Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Avaliação I - Teoria Politica II

Pré-visualização | Página 1 de 3

Disciplina:
	Teoria Política II (CPO05)
	Avaliação:
	Avaliação I - Individual FLEX ( Cod.:650458) ( peso.:1,50)
	Prova:
	22119151
Parte superior do formulário
	1.
	Vilfredo Pareto é considerado um dos maiores economistas italianos de todos os tempos. Pareto é também importante na Ciência Política, na Sociologia e na Estatística. Sua influência nessas ciências, tanto quanto na economia contemporânea, é reconhecidamente notável. Sua obra é considerada de significativa relevância justamente pela influência interdisciplinar que adquiriu nas Ciências Sociais. De fato, pelo seu tipo de abordagem na economia, é um dos poucos cientistas sociais considerado um clássico em várias áreas das Humanidades. Sob tais pressupostos, assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	O principal objetivo do economista e sociólogo italiano era estudar o budismo e o confucionismo característico das sociedades orientais, procurando compreender o sentido das ações dos indivíduos, algo muito parecido com o pressuposto metodológico de Max Weber, com sua teoria da ação social.
	 b)
	O principal objeto do economista e sociólogo italiano era analisar do ponto de vista das crenças populares a sociedade, procurando compreender o sentido das ações dos indivíduos, algo muito parecido com o pressuposto metodológico de Max Weber, com sua teoria da ação social.
	 c)
	O principal objetivo do economista e sociólogo italiano era estudar cientificamente a sociedade, procurando compreender o sentido das ações dos indivíduos, algo muito parecido com o pressuposto metodológico de Max Weber, com sua teoria da ação social.
	 d)
	O principal objeto do economista e sociólogo italiano era analisar teologicamente a sociedade, procurando compreender o sentido das ações dos indivíduos, algo muito parecido com o pressuposto metodológico de Max Weber, com sua teoria da ação social.
	2.
	O problema central na análise teórica de Gaetano Mosca é o poder. Nada em sociedade seria mais importante enquanto objeto de estudo das Ciências Sociais. O autor italiano se preocupa em compreender seus fundamentos, desde a necessidade de saber: quem o detém, por quais razões, com base em quais mecanismos de justificação e sua finalidade última. De toda maneira, ainda poderíamos dizer, em outras palavras, que Mosca apresenta ao seu leitor as origens, a formação, a organização e as consequências do poder. Com relação à questão do poder no pensamento de Gaetano Mosca, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) A característica mais familiarmente convergente da teoria de Gaetano Mosca com outros teóricos das elites, entre alemães e italianos, é a afirmação categórica de nunca haverá uma elite organizada a controlar o poder, onde houver Estado, onde houver sociedade, incluindo os ambientes mais democráticos. 
(    ) Independentemente da forma de estado que caracteriza um período histórico particular e a forma de governo expressa pela lei, nunca haverá uma maioria de indivíduos cuja sorte estará condicionada ao comando de uma minoria poderosa e suficientemente coesa a exercer o poder, submetendo outros a sua autoridade. 
(    ) Nunca haverá uma minoria organizada em detrimento ou em nome de uma maioria desorganizada. O exercício do poder compete à maioria a partir dos fundamentos da democracia participativa.
(    ) O  jurista italiano observa que a classe política está não está no centro do sistema social. Sua tentativa analítica é oferecer ao leitor uma perspectiva orgânica da classe política, isto é, de que se trata invariavelmente de um organismo que não tem vida própria necessitando hospedar-se no imaginário das massas para poder justificar sua existência.  
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - V - V - V.
	 b)
	V - V - V - F.
	 c)
	F - F - F - F.
	 d)
	F - V - V - V.
	3.
	O sociólogo Robert Michels é um dos principais nomes da literatura política. Não apenas quando o assunto são as elites, mas, também, quando se trata dos partidos políticos. No cerne destes, segundo Michels, emergiam as elites mais poderosas, sobre as quais o autor dedicou muitos anos de seus estudos e lhes apontou o dedo na ferida. Sobre os partidos políticos, conforme Michels, analise as sentenças a seguir:
I- Todos os partidos classistas, na sua origem, antes de iniciar a marcha para a conquista do poder, pronunciam sempre, perante o mundo, a declaração solene de querer libertar, não tanto a si próprios como a toda a Humanidade da presença de uma ameaça tirânica e querer substituir o regime injusto por um justo. 
II- Essa promessa, em geral, não feita pelos partidos conservadores tradicionais, é um clichê entre os partidos ditos populares. No entanto, na realidade, essa promessa não pode ser cumprida, devido à lógica inerente a cada organização.
III- Todos os partidos classistas na sua origem, antes de iniciar a marcha para a conquista do poder, pronunciam sempre, perante o mundo, a declaração solene de querer beneficiar primeiramente aos membros do partido e posteriormente às corporações vinculadas ao Estado. 
IV- Toda a organização de partido representa uma poderosa oligarquia que se apoia em pés democráticos.
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças I, II e IV estão corretas.
	 b)
	As sentenças III e IV estão corretas.
	 c)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 d)
	As sentenças I e III estão corretas.
	4.
	Segundo Gaetano Mosca, a existência de uma fórmula política é sempre necessária do ponto de vista da psicologia social. Isso acontece porque a necessidade de obedecer grandes princípios é inerente à natureza humana. Mosca afirma que não é a fórmula política que determina a maneira como a classe política é estruturada. Pelo contrário, é a classe política que sempre adota a fórmula que melhor lhe convém. Esta afirmação radical e franca demonstra o desapego de Gaetano Mosca a qualquer ilusão sobre a política, mas é elucidativa no sentido de compreender a lógica da dominação. Com relação à questão da fórmula política presente na teoria de Gaetano Mosca, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Ao longo da história, elites se sucedem no poder, ora preservando, ora modificando leis e regras apoiadas nos valores e crenças da sociedade com o principal propósito de garantir em primeiro lugar as suas conveniências corporativas. 
(    ) Para Gaetano Mosca não há espaço para pensar a política como lócus de negociações por partes de grupos de interesse, pois a política pressupõe a busca da verdade una e imutável e, portanto, avessa a acordos e negociações.
(    ) A posição de Mosca com relação às formas históricas de perpetuação de elites no poder e no domínio político de sociedades caracteriza-se por ser uma posição romântico-revolucionária.
(    ) Há autores que advertem que as análises de Mosca revelam uma posição conservadora. Trata-se não apenas de um realismo político, mas também de um esforço intelectual em defesa das instituições existentes. 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - V - V - F.
	 b)
	V - V - V - V.
	 c)
	V - F - F - V.
	 d)
	F - F - F - F.
	5.
	Do ponto de vista da formulação de uma sociologia científica, Pareto trabalhava na perspectiva dual de ações lógicas e ações não lógicas. Via lógica e racionalidade nas ações de cunho econômico, esta recíproca não era verdadeira com relação às ações políticas. Decidiu lograr a compreensão científica das condutas não lógicas dos políticos e das ações políticas estabelecendo critérios analíticos. Com base no exposto, analise as sentenças a seguir:
I- O primeiro critério seria o da neutralidade, isto é, o de que, para compreender as ações, era preciso fazê-lo imparcialmente, isto é, sem julgamentos morais e passionais. 
II- O segundo critério se estabelece a partir da constatação de que não há solução para o problema da conduta humana que, em política, teria sempre o componente dos interesses egoísticos e das paixões.
III- O primeiro critério seria da exclusão do mito da neutralidade
Página123