Buscar

ÁCIDO ACÉTICO EM UMA AMOSTRA DE VINAGRE.docx

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 5 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

DISCIPLINA: QUÍMICA GERAL
PROF. RAQUEL DIAS
RENAN RODRIGUES DOS SANTOS (2112070005)
LORENA KAMILLE MORAIS NORMANDIA (2112070026)
TASSO FERRAZ ROMÃO E NASCIMENTO (2112070025)
VINÍCIUS MARQUES DIAS (2112070014)
DETERMINAÇÃO DA PORCENTAGEM DE ÁCIDO ACÉTICO EM UMA
AMOSTRA DE VINAGRE COMERCIAL
CAMPINA GRANDE – PARAÍBA
2021
SUMÁRIO
1.0 INTRODUÇÃO ............................................. 3
2.0 OBJETIVO .................................................... 4
3.0 MATERIAIS E METODOLOGIA ...................... 4
3.1 materiais e reagentes ................................... 4
3.2 metodologia ................................................. 4
4.0 RESULTADOS E DISCUSSÕES ....................... 5
5.0 CONCLUSÃO ................................................ 6
6.0 REFERÊNCIA ................................................. 7
Campina Grande – Paraíba
2021
1.0 INTRODUÇÃO
Os métodos titulométricos incluem procedimentos quantitativos, baseados
na medida da quantidade de um reagente de concentração conhecida, que é
consumido por um determinado analito. Estes métodos são largamente
utilizados em determinações de rotina uma vez que são rápidos exatos. uma
quantificação através de titulometria pode ser descrita como a determinação
do volume de uma solução, de concentração exatamente conhecida, que reage
quantitativamente com o volume conhecido de solução que contém a
substância a ser determinada (o analito). A solução de concentração
conhecida chama-se solução padrão (ou titulante padrão) e a massa do
analito é calculada a partir do volume e gasto desta solução padrão, da
equação química e das massas moleculares dos compostos que reagem.
O vinagre é um condimento líquido de consumo humano, cuja principal
finalidade é atribuir gosto e aroma aos alimentos. Os amidos e açúcares
presentes na matéria-prima passam por duplo processo de fermentação,
alcoólica e a acética. A fermentação alcoólica seguida da acética é produzida
espontaneamente sobre qualquer substrato açucarado exposto a leveduras e
bactérias. Os vinagres são obtidos de álcool, frutas, tubérculos, cereais,
vegetais, mel e vinho (MAPA, 2012). No Brasil, os mais comercializados são os
de vinho tinto, branco, maçã, arroz e álcool. O ácido acético, contido no
vinagre, é muito utilizado na indústria alimentícia com o conservante. Apresenta
ação bactericida e, por isso, muitos utilizam o vinagre na higienização de
vegetais e utensílios da cozinha (ANAV, 2010). O ácido acético é um ácido
fraco, cuja constante de ionização é 1,75x10 -5 em água. A legislação
brasileira considera que o vinagre, independente da forma de obtenção, deve
conter no mínimo 40 gramas de ácido acético por litro de solução, o que
corresponde a 4g/100 mL de solução (MAPA, 2012). O teor de ácido
acético em vinagre pode ser obtido por volumetria de neutralização, ou seja,
titulação de ácido fraco com base forte, uma vez que estes reagem rápidos
e completamente (BACCAN,2001).
Durante o processo de fabricação do vinagre, alguns problemas
indesejados podem ocorrer e alterar o rendimento, assim como as
características organolépticas do produto final, podendo, esta última afetar a
aceitabilidade do mesmo. Dentro desse contexto, visando verificar a qualidade
dos vinagres comercializados, o presente trabalho tem como objetivo
determinar o teor de ácido acético em algumas marcas de vinagre comercial
encontradas no Município de Campina Grande-PB, utilizando a técnica
volumetria ácido-base.
O ácido acético é um ácido fraco(Ka = 1,8x10 -5), na indústria alimentícia,
é consumido como vinagre, que é uma solução aquosa de ácido acético
contendo entre 3,5 a 7% (m/v). O vinagre pode ser quantificado com relação
a acidez, por titulação com solução padrão de NaOH. Para uma determinação
correta, a titulação deve ser conduzida na presença de indicadores com zonas
de transição situadas na região alcalina tais como: fenolftaleína.
2.0 OBJETIVO
Determinar o ácido acético presente em uma amostra de vinagre
comercial, através de titulação com solução padrão de hidróxido de sódio.
3.0 MATERIAIS E METODOLOGIA
3.1 MATERIAIS:
Vinagre de álcool, vinagre de maçã, hidróxido de sódio, fenolftaleína,
proveta, Béquer, erlenmeyer, água destilada, pisseta, papel toalha, bureta,
pipeta de Pasteur, caneta permanente e EPI’s.
3.2 METODOLOGIA:
Inicialmente fez-se a medição de 10 ml da amostra de vinagre na proveta
e passou-se para um béquer e logo depois com o auxílio de uma pisseta
mediu-se 90 ml de água destilada e fez-se a solubilização do vinagre com
água. Em seguida, mediu-se na prova 25 ml da mistura de água destilada com
a mostra de vinagre e passou-se para o erlenmeyer. Em seguida fez-se a
ambientação da bureta com a solução de NaOH a 0,1 mol/L e logo depois
adicionou-se a bureta no suporte universal e preencheu-a com o hidróxido de
sódio até atingir a marca do menisco. No Erlenmeyer adicionou-se 5 gotinhas
de fenolftaleína com o auxílio de uma pipeta de Pasteur e deu-se início ao
processo de titulação. Na titulação com uma mão fazendo a solubilização do
erlenmeyer e com a outra controlando a torneira da bureta até acontecer o
ponto de viragem, quando a solução ficou com uma coloração rosa.
4.0 RESULTADOS E DISCUSSÕES:
Foi pedido para determinar a acidez de um vinagre comercial, a
porcentagem permitido pela ANVISA é que tenha 4% a 6% de ácido acético.
Fez - se a medição de 10 ml de vinagre em uma proveta e passou para um
béquer. Logo depois faz a medida de 90 ml de água destilada e passou para o
béquer que já tem a medida de vinagre e faz a solubilização dos dois
compostos. Depois de solubilizar as soluções, mede 25 ml da solução a 10%
de vinagre e passa para cada erlenmeyer e adicionar 5 gotas de fenolftaleína
em cada amostra.
m = M X MM X V
m = 0,1 X 40 X 0,5
m = 2g NaOH
Faz a ambientação da bureta com a solução de NaQH a 0,1 mol/L.
Adiciona a solução de NaOH na bureta e em seguida zerou até chegar a marca
do menisco, está pronta para iniciar a titulação.
Inicia a titulação gota a gota e vai sempre solubilizando a solução de
vinagre com o hidróxido de sódio que está caindo até a solução ficar com uma
coloração rosa, significa que a solução atingiu o ponto de virada e foi
neutralizada.
5.0 CONCLUSÃO:
Conclui-se, portanto, que todos os objetivos impostos neste relatório
foram almejados com sucesso , tendo em vista que são utilizados os métodos
estudados em aula teóricas e práticas com diferentes reagentes e indicadores
ao longo dos assuntos ministrados na cadeira de Química Geral e
Experimental.
De acordo com as análises titulométricas realizadas em ambos os
vinagres comercializados escolhidos pelo grupo, verificou-se que os vinagres
utilizados no experimento estão dentro dos padrões aceitáveis de consumo já
que apresentam resultados concordantes com os parâmetros estabelecidos
pela legislação vigente proferida pela ciência da tecnologia dos alimentos.
6.0 REFERÊNCIAS:
Associação Nacional das Industrias de Vinagre (ANAV), Clipping: Conheça
mais sobre o vinagre. Disponível em: www.anav.com
.br/clipping_interna.php?id=27>. Acesso em: 20 de Outubro de 2021.
Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Instrução
Normativa número 6, de 03 de abril de 2012. Instrução Norm ativa MAPA, n.6,
2012. Disponível em:www.anav.com.br/legislação.php? Id=29>. Acesso em: 20
de Outubro de 2021.
BACCAN, N., ANDRADE, J. C., GODINHO, O. E. S., BARONE, J. S. Química
analítica quantitativa elementar. 3. ed. São Paulo: Edgard Blucher, 2001, 245p.
Acesso em: 20 de Outubro de 2021.

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes