Buscar

Aula 02 - Microbiota

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 22 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 22 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 9, do total de 22 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

Interação entre 
micróbio e hospedeiro
De fato, a presença de determinados microrganismos é
até mesmo benéfica para o hospedeiro.
Me Eder Silva
Farmacêutico/Bioquímico
CONCEITOS
Patologia é o estudo científico das doenças (do grego, pathos sofrimento; logos ciência).
Etiologia: Causa da doença
Patogênese: a maneira pela qual uma doença se desenvolve.
Por fim, a patologia analisa as mudanças estruturais e funcionais
Infecção consiste na invasão ou colonização do corpo por microrganismos patogênicos.
Doença ocorre quando uma infecção resulta em qualquer alteração no estado de saúde.
Sintomas, ou alterações em suas funções corporais, essas mudanças subjetivas não são
aparentes a um observador.
Sinais, que são alterações objetivas que um médico pode observar e mensurar.
Patógenos: microrganismos que demonstraram capacidade de causar infecções.
Virulência é a soma das características de um microrganismo, que aumentam as chances de que ele
cause doença.
Microbiota normal
Os mamíferos, incluindo os seres humanos, são geralmente
livres de micróbios quando se encontram no útero.
O primeiro contato entre o recém-nascido e os
microrganismos, em geral, ocorre através dos lactobacilos
na hora do parto.
E. coli e outras bactérias provenientes de alimentos
começam a habitar o intestino grosso.
Um corpo humano típico contém 1 x 1013 células, e ainda abriga aproximadamente 1 x 1014 células bacterianas 
(10 vezes mais células bacterianas do que células humanas).
Relação Microrganismo vs Hospedeiro
❑ Os microrganismos que estabelecem residência mais ou menos permanente (colonizam), mas
não produzem doença em condições normais, são membros da microbiota normal, ou flora
normal* do corpo.
❑ Outros, chamados de microbiota transiente, podem estar presentes por vários dias, semanas,
ou meses, e depois desaparecerem.
❑ Muitos fatores determinam a distribuição e a composição da microbiota normal.
Nutrientes, os fatores físicos e químicos (pH, a disponibilidade de oxigênio e dióxido de carbono, a
salinidade e a luz solar), as defesas do hospedeiro, os fatores mecânicos (ação de mastigação dos dentes e a
movimentação da língua podem desalojar microrganismos aderidos aos dentes e às superfícies mucosas).
Representantes da microbiota normal em diferentes regiões do corpo.
Fatores que também afetam a 
microbiota normal*
➢ Idade, 
➢ Estado nutricional,
➢ Dieta, 
➢ Estado de saúde, 
➢ Presença de deficiências,
➢ Hospitalização,
➢ Estresse,
➢ Clima, localização geográfica, 
➢ Condições de higiene pessoal, 
➢ Condições socioeconômicas, 
➢ Ocupação e estilo de vida.
*Disbiose: refere-se ao desequilíbrio na microbiota e
está associado as doenças.
Relação Microrganismo vs Animal
Microbiologia veterinária – Doenças infecciosas. I. Quinn, P. J.
Não é Microbiota! 
Relações entre a microbiota normal e o 
hospedeiro
Microbiota normal pode beneficiar o hospedeiro ao
impedir o crescimento excessivo de microrganismos
potencialmente perigosos. Esse fenômeno é denominado
antagonismo microbiano, ou exclusão competitiva.
Ex.: As células de E. coli produzem bacteriocinas.
X bactérias patogênicas Salmonella e Shigella X
A relação entre a microbiota normal e o hospedeiro é
chamada de simbiose, uma relação entre dois
organismos, na qual pelo menos um deles é dependente
do outro.
pH: em torno de 4
A microbiota inibe levedura Candida albicans
Por exemplo, o intestino grosso contém
bactérias, como a E. coli, que sintetizam
vitamina K e algumas vitaminas do
complexo B.
Staphylococcus epidermidis, que
habita a superfície da pele, as
corinebactérias, que habitam a
superfície do olho.
Muitas bactérias causadoras de
doenças são parasitos.
Microrganismos oportunistas
• Não causam doença em seu hábitat normal em um
indivíduo saudável, mas podem ocasionar um quadro
de doença em um ambiente diferente.
Ex.: Neisseria meningitidis, que frequentemente
reside de forma benigna no trato respiratório, pode
causar meningite. Streptococcus pneumoniae, residente
normal do nariz e da garganta, pode causar um tipo de
pneumonia
• Sistema Imunológico comprometido
.
• Cooperação entre microrganismos
Classificação das doenças infecciosas
❑ Doença comunicável é aquela em que uma pessoa infectada transmite um
agente infeccioso, direta ou indiretamente, para outra pessoa que, por sua vez,
torna-se infectada.
A catapora, o sarampo, a gripe, o herpes genital, a febre tifoide e a
tuberculose são exemplos. A catapora e o sarampo também são exemplos de
doenças contagiosas.
❑ Doença não comunicável não é disseminada de um hospedeiro para o outro.
❑ Tétano: Clostridium tetani
Tipos de Doenças
• Doença esporádica: Se determinada doença acontece apenas ocasionalmente. Ex: febre
tifoide nos Estados Unidos é um exemplo.
• Doença endêmica: Uma doença constantemente presente em uma população ( sazonal ). Um
exemplo é o resfriado comum.
• Doença epidêmica: pessoas em determinada região adquirem certa doença em um período
de tempo relativamente curto, a gripe causada pelo vírus influenza é um exemplo de doença
que frequentemente atinge um estado epidêmico. Algumas autoridades consideram que a
gonorreia e outras infecções sexualmente transmissíveis também já atingiram caráter
epidêmico neste momento.
• Doença pandêmica: Uma doença epidêmica de distribuição mundial . Vivenciamos
pandemias causadas pelo vírus influenza de tempos em tempos. A Aids é outro exemplo de
doença pandêmica.
Extensão do envolvimento do hospedeiro
Infecção local é aquela na qual os microrganismos invasores estão limitados a uma área
relativamente pequena do corpo. Alguns exemplos de infecções locais incluem abscessos e os
furúnculos.
Infecção sistêmica (generalizada): os microrganismos ou seus produtos são disseminados para
todo o corpo via corrente sanguínea ou linfa.
Sepse: é uma condição inflamatória tóxica que surge da dispersão de micróbios, principalmente
bactérias e suas toxinas, a partir de um foco de infecção.
Septicemia: também chamada de envenenamento do sangue, é uma infecção sistêmica que se
origina da multiplicação de patógenos no sangue.
Fatores predisponentes
• Sexo ( gênero, raça ),
• Nutrição inadequada,
• Fadiga, 
• Idade, 
• Meio ambiente, 
• Hábitos, 
• Estilo de vida, 
• Ocupação,
• Doenças preexistentes e quimioterapia.
Os estágios de uma doença*
Disseminação da infecção
Hospedeiro:
✓ Reservatórios humanos
✓ Reservatórios animais (zoonoses )
✓ Reservatórios inanimados 
Transmissão:
✓ Transmissão por contato
✓ Direto, Indireto (fômite), gotículas )
✓ Transmissão por veículo
✓ Vetores
Infecções associadas aos cuidados
de saúde (IACSs)
Infecções nosocomiais (nosocomial é a palavra em latim para hospitalar).
As IACSs resultam da interação de diversos fatores:
(1) a existência de microrganismos nos ambientes hospitalares,
(2) a presença de hospedeiros em condições comprometidas (ou
enfraquecidos),
(3) a cadeia de transmissão no hospital.
Doenças infecciosas emergentes
As doenças infecciosas emergentes (DIE) são aquelas doenças novas ou
que estão passando por mudanças, que apresentaram aumento na
incidência em um passado recente ou potencial de aumento no futuro
próximo.
Uma doença emergente pode ser causada por vírus, bactérias, fungos,
protozoários ou helmintos. Cerca de 75% das doenças infecciosas
emergentes são zoonóticas, têm principalmente origem viral e são
suscetíveis à transmissão por vetores.
▪ Novas linhagens, como a E. coli O157:H7 e a influenza aviária (H5N1), Um novo sorovar,
como Vibrio cholerae O139;
▪ O uso indiscriminado e, muitas vezes, injustificado, de antibióticos e pesticidas;
▪ O aquecimento global e as alterações nos padrões climáticos;
▪ As infecções previamente desconhecidas podem surgir em indivíduos vivendo ou
trabalhando em uma região que esteja sofrendo mudanças ecológicas produzidas por
eventos como desastres naturais;
▪ Medidas de controle animal podem afetar a incidência de umadoença;
▪ As falhas em medidas de saúde pública podem estar contribuindo para a emergência de
infecções previamente controladas.
Fatores contribui para o surgimento de uma
nova doença infecciosa
Planos para tratar das questões 
relacionadas às DIEs.
1. Detectar, investigar imediatamente e monitorar os patógenos infecciosos emergentes, as
doenças que eles causam e os fatores que influenciam seu surgimento.
2. Expandir pesquisas básicas e aplicadas relativas a fatores ecológicos e ambientais, mudanças
e adaptações microbianas e interações com o hospedeiro que possam influenciar as DIEs.
3. Reforçar a comunicação de informações de saúde pública e iniciar a implementação imediata
de estratégias de prevenção relacionadas às DIEs.
4. Estabelecer planos para monitorar e controlar as DIEs em todo o mundo. Emerging Infectious
Diseases.
CDC, os Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos (NIH, de National Institutes of Health), e a Organização Mundial 
de Saúde (OMS)

Outros materiais