A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
SÍFILIS

Pré-visualização | Página 1 de 1

Camila Shelly de V. Ramos 
 
SÍFILIS 
 
• EPIDEMIOLOGIA X IMPORTÂNCIA 
-7 milhões de pessoas em todo mundo são 
diagnosticadas com sífilis/ano 
• SÍFILIS PRIMÁRIA (CANCRO 
DURO) 
→AGENTE ETIOLÓGICO 
-Bactéria -> Treponema pallidum 
↳Alta patogenicidade 
↳Gram negativa do grupo das espiroquetas 
→PERÍODO DE INCUBAÇÃO 
-10-90 dias (média de três semanas) 
↳Apresentação das lesões primárias (não 
doloridas) 
→RESERVATÓRIO 
-Homem (único reservatório) 
→LESÕES 
-Podem durar entre 2-6 semanas 
↳Desaparecem espontaneamente, independente 
do tratamento 
✓ CARACTERÍSTICAS 
-Úlcera geralmente única 
↳Indolor 
*não procura de atendimento médico 
↳Com base endurecida 
↳Fundo limpo 
-Rico em treponemas 
↳Muito infecciosas 
 
 
→MODO DE TRANSMISSÃO 
-Sexual -> predominante 
-Vertical 
 
-Sanguíneo -> muito raro 
→SUSCETIBILIDADE 
-Universal 
-Não confere imunidade 
↳Possibilidade de adquirir sífilis mais de uma vez 
*não produção de anticorpos protetores 
→DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL 
-Concroide 
-Herpes genital 
-Linfogranuloma venereo 
-Donovanose 
-Câncer 
-Leshmaniose tegumentar 
-Trauma local 
• SÍFILIS SECUNDÁRIA 
-Ocorre em média 6 semanas a 6 meses após 
cicatrização do cancro duro 
-Consiste na disseminação do treponema pelo 
organismo 
 
Camila Shelly de V. Ramos 
 
→LESÕES 
✓ CARACTERÍSTICAS 
-Pápulas palmo plantares 
-Placas 
-Condilomas planos 
-Alopecia 
-Madarose (perda da sobrancelha) 
 
→DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL 
-Farmacodermia 
↳Lesão de pele em resposta a medicamentos 
-Doenças exantemáticas não vesiculares 
-Hanseníase 
-Colagenoses 
• SÍFILIS TERCIÁRIA 
-Corresponde a 15-25% das infecções não 
tratadas após um período variado de latência 
-Período de surgimento? Podem surgir após 1-40 
anos após infecção 
-Inflamação -> destruição tecidual 
-Acometimento 
↳SNC, SCV (alterações nas valvas) 
→LESÕES 
-Gomas sifilíticas 
↳Tumoração com tendência de liquefação 
*na pele, mucosas, ossos ou qualquer tecido 
-Podem causar desfiguração, incapacidade e até 
morte 
 
→DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL 
-Tuberculose 
-Leishmaniose tegumentar 
-Esporotricose 
-Aneurismas congênitos 
-Tumor intracraniano 
-Distúrbios psiquiátricos 
OBS:NEUROSÍFILIS X SÍFILIS 
TERCIÁRIA 
-Neurosífilis pode ocorrer independentemente do 
estágio da sífilis 
↳Sífilis primária, secundária ou terciária 
OBS:SÍFILIS LATENTE RECENTE X 
LATENTE TARDIA 
-Infecção há menos de 1 ano 
↳Sífilis latente recente 
-Infecção há mais de 1 ano 
↳Sífilis latente tardia 
#a maioria dos pacientes são tratados como 
tardia 
• DIAGNÓSTICO 
→TESTES TREPONÊMICOS 
-Confirmatório de sífilis 
-Usados no diagnóstico da primeira infecção 
-Uma vez positivo -> sempre positivo 
✓ TESTE RÁPIDO 
✓ ELISA 
✓ FTA-ABS 
 
 
Camila Shelly de V. Ramos 
 
OBS:MICROSCOPIA EM CAMPO 
ESCURO 
-Raspagem da lesão da sífilis primária (cancro 
duro) -> microscopia em campo escuro -> 
visualização de Treponema pallidum 
 
→TESTES NÃO TREPONÊMICOS 
-Positivo não necessariamente indica sífilis 
✓ VDLR 
-Usado para controle de cura do paciente com 
sífilis 
 
-Positivo após 3 semanas do surgimento do 
cancro duro 
-Tende a diminuir 
↳Com o tratamento 
↳Com o passar do tempo na doença 
OBS:EFEITO PRO-ZONA X VDLR 
-Mediante a uma presença de grande quantidade 
de anticorpos (efeito PRO-ZONA = observado na 
sífilis 2° devido à presença intensa de anticorpos) 
↳VDLR pode dar falsamente negativo 
↳Muito anticorpo para pouco antígeno -> pouca 
aglutinação 
#necessita de diluição para positivar -> 
diminuição do n° de anticorpos reagindo de 
maneira efetiva com o antígeno 
 
OBS:TESTES DIAGNÓSTICOS X TEMPO 
 
 
• TRATAMENTO SÍFILIS******* 
→PARA SÍFILIS RECENTE 
-Infecção há menos de 1 ano 
↳Tratar como se fosse sífilis primária 
-1 dose de benzetacil (penicilina benzatina) = 2 
injeções 
→PARA SÍFILIS TARDIA 
-Infecção há mais de 1 ano 
↳Tratar como se fosse sífilis secundária/terciária 
-3 doses de benzetacil = 6 injeções 
OBS:E QUANDO O PACIENTE NÃO 
SOUBER QUANDO SE INFECTOU E 
NUNCA TIVER REALIZADO 
TRATAMENTO PARA SÍFILIS? 
Tratar como sífilis tardia 
-3 doses de benzetacil = 6 injeções 
OBS:REAÇÃO AO TRATAMENTO X 
REAÇÃO JARISCH-HERXHEIMER 
-Ocorre no início do tratamento para sífilis (24h) 
Primeira injeção de penicilina 
Camila Shelly de V. Ramos 
 
-Não é reação devido a droga, e sim reação 
inflamatória devido a grande quantidade de 
treponema 
-Clínica = tremores, frio, febre elevada, 
indisposição, odinofagia, mialgia, cefaleia, 
taquicardia, exacerbação da reação inflamatória 
nos locais de infecção pelas espiroquetas 
• NEUROSÍFILIS 
-Não tem relação com fase da infecção 
↳Pode vir a qualquer momento 
→DIAGNÓSTICO 
✓ PUNÇÃO LOMBAR 
-Análise do LCR 
→TRATAMENTO 
-Penicilina cristalina

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.