Aula 01
62 pág.

Aula 01


DisciplinaIntrodução ao Direito I86.499 materiais502.215 seguidores
Pré-visualização15 páginas
27
IV. PARTIDOS POLÍTICOS 
43. (CESPE - 2009 - OAB - Exame de Ordem) A CF consagra o princípio da 
liberdade partidária de modo ilimitado e irrestrito, não admitindo 
condicionantes para a criação, fusão, incorporação e extinção dos partidos 
políticos.
Errado. Pessoal, \u201cpartidos políticos\u201d é um assunto super tranquilo, 
quase não cobrado pela ESAF em suas provas, tanto que existem 
poucas questões da banca sobre o assunto. Resolvi trazer algumas do 
CESPE para cobrirmos certinho os tópicos da Constituição. 
Apesar de a Constituição estabelecer a liberdade de organização 
partidária, ou seja, é livre a criação, fusão, incorporação e extinção 
dos partidos políticos, ela limita essa liberdade, pois devem ser 
observados:
1 - Soberania nacional 
2 - Pluralismo partidário 
3 - Regime democrático 
4 - Direitos fundamentais 
 Preceitos a) Caráter nacional; 
b) Prestação de contas à Justiça Eleitoral; 
c) Vedação de utilização de organização paramilitar;
d) Funcionamento parlamentar de acordo com a lei e
e) Proibição de recebimento de recursos de entidade ou 
governo estrangeiros ou vinculada ao estrangeiro. 
44. (CESPE/TJAA-TRE-MG/2008) A CF estabelece o caráter estadual e municipal 
dos partidos políticos.
Errado. Os partidos políticos devem sempre possuir caráter nacional.
45. (CESPE - 2008 - PC-TO - Delegado de Polícia) Apesar de terem organização e 
caráter nacional, os partidos políticos, no Brasil, não estão obrigados à 
vinculação entre as candidaturas em âmbito nacional, estadual, distrital ou 
municipal. 
Certo. Não existe mais a verticalização obrigatória no Brasil, pois o STF 
entendeu que isso viola a livre organização dos partidos políticos, 
assegurada no §1º do art. 17. Assim, os partidos políticos, no Brasil, 
RESUMÃO \u2013 DIREITO CONSTITUCIONAL \u2013 AURFB 
PROFESSOR: ROBERTO TRONCOSO 
Prof. Roberto Troncoso\ufffd\ufffd www.pontodosconcursos.com.br 28
não estão obrigados à vinculação entre as candidaturas em âmbito 
nacional, estadual, distrital ou municipal. 
46. (CESPE/Juiz Federal Substituto \u2013 TRF 5ª/2009) Os partidos políticos adquirem 
personalidade jurídica com registro dos seus estatutos no Tribunal Superior 
Eleitoral. 
Errado. Os partidos políticos são pessoas jurídicas de direito PRIVADO 
e, primeiro adquirem personalidade jurídica na forma da lei e, somente 
depois dessa aquisição é que pode ser feito o registro do estatuto do 
partido no Tribunal Superior Eleitoral. 
RESUMÃO \u2013 DIREITO CONSTITUCIONAL \u2013 AURFB 
PROFESSOR: ROBERTO TRONCOSO 
Prof. Roberto Troncoso\ufffd\ufffd www.pontodosconcursos.com.br 29
V. DIREITOS DE NACIONALIDADE 
47. (ESAF - 2005 - Receita Federal - Auditor Fiscal da Receita Federal) Os nascidos 
no Brasil, ainda que de pais estrangeiros, serão sempre brasileiros natos, 
porque o Brasil adota, para fins de reconhecimento de nacionalidade nata, o 
critério do jus solis. 
Errado. Nacionalidade é mais um assunto mega tranquilo e bastante 
recorrente em concursos. Se cair uma questão de nacionalidade, você 
não pode errar de jeito nenhum! 
O erro está na palavra sempre, pois existe uma exceção. Caso o 
nascimento seja no Brasil, mas os pais estrangeiros estejam a serviço 
de seu país de origem, seu filho não será brasileiro. Em qualquer outra 
hipótese, a criança será brasileira. É o que se extrai do art. 12: \u201cSão
brasileiros: I \u2013 natos: a) os nascidos na República Federativa do Brasil, 
ainda que de pais estrangeiros, desde que estes não estejam a serviço 
de seu país\u201d. Esse critério territorial de atribuição de nacionalidade 
(adotado pelo Brasil) é chamado de jui solis. Alguns países 
reconhecem critérios familiares para a concessão de nacionalidade, 
como a Itália. Esse é o critério jui sanguinis.
48. (ESAF - 2010 - MTE - Auditor Fiscal do Trabalho) Nos termos da Constituição 
Brasileira, é brasileiro nato o nascido no estrangeiro, de pai brasileiro ou mãe 
brasileira, ainda que nenhum deles esteja a serviço da República Federativa do 
Brasil.
Errado. Vamos ver todas as situações de filhos de brasileiros nascidos 
no exterior: 
1) Filho de pai ou mãe brasileira que esteja a serviço do Brasil: 
brasileiro nato, não tem nem conversa! 
2) Filho de pai ou mãe brasileiro (que não estão a serviço do Brasil): 
pode ser considerado brasileiro nato se cumprir um dos dois requisitos 
a seguir: 
I - seja registrado em repartição brasileira competente ou 
RESUMÃO \u2013 DIREITO CONSTITUCIONAL \u2013 AURFB 
PROFESSOR: ROBERTO TRONCOSO 
Prof. Roberto Troncoso\ufffd\ufffd www.pontodosconcursos.com.br 30
II- venha a residir no Brasil e opte, em qualquer tempo, depois 
de atingida a maioridade, pela nacionalidade brasileira. 
Como a questão não trouxe nenhuma das duas situações, ela é 
incorreta. Tranquilo, certo? Perceba que ele sempre será brasileiro 
NATO, como se aqui tivesse nascido. Mais para frente, vamos ver as 
hipóteses de aquisição de nacionalidade brasileira. Vamos treinar um 
pouco mais? 
49. (ESAF - 2004 - MPU - Técnico Administrativo) Os indivíduos nascidos no Brasil, 
filhos de pais estrangeiros, serão brasileiros natos, desde que fixem residência 
no Brasil e optem, a qualquer tempo, pela nacionalidade brasileira. 
Errado. Os filhos de pais estrangeiros, que nascerem em solo 
brasileiro, adquirem a nacionalidade brasileira automaticamente, salvo 
se os pais estiverem no Brasil a serviço de seu país (art. 12, I, a). O 
que a questão tentou fazer foi confundir o candidato com outro tipo de 
nacionalidade brasileira: Quem nasce no estrangeiro, de pai brasileiro 
ou mãe brasileira que não estão a serviço do Brasil, desde que: 
- Seja registrado em repartição brasileira competente; ou
- Venha a residir no Brasil e opte, em qualquer tempo, 
depois de atingida a maioridade, pela nacionalidade 
brasileira.
50. (ESAF - 2010 - MTE - Auditor Fiscal do Trabalho) Nos termos da Constituição 
Brasileira, é brasileiro nato o nascido no estrangeiro, de pai brasileiro ou de 
mãe brasileira, desde que seja registrado em repartição brasileira competente, 
ou venha residir na República Federativa do Brasil antes da maioridade e, 
alcançada esta, opte, em qualquer tempo, pela nacionalidade brasileira.
Errado. Só para fixarmos: O filho não precisa vir a residir no Brasil 
antes da maioridade. Ele pode vir a qualquer tempo. E também a 
qualquer tempo, desde que depois de completada a maioridade, deve 
optar pela nacionalidade brasileira. 
51. (ESAF - 2010 - MTE - Auditor Fiscal do Trabalho) Nos termos da Constituição 
Brasileira, são brasileiros natos os nascidos no estrangeiro, de pai brasileiro ou 
de mãe brasileira, desde que sejam registrados em repartição brasileira 
competente ou venham a residir na República Federativa do Brasil e optem, 
RESUMÃO \u2013 DIREITO CONSTITUCIONAL \u2013 AURFB 
PROFESSOR: ROBERTO TRONCOSO 
Prof. Roberto Troncoso\ufffd\ufffd www.pontodosconcursos.com.br 31
em qualquer tempo, depois de atingida a maioridade, pela nacionalidade 
brasileira.
Certo. Estamos terminando a parte de brasileiros natos! Fechar com 
chave de ouro, um esquema com todas as possibilidades do art. 12. 
o Quem nasce em território brasileiro, desde que os pais estrangeiros não estejam a 
serviço do país
o Quem nasce no estrangeiro e é filho de pai brasileiro ou mãe brasileira a serviço do país.
o Quem nasce no estrangeiro, de pai brasileiro ou mãe brasileira que não estão a serviço 
do Brasil, desde que: 
I - seja registrado em repartição brasileira competente 
B
ra
si
le
ir
o 
N
at
o 
iu
s 
so
li
s 
T
em
pe
ra
do
\ufffd
ƒ Quem nasce no estrangeiro, filho de pai ou mãe brasileiro e se registra 
nos Consulados
OU
II- venha a residir no Brasil e opte, em qualquer tempo, depois de atingida a 
maioridade, pela nacionalidade brasileira 
ƒ Nacionalidade potestativa
ƒ Opção tem efeito suspensivo: no segundo caso, não se pode considerar 
o optante brasileiro nato enquanto não declarado em processo judicial, 
sem prejuízo dos efeitos ex tunc (QO AC 70/RS)
ƒ Se vier morar no Brasil antes da maioridade, pode de pronto ser 
considerado nato. No entanto, após a maioridade,