Buscar

Exercicios fun historicos

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 6 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 6 páginas

Prévia do material em texto

04/11/2023, 20:48 Estácio: Alunos
https://simulado.estacio.br/alunos/ 1/6
Exercício
 avalie sua aprendizagem
(IADES, 2016 - CRESS-MG - Agente Fiscal - Assistente Social).
As premissas éticas que fundaram o serviço social como pro�ssão repousam nos valores religiosos cristãos. De
matriz idealista e visão metafísica, o discurso pro�ssional localiza-se eivado de preconceitos sociais. Em relação ao
atual formato do estatuto deontológico do serviço social, o(a) assistente social:
FUNDAMENTOS HIST TEÓRICOS MET SERVIÇO SOCIAL
Lupa  
 
DGT0871_202304463281_TEMAS
Aluno: MARCLEUDE MARTINS DA SILVA Matr.: 202304463281
Disc.: FUNDAMENTOS HIST T  2023.3 EAD (G) / EX
Prezado (a) Aluno(a),
Você fará agora seu EXERCÍCIO! Lembre-se que este exercício é opcional, mas não valerá ponto para sua avaliação. O
mesmo será composto de questões de múltipla escolha.
Após responde cada questão, você terá acesso ao gabarito comentado e/ou à explicação da mesma. Aproveite para se
familiarizar com este modelo de questões que será usado na sua AV e AVS.
03277RELAÇÕES SOCIAIS, TRABALHO E O SERVIÇO SOCIAL
 
1.
Leva a concepção do(a) usuário(a) como o indivíduo com problemas psicossociais.
Estabelece com o(a) usuário(a) uma relação entre sujeito e objeto, a �m de assegurar as diferenças de status.
Estabelece com o (a) usuário (a) uma relação entre sujeito e sujeito, como construção de um vínculo
horizontal de poder.
Relaciona-se com o(a) usuário(a), tratando-o(a) como um abjeto, ou seja, uma massa amorfa.
Deve orientar-se no sentido de levar as populações a tomarem consciência dos problemas sociais,
contribuindo para o estabelecimento de formas de integração para o desenvolvimento pessoal.
Data Resp.: 25/09/2023 17:24:52
Explicação:
Se em outros contextos históricos como, por exemplo, na década de 1930, nos marcos do capitalismo
monopolista, em que o Serviço Social se pro�ssionaliza, repousava o ideário da Igreja Católica sobre o pensar e o
agir dos pro�ssionais, nos dias atuais existe outro direcionamento. Dado o amadurecimento e transformação
ocorridas no interior da pro�ssão, reconhecemos que as dinâmicas e relações de poder não são dados do acaso,
mas sim, re�exo das desigualdades próprias do modo de produção em curso. Dessa forma, a intervenção
pro�ssional deve orientar-se para a transformação da realidade social dos usuários, e não de integrá-la a ordem
dominante.
javascript:voltar();
javascript:voltar();
javascript:voltar();
javascript:voltar();
javascript:diminui();
javascript:diminui();
javascript:aumenta();
javascript:aumenta();
04/11/2023, 20:48 Estácio: Alunos
https://simulado.estacio.br/alunos/ 2/6
(IADES, 2016 - CRESS-MG - Agente Fiscal - Assistente Social).
O padrão de acumulação �exível engendrou relações de trabalho precárias, pautadas na lucratividade e no acesso
rápido a bens e serviços. O (A) assistente social se inscreve nessa dinâmica, submisso(a) aos ditames de contratos
de trabalho temporários, terceirização de serviços e redução de direitos. Assim sendo, o per�l pro�ssional
requerido para fazer frente aos postulados hegemônicos da ordem instituída caracteriza-se por ser:
(FGV - 2015 - TJ-SC - Assistente Social).
 
"Embora não seja viável dar conta da pobreza no capitalismo, nem em sua face material, pois, dialeticamente
falando, riqueza e escassez fazem parte do mesmo todo, nem em sua face política, porque o mercado não suporta o
papel de mero instrumento da cidadania, é possível arquitetar uma política mais adequada de combate à pobreza,
que comece por admitir que política social, para ser "social", precisa interferir nas relações de mercado - toda
política social que não implica interveniência nas relações de mercado não é propriamente social, porque deixa
tudo como está, mesmo sob os mais espetaculares discursos e projetos". (DEMO, Pedro. Educar pela Pesquisa.
Campinas, SP: Autores Associados, 1997. P.38)
A partir dessa citação, pode-se depreender da visão do autor que: 
 
2.
Teórico e eclético.
Ético e político.
Político e funcional.
Funcional e dinâmico.
Institucionalizado e ético.
Data Resp.: 25/09/2023 17:27:07
Explicação:
O Assistente Social é considerado um trabalhador ¿livre¿ para vender a sua força de trabalho, no entanto, os
pro�ssionais estabelecem contratos, assim como os demais trabalhadores, junto aos órgãos estatais e empresas
privadas. Apesar do direcionamento hegemônico ser a preservação do capital, o Serviço Social a partir da sua
dimensão ética e política faz frente ao modelo dominante de sociedade em curso. Por tratar-se de pro�ssionais
assalariados que dispõe apenas da venda da sua força de trabalho, os rebatimentos no mundo do trabalho,
diante da acumulação �exível impactam diretamente a categoria pro�ssional.
 
3.
A regulação do mercado, sobretudo do �nanceiro, está na raiz da redução do papel do Estado no investimento
em políticas públicas;
Uma política de combate à pobreza centrada na assistência e em medidas compensatórias deixa intocada a
concentração de renda, pilar da desigualdade social;
Uma política adequada de combate à pobreza e à desigualdade social exige vontade política e ampliação dos
direitos sociais;
O enfrentamento da pobreza só é possível mediante a transformação radical da sociedade de classes, cujo
vetor é a socialização dos meios de produção. 
A �exibilização dos direitos trabalhistas representou o ponto de chegada para o aprofundamento da
concentração de renda;
Data Resp.: 25/09/2023 17:29:43
Explicação:
A questão correta apresenta que o desprendimento o Pro�ssional de Serviço Social deve fazer é a negação de
sua neutralidade, portanto, sua atuação não pode ser sustenta pelo assistencialismo e ações compensatórias que
não fazem surgir mudanças reais na superação das desigualdades, mas ao contrário, reforçam essas.  Por isso,
sua atuação deve ser fundamentada pelos meios e instrumentos mais adequados ao alcance das transformações
sociais.  O Capital integra uma relação social, em que participa apenas o capital e o trabalho, formando uma
unidade dialética, ou seja, um presume o outro. Trata-se de classes sociais com diferentes direções e objetivos.
Desse modo, pobreza e desemprego, por exemplo, são funcionais para a acumulação capitalista e sua lógica de
concentração da riqueza socialmente produzida.
04/11/2023, 20:48 Estácio: Alunos
https://simulado.estacio.br/alunos/ 3/6
CETREDE - cargo: Assistente Social (Pref. Frecheirinha)/2021.
A Igreja compartilha com o Estado a atuação diante da questão social, na tarefa de recristianização da sociedade,
através de grupos sociais básicos. Impõe-se uma ação doutrinária e organizativa com o objetivo de livrar o
proletariado das in�uências da vanguarda socialista do movimento operário e harmonizar as classes em con�ito
por meio do comunitarismo cristão. À luz do que foi expresso, assinale a alternativa CORRETA quanto ao grupo
básico que teve especial atenção na tarefa de recristianização.
Prova: MS Concursos - SAP - Agente Técnico de Assistência à Saúde - Área Assistente Social ¿ 2018 - ADAPTADA
O primeiro aspecto, por demais conhecido no Serviço Social é a sua relação com o ideário católico na gênese do
Serviço Social brasileiro, no contexto de expansão de secularização do mundo capitalista. Relação que vai imprimir
à pro�ssão caráter de apostolado fundado em uma abordagem da "questão social" como problema moral e religioso
e numa intervenção que prioriza a formação da família e do indivíduo para solução dos problemas e atendimento de
suas necessidades materiais, morais e sociais. (Fonte: YAZBEK, Maria Carmelita. Fundamentos históricos e teórico-
metodológicos do Serviço Social. Serviço Social: direitos sociais e competências pro�ssionais. Brasília/DF:
CFESS/ABEPSS, 2009.p.143-163).
 
Considerando só desdobramentos dos pressupostos teóricos apresentados, analise os itens a seguir e, em seguida
assinale a alternativa correta.
 
I - O contributo do Serviço Social, nesse momento, incidirá sobre valores e comportamentos de seus clientes na
perspectiva de sua integraçãoà sociedade, ou melhor, nas relações da sociedade vigente.
II - Os referenciais orientadores do pensamento e da ação do emergente Serviço Social têm sua fonte na Doutrina
Social da Igreja, no ideário franco-belga de ação social e no pensamento de São Tomás de Aquino.
III - Essa matriz conservadora encontra-se na gênese da pro�ssão brasileira que, embora vinculada a igreja
Católica, já defendia as marcas para uma implementação futura dentro da perspectiva crítica marxista.
IV - Nessa relação com a Igreja Católica, é que o Serviço Social vai fundamentar a formulação de seus primeiros
objetivos políticos e sociais orientando-se por um posicionamento de cunho humanista conservador, contrário aos
ideários liberais.V - Quanto à Doutrina Social da Igreja, destaca-se nesses contextos as encíclicas "Rerum
Novarum", do Papa Leão XIII de 1891, e a "Quadragésimo Anno, de Pio XI de 1931", que vai tratar da questão social,
apelando para a renovação moral da sociedade.
03278AS PERSPECTIVAS TEÓRICO-METODOLÓGICAS DO SERVIÇO SOCIAL
 
4.
Estudantes.
Partidos políticos.
Família.
Protestantes.
Lideranças comunitárias.
Data Resp.: 25/09/2023 17:47:57
Explicação:
O grupo social básico no processo de recristianização da sociedade era especialmente a família. Logo,
recristianizar signi�cava, entre outras ações, livrá-las da in�uência socialista/comunista, bem como efetuar um
conciliação entre as classes dominantes e o proletariado, pela via religiosa.
 
5.
Estão corretas as a�rmativas II, III e IV.
Estão corretas as a�rmativas I, II, IV e V.
Estão corretas as a�rmativas I, II, III e V.
04/11/2023, 20:48 Estácio: Alunos
https://simulado.estacio.br/alunos/ 4/6
Ano: 2013 Banca: FGV Órgão: FUNDAÇÃO PRÓ-SANGUE Prova: FGV - 2013 - FUNDAÇÃO PRÓ-SANGUE -
Assistente Social - ADAPTADA
A primeira aproximação do Serviço Social com a tradição marxista �cou marcada por um viés epistemológico com
consequências na intervenção pro�ssional. Sobre essa apropriação do marxismo pelo Serviço Social, assinale a
a�rmativa correta.
O estreitamento das relações entre Brasil e Estados Unidos se solidi�cou na Era Vargas, mais especi�camente em
1942, em função do objetivo comum de fortalecer o capitalismo na América Latina. De que forma as estruturações
econômico, sociais e políticas na Era Vargas contribuíram para a pro�ssionalização do Serviço Social?
Estão corretas as a�rmativas III, IV e V.
Estão corretas as a�rmativas II, IV e V.
Data Resp.: 25/09/2023 18:03:13
Explicação:
A gênese do Serviço Social no Brasil foi marcada pela inserção da �loso�a tomista e neotomista propagadas pela
Igreja Católica. A abordagem crítica marxista só vai ser discutida na pro�ssão em seu contexto de renovação, na
fase da Intenção de Ruptura com as bases tradicionais, que dava seus primeiros passos sobre a análise da
questão social como parte da estrutura do sistema capitalista e não como um simples problema moral.
 
6.
Supera a concepção de identidade entre prática pro�ssional e prática política.
Apreende a pro�ssão no processo de reprodução das relações sociais.
Apreende as mediações históricas para reconstruir os fenômenos sociais.
Determina a práxis social como medida das relações entre teoria e prática.
Concebe o Assistente Social como agente da transformação social.
Data Resp.: 25/09/2023 17:45:17
Explicação:
A questão trata do momento da primeira aproximação do Serviço Social com a tradição marxista, ou seja, ainda
estamos falando de um ¿marxismo vulgar¿, logo, repleto de equívocos em que por exemplo, consagrava o
assistente social como um agente da transformação social como se o mesmo fosse capaz de ultrapassar a ordem
posta. Com isso, somente depois, quando a pro�ssão recorre às obras clássicas do autor, que ela passa a se
reconhecer enquanto classe trabalhadora atuante no contexto das relações sociais, sendo um mediador nas
relações entre capital e trabalho relacionando sempre teórica e prática.
PROCESSO DE INSTITUCIONALIZAÇÃO DA PROFISSÃO
 
7.
Por meio do apoio da Igreja Católica e do movimento laico.
Por meio da iniciativa �lantrópica da burguesia.
Por meio da pressão popular e movimentos reivindicatórios da classe trabalhadora.
Não houve relação direta entre o surgimento das primeiras instituições sociais e assistenciais e a
pro�ssionalização do Serviço.
Por meio da relação de assalariamento e ampliação do mercado de trabalho, estimulando a formação
pro�ssional.
Data Resp.: 25/09/2023 17:49:13
Explicação:
Gabarito: Por meio da relação de assalariamento e ampliação do mercado de trabalho, estimulando a formação
pro�ssional.
Justi�cativa: Era necessário haver um conjunto de pro�ssionais aptos teórico, técnico e metodologicamente
para atuar nas instituições e aplicar à população as políticas adotadas pelo Estado. Neste bojo o Serviço Social
04/11/2023, 20:48 Estácio: Alunos
https://simulado.estacio.br/alunos/ 5/6
O Serviço Social cumpriu em várias etapas de sua trajetória de institucionalização da pro�ssão um papel de
reprodutor do status quo, ou seja, ou seja, a relação de desigualdade entre o que tem e o que não tem. Dessa forma
manteve a relação entre assistidos e assistentes. Não somente no Brasil, mas na América Latina de uma forma
geral, essa era a tônica. O que demarca a pro�ssionalização do Serviço Social?
(CESGRANRIO / 2014 - adaptada) O Serviço Social passou por várias fases e em cada uma assumiu modelos como
projeto de formação do assistente social. Dessa forma o pro�ssional foi se capacitando para intervir nos processos
sociais de acordo com o contexto histórico de cada época. No seu surgimento, o serviço social foi fortemente
in�uenciado pela Ação Católica Brasileira, cuja atuação se inspirava em quais Encíclicas Sociais?
(UNIVASF - BA / 2019) Leia e analise o fragmento:
encontra o terreno propício para sua pro�ssionalização, saindo da ação voluntária para a ação assalariada,
adquirindo mais postos de trabalho e recorrendo à formação pro�ssional especí�ca, a �m de obter a colocação
pro�ssional desejada.
 
8.
A pressão do movimento operário organizado.
A in�uência primordial do laicato.
A adoção de políticas de cunho social, alternando a caridade com repressão e controle.
As Encíclicas Papais.
O controle exercido exclusivamente pelo aparato da Igreja Católica.
Data Resp.: 25/09/2023 18:00:02
Explicação:
Gabarito: A adoção de políticas de cunho social, alternando a caridade com repressão e controle.
Justi�cativa: Na fase de pro�ssionalização do Serviço Social, o trato com as expressões das questões sociais da
época exigia, para reprodução do modo de produção capitalista, que Estado e empresariado aliados
empreendessem ações de controle sob a classe trabalhadora em formação. Esse ambiente foi propício para a
pro�ssionalização do Serviço Social, transitando das práticas caritativas para atuação nas políticas sociais,
sobretudo às relacionadas ao trabalho.
03280O ESTADO NO CAPITALISMO MONOPOLISTA E A QUESTÃO SOCIAL
 
9.
Rerum Novarum e Quadragesimo Anno
Octogesimo Anno e Dignitatis Humanae
Populorum Progressio e Mater et Magistra
Rerum Eclesium e Octagesimo Anno
Dignitate in Veritate e Centesimus Annos
Data Resp.: 25/09/2023 17:47:30
Explicação:
Gabarito: Rerum Novarum e Quadragesimo Anno
Justi�cativa: É inegável a in�uência e articulação histórica do Serviço Social com a Igreja Católica. Dentro do seu
conjunto de princípios doutrinários estão as encíclicas papais que deram orientação ao trabalho social da Igreja
na conjuntura histórica de surgimento da pro�ssão, no direcionamento de conter o con�ito entre as classes
sociais em curso.
 
10.
04/11/2023, 20:48 Estácio: Alunos
https://simulado.estacio.br/alunos/ 6/6
"O grande capital, os organismos internacionais e a burocracia estatal utilizam-se de problemas conjunturais, que
afetam os seus interesses mediatos e imediatos - reestruturação produtiva, restabelecimento de níveis de
produtividade, redução de custos com a força de trabalho e cumprimento dos acordos �nanceiros internacionais - e
os transformam em questõesestruturais que exigem reformas e aprovação da sociedade como um todo". (MOTA,
Ana Elizabete. Cultura da crise e seguridade social. Um estudo sobre as tendências da previdência e da assistência
social brasileira nos anos 80 e 90. São Paulo: Cortez, 1995. P 142.)
Sob esta perspectiva:
na relação com as classes sociais, o Estado assegura prioritariamente a distribuição de serviços à classe
dominada e, de modo secundário, mantém as normas de exclusão econômica e política, comprometendo seu
projeto de expropriação econômica e dominação política.
o Estado privilegia os interesses da grande burguesia, assegurando e criando condições para expansão do
capital, por meio da implementação de um conjunto de leis que permite ao capital utilizar e controlar a força
de trabalho.
o Estado cria condições materiais de enfrentamento à pobreza, atuando e comprometendo-se com o processo
de desenvolvimento capitalista na sociedade, respondendo de forma satisfatória às demandas oriundas das
classes populares.
o Estado se constitui como um bloco monolítico e homogêneo que �nancia políticas cíclicas, colocando-se a
favor dos interesses dominantes.
na relação com as classes sociais, o Estado funciona como mediação de interesses políticos e econômicos,
assumindo o discurso ideológico da classe trabalhadora.
Data Resp.: 25/09/2023 17:57:49
Explicação:
Gabarito: o Estado privilegia os interesses da grande burguesia, assegurando e criando condições para expansão
do capital, por meio da implementação de um conjunto de leis que permite ao capital utilizar e controlar a força
de trabalho.
Justi�cativa: Historicamente, há uma relação intrínseca entre o Estado - como regulador da vida social, através
dos direitos e políticas sociais, e o grande capital. Nessa relação a esfera estatal atua no intuito de expandir as
fronteiras do capital e sua acumulação. Dessa forma, as ações do Estado não se voltam para a classe
trabalhadora, ou para a superação da ordem vigente, pelo contrário, tem funcionalidade para o capital
dominante.
    Não Respondida      Não Gravada     Gravada
Exercício inciado em 25/09/2023 17:18:45.

Outros materiais