Buscar

Aspectos Legais e Tributários nas Sociedades de Cooperativas de Crédito

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 15 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 15 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 9, do total de 15 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

As Sociedades Cooperativas são obrigadas por força da Lei 5.764/71 a constituir diversos Fundos para a garantia da sua finalidade e a preservação de seus compromissos. São eles:
A
O artigo que tornava obrigatório a Constituição dos Fundos nas Sociedades Cooperativas foi derrogado pelo Novo Código Civil de 2002. Por esse motivo não há mais obrigação da Constituição desses Fundos.
B
Embora a lei obrigue as Sociedades Cooperativas a constituir Fundos para garantia da sua finalidade, é a Assembleia Geral que vai decidir quais serão os fundos necessários para cada tipo de cooperativa.
C
O Fundo de Reserva que é destinado a reparar perdas e atender ao desenvolvimento de suas atividades; o FATES – Fundo de Assistência Técnica, Educacional e Social, destinado a prestação de assistência aos associados e seus familiares.
D
O Fundo Rotativo criado pela Assembleia Geral para atender a fins específicos; o Fundo de Reserva destinado a reparar perdas e atender o desenvolvimento de suas atividades; o FATES – Fundo de Assistência Técnica, Educacional e Social, destinado a prestação de assistência aos associados e seus familiares. 
Duas figuras jurídicas no Direito Tributário são importantes quando se fala da Tributação em termos gerais. Uma delas é a capacidade econômica da entidade (empresa, cooperativa ou pessoa física) de poder recolher os tributos que lhe cabem. A outra decorre de um princípio Constitucional importantíssimo e que veda distinção entre os contribuintes. São eles:
 
A
A igualdade contributiva e a capacidade tributária;
 
B
A capacidade contributiva e a igualdade tributária;
 
C
Nenhuma das alternativas.
D
A capacidade produtiva e a igualdade tributária;
 
O Capital Social tem diversos conceitos, variando da natureza econômica à contábil. Para o Cooperativismo, no entanto, esse conceito é um pouco mais amplo. Leia as afirmações abaixo e assinale a alternativa que seja mais coerente com os princípios Cooperativistas.
I- No Brasil, a legislação prevê que as Sociedades Cooperativas sejam constituídas através do Capital Social. No entanto, o Código Civil prevê que ele seja dispensado.
II- NÃO é possível constituir uma cooperativa sem a subscrição de Capital Social. A legislação brasileira não prevê esse caso.
III- A natureza jurídica do Capital Social das cooperativas é diferente do conceito de Capital Econômico e Contábil, uma vez que para a cooperativa ele representa o padrão de ingresso do sócio.
IV- Costuma ser estabelecido em Assembleia Geral um teto para a integralização do Capital Social, tendo em vista que é importante saber quem vai deter o poder nas sociedades como um todo.
 
A
As alternativas I, II e IV estão corretas.
B
As alternativas II, III e IV estão corretas.
C
Somente a alternativa IV está correta.
D
As alternativas I e III estão corretas.
As Cooperativas de Crédito apresentam alguns diferenciais sobre as demais Instituições Financeiras denominadas Banco. Citamos abaixo algumas delas, mas há entre elas uma que NÂO exemplifica uma Cooperativa de Crédito. Assinale a alternativa INCORRETA:
A
É vedada a transferência das quotas-parte a terceiros.
B
Os resultados (sobras) são distribuídos entre os sócios, proporcionalmente ao volume de operações que realizaram durante o exercício.
C
O controle desse tipo de empresa é exercido a partir da participação de capital.
D
Essas sociedades são sociedades de pessoas e não de capital.
São consideradas questões centrais da Governança Corporativa:
A
Legitimidade do papel dos conselheiros, política de informação visando a melhoria do fluxo de informação entre executivos e conselheiros, criação de mecanismos eficientes de controle da gestão, conhecimento das leis e sanções e gestão de risco.
B
Melhoria dos salários dos conselheiros, criação de sistemas de controle de presença nas reuniões, maior poder de decisão quando decidido pela maioria dos votos.  
C
Criação de uma secretaria que atenda tanto o Conselho de Administração quanto a Diretoria Executiva afim de minimizar os custos, centralização de decisões, aumento do mandato de 2 para 3 anos para tornar o Conselho mais profissional e plano de cargos e salários adequado às funções.
D
A Governança Corporativa foi um estudo efetuado pelo Banco Central com o intuito de exercer maior controle sobre as Cooperativas de Crédito. Desse modo as decisões do Conselho Fiscal precisam sempre do aval do Banco Central sob pena de não terem validade legal.
Leia as afirmações abaixo e assinale a que seja adequada quanto à dispensa do Capital Social, permitido pelo Novo Código Civil de 2002, nas Sociedades Cooperativas de Crédito:
A
A forma particular de uma Sociedade Cooperativa de Crédito, recomenda que ela não tenha capital próprio, mas sempre de terceiro, uma vez que sua função é apenas repassar ao seu quadro social, os recursos obtidos nas redes bancárias.  
B
O Novo Código Civil de 2002 não permite a Constituição de uma Sociedade Cooperativa de Crédito sem Capital Social.
C
Na verdade não existe necessidade de uma Sociedade Cooperativa de Crédito ter capital próprio, tendo em vista que ela obtém recursos de fontes diversas como a rede bancária pública e privada.
D
Existe a recomendação de que as Sociedades Cooperativas de Crédito tenham recursos provenientes de sua capitalização própria além daqueles que possa acumular, com a finalidade de atender os seus associados, já que têm suas próprias particularidades. 
A constituição das Sociedades Cooperativas se dá pela deliberação da Assembleia Geral dos fundadores. São itens obrigatórios que devem contar na ata ou instrumento público de sua constituição, sob pena de ser nula:
A
Além dos itens acima, os associados devem assinar um termo declarando não fazer parte de nenhuma outra Sociedade Cooperativa.
B
A ata de Constituição da Cooperativa não deve conter nenhuma indicação dos associados, já que é possível a entrada de outros sócios no decorrer da existência da Sociedade.
C
A denominação da entidade, sede e objeto de funcionamento; o nome, nacionalidade, idade, estado civil, profissão e residência dos associados fundadores e o valor da cota-parte de cada um; o nome, nacionalidade, estado civil, profissão e residência dos associados eleitos para os órgãos de administração, fiscalização e outros;
D
Não existe na Lei 5.764/71 nenhum item obrigatório para se registrar a ata da constituição da Cooperativa.
Dependendo do tipo de Sociedade, Cooperativa ou Empresarial, o Capital Social tem funções diferentes. A seguir, listaremos os conceitos dados por Sempere (apud Krueger 2002, p 202-207), sendo que apenas uma delas se aplica às Sociedades Cooperativas. Assinale a alternativa correta.
A
A função do capital é promover o funcionamento da sociedade, gerando empregos e lucros; é através dele que os sócios têm direito ao exercício do voto, proporcional ao capital investido.
B
O capital tem sua função instrumental - é o que dá aos sócios a perspectiva de que seus direitos e obrigações, especialmente nas sociedades onde o direito de voto é proporcional ao valor do capital subscrito.
C
O capital tem sua função de garantia – que é o mecanismo que garante a segurança dos credores da sociedade, especialmente quando a responsabilidade dos sócios é limitada.
D
O capital tem sua função produtiva – ele serve para iniciar a atividade da sociedade no momento de sua fundação e vai configurar os recursos próprios da mesma.
Com relação à constituição as Cooperativas podem ser classificadas como Singulares, Centrais ou Federações de Cooperativas e Confederações de Cooperativas. Leia as afirmações abaixo e assinale a que estiver correta.
A
As Cooperativas Singulares são aquelas compostas de pelo menos 20 pessoas físicas, sendo excepcionalmente permitida a admissão de pessoas jurídicas; as Cooperativas Centrais ou Federações de Cooperativas são aquelas constituídas de no mínimo 3 Cooperativas Singulares; as Confederações de Cooperativas são constituídas de pelos menos Federações de Cooperativas ou Cooperativas Centrais.
B
As Cooperativas Singulares são compostas de pelo menos 30pessoas físicas ou jurídicas; As Cooperativas Centrais ou Federações de Cooperativas de no mínimo 10 Cooperativas Singulares; As Confederações de Cooperativas são constituídas de 5 ou mais Federações de Cooperativas.
C
Todas as afirmativas estão corretas.
D
As Cooperativas Singulares são aquelas compostas de pelo menos 20 pessoas físicas e pelo menos 5 jurídicas; As Cooperativas Centrais ou Federações de Cooperativas são aquelas constituídas de no mínimo 3 Cooperativas singulares e 2 não-singulares; As Confederações de Cooperativas são constituídas de 3 Federações de Cooperativas sendo que 2 delas devem ser Centrais.
A Lei 5.764/71 veda a adoção de algumas práticas para o funcionamento das Cooperativas:
 
A
NÃO existe nenhum impedimento legal para o uso da expressão Banco para as Sociedades Cooperativas.
B
O uso da expressão COOPERATIVA NÃO é obrigatório para as Sociedades Cooperativas.
C
As Sociedades Cooperativas NÃO podem adotar qualquer gênero de serviço, operação ou atividade.
D
As Sociedades Cooperativas NÃO podem usar a expressão “Banco”.
Quando uma Assembleia e uma Cooperativa vai se reunir é necessário um determinado número de participantes em relação ao número de associados; para que as decisões sejam legitimadas, é necessário que exista um número mínimo de participantes presentes nessa Assembleia. Quais são os termos que definem esses conceitos?
A
quórum de abertura e quórum de participação.
B
quórum de instalação e quórum de deliberação.
C
quórum de instalação e quórum de decisão.
D
quórum livre e quórum flutuante.
A Lei Complementar 130/09 também equiparou as Cooperativas de Crédito às demais Instituições de Crédito tradicionais, garantindo seu acesso a todos os instrumentos do mercado financeiro. Com isso as Cooperativas de Crédito passaram a ser regulamentadas e fiscalizadas pelas seguintes Instituições:
A
Conselho Monetário Nacional (CMN) e Banco Central;
B
Conselho Monetário Nacional (CMN) e Banco do Brasil;
C
Conselho Nacional de Crédito Cooperativo (CNCC) e Banco Central;
D
Conselho Nacional de Crédito Cooperativo (CNCC) e Conselho Monetário Nacional ( CMN).
Qualquer pessoa que queira fazer parte de uma Sociedade Cooperativa pode fazê-lo, sem que esta se imponha a essa adesão. Esse princípio é muito conhecido nos meios Cooperativistas pelo nome de:
A
Princípio de Autonomia de Adesão.
B
Princípio de Adesão Voluntária.
C
Princípio da Autonomia e Independência.
D
Princípio da insignificância.
A Tributação essencial que ocorre sobre as Sociedades Cooperativas de modo geral, é efetuada sobre os chamados Atos Cooperativos e Atos Não-Cooperativos. Lembrando que Atos Cooperativos são aqueles praticados entre as cooperativas e seus associados, entre estes e aquelas e entre as próprias cooperativas entre si, quando associados e que não são tributados. Os Atos Não-Cooperativos são, portanto, aqueles realizados pelas Cooperativas com terceiros ou que estejam fora da realização dos objetivos sociais da Cooperativa. Vamos enumerar uma série de atividades praticadas pelas Cooperativas para que você enumere, caracterizando:
[1] ATOS COOPERATIVOS
[2] ATOS NÃO-COOPERATIVOS
 
I- ( ) Aquisição de sementes pela Cooperativa Jasmim para fornecimento ao produtor-rural que é seu associado.
II- ( ) Atendimento médico aos usuários de Cooperativa Médica UNIMED.
III- ( )Aquisição de produção de soja de não associados para suprir capacidade ociosa da fábrica de óleo de uma Cooperativa SOJÃO.
IV- ( ) Compra de 200 toneladas de ração para fornecimento aos associados da Cooperativa Agrícola FRANGÃO.
V- ( ) Venda de sementes de milho para os produtores associados da Cooperativa MILHÃO.
VI- ( ) Aplicação financeira efetuada por uma Cooperativa de Crédito para seus associados.
VII- ( ) Armazenamento da produção de trigo, na Cooperativa Y dos associados da Cooperativa X, por falta de espaço em seus silos.
VIII- ( ) Venda de pescado adquirido de não sócios, pela Cooperativa de Pesca PEIXÃO para cumprir o contrato efetuado com a Empresa de Pescados Zé Colméia.
IX- ( ) Venda de mercadorias diversas na COOPER Hering a não associados.
X- ( ) Empréstimo financeiro a correntista da Cooperativa de Crédito Blusol.
XI- ( ) Financiamento Imobiliário efetuado pela Cooperativa Habitacional do Vale do Itajaí, para um associado que tem poupança nesse estabelecimento.
XII- ( ) Recebimento de vários boletos de cobrança do José da Silva, que não é correntista do SICREDI.
 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta:
A
[1] – [2] – [2] – [2] – [1] – [1] – [1] – [2] – [2] – [1] – [2] – [1].  
B
[1] – [2] – [1] – [2] – [2] – [2] – [1] – [1] – [1] – [2] – [2] – [1].
C
[2] – [1] – [1] – [2] – [1] – [2] – [2] – [1] – [1] – [2] – [1] – [2].
D
[1] - [1] – [2] – [1] – [1] – [1] – [2] – [2] – [2] – [1] – [1] – [2].  
São características singulares das Sociedades Cooperativas que as distinguem das demais Sociedades Mercantis, segundo o Novo Código Civil Brasileiro (artigo1094):
A
Não houve, no Novo Código Civil, nenhuma mudança significativa em relação ao Capital Social.
B
Dispensa do Capital Social, passiveis de serem constituídas como um tipo de sociedade própria, obedecendo Legislação Especial que as regulamenta.
C
Apesar da dispensa do Capital Social, o Novo Código Civil obriga as Sociedades Cooperativas a serem constituídas da mesma forma como as Sociedades Comerciais.
D
As Sociedades Cooperativas poderão ter dispensadas o Capital Social desde de obedeçam a um determinado padrão, como por exemplo, ter um número mínimo de associados.
Com relação às características que distinguem uma Sociedade Cooperativa das demais sociedades, leia com atenção as frases a seguir e assinale a alternativa correta:
I. A adesão voluntária, a variabilidade do Capital Social e a limitação de quotas-parte são algumas das características que diferem a Sociedade Cooperativa das demais sociedades.
II. Numa Sociedade Cooperativa de Crédito o voto é singular, existe um quórum para o funcionamento e a deliberação numa Assembleia Geral. Há retorno das sobras líquidas e o fundo de Reservas é indivisível.
III. NÃO existe neutralidade política ou indiscriminação religiosa, racial ou social numa Sociedade Cooperativa, afinal as pessoas que fazem parte dela são iguais. Além disso, é obrigatória a prestação de assistência aos associados, bem como aos empregados da cooperativa.
A
Todas as alternativas estão corretas.
B
As alternativas II e III estão corretas.
C
As alternativas I e III estão corretas.
D
As alternativas I e II estão corretas.
Um dos principais motivos do surgimento da Governança Corporativa, que foi citada pela primeira vez dentro da Teoria da Agência nos Estados Unidos foi:
A
a resolução de conflitos entre gestores e investidores (stakeholders), sendo que o papel de mediador desses conflitos é do Conselho de Administração. 
B
uma visão moderna de Planejamento Estratégico dentro das empresas e a solução para os conflitos entre Conselho de Administração e Conselho Fiscal.
C
para separar as funções do Conselho de Administração e o Planejamento Estratégico da Empresa.
D
a resolução de conflitos econômicos pelos detentores do Capital Social e por aqueles que eram apenas Conselheiros nas empresas.
O Ato Cooperativo envolve negócios efetuados pelas Cooperativas e que podem ser de duas espécies: negócio-meio, que é quando uma Cooperativa de Consumo adquire produtos no mercado, quando os produtores fazem a entrega de produtos numa Cooperativa de Produtores. O negócio-fim é quando a Cooperativa de Consumo vende os produtos que adquiriu aos cooperados. E quando a Cooperativa de Produtores efetua a venda dos produtos entregues por seus cooperados no mercado, tem-se o que se chama de negócio-fim. A soma desses dois tipos de negócio pode ser chamado de ciclo operacional. Assinale um dos exemplos abaixo que NÃO são considerados como ciclos operacionais, de acordo com o enunciado acima.
A
aquisição/produção/ venda em Cooperativas de Produção; 
B
captação de recursos/concessão de empréstimos nas Cooperativas de Crédito; 
C
contratação/prestaçãode serviços nas cooperativas de trabalho.
D
aquisição/venda a terceiros nas Cooperativas de Consumo;
O Banco Central coordenou o Projeto de Governança Corporativa no Cooperativismo de Crédito, a fim de garantir um adequado sistema de Governança nesse segmento, já que sua missão é garantir a solidez das Instituições Financeiras dentro do Sistema Financeiro Nacional. Esse projeto tem as seguintes características/objetivos:
I – A construção de um ambiente de Governança adequado considerando as características especiais das Cooperativas de Crédito e sua realidade dentro do sistema Financeiro.
II – O Objetivo desse projeto é disseminar as diretrizes para as boas práticas de Governança em Cooperativas de Crédito no Brasil, não tendo o propósito de criar normas ou fiscalizar o setor.
III – Garantir um controle mais rígido das Cooperativas de Crédito dentro do Sistema Financeiro Nacional, tendo em vista que as Cooperativas de Crédito não são Bancos e têm uma legislação muito específica.
 
A
As alternativas I e III estão corretas.
B
As alternativas I e II estão corretas.
C
Todas as alternativas estão corretas.
D
Somente a alternativa I está correta.
Em relação à responsabilidade nas sociedades em geral, também nas cooperativas elas podem ser classificadas das seguintes formas: Assinale com V (Verdadeira) e com F (Falsa).
I- ( ) de responsabilidade limitada quando a responsabilidade do associado pelos compromissos da sociedade se limitar ao valor do capital por ele subscrito.
II- ( ) de responsabilidade ilimitada quando a responsabilidade do associado pelos compromissos da sociedade for impessoal, solidária e restrita.
III- ( ) a responsabilidade do associado é sempre limitada ao capital subscrito independente de como seja constituída a sociedade.
IV- ( ) de responsabilidade ilimitada quando a responsabilidade do associado pelos compromissos da sociedade for pessoal, solidária e não tiver limites.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta:
A
V – F – V – V.  
B
V – F – F – V.
C
V – V – F – F.
D
F – V – F – V.  
Classificação: Pública
Classificação: Pública
Classificação: Pública

Outros materiais

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes