AULA 02 O MUNDO COMO POSSIBILIDADE.

AULA 02 O MUNDO COMO POSSIBILIDADE.


DisciplinaTeoria e Método em Geografia105 materiais3.171 seguidores
Pré-visualização2 páginas
A). Neste fim de século, a natureza é contida pela sociedade.
B) A natureza passa a ser vista pelo seu VALOR.
social: é natural em sua construção técnica como valor.
natural: através dos tempos diferentes.
C) Na Geografia Humana ( e na UNIVERSIDADE ), o MERCADO é a grande ameaça a sua integridade.
	- despedaçamento;
	- autonomia em relação à moral.
D) O MERCADO é visto como REAL.
 impõe limitações à pesquisa e a liberdade;
promove invasões que patrocinamos alegremente: a cultura geral ( equivocada ) passa a ser a cultura geográfica.
a falta de consciência sobre o objeto da nossa disciplina: 
Um conceito fundamental: o espaço banal.
com a dita GLOBALIZAÇÃO é difícil saber o que cada OBJETO ( NATURAL OU CULTURAL ) é. Daí ser necessário fazer apelo a filosofia, pois cada conhecimento precisa fazer sua constituição filosófica, para sobreviver.
A VIDA DO HOMEM, em todos os LUGARES e SENTIDOS alcança a UNIVERSALIDADE EMPÍRICA.
NÃO HÁ COMO DEIXAR DE CONSIDERAR A TOTALIDADE, apreciada através das relações entre os lugares do mundo. Hoje, o labor, em todos os lugares, é associado à TECNICA.
Finalmente, podemos começar a produzir a nova teoria!
	As leis do movimento social perdem a sua opacidade, pois hoje é possível obter informações e analisá-las globalmente.
	
	A Geografia hoje, para que possa prestar serviço ao conhecimento do MUNDO e das coisas 
precisa ampliar suas preocupações filosóficas.
	É PRECISO ENSINAR A TEORIA 
	
	PARA FORMAR UM GEÓGRAFO COMPETENTE
	
	PARA INTERPRETAR O MUNDO.
	Hoje
A interpretação do que o mundo é, é dada pela
	
	TV
	Imprensa
	Radio
	O CONHECIMENTO DO MUNDO SÃO REPORTAGENS QUE RENDEM LUCROS AS EMPRESAS.
	O MUNDO, É O MUNDO DAS EMPRESAS.
	
	A CIÊNCIA ATRELOU-SE AO MERCADO.
	
	A PREOCUPAÇÃO MAIOR HOJE PRECISA VOLTAR A SER COM O CONHECIMENTO, 
para adentrar o futuro.
	
	ESTE PRECISA SER O COMPROMISSO MAIOR DA UNIVERSIDADE
	
com o conhecimento, 
com os processos que regem a existência e não o mercado
	
	busca de esquemas dinâmicos de interpretação
Problemas sérios a serem enfrentados:
 emprego: que ameaça perturbar o trabalho acadêmico: ensino dirigido ao saber técnico, pois ao emprego. Escravo do saber técnico, nos tornamos um objeto, manipulado pelos manuais; a geografia compete fazer a crítica. Na Geografia, é o TERRITÓRIO quem acolhe as diferentes manifestações das coisas e ele é quem denuncia a crise da nação. Aí os geógrafos produzem a crítica, a partir da compreensão da formação e do uso do território.
A Geografia sempre avançou paralelamente às técnicas, mas custamos a entender isto. Temos um dilema:
 construção do espaço ( técnica );
constituição do espaço ( filosofia ).
	
ou as duas coisas: FILOSOFIA DAS TÉCNICAS.
3. A crescente separação entre o ENSINO e a PESQUISA. Juntá-los é 	FUNDAMENTAL
.
Concluindo ...
balizamento da disciplina, pelo PRESENTE E PELO FUTURO.
Antigamente:
para compreender o presente, era preciso saber a história ( do passado );
o futuro carecia do entendimento do presente.
HOJE É PRECISO CONSIDERAR:
A História do presente, das ações dos homens, isto é, as ações do presente, que é uma escolha limitada. 
Hoje as possibilidades são maiores do que as escolhas. 
LOGO, 
as mudanças se dão face a constrangimentos localizados em dois pólos:
A TÉCNICA
A POLÍTICA
Nunca houve na história da humanidade tanta docilidade das técnicas
É preciso estar atento às transmutações do homem em função dessas técnicas. antes a tecnologia matava a técnica. 
HOJE AS TÉCNICAS DA INFORMAÇÃO SÃO POLITICAMENTE DOMINADAS PARA DOMINAR O HOMEM E O MUNDO.
ISTO IMPLICA UMA EXISTÊNCIA DIFERENCIADA DA VIDA NOS LUGARES INDICANDO SEMPRE UMA TENSÃO ENTRE
PRESENTE
E
FUTURO
Esta compreensão, esta contribuição,
a Geografia tem o dever de dar a sociedade, a HUMANIDADE.
Esta é a Geografia que quero construo NA USP, JUNTAMENTE COM MEUS ALUNOS. 
MUITO OBRIGADA.