A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Lavagem cirúrgica

Pré-visualização | Página 1 de 1

Lavagem cirúrgica
Método de redução das comorbidades
hospitalares em enfermarias, UTIs e
salas de cirurgia.
Eficiência em 3 pilares 
principais
Eficácia microbiana
do agente tópico
utilizado
Procedimento 
adequado
Adesão das
equipes de
saúde
Microbiologia da pele 
- bactérias resistentes: camadas mais profundas
da pele (apenas diminuídos com a antissepsia)
- bactérias transitórias: transferidas para a pele
através de fontes externas (maior patogenicidade,
porém são removidas facilmente)
Antissépticos
- Iodóforos: iodo dissolvido em polvinilpirrolioda (PVPI)
- mantém as propriedades germicidas do iodo inalteradas e diminui
a incidência de lesões na pele.
- Possui ampla ação contra bactérias Gram- positivas, Gram-
negativas, bacilos da tuberculose, fungos e protozoários.
- Clorexidina: ação germicida se dá através da sua capacidade de
adesão e consequente ruptura das membranas celulares ou
envelopes virais.
A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) indica tanto o
uso de clorexidina quanto o PVPI na lavagem de mãos em
procedimentos cirúrgicos.
as mãos devem ser escovadas na 
seguinte ordem: 
1. Palma das mãos e dedos; 
2. Ponta dos dedos e unhas; 
3. Dorso das mãos e dedos; 
4. Espaços interdigitais, a partir do dedo 
mínimo em direção ao polegar; 
5. Porção anterior do antebraço; 
6. Porção posterior do antebraço. 
Sequencia lavagem das mãos
1. Abrir a torneira, molhar as mãos,
antebraços e cotovelos;
2. Recolher, com as mãos em concha, o
antisséptico e espalhar nas mãos,
antebraços e cotovelos. No caso de
esponjas impregnadas com o antisséptico,
pressione a parte da esponja contra a pele e
espalhe por todas as partes;
3. Limpar sob as unhas com as cerdas da
escova;
4. Friccionar as mãos observando os
espaços interdigitais e antebraço por no
mínimo três a cinco minutos, mantendo as
mãos acima do cotovelo;
5. Enxaguar as mãos em água corrente no
sentido das mãos para cotovelos, retirando
todo o resíduo do produto. Fechar a torneia
com cotovelo, joelhos ou pés.
Isadora Delfino- Medicina

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.