A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
CCJ0019-WL-AV1-Direito Constitucional-Prova-01

Pré-visualização | Página 1 de 1

P
ág
in
a1
 
 
 
 
Exercício 
Aluno(a): 
 
 
Período/Turma: 
3º Período Manhã 
Professor(a): 
JOÃO CLÁUDIO DE 
CARVALHO 
Data: 
____/____/2013 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1 - As normas constitucionais não auto-
executáveis: 
 
(a) implicam uma exigência constitucional de 
ação. 
 
 
(b) equivalem a uma lacuna constitucional. 
 
(c) acarretam obrigatória supressão de lacuna 
pelo juiz. 
 
(d) caracterizam dever constitucional de legislar. 
 
2 - O art. 5º, I, CRFB, assegura o tratamento 
isonômico entre homens e mulheres. Entretanto, 
a própria Constituição da República encarregou-
se de estabelecer discriminações de gênero, a 
exemplo daquela proveniente do art. 40, § 1º, 
III, “a” e “b”, CF. Tendo-se em conta os 
métodos de interpretação da Constituição, qual 
o que auxiliaria o interprete a constatar a 
inexistência de contradição real entre as 
referidas normas constitucionais? 
 
(a) o gramatical 
(b) o lógico 
(c) o sistêmico 
(d) o da proporcionalidade 
 
3 – O Congresso Nacional aprova tratados 
internacionais por meio de: 
 
A) Decreto. 
B) Resolução. 
C) Decreto-Lei. 
D) Decreto Legislativo. 
 
4 – Segundo a jurisprudência mais atualizada do 
Supremo Tribunal Federal, os tratados 
internacionais sobre direitos humanos que forem 
recepcionados pelo Congresso Nacional com 
quórum de maioria absoluta aprovados em turno 
único em cada casa, equivalem a: 
 
a) Emenda Constitucional 
b) Lei Ordinária 
c) Lei Complementar 
d) Lei Delegada 
e) São Leis supralegais, apesar de 
infraconstitucionais 
 
5- Sobre a mutação constitucional, assinale a 
opção correta: 
 
a) Trata-se de fenômeno de alteração da 
constituição sem que se tenha alterado seu 
texto 
 
b) É o fenômeno de modificação da 
Constituição promovido pelas emendas à 
Constituição 
 
c) É o fenômeno ocorrido quanto uma 
nova ordem constitucional substitui uma 
Constituição 
 
d) É a incorporação de norma 
infraconstitucional no rol das normas 
constitucionais mediante de decisões específicas 
do STF 
 
6 - Assinale a opção correta. 
 
a) Emenda à Constituição pode instituir a pena 
de morte para crimes hediondos. 
 
FACULDADE INTEGRADA DO RECIFE 
CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO 
DISCIPLINA: DIREITO CONSTITUCIONAL I 
Instruções Gerais: 
 
1. Este exercício terá como pontuação máxima 2,0 pontos, distribuídos em 10 
questões. Cada acerto valerá 0,2 pontos. 
 
2. O Exercício pode ser feito em dupla, com a consulta livre. O estudante que se 
submeter ao exercício fará AV1 valendo de zero a oito pontos, independentemente 
da pontuação que obtive neste trabalho. Os estudantes que não fizerem este 
exercício poderão fazer a prova valendo de zero a dez pontos. 
 
3. Não é admita nenhuma rasura. As questões devem ser assinaladas na letra 
respectiva. 
Pontuação 
Obtida: 
 
P
ág
in
a2
 
 
b) Deve ser considerada Inconstitucional toda a 
emenda à Constituição que tenha por objeto 
dispositivo protegido como cláusula pétrea. 
 
c) Somente os direitos e garantias individuais 
previstos expressamente no art. 5º da 
Constituição estão protegidos contra emendas à 
Constituição. 
 
d) É inconstitucional emenda à Constituição que 
crie imposto da União, sujeitando a tal imposto 
não somente pessoas físicas e pessoas jurídicas 
de direito privado, como também pessoas 
jurídicas de direito público, como Estados e 
Municípios. 
 
e) Por meio de proposta de mais da metade das 
Assembléias Legislativas das unidades da 
Federação, o Congresso Nacional pode votar e 
promulgar emenda à Constituição que 
transforme o Estado Federal brasileiro em 
Estado unitário. 
 
 
7 - A conceituação de Constituição como "a 
soma dos fatores reais do poder que regem 
nesse País", atribuída a Lassalle, indica, segundo 
a doutrina, uma concepção de Constituição no 
sentido 
 
a) sociológico. 
b) jurídico. 
c) político. 
d) axiológico ou normativo. 
e) instrumental ou estrutural. 
 
8 - Assinale a opção correta. 
 
a) Toda vez que a Constituição determina que 
um direito ou uma competência seja regulado 
em lei, essa lei terá nome e o tratamento de lei 
complementar. 
 
b) Lei ordinária que dispõe sobre assunto 
próprio de lei complementar é inconstitucional. 
 
c) A lei complementar se define por ser 
aprovada pelo Congresso Nacional mediante o 
mesmo procedimento de elaboração de emenda 
à Constituição. 
 
d) O legislador é livre para escolher as matérias 
que pretende regular sob a forma de lei 
complementar, conforme lhes queira emprestar 
maior ou menor estabilidade. 
 
e) Leis complementares, como as emendas à 
Constituição, não se sujeitam à sanção ou ao 
veto do Presidente da República. 
 
9- Considerando o sistema constitucional 
brasileiro, é correto afirmar que o princípio da 
hierarquia das normas implica a noção de que 
 
a) para ter validade e eficácia, a lei inferior deve 
estar conforme às leis infraconstitucionais 
superiores. 
 
b) uma norma fundada diretamente na 
Constituição pode ser classificada como primária 
ou secundária. 
 
c) a lei complementar federal é, sempre, 
hierarquicamente superior à Constituição 
Estadual e às leis estaduais e municipais. 
 
d) todos os atos de todos os poderes públicos 
devem estar em conformidade com a 
Constituição. 
 
e) a lei municipal é sempre hierarquicamente 
inferior à lei estadual. 
 
10 A Constituição que é votada por uma 
Assembleia composta de representantes do povo 
e que admite ser modificada, exigindo, porém, 
um processo legislativo mais solene e dificultoso 
do que aquele seguido para a edição de leis 
ordinárias é chamada de: 
 
a) Constituição promulgada e rígida. 
 
b) Constituição flexível e dogmática. 
 
c) Constituição dogmática e semirrígida. 
 
d) Constituição promulgada e semirrígida 
 
e) Constituição outorgada e rígida.