decidiram que deveriam medir o pH dessa solução como um dos parâmetros escolhidos na identificação da solução. Os resultados obtidos estão na tabela abaixo.
Da solução testada pelos alunos, o professor retirou 100ml e adicionou água até completar 200ml de solução diluída. O próximo grupo de alunos a medir o pH deverá encontrar para o mesmo:
a)	valores inferiores a 1,0.
b)	os mesmos valores.
c)	valores entre 5 e 7.
d)	valores entre 5 e 3.
e)	sempre o valor 7.
Gab: C
10 - (ENEM/2004) 
Ferramentas de aço podem sofrer corrosão e enferrujar. As etapas químicas que correspondem a esses processos podem ser representadas pelas equações:
Uma forma de tornar mais lento esse processo de corrosão e formação de ferrugem é engraxar as ferramentas. Isso se justifica porque a graxa proporciona
a)	lubrificação, evitando o contato entre as ferramentas.
b)	impermeabilização, diminuindo seu contato com o ar úmido.
c)	isolamento térmico, protegendo-as do calor ambiente.
d)	galvanização, criando superfícies metálicas imunes.
e)	polimento, evitando ranhuras nas superfícies.
Gab: B
11 - (ENEM/2008) 
A biodigestão anaeróbica, que se processa na ausência de ar, permite a obtenção de energia e materiais que podem ser utilizados não só como fertilizante e combustível de veículos, mas também para acionar motores elétricos e aquecer recintos.
O material produzido pelo processo esquematizado acima e utilizado para geração de energia é o
a)	biodiesel, obtido a partir da decomposição de matéria orgânica e(ou) por fermentação na presença de oxigênio.
b)	metano (CH4), biocombustível utilizado em diferentes máquinas.
c)	etanol, que, além de ser empregado na geração de energia elétrica, é utilizado como fertilizante.
d)	hidrogênio, combustível economicamente mais viável, produzido sem necessidade de oxigênio.
e)	metanol, que, além das aplicações mostradas no esquema, é matéria-prima na indústria de bebidas.
Gab: B
12 - (ENEM/2008) 
Uma fonte de energia que não agride o ambiente, é totalmente segura e usa um tipo de matéria-prima infinita é a energia eólica, que gera eletricidade a partir da força dos ventos. O Brasil é um país privilegiado por ter o tipo de ventilação necessária para produzi-la. Todavia, ela é a menos usada na matriz energética brasileira. O Ministério de Minas e Energia estima que as turbinas eólicas produzam apenas 0,25% da energia consumida no país. Isso ocorre porque ela compete com uma usina mais barata e eficiente: a hidrelétrica, que responde por 80% da energia do Brasil. O investimento para se construir uma hidrelétrica é de aproximadamente US$ 100 por quilowatt. Os parques eólicos exigem investimento de cerca de US$ 2 mil por quilowatt e a construção de uma usina nuclear, de aproximadamente US$ 6 mil por quilowatt. Instalados os parques, a energia dos ventos é bastante competitiva, custando R$ 200,00 por megawatt-hora frente a R$ 150,00 por megawatt-hora das hidrelétricas e a R$ 600,00 por megawatt-hora das termelétricas.
Época. 21/4/2008 (com adaptações).
De acordo com o texto, entre as razões que contribuem para a menor participação da energia eólica na matriz energética brasileira, inclui-se o fato de
a)	haver, no país, baixa
Página123456789