Buscar

Logistica_Integrada_ao_Comercio_Eletronico_novo_2__Thiago_2

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 12 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 12 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 9, do total de 12 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
LOGÍSTICA INTEGRADA AO COMÉRCIO ELETRÔNICO 
 
SIMIONI, Thiago José Elias¹ 
ZANETTI,Elizabeth Msc. 
 
RESUMO 
A evolução do comercio eletrônico é constante, aumentando a agilidade no 
processo de atendimento aos pedidos realizados pelos clientes. Com isso, a 
logística pode ser considerada um fator decisivo no processo de venda de 
produtos pela internet. Este trabalho aborda o crescimento desse método de 
compras que cresce a cada dia e agiliza em vários aspectos as necessidades 
dos clientes. Aborda também um estudo sobre o transporte e o estoque, que 
são muito importantes nesse método de venda. O primeiro é muito importante, 
pois as entregas devem estar no lugar certo na hora prometida ao cliente. Já o 
estoque é uma questão que varia para cada empresa, sendo ideal um estoque 
sem perdas e que possa atender ao consumidor. 
Palavras-chave: Logística. Comercio Eletrônico. Transporte. 
 
 
 
1 INTRODUÇÃO 
Com a crescente competição e exigências do mercado, as empresas 
necessitaram de alternativas para melhor atendimento aos clientes. Ao fazer 
sua compra ou buscar um produto, o consumidor procura os menores preços, 
qualidade e bom atendimento. Com isso, a venda pela internet teve um grande 
crescimento, abrangendo diversos segmentos e opções de produtos e serviços. 
Nesse contexto, para garantir satisfação e fidelização dos clientes, as 
organizações estão investindo na segurança, tecnologia e também no sistema 
de distribuição para atender às necessidades de seus clientes no tempo certo. 
Ao longo deste estudo será analisado que para cumprimento do prazo 
de entrega, precisa-se de eficiência na logística, desde o pedido ao fornecedor 
por parte da empresa até a entrega ao cliente final. 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
O objetivo deste estudo é demonstrar o processo de venda de produtos 
através da internet e a influência da logística nesse processo, verificando as 
vantagens e desvantagens em se escolher esse tipo de serviço. Também é 
perceptível que todos os setores empresariais foram ou serão influenciados por 
esse tipo de comércio já que desde a popularização da Internet o comércio 
eletrônico é considerado um novo método de fazer negócios. 
O trabalho está dividido em 6 capítulos. O primeiro é uma apresentação 
sobre o que é Logística e sobre sua importância dentro das organizações. 
Já o segundo capítulo aborda o tema Estoque, explicando o seu 
significado e a questão de se manter estoque ou não. 
A terceira parte deste trabalho fala sobre Comércio Eletrônico que 
atualmente é um facilitador no modo de se fazer negócios e que cresce a cada 
dia e traz benefícios tanto para as empresas que estão vendendo quanto para 
os consumidores e clientes. 
O quarto capítulo estudado define que o transporte é uma das funções 
fundamentais na logística, com papel muito importante no atendimento 
satisfatório ao cliente. 
Abordar-se também um capítulo sobre a Logística no e-commerce que 
mostra que o gerenciamento logístico é uma questão chave para as lojas 
virtuais. 
Já o último capítulo estudado aborda as vantagens e desvantagens do 
comércio eletrônico. Por exemplo, uma vantagem nesse comércio é a redução 
no preço de alguns produtos. Como desvantagem podemos citar a falta de 
segurança de alguns sites na internet. 
 
 
 
 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
2 LOGISTICA 
 
 
A Logística é considerada um fator diferencial na competitividade 
empresarial e acabou se tornando uma palavra em moda nos últimos tempos. 
Diferentemente dessa tendência atual, MERLO (2002) afirma que o conceito é 
conhecido e aplicado há centenas de anos, citando exemplos como a aplicação 
da Logística pelos guerreiros medievais para posicionar tropas de combate em 
locais estratégicos e manter seus exércitos abastecidos de suprimentos. Cita 
ainda, que a partir da Segunda Guerra Mundial a Logística surge como ciência, 
tornando-se a partir de então, ferramenta estratégica para sobrevivência. 
 
Segundo o Council of Logistc Management, entidade americana que 
possui milhares de associados em todo o mundo, logística é o processo de 
planejar, implementar e controlar eficientemente, ao custo correto, o fluxo e 
armazenagem de matérias primas, estoques durante a produção e produtos 
acabados, e as informações relativas a estas atividades, desde o ponto de 
origem até o ponto de consumo, com o propósito de atender aos requisitos do 
cliente. 
 
A logística tem um papel muito importante, sendo um diferencial 
competitivo e um dos setores mais importantes dentro da empresa. É uma área 
muito ampla e com diversas definições. 
Segundo ALVES (202, p.155, apud CRISTOPHER): 
 A logística é o processo de gerenciar estrategicamente a 
aquisição, movimentação e armazenagem de materiais, peças e 
produtos acabados ( e os fluxos de informações correlatas) através 
da organização e de seus canais de marketing, de modo a poder 
maximizar as lucratividades presente e futura através dos pedidos 
abaixo do custo. 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
Segundo Bowersox e Closs (2001), a logística é vista como a 
competência que vincula a empresa aos seus clientes e fornecedores. 
Com o passar do tempo houve a integração das atividades 
organizacionais que maximiza a eficiência operacional da organização e com 
isso resulta no conceito de Logística Empresarial. 
Segundo CORONADO (2007, p.73): 
 Logística empresarial é o processo de planejamento, execução 
e controle do fluxo de insumos, produtos e serviços, com informações 
relacionadas, do ponto de origem até o ponto de consumo, 
objetivando atender com eficácia as necessidades do cliente dentro 
da cadeia de suprimentos, o que contribui para assegurar o 
cumprimento de sua missão por contribuições ao resultado 
econômico. 
A Logística empresarial é vista como uma das principais ferramentas 
estratégicas na busca de vantagem competitiva, abrangendo todos os esforços 
envolvidos na produção e na entrega do produto final, diferentemente de 
quando a logística era vista apenas como transporte e armazenagem de 
produtos. 
 
 
3 ESTOQUE 
 
 
Manter no mercado uma organização competitiva requer desafios 
constantes de seus gestores. Um dos mais complexos é ter um estoque 
balanceado a baixo custo e que atenda prontamente a demanda de mercado e 
seus clientes. 
A administração de estoque tem impacto direto no capital de giro e na 
lucratividade exigindo que ela seja deita com eficiência. 
A capacidade de a empresa atender o mercado resulta de uma correta 
gestão de estoques. Também é importante uma sinergia entre marketing, 
produção, compras, finanças, qualidade, que ajuda os gestores de materiais 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
manterem um equilíbrio entre o estoquemantido e o que realmente é 
necessário se manter em estoque. 
A necessidade do consumo, da novidade, do conforto, da rapidez na 
entrega, a competitividade entre organizações na bisca por clientes e a 
satisfação dos mesmos exige um esforço intenso para que o comércio 
eletrônico seja eficiente. 
‘’ Estoque é todo o recurso disponível que a organização pode utilizar, 
em determinado momento, para gerar um bem”(SEVERO, 2006, p.62)”. 
No comércio eletrônico, uma correta gestão de estoque é fundamental 
para a manutenção e crescimento de uma empresa, pois a falta de um produto 
pode acarretar problemas no processo de venda. 
Atualmente, os sistemas integrados dão suporte para que as empresas 
não precisem de estoques muito grandes, reduzindo custo com armazenagem 
e depreciação dos produtos. 
A definição da quantidade de estoque é a grande questão para os 
gestores. Eles tem que definir um equilíbrio entre o estoque zero e o excesso 
de estoque. 
Com isso, o atendimento ao cliente se torna satisfatório, fornecendo o 
produto com rapidez, conforme o solicitado pelo cliente. 
 
 
4 COMÉRCIO ELETRÔNICO 
 
 
O comércio eletrônico, também conhecido como e-commerce, pode ser 
definido por uma transação comercial feita por um equipamento eletrônico. É 
um facilitador dos negócios, tornando o processo de venda mais rápido e 
cômodo para os clientes, alem de reduzir custos para as empresas. 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
Segundo ALVES (2002, p.59), uma possível definição seria: ‘’ Qualquer 
forma de transação de negócios em que as partes interagem eletronicamente, 
ou seja, sem contatos físicos diretos’’. 
Com essa facilidade muitas lojas que possuíam apenas lojas físicas 
aproveitaram este novo nicho do mercado e passaram a vender seus produtos 
através da internet. 
Segundo BERTAGLIA (2005, p.487): 
 O comercio eletrônico não tem limite geográfico. 
Ele alcança todos que estejam presentes na rede de computadores. 
Como a rede é global, o comércio eletrônico possibilita que mesmo 
uma organização extremamente pequena tenha presença global e 
possa competir nesse cenário. Essa característica beneficia os 
clientes, umas vez que lhe dá alternativas para selecionar de onde 
comprará, independente da localização geográfica, E esse processo 
é valido tanto na relação empresa-empresa como na relação 
empresa-consumidor. 
O e-commerce traz muitas oportunidades e benefícios para as empresas 
de varejo, fornecedores e clientes, segundo ALVES (2002, p.85). 
Podemos citar como benefícios aos clientes: redução de preços, 
melhora na qualidade se serviços, reposta mais rápida às necessidades, 
facilidade de comparação e pesquisa entre produtos e serviços e produtos e 
serviços personalizados. 
PORTER (1989) define duas formas de obter vantagens competitivas. 
Uma delas é através da liderança de custos e a outra por diferenciação. No e-
commerce, a principal forma de obter vantagem competitiva por liderança de 
custo é através de um planejamento estratégico de toda a estrutura logística da 
organização. Obter competitividade em diferenciação é possível através dos 
serviços oferecidos ao cliente, sua qualidade e aspectos de inovação no 
ambiente digital, mas também, através dos sistemas logísticos. 
 
 
 
 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
5 TRANSPORTE 
 
 
‘’ Transporte é o deslocamento de pessoas e pesos de um local para o 
outro’’ (RODRIGUES, 2005, P.17). 
O transporte é um fator muito importante na formação do custo logístico 
das empresas. Segundo CHOPRA E MEINDL (2004, p.266) com o crescimento 
do e-commerce e a consequente entrega dos produtos em domicilio, os custos 
do transporte tornaram-se ainda mais significativos no varejo. Com isso, a 
decisão em relação ao transporte por parte das empresas torna-se mais 
importante, pois afeta diretamente na margem de lucro. 
O modal de transporte predominante é o transporte rodoviário. Ele se 
diferencia por trafegar em qualquer via, podendo transportar qualquer tipo de 
carga. Outro diferencial é que esse sistema atende consumidores tanto em 
pequenas como em grandes cidades. 
Para as entregas dos pedidos no comercio eletrônico usa-se o serviço 
de carga expressa, que é uma entrega de objetos com alta velocidade, com 
rastreamento eletrônico desde a origem até a entrega final. 
Esse serviço de carga expressa significa que a encomenda tem 
prioridade do prazo de entrega. Segurança e agilidade são atributos 
fundamentais nesse serviço. 
 
 
 
 
6 A LOGISTICA NO E-COMMERCE 
 
 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
O gerenciamento logístico é peça fundamental nas empresas que 
vendem seus produtos na internet. A logística se relaciona desde a fabricação 
até o destino final. 
CORONADO (2007, p.17) diz que: 
 O consumidor pode acessar lojas em qualquer parte do 
planeta a qualquer hora, e tomar sua decisão como bem entender. 
Devido a essa rapidez, que tem como objetivo a satisfação do 
consumidor – sistema puxar-, que pode obter o produto com a 
quantidade, a qualidade, o tempo de entrega e o valor combinado, o 
varejo virtual deve contar com uma estrutura logística bem alicerçada 
em parcerias que agregam valor. 
 
Diante disso, a logística é uma peça chave para o sucesso do e-
commerce, com isso as empresas investem na melhoria dos sites, excelência 
dos produtos, bons preços e principalmente na entrega dos produtos. Ela deve 
ser feita conforme o combinado, com o menor custo possível, garantindo 
sempre a satisfação do cliente. 
‘’A logística representa para os negócios via Internet a principal atividade 
de valor envolvida em seu processo, e utilizar-se da estratégia de enfoque em 
logística é uma maneira pela qual o comercio eletrônico pode obter vantagens 
competitivas por liderança de custos’’.(ALVES) 
 
 
 
7 VANTAGENS E DESVANTAGENS DO COMÉRCIO ELETRÔNICO 
 
 
 O e-commerce traz muitas oportunidades e benefícios para as 
empresas de varejo, fornecedores e cliente, segundo ALVES (2002, p.85). 
 Podemos verificar na tabela abaixo um resumo das oportunidades e 
benefícios do comercio eletrônico: 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
Oportunidade Benefícios do cliente 
Presença global Escolha global 
Redução de custos Redução de preços 
Novas oportunidades de negócio Novos produtos e serviços 
Melhora de competitividade Melhora da qualidade de serviços 
Reduções na cadeia de suprimentos Resposta mais rápida às 
necessidades 
Customização de massa Produtos e serviços personalizados 
Tabela 1. Resumo das Vantagens do e-commerce 
Conforme Moyses (2007), entre as principais vantagens do E-commerce 
para os compradores, está a economia de tempo e dinheiro, localizando os 
melhores fornecedores e produtos pelos menores preços; automatização do 
processo de compras (pedidos de cotação, ordens de compra); consolidação 
automática e melhor gerenciamento da carteira de compras da empresa, além 
de ligação automática com fornecedores de logística efinanciamento. Para os 
vendedores, está a redução de custos nas transações, abertura de novos 
mercados tanto no Brasil quanto no exterior e a introdução de novos produtos 
de maneira rápida e eficiente, além de ser um canal de venda para a produção 
excedente. 
Apesar de ser um método muito vantajoso de se fazer negócios, o e-
commerce tem algumas desvantagens. 
Um dos principais desafios do comércio eletrônico é o sistema de 
distribuição, que é determinante para sucesso ou fracasso das empresas deste 
ramo de negócios e com isso a empresa pode enfrentar alguns problemas. 
Para Richers (2000) alguns dos problemas enfrentados por empresas 
que vendem produtos pela internet são: 
- Muitos consumidores preferem tocar e sentir o produto antes de 
comprá-lo; 
- Receio em fornecer dados de cartão de crédito através da internet; 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
- O alto custo para as empresas em manter um estoque organizado, de 
forma a atender com rapidez os pedidos dos clientes, muitos deles de 
pequenos itens e em pouca quantidade, que estejam distantes para a 
separação no estoque. 
Outra desvantagem é que qualquer pessoa pode criar um site de 
comércio eletrônico, então muitas pessoas ainda não confiam ou não sabem 
verificar a confiabilidade do site. 
 
 
8 METODOLOGIA 
 
 
A metodologia aplicada neste trabalho foi a pesquisa em web sites da 
rede mundial de computadores e pesquisa bibliográfica. 
 
 
8 CONSIDERAÇOES FINAIS 
 
O Comércio eletrônico surgiu como um novo modo de comercialização 
mudando a forma de negociação das empresas. Cabe a elas realizar a 
integração dessa nova forma de negócios com a utilização da Internet. 
Nesse novo método de compras os clientes procuram a comodidade de 
comprar a qualquer hora, recebendo o produto fisicamente na porta de sua 
casa. 
Para isso as empresa devem se adequar às mudanças e exigências dos 
clientes, fazendo com que o gerenciamento da logística seja muito importante 
para o sucesso da empresa. Devem também manter uma eficiente gestão de 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
estoque, garantindo o pedido de compra no momento exato, mantendo uma 
quantidade suficiente de produtos e garantir a satisfação do cliente. 
Um dos problemas encontrados é a falta de confiança dos consumidores 
em relação às empresas virtuais. Por isso, esse tipo de negocio é mais 
desenvolvido em outros países, Estados Unidos por exemplo 
Com isso, o comércio é virtual, mas os desafios para sucesso no 
mercado são reais e dependem da conexão entre os sistemas logísticos e 
pessoas preparadas para as tendências do mercado, que cresce muito e cada 
vez exige que as empresas se ajustem a tecnologia já encontrada no mercado. 
 
 
 
 
 
 
 
 
REFERÊNCIAS 
 
ALVES, L. Vencendo na Economia Digital. São Paulo. Makron Books. 2002. 
 
BERTAGLIA, P. R. Logística e gerenciamento da cadeia de abastecimento. 
São Paulo: Saraiva, 2003. 
 
BOWERSOX, D>J; CLOSS, D.J. Logística empresarial: o processo de 
integração da cadeia de suprimento. São Paulo; Atlas, 2001. 
 
CHOPRA, S.; MEINDL, P. Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos – 
Estratégia, Planejamento e Operação, São Paulo. Prentice Hall. 2004. 
¹ Bacharel em Administração - ANHANGUERA EDUCACIONAL 
²Mestre em Engenharia da Produção UFSC, Especialista em Psicologia de RH-UNICAMP, 
Bacharel em Administração de Empresas-FESP. Especialista/EAD. Professor Adjunto da UTP. 
Orientadora de TCC UNINTER , UFPR e FAEL 
 
CORONADO, O. Logística Integrada – Modelo de Gestão. São Paulo. Atlas. 
2007. 
 
FILHO, J. S. Administração de logística integrada: materiais, PCP e marketing. 
Rio de Janeiro: E-papers Serviços Editoriais Ltda., 2006. 
 
Moyses, A. (30/05/2007) O que envolve uma solução de e-business? Cód. 
1977, Sistemas de Informação. 
 
OLIVEIRA, Leandro Santos de. Estudo sobre o processo de compra pela 
internet e a distribuição ao consumidor final.2008. 
 
Porter, Michael E. A vantagem competitiva das nações. Rio de Janeiro: 
Campus. 1989. 
 
RICHERS, R. Marketing:uma visão brasileira. São Paulo: Negócio editora, 
2000. 
 
RODRIGUES, P. R. A. Introdução aos Sistemas de Transporte no Brasil e à 
Logística Internacional. São Paulo. Aduaneiras.2005. 
 
Disponível em: http://www.poslogistica.com/web/TCC/2009-2/tcc-246.pdf. 
Acesso em 15 nov. 2013. 
 
 
 
 
http://www.poslogistica.com/web/TCC/2009-2/tcc-246.pdf

Mais conteúdos dessa disciplina