Buscar

3875675

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 127 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 127 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 9, do total de 127 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85370 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 12ª Região (SC) Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
1- No tocante às pessoas jurídicas:
a) começa a existência legal das pessoas jurídicas de direito privado com o início efetivo de suas atividades ao público.
b) de direito público interno são civilmente responsáveis por atos dos seus agentes que, nessa qualidade, causem danos a
terceiros, ressalvado direito regressivo contra os causadores do dano, se houver por parte destes culpa ou dolo.
c) a criação, a organização, a estruturação interna e o funcionamento das instituições religiosas é condicional, por ser laico o
Estado brasileiro, que deverá autorizar ou não seu reconhecimento e registro.
d) os partidos políticos são pessoas jurídicas de direito público interno.
e) as autarquias e as associações públicas são pessoas jurídicas de direito privado.
Questão: 84603 Ano: 2013 Banca: Quadrix Instituição: CREF Cargo: 3º Região (SC) - Advogado
2- A respeito da morte civil, atenção às regras aqui dispostas.
I. Presume-se a morte, quanto aos ausentes, nos casos em que a lei autoriza a abertura de sucessão provisória.
II. Se dois ou mais indivíduos falecerem na mesma ocasião, não se podendo averiguar se algum dos comorientes precedeu
aos outros, desde que as causas que originaram o acidente sejam efetivamente elucidadas, presurnir-se-ão simultaneamente
mortos.
III. A existência da pessoa natural termina com a morte.
IV. Pode ser declarada a morte presumida sem decretação de ausência, se alguém, desaparecido em campanha ou feito
prisioneiro, não for encontrado até dois anos após o término da guerra. Nesse caso, somente poderá ser requerida depois de
esgotadas as buscas e averiguações, devendo a sentença fixar a data provável do falecimento.
BR<>Estão erradas as regras contidas nos incisos:
a) III e IV.
b) I e III.
c) I e II.
d) II e IV.
e) I,II e III.
Questão: 84859 Ano: 2013 Banca: TRT 8R Instituição: TRT - 8ª Região (PA e AP) Cargo: Juiz do Trabalho
3- Assinale a alternativa CORRETA:
a) Aquele que estipula em favor de terceiro pode exigir o cumprimento da obrigação; contudo, na hipótese de ao terceiro se
deixar o direito de reclamar-lhe a execução, não poderá o estipulante exonerar o devedor, podendo o estipulante reservar-se o
direito de substituir o terceiro designado no contrato, desde que com anuência deste e do outro contratante. A substituição
pode ser feita por ato entre vivos ou por disposição de última vontade.
b) A liberdade de contratar será exercida em razão e nos limites da função social do contrato, sendo os contratantes
obrigados a guardar, assim na conclusão do contrato, como em sua execução, os princípios de probidade e boa-fé. Quando
houver no contrato de adesão cláusulas ambíguas ou contraditórias, dever-se-á adotar a interpretação mais favorável ao
aderente, observando-se que, nos contratos de adesão, são anuláveis as cláusulas que estipulem a renúncia antecipada do
aderente a direito resultante da natureza do negócio.
c) A coisa recebida em virtude de contrato comutativo pode ser enjeitada por vícios ou defeitos ocultos, que a tornem
imprópria ao uso a que é destinada, ou lhe diminuam o valor. Na hipótese do alienante ter tido conhecimento prévio do vício ou
defeito da coisa, ficará obrigado a restituir o que recebeu, acrescido de perdas e danos; do contrário, restituirá tão somente o
valor recebido, subsistindo sua responsabilidade ainda que a coisa pereça em poder do alienatário, se perecer por vício oculto,
já existente ao tempo da tradição.
d) A proposta de contrato obriga o proponente, se o contrário não resultar dos termos dela, da natureza do negócio, ou das
circunstâncias do caso, exceto: se feita sem prazo à pessoa presente, não foi imediatamente aceita; se feita sem prazo à
pessoa ausente, tiver decorrido tempo suficiente para chegar a resposta ao conhecimento do proponente; se, feita à pessoa
ausente, não tiver sido expedida a resposta dentro do prazo dado; se, antes dela, ou simultaneamente, chegar ao
conhecimento da outra parte a retratação do proponente. Na hipótese da aceitação chegar tarde ao conhecimento do
proponente por circunstância imprevista, este comunicá-lo-á imediatamente ao aceitante, sob pena de responder por perdas e
danos.
e) Nos contratos onerosos, o alienante responde pela evicção, subsistindo tal garantia ainda que a aquisição se opere em
hasta pública, podendo as partes, por cláusula expressa, reforçar, diminuir ou excluir a responsabilidade pela evicção. Porém,
salvo estipulação em contrário, tem direito o evicto, além da restituição integral do preço ou das quantias que pagou: à
indenização dos frutos que tiver sido obrigado a restituir; à indenização pelas despesas dos contratos e pelos prejuízos que
direta ou indiretamente resultarem da evicção; às custas judiciais e aos honorários do advogado por ele constituído.
Página 1/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85115 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: TJ-AM Cargo: Juiz
4- No direito brasileiro em vigor, incluem-se entre os herdeiros necessários
a) somente os descendentes e o cônjuge.
b) somente os descendentes e os colaterais.
c) somente os descendentes e os ascendentes.
d) os descendentes, os ascendentes e o cônjuge.
e) os descendentes, o cônjuge e os colaterais.
Questão: 85371 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TCE-ES Cargo: Analista Administrativo - Direito
5- No que se refere à responsabilidade civil, assinale a opção correta.
a) As instituições financeiras respondem objetivamente pelos danos gerados por fortuito interno relativo a fraudes e delitos
praticados por terceiros no âmbito de operações bancárias.
b) Ainda que as questões estejam decididas no âmbito da justiça criminal, é permitido questionar, na justiça civil, sobre a
existência do fato, ou sobre quem seja o seu autor, já que a responsabilidade civil independe da responsabilidade criminal.
c) O incapaz que causar dano a outrem não responderá pelos prejuízos que causar, mesmo que as pessoas por ele
responsáveis não tenham obrigação de fazê-lo ou não disponham de meios suficientes.
d) A indenização pela publicação não autorizada de imagem de pessoa com fins econômicos ou comerciais depende de
prova de prejuízo.
e) O STJ não admite a cumulação das indenizações de dano estético e dano moral, por possuírem elas a mesma natureza.
Questão: 84604 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TRF - 1ª REGIÃO Cargo: Juiz Federal
6- A respeito da superfície, servidões, usufruto, penhor e hipoteca, assinale a opção correta.
a) O direito subjetivo integra o patrimônio do superficiário, podendo este transferir o direito de superfície a terceiro por negócio
jurídico; no entanto, não haverá a saisine em favor dos herdeiros quando do seu falecimento.
b) A servidão de passagem, direito real que surge em razão da necessidade/utilidade de trânsito através de determinado
imóvel, por constituir forma de proteção à função social da propriedade, embora se presuma, deve ser interpretada
restritivamente.
c) O proprietário resolúvel pode conceder o bem em hipoteca, não lhe sendo vedado onerar a coisa; no entanto, verificado o
evento futuro e incerto, o ônus real subsistirá, gravando-se a coisa.
d) No intuito de assegurar o cumprimento da função social da propriedade gravada, o Código Civil, sem prever prazo
determinado, autoriza a extinção do usufruto pelo não uso ou pela não fruição do bem sobre o qual ele recai.
e) O valor do crédito e o bem dado em garantia com as suas especificações constituem elementos nucleares do contrato de
penhor, de forma que, faltando um deles, a validade do pacto estará comprometida.
Página 2/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84860 Ano: 2013 Banca: TRT 8R Instituição: TRT - 8ª Região (PA e AP) Cargo: Juiz do Trabalho
7- Em relação aos fatosjurídicos, assinale a alternativa CORRETA:
a) A incapacidade relativa de uma das partes não pode ser invocada pela outra em benefício próprio, nem aproveita aos
co-interessados capazes, salvo se, neste caso, for indivisível o objeto do direito ou da obrigação comum.
b) Ainda que o autor tenha feito reserva mental de não querer o que manifestou, sua manifestação de vontade subsiste, salvo
se da reserva mental o destinatário tinha conhecimento. Nas declarações de vontade se atenderá mais à intenção nelas
consubstanciada do que ao sentido literal da linguagem, devendo os negócios jurídicos ser entendidos conforme a boa-fé e os
usos do lugar de sua execução, interpretando-se de forma estrita os negócios benéficos e a renúncia.
c) São passíveis de anulação os negócios jurídicos quando provenientes de declarações de vontade que tenham emanado de
erro substancial que poderia ser percebido por pessoa de diligência normal, em face das circunstâncias do negócio. Para a
norma, erro substancial é o que diga respeito à natureza do negócio, ao objeto principal da declaração, ou a alguma das
qualidades a ele essenciais, ou, ainda, o que se refira à identidade ou à qualidade essencial da pessoa a quem afete a
declaração de vontade, desde que não tenha influído nesta de modo relevante, assim como, sendo de direito e não implicando
recusa à aplicação da lei, seja um dos motivos do negócio jurídico.
d) São consideradas lícitas, em geral, todas as condições não contrárias à lei, à ordem pública ou aos bons costumes; e
ilícitas as que privarem de todo efeito o negócio jurídico ou o sujeitarem ao puro arbítrio de uma das partes. Invalidam os
negócios jurídicos as condições física ou juridicamente impossíveis, quando suspensivas; as condições ilícitas, ou de fazer
coisa ilícita; e as condições incompreensíveis ou contraditórias, tendo-se por inexistentes as condições impossíveis, quando
suspensivas, e as de não fazer coisa impossível.
e) Se alguém dispuser de uma coisa sob condição suspensiva, e, pendente esta, fizer quanto àquela novas disposições,
estas terão valor, ainda que realizada a condição, se com ela forem incompatíveis. Sobrevindo a condição resolutiva,
extingue-se, para todos os efeitos, o direito a que ela se opõe; mas, se aposta a um negócio de execução continuada ou
periódica, a sua realização, salvo disposição em contrário, não tem eficácia quanto aos atos já praticados, desde que
compatíveis com a natureza da condição pendente e conforme aos ditames de boa-fé.
Questão: 85116 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: TJ-AM Cargo: Juiz
8- No que se refere à locação predial urbana, assinale a afirmativa correta.
a) O locatário tem a obrigação de pagar os impostos e as taxas que incidam ou venham a incidir sobre o imóvel, assim como
as despesas de telefone, luz, gás, água e esgoto.
b) O locatário pode devolver o imóvel alugado, durante o prazo estipulado para a duração do contrato, pagando o valor dos
alugueis correspondentes ao período que falta para o término do contrato.
c) Em caso de óbito do locatário, ficarão sub-rogados nos seus direitos e obrigações, nas locações residenciais, o cônjuge
sobrevivente ou o companheiro e, sucessivamente, os descendentes, ascendentes e os colaterais até o terceiro grau.
d) As benfeitorias necessárias e úteis introduzidas pelo locatário, salvo expressa disposição contratual em contrário, ainda
que não autorizadas pelo locador, serão indenizáveis e permitem o exercício do direito de retenção.
e) O locador, em locação por temporada, poderá receber de uma só vez e antecipadamente os aluguéis e encargos.
Questão: 85372 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: MPE-AM Cargo: Agente Técnico - Jurídico
9- A cessão de crédito
a) obriga o cedente pela existência do crédito, seja a cessão onerosa ou gratuita, independentemente de boa ou má-fé.
b) tem validade somente em relação ao cedente, se houver sido notificada ao devedor.
c) obriga, em regra, o cedente pela solvência do devedor.
d) abrange, em regra, os acessórios do crédito cedido.
e) autoriza o devedor a opor exceções apenas contra o cedente.
Página 3/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84605 Ano: 2013 Banca: MPT Instituição: MPT Cargo: Procurador
10- Sobre a responsabilidade civil do empregador, analise os itens abaixo:
I- Consoante jurisprudência uniforme do STJ, é lícita a cumulação das indenizações por dano moral e por dano estético
decorrentes de um mesmo fato, desde que passíveis de identificação autônoma.
II- A teoria da perda de uma chance pode ser aplicada às relações de trabalho.
III - Para que reste caracterizada culpa exclusiva da vítima, é preciso que não haja culpa do empregador em nenhum grau.
Marque a alternativa CORRETA:
a) todas as assertivas estão corretas;
b) apenas as assertivas II e III estão corretas;
c) apenas as assertivas I e III estão corretas;
d) apenas a assertiva I está correta;
e) não respondida.
Questão: 84861 Ano: 2013 Banca: UEPA Instituição: PC-PA Cargo: Delegado de Polícia
11- Sobre o regime de responsabilidade civil e a obrigação de indenizar, assinale a alternativa correta.
a) O Código Civil de 2002 provocou modificações substanciais no regime de responsabilidade civil próprio do ordenamento
jurídico brasileiro, tendo adotado como regra geral a apuração de responsabilidade de modo objetivo, vale dizer,
independentemente de culpa.
b) A indenização deve ser medida pela extensão do dano, de modo que havendo excessiva desproporção entre a gravidade
da culpa e os prejuízos sofridos pela vítima, poderá o juiz reduzir, equitativamente, a indenização.
c) O dono ou detentor do animal deve ressarcir todos os danos por eles causados, ainda que haja comprovação da existência
de culpa da vítima ou motivo de força maior.
d) A indenização por injúria, difamação ou calúnia somente poderá ser arbitrada caso o ofendido demonstre o prejuízo
efetivamente sofrido.
e) O incapaz não responde pelos prejuízos que causar, de modo que a indenização restará frustrada caso os seus
responsáveis não disponham meios suficientes de fazê-lo.
Questão: 85117 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: AL-RN Cargo: Analista Legislativo
12- A família Silva viajava de ônibus para a cidade de Mossoró quando um grave acidente aconteceu e o ônibus que levava a
família colidiu frontalmente com um caminhão. Neste acidente faleceram o casal Fabiano e Carla, bem como a mãe de Carla,
Gabriela, o avô de Fabiano, Silvio e a irmã mais velha de Carla, Soraya. Considerando que Gabriela possuía doença crônica
no coração e que Carla estava sentada no banco da frente do ônibus, não se podendo averiguar qual dos comorientes
precedeu aos outros,
a) presumir-se-á que Gabriela faleceu primeiro.
b) presumir-se-á que Silvio faleceu primeiro.
c) presumir-se-ão simultaneamente mortos.
d) presumir-se-á que Carla faleceu primeiro.
e) será averiguada a expectativa legal de vida de cada familiar judicialmente.
Questão: 85373 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: STF Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
13- A teoria do substancial adimplemento visa impedir o usodesequilibrado, pelo credor, do direito de resolução,
preterindodesfazimentos desnecessários em prol da preservação doacordado, com vistas à realização de princípios como o
daboa-fé objetiva e o da função social dos contratos.
a) Certo
b) Errado
Página 4/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84606 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: Polícia Federal Cargo: Delegado de Polícia
14- A revogação de uma norma pela superveniência de outra que disponha sobre a mesma matéria poderá atingir as
situações já consumadas sob a égide da lei antiga, afetando os efeitos pretéritos produzidos ou incidindo sobre os efeitos
presentes ou futuros de situações passadas ocorridas na vigência da norma revogada.
a) Certo
b) Errado
Questão: 84862 Ano: 2013 Banca: MPDFT Instituição: MPDFT Cargo: Promotor de Justiça
15- Julgue os itens subsequentes,a respeito do direito de família, sob a ótica do Código Civil e a jurisprudência do STJ:
I. A regra de separação obrigatória de bens prevista para casamentos se estende às uniões estáveis e deve ser aplicada em
uniões com pessoas maiores de 70 anos.
II. O cônjuge casado pelo regime da separação convencional de bens, por meio de pacto antenupcial, não é herdeiro
necessário. Por isso, não tem direito à meação, tampouco à concorrência sucessória.
III. É admissível a alteração do regime de bens entre os cônjuges, para os casamentos celebrados sob a égide do Código Civil
atual, desde que o pedido seja acompanhado de provas concretas do prejuízo na manutenção do regime de bens originário.
IV. Ocorre a curatela compartilhada quando for nomeado, por disposição testamentária, mais de um curador a uma pessoa
incapaz, devendo, nesse caso, os curadores exercerem conjuntamente o múnus público de forma mais vantajosa para o
curatelado.
V. O regime de bens aplicável na união estável é o da comunhão parcial, pelo qual há comunicabilidade ou meação dos bens
adquiridos a título oneroso na constância da união. No entanto, exige-se, para tanto, prova de que a aquisição decorreu do
esforço comum de ambos os companheiros.
Estão CORRETOS os itens:
a) I e II
b) I, II e III
c) II e III
d) I, III e IV
e) IV e V
Questão: 85118 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: AL-RN Cargo: Analista Legislativo
16- Considere a seguinte situação hipotética: A Lei A teve início de vigência no dia 27 de Novembro de 2012. Posteriormente
foi publicada a Lei B e a Lei C. Considerando que a Lei B estabeleceu disposições gerais sobre a Lei A a par das já existentes
e a Lei C estabeleceu disposições especiais sobre a Lei A a par das já existentes, é certo que a Lei B
a) e a Lei C revogaram a Lei A.
b) e a Lei C não revogaram e nem modificaram a Lei A.
c) e a Lei C modificaram a Lei A.
d) revogou a Lei A e a Lei C modificou a Lei A.
e) modificou a Lei A e a Lei C revogou a Lei A.
Página 5/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85374 Ano: 2013 Banca: TJ-PR Instituição: TJ-PR Cargo: Assessor Jurídico
17- Sobre a responsabilidade civil, considere as seguintes afirmativas: 1 A responsabilidade objetiva por risco agravado exime
a vítima não apenas da prova sobre a culpa, mas impede aquele a quem se busca imputar a causação do dano de empregar
em sua defesa as alegações de caso fortuito e de força maior 2 A responsabilidade do empregador pelos atos do seu
empregado é objetiva por culpa in eligendo, admitindo-se que o empregador possa ser eximido da responsabilidade se
demonstrar que foi diligente na escolha do empregado e na fiscalização do desempenho do trabalho 3 A responsabilidade civil
objetiva derivada da cláusula geral do risco prevista no Código Civil ocorre quando o dano é causado por pessoa cuja
atividade normalmente desenvolvida, por sua natureza, acarreta riscos para os direitos de outrem 4 A responsabilidade civil
nas relações de consumo é sempre objetiva Assinale a alternativa correta
a) Somente as afirmativas 1 e 2 são verdadeiras .
b) Somente as afirmativas 3 e 4 são verdadeiras .
c) Somente as afirmativas 1 e 4 são verdadeiras .
d) Somente a afirmativa 3 é verdadeira .
Questão: 84607 Ano: 2013 Banca: VUNESP Instituição: TJ-SP Cargo: Advogado
18- O patrimônio de Roberto é composto por um único imóvel no valor de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais). Constam na
matrícula 2 (dois) registros de hipoteca convencional, a primeira (e mais antiga) no valor de R$ 300.000,00 (trezen- tos mil
reais) e a segunda no valor de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais). Roberto possui dívida também com 2 (dois)
credores que gozam de privilégio geral, cada uma no montante de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais). Em processo judicial, o
imóvel foi à hasta pública, arrecadando-se exatamente o valor do imóvel. Considerando este cenário, sob a ótica do Código
Civil vigente, é possível afirmar que:
a) os credores hipotecários serão integralmente satis- feitos e os credores com privilégio geral receberão R$ 25.000,00 (vinte
e cinco mil reais) cada.
b) os credores com privilégio geral e o credor da hipoteca mais antiga serão integralmente satisfeitos, cabendo o saldo ao
credor da hipoteca mais recente.
c) serão satisfeitos, em primeiro lugar, os credores com privilégio geral e o saldo apurado beneficiará ambos os credores
hipotecários, por meio de rateio proporcional ao valor de seus créditos.
d) o crédito hipotecário se equipara ao crédito com privilé- gio geral, de forma que haverá rateio proporcional entre todos os
credores.
e) os credores hipotecários serão integralmente satisfeitos, assim como o mais antigo credor com privilégio geral, suportando
o credor remanescente prejuízo integral.
Questão: 84863 Ano: 2013 Banca: MPDFT Instituição: MPDFT Cargo: Promotor de Justiça
19- Com referência aos direitos sobre coisa alheia, sob a ótica do Código Civil, assinale a opção CORRETA.
a) Direito real de habitação assegura moradia vitalícia ao cônjuge sobrevivente, casado sob regime da comunhão universal de
bens, no imóvel em que residia o casal, desde que seja o único dessa natureza e que integre o patrimônio comum ou o
particular de cada cônjuge no momento da abertura da sucessão.
b) A servidão, que consiste na obrigação de possibilitar a utilização mais cômoda do prédio dominante, tem como
pressuposto a existência de prédios contíguos, pertencentes ao mesmo dono e constitui-se mediante declaração expressa dos
proprietários ou por testamento.
c) No usufruto os poderes de uso e fruição da coisa são transferidos ao usufrutuário, surgindo um direito real, oponível erga
omnes. Assim, ocorrendo a alienação da nua- propriedade, o usufrutuário manterá a posse direta sobre o bem até o advento
do termo ou condição ajustados com o proprietário primitivo.
d) O usufrutuário tem o direito de administrar a coisa, podendo alterar a sua substância ou a sua destinação econômica, bem
como perceber os frutos naturais, industriais ou civis da coisa, e os produtos, ou seja, as utilidades que diminuem a quantidade
da coisa, à medida que são retiradas.
e) Constituído o usufruto simultâneo e sucessivo em favor de dois ou mais usufrutuários, aos usufrutuários sobreviventes
serão acrescidas as parcelas dos que vierem a falecer, só retornando a propriedade desonerada ao nu-proprietário no instante
que todos os beneficiários falecerem.
Página 6/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85119 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 12ª Região (SC) Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
20- Em relação aos bens:
a) pertenças são bens que constituem partes tes de outros bens móveis ou imóveis, para incremento de sua utilidade.
b) são móveis os materiais provisoriamente separados de um prédio, para nele se reempregarem.
c) infungíveis são os bens móveis que podem substituir-se por outros da mesma espécie, qualidade e quantidade.
d) não perdem o caráter de bens imóveis as edificações que, separadas do solo, mas conservando sua unidade, forem
removidas para outro local.
e) as benfeitorias podem ser principais, acessórias, singulares e coletivas.
Questão: 85375 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TJ-PE Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
21- A repristinação legal no direito brasileiro
a) não se admite em nenhuma hipótese.
b) é admitida, excepcionalmente, desde que por disposição expressa nesse sentido.
c) admite?se como regra geral.
d) implica a revogação da lei anterior pela posterior.
e) tem como decorrência lógica a temporariedade de lei que passa a vigorar.
Questão: 84608 Ano: 2013 Banca: VUNESP Instituição: TJ-SP Cargo: Advogado
22- É correto afirmar que os bens públicos.
a) são de uso gratuito, sendo vedada a cobrança pela sua utilização, ressalvada a possibilidade de contribuição espontânea.
b) dominicais podem ser utilizados por particular, com ex- clusividade, atravésda utilização de institutos típicos de direito
privado.
c) dominicais estão sujeitos à usucapião, ao contrário dos bens de uso comum do povo e bens de uso especial.
d) dominicais são considerados bens fora de comércio, seguindo a regra da inalienabilidade dos bens públicos.
e) de uso especial podem ser penhorados, não se sujeitando à regra de impenhorabilidade que protege os bens de uso
comum do povo.
Questão: 84864 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: MPE-SE Cargo: Analista - Direito
23- Considere as afirmativas:
I. Salvo disposição contrária, a lei começa a vigorar em todo o país 45 dias depois de oficialmente publicada.
II. Não se destinando à vigência temporária, a lei terá vigor até que outra a modifique ou revogue.
III. Salvo disposição em contrário, a lei revogada restaura-se ao ter a lei revogadora perdido vigência.
Está correto o que se afirma em
a) I e II, apenas.
b) I e III, apenas.
c) I, II e III.
d) I, apenas.
e) II, apenas.
Página 7/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85120 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 15ª Região (Campinas) Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
24- Joaquim é sócio majoritário e administrador de empresa produtora de alimentos enlatados e embutidos. Durante muitos
anos, a empresa experimentou sucesso empresarial. No entanto, depois que o Ministério da Saúde passou a desestimular a
ingestão deste tipo de alimento, a empresa deixou de honrar compromissos com fornecedores, que ajuizaram e venceram
ações de cobrança. Contudo, quando do cumprimento das sentenças, verificou-se que a empresa não possuía bens
penhoráveis. Neste caso, de acordo com o Código Civil, a personalidade jurídica deverá ser desconstituída
a) a requerimento da parte, se comprovado abuso da personalidade jurídica, caracterizado pelo desvio de finalidade ou pela
confusão patrimonial.
b) necessária e automaticamente, pois é dever do juiz zelar pela efetividade das decisões judiciais.
c) apenas em relação a Joaquim, independentemente de quaisquer requisitos, por ostentar a qualidade de sócio majoritário e
administrador da empresa.
d) a requerimento da parte ou de ofício, se comprovado abuso da personalidade jurídica, caracterizado pelo inadimplemento
das obrigações.
e) a requerimento da parte, se comprovado abuso da personalidade jurídica, caracterizado pela inexistência de bens
penhoráveis à época do cumprimento da sentença.
Questão: 85376 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TJ-PE Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
25- Em relação às fundações, é correto afirmar que
a) constituídas por negócio jurídico entre vivos, a transferência da propriedade sobre os bens dotados é obrigatória após a
morte do instituidor, somente.
b) só podem elas ser constituídas para fins religiosos, econômicos, morais, culturais, assistenciais ou esportivos.
c) quando os bens destinados a constituí?las forem insuficientes, em regra voltarão ao instituidor, se vivo, ou serão
transferidos aos herdeiros deste, se falecido.
d) para serem criadas, seu instituidor fará, por escritura pública ou testamento, dotação especial de bens livres, especificando
o fim a que se destinam e declarando, se quiser, a maneira de administrá?la.
e) tornadas ilícita, impossível ou inútil sua finalidade, serão extintas e, em regra, seu patrimônio será incorporado ao
Estado?membro em que sediadas.
Questão: 84609 Ano: 2013 Banca: TJ-RS Instituição: TJ-RS Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
26- Sobre o casamento: I. O prazo para ser intentada ação de anulação do casamento, se houver coação, é de 4 anos a
contar da data da celebração, e de 3 anos, na hipótese de erro essencial. II. Não devem casar o viúvo ou a viúva que tiver filho
do cônjuge falecido, enquanto não fizer inventário dos bens do casal e der partilha aos herdeiros. III. Não pode casar a viúva,
até dez meses depois do começo da viuvez. IV. As causas suspensivas da celebração do casamento podem ser arguidas
apenas pelos parentes em linha reta de um dos nubentes, sejam consanguíneos ou afins. São verdadeiras as afirmativas:
a) III e IV, apenas.
b) I, II e IV, apenas.
c) I e II, somente.
d) I, II e III, somente.
Questão: 85121 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 15ª Região (Campinas) Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
27- Cauã, então com 9 anos, foi obrigado por Romualdo, durante três anos, a trabalhar em regime análogo à escravidão.
Neste período, foi submetido a trabalhos forçados, que lhe causaram danos morais. Seis anos depois, ajuizou ação
compensatória contra Romualdo. Este, por sua vez, alegou prescrição. A alegação de Romualdo
a) não procede, pois o caso espelha hipótese de decadência, não de prescrição.
b) procede, pois se passaram mais de três anos do fato que originou a pretensão.
c) procede, pois se passaram mais de cinco anos do fato que originou a pretensão.
d) não procede, pois o prazo de prescrição para pretensão de reparação civil não se consumou.
e) não procede, pois fatos graves são imprescritíveis.
Página 8/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85377 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TJ-PE Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
28- Em relação ao testamento é correto afirmar que
a) a legítima dos herdeiros necessários não poderá ser incluída no testamento.
b) é defeso o testamento conjuntivo, permitido porém o recíproco ou correspectivo.
c) as disposições testamentárias de caráter não patrimonial são válidas, a não ser que o testador tenha se limitado a elas.
d) embora ato personalíssimo, a revogação do testamento exige fundamentação idônea quanto às razões que a
determinaram.
e) são modalidades de testamento especial o marítimo, o militar e o cerrado.
Questão: 84610 Ano: 2013 Banca: TJ-RS Instituição: TJ-RS Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
29- Nos contratos de execução continuada, se a prestação de uma das partes se tornar excessivamente onerosa, com
extrema vantagem para a outra, em virtude de acontecimentos extraordinários e imprevisíveis,poderá o devedor pedir a
resolução do contrato ou a sua revisão.Nesse contexto, a expressão extrema vantagem deve ser interpretada como:
a) elemento substancial
b) elemento acidental.
c) elemento endógeno.
d) elemento exógeno
Questão: 84866 Ano: 2013 Banca: TRF - 3ª REGIÃO Instituição: TRF - 3ª REGIÃO Cargo: Juiz Federal
30- Quanto à modalidade de responsabilidade civil oriunda de riscos por atividades normalmente desenvolvidas pelo autor,
constante do parágrafo único, do art. 927, do Código Civil, é possível afirmar:
I - Trata-se de cláusula aberta de responsabilidade civil subjetiva envolvendo atividades que implicam risco, por sua própria
natureza, com possibilidade de dano a terceiros, mediante culpa devidamente demonstrada;
II - Trata-se de cláusula aberta de responsabilidade civil objetiva envolvendo atividades reiteradas, com possibilidade de dano
a terceiros, tão somente em função do risco adquirido;
III - Trata-se de cláusula aberta de responsabilidade civil objetiva envolvendo atividades não habituais, mas com possibilidade
de dano a terceiros, tão somente em função do risco inerente;
IV - Trata-se de cláusula aberta de responsabilidade civil objetiva envolvendo atividades habituais, com possibilidade de dano
a terceiros, tão somente em função do risco inerente;
V - Trata-se de cláusula aberta de responsabilidade civil subjetiva envolvendo atividades habituais e reiteradas, com
possibilidade de dano a terceiros, tão somente em função do risco adquirido;
Assinale a alternativa correta:
a) três assertivas estão absolutamente corretas;
b) apenas a assertiva IV corresponde à inteligência do dispositivo;
c) a assertiva mais adequada ao tipo é a primeira;
d) a assertiva II é a mais adequada ao tipo.
e) tanto as assertivas III como a V estão juridicamente corretas.
Página 9/127
Direito Civil - xProvas.com.brCopyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85122 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 5ª Região (BA) Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
31- Luís Caetano, Juiz de Direito de Vitória da Conquista, deixa de julgar um processo que lhe foi atribuído, alegando que as
provas dos autos são boas para ambos os lados e que, ademais, não há lei prevendo a hipótese em julgamento. De acordo
com a Lei de Introdução às Normas do Direito Brasileiro, Luís Caetano agiu
a) bem, pois embora a ausência de lei não impedisse o julgamento, por haver outros meios para supri-la, as provas boas para
ambos os lados impedem a formação da convicção judicial.
b) mal, pois ninguém se escusa de cumprir a lei, alegando que não a conhece, como era o caso.
c) mal, pois na aplicação da lei o juiz atenderá às regras de sua interpretação e ao bom-senso jurídico.
d) bem, pois a ausência de lei impede o julgamento, por falta de parâmetros para tanto.
e) mal, pois sendo a lei omissa, deveria ter decidido o caso de acordo com a analogia, os costumes e os princípios gerais de
direito, valorando as provas de acordo com os ditames legais, já que o provimento jurisdicional é imperativo.
Questão: 85378 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TJ-RN Cargo: Juiz de Direito Substituto
32- A respeito do penhor, da hipoteca e da anticrese, assinale a opçãocorreta.
a) O credor pignoratício é obrigado a defender a posse do bem empenhado e a dar ciência ao dono do respectivo bem a
respeito das circunstâncias que possam tornar necessário o exercício da ação possessória.
b) Uma vez paga a dívida, é obrigação do credor pignoratício restituir a coisa, podendo, no entanto, permanecer com os frutos
e acessões, independentemente da concordância do devedor.
c) De acordo com a legislação civil, somente quem puder alienar poderá também empenhar, hipotecar ou dar em anticrese,
sendo, portanto, ineficazes as garantias reais estabelecidas por qualquer um que não seja dono, ainda que adquira
supervenientemente a propriedade dos bens oferecidos.
d) Em caso de dívida não paga até o vencimento, será válida a cláusula que autoriza o credor pignoratício, anticrético ou
hipotecário a ficar com o objeto da garantia, se houver oncordância expressa das partes envolvidas.
e) Constitui-se o penhor pela manifestação de vontade do devedor, transferindo-se a posse ao credor pignoratício apenas na
hipótese de não pagamento da dívida.
Questão: 84611 Ano: 2013 Banca: TJ-RS Instituição: TJ-RS Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
33- Em relação aos vícios redibitórios: I. é inaplicável a disposição do artigo 441 do Código Civil, concernente aos vícios
redibitórios, às doações onerosas. II. são duas as ações edilícias: a redibitória e a estimatória.III. a ação quanti minoris
acarreta a redibição do contrato. IV. a ação redibitória consiste na resolução do contrato.V. na ação redibitória, se o alienante
conhecia o vício ou defeito da coisa, o adquirente fará jus à restituição do que pagou com perdas e danos. Estão corretas as
afirmativas:
a) I, II, IV e V.
b) III e V, somente.
c) I e III, somente
d) II, IV e V, somente.
Questão: 85123 Ano: 2013 Banca: TJ-RS Instituição: TJ-RS Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
34- Considerando a Teoria Geral dos Títulos de Crédito, assinale a alternativa INCORRETA:
a) São princípios cambiários: cartularidade, autonomia e literalidade.
b) Em função da cartularidade inerente aos títulos de crédito que se permite sua ampla negociabilidade, cabe somente ao
credor que o tenha consigo a prerrogativa de sua cobrança.
c) Como consequência do subprincípio da abstração, é possível afirmar que o título de crédito se desvincula completamente
da causa que lhe deu origem, independentemente de ter ou não circulado, sendo possível sustentar que o devedor original
jamais poderá se escusar ao pagamento, sob a alegação de que o portador deixou de cumprir com sua obrigação.
d) Os títulos de crédito não precisam necessariamente representar uma operação mercantil de crédito.
Página 10/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85379 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: SUDENE-PE Cargo: Analista Técnico Administrativo - Ciência Jurídicas
35- Considerando as regras atinentes à prescrição e à decadência,assinale a afirmativa correta.
a) A prescrição iniciada contra uma pessoa não continua a correr contra o seu sucessor.
b) A decadência legal é de natureza privada, admitindo-se a sua renúncia.
c) A renúncia da prescrição só pode ser feita de forma expressa.
d) Havendo suspensão da prescrição em favor de um dos credores solidários, aproveitam os outros independentemente da
natureza da obrigação.
e) O juiz não pode suprir a ausência de alegação de decadência convencional.
Questão: 84612 Ano: 2013 Banca: TJ-RS Instituição: TJ-RS Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
36- A respeito dos defeitos do negócio jurídico: I. Configura-se estado de perigo quando alguém, sob premente necessidade,
ou por inexperiência, se obriga a prestação manifestamente desproporcional ao valor da prestação.II. Ocorre lesão quando
uma pessoa, premida por necessidade, para salvar-se de grave dano conhecido pela outra parte, assume obrigação
excessivamente onerosa. III. A lesão de que trata o artigo 157 do Código Civil não exige dolo de aproveitamento.IV. Nas
hipóteses de lesão, pode o lesionado optar por não pleitear a anulação do negócio jurídico, deduzindo, desde logo, pretensão
com vista à revisão judicial do negócio, por meio da redução do proveito do lesionador ou do complemento do preço.V. A lesão
acarretará a anulação do negócio jurídico, quando verificada, na formação deste, a desproporção manifesta entre as
prestações assumidas pelas partes, não se presumindo a premente necessidade ou a inexperiência do lesado. São
verdadeiras as afirmativas:
a) I, II, somente.
b) III e IV, somente.
c) IV e V, somente
d) III, IV e V, somente.
Questão: 84868 Ano: 2013 Banca: VUNESP Instituição: MPE-ES Cargo: Promotor de Justiça
37- Assinale a alternativa correta sobre o contrato de mandato:
a) O menor púbere pode ser mandatário, ainda que não seja emancipado.
b) O mandato por instrumento público não pode ser subs tabelecido por instrumento particular
c) A interdição do mandante não provoca a cessação do mandato, dependendo de expressa revogação por parte do curador
d) O mandato com a cláusula em causa própria pode ser revogado a qualquer tempo pelo mandante.
e) O mandatário só poderá substabelecer seus poderes se houver expressa autorização do mandante.
Questão: 85124 Ano: 2013 Banca: TJ-RS Instituição: TJ-RS Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
38- Corre normalmente a prescrição:
a) pendendo condição suspensiva.
b) pendendo ação de evicção.
c) contra o sucessor, se iniciada a contagem do prazo contra a pessoa titular falecida.
d) entre ascendentes e descendentes, durante o poder familiar.
Questão: 85380 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: DPE-RS Cargo: Analista - Processual
39- O dever alimentar
a) extingue-se com a maioridade, mesmo que o alimentado seja incapaz.
b) é recíproco entre pais e filhos, mas não extensível aos avós.
c) obriga os devedores a concorrerem em partes iguais quando são várias as pessoas obrigadas a prestar alimentos.
d) não pode ser exercido contra o genitor casado, pelo filho havido fora do casamento.
e) cessa com a união estável ou concubinato do credor.
Página 11/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84613 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TJ-PB Cargo: Juiz Leigo
40- Com relação às formas de integração da norma jurídica, assinale a opção correta.
a) O costume é instituto típico do sistema civil law.
b) Entende-se por analogia a aplicação, a determinado caso concreto, de uma norma próxima ou de um conjunto de normas
próximas, a despeito da existência de normaprevista para o referido caso.
c) A lacuna ontológica pressupõe a existência de norma para regular o caso concreto, sem, entretanto, eficácia social.
d) O costume secundum legem é forma de integração da norma jurídica.
e) Em caso de lacuna ou obscuridade da lei, o juiz deve recorrer, primeiramente, aos princípios gerais do direito, uma vez que
são esses princípios que orientam todo o ordenamento jurídico.
Questão: 84869 Ano: 2013 Banca: MPE-PR Instituição: MPE-PR Cargo: Promotor Substituto
41- Assinale a alternativa incorreta:
a) O direito brasileiro adota o princípio da saisine em matéria sucessória;
b) Em um caso de ultra-atividade da lei, as regras de direito sucessório do Código Civil de 1916 devem ser aplicadas à
sucessão aberta durante sua vigência, mesmo que o inventário seja processado após o início da vigência do Código Civil de
2002;
c) Os descendentes e os ascendentes e o cônjuge são considerados herdeiros necessários;
d) São vedados o testamento simultâneo, recíproco e correspectivo;
e) O testamento realizado por menor de 16 anos é nulo e o testamento realizado por menor entre 16 e 18 anos é anulável.
Questão: 85125 Ano: 2013 Banca: TJ-RS Instituição: TJ-RS Cargo: Titular de Serviços de Notas e de Registros - Remoção
42- Quanto à representação: I. É anulável o negócio jurídico que o representante celebrar consigo mesmo, no seu interesse
ou por conta de outrem, salvo se o permitir o representado. II.É anulável o negócio concluído pelo representante, em conflito
de interesses com o representando, sendo de cento de vinte dias o prazo de decadência para pleitear-se tal anulação, a contar
da conclusão do negócio III. É nula a obrigação cambial assumida por procurador do mutuário vinculado ao mutuante, no
exclusivo interesse deste.
São verdadeiras as afirmativas:
a) I, somente.
b) I, II e III.
c) III, somente.
d) I e III, somente.
Questão: 85381 Ano: 2013 Banca: Quadrix Instituição: CRF-SP Cargo: Consultor - Consultor de Departamento de Ética (Bacharel Direito)
43- Considere as seguintes afirmações:I. Salvo por exigência médica, é defeso o ato de disposiçãodo próprio corpo, quando
importar diminuiçãopermanente da integridade física, ou contrariar os bonscostumes.
II. É válida, com objetivo científico, ou altruístico, a disposiçãogratuita do próprio corpo, no todo ou em parte, paradepois da
morte.
III. Ninguém pode ser constrangido a submeter se, com riscode vida, a tratamento médico ou a intervenção cirúrgica.
IV. o pseudônimo adotado para atividades lícitas goza daproteção que se dá ao nome.
Em relação aos Direitos da Personalidade, é correto o que seafirma em:
a) I, II, III e IV.
b) somente I, II e III.
c) somente II, III e IV.
d) somente I, II e IV
e) somente I e II.
Página 12/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84614 Ano: 2013 Banca: COPS-UEL Instituição: PC-PR Cargo: Delegado de Polícia
44- Setúbal Mourinho de Oliveira, imigrante recém-chegado ao Brasil, pretendia adquirir um bem imóvel para instalar sua
indústria e comércio de produtos alimentícios. Consultou diversos jornais até que encontrou Aristides, que lhe ofereceu uma
casa em um certo bairro da cidade. Setúbal lhe afirmou que pretendia a aquisição de um bem imóvel para instalar sua
empresa, e o negócio se concluiu dias depois. Setúbal não pôde se instalar como pretendia, pois a Prefeitura do Município
esclareceu que naquela zona residencial isso não era possível. Acerca das consequências desse negócio jurídico, assinale a
alternativa correta.
a) O negócio é passível de anulação por restar configurada a lesão.
b) O negócio é anulável porque está presente o erro quanto ao objeto principal.
c) O negócio é passível de anulação por restar configurada a omissão dolosa.
d) O negócio não é anulável pois se trata de condição específica do contrato.
e) O negócio deve subsistir pois não se evidencia qualquer espécie de vício.
Questão: 84870 Ano: 2013 Banca: MPE-PR Instituição: MPE-PR Cargo: Promotor Substituto
45- Assinale a alternativa incorreta:
a) As associações são pessoas jurídicas de direito privado;
b) As organizações religiosas são pessoas jurídicas de direito privado;
c) Os partidos políticos são pessoas jurídicas de direito público;
d) As empresas individuais de responsabilidade limitada são pessoas jurídicas de direito privado;
e) As autarquias são pessoas jurídicas de direito público.
Questão: 85126 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: OAB Cargo: Exame de Ordem Unificado - XII - Primeira Fase
46- José celebrou com Maria um contrato de compra e venda de imóvel, no valor de R$100.000,00, quantia paga à vista,
ficando ajustada entre as partes a exclusão da responsabilidade do alienante pela evicção. A respeito desse caso, vindo a
adquirente a perder o bem em decorrência de decisão judicial favorável a terceiro, assinale a afirmativa correta.
a) Tal cláusula, que exonera o alienante da responsabilidade pela evicção, é vedada pelo ordenamento jurídico brasileiro.
b) Não obstante a cláusula de exclusão da responsabilidade pela evicção, se Maria não sabia do risco, ou, dele informada,
não o assumiu, deve José restituir o valor que recebeu pelo bem imóvel.
c) Não obstante a cláusula de exclusão da responsabilidade pela evicção, Maria, desconhecendo o risco, terá direito à dobra
do valor pago, a título de indenização pelos prejuízos dela resultantes.
d) O valor a ser restituído para Maria será aquele ajustado quando da celebração do negócio jurídico, atualizado
monetariamente,
Questão: 85382 Ano: 2013 Banca: Quadrix Instituição: CRF-SP Cargo: Advogado
47- Os incisos a seguir tratam da aquisição de bens imóveis, segundo o Código Civil. I. Enquanto não se promover, por meio
de ação própria, a decretação de invalidade do registro, e o respectivo cancelamento, o adquirente continua a ser havido como
dono do imóvel. II. O registro é eficaz desde o momento em que se apresentar o título ao oficial do registro, e este o prenotar
no protocolo.
III. Aquele que, por quinze anos, sem interrupção, nem oposição, possuir como seu um imóvel, adquire-lhe a propriedade,
independentemente de título e boa-fé; podendo requerer ao juiz que assim o declare por sentença, a qual servirá de título para
o registro no Cartório de Registro de Imóveis. Esse prazo estabelecido reduzir-se-á a dez anos se o possuidor houver
estabelecido no imóvel a sua moradia habitual, ou nele realizado obras ou serviços de caráter produtivo.
IV. Cancelado o registro do título translativo do imóvel, poderá o proprietário reivindicar o imóvel, salvo boa-fé do terceiro
adquirente.
V. Enquanto não se registrar o título translativo, o alienante continua a ser havido como dono do imóvel.
Estão corretas quantas afirmações?
a) Nenhuma.
b) Duas.
c) Quatro.
d) Três.
e) Todas.
Página 13/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84615 Ano: 2013 Banca: COPS-UEL Instituição: PC-PR Cargo: Delegado de Polícia
48- Com relação ao que dispõe o Código Civil acerca das Pessoas Jurídicas, considere as afirmativas a seguir. I. São
pessoas jurídicas de direito privado as associações, as sociedades, as fundações, as organizações religiosas, os partidos
políticos e as empresas individuais de responsabilidade limitada.
II. A exclusão do associado só é admissível se for verificada uma justa causa, assim reconhecida em procedimento que
assegure direito de defesa e de recurso, nos termos previstos em seu estatuto.
III. As associações são constituídas mediante ato formal e por escritura pública pela união de pessoas que se organizem para
fins não econômicos. O ato constitutivo determina aos associados direitos e obrigações recíprocas.
IV. A criação de uma fundação depende de um conjunto de fatores, a saber: união de pessoas sem fins lucrativos, existência
de patrimônio que dê suporte para suas ações e um instrumento particular, subscrito e elaborado pelo advogado.
Assinale a alternativa correta.
a) Somente as afirmativasI e II são corretas.
b) Somente as afirmativas I e IV são corretas.
c) Somente as afirmativas III e IV são corretas.
d) Somente as afirmativas I, II e III são corretas.
e) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.
Questão: 84871 Ano: 2013 Banca: UFPR Instituição: TJ-PR Cargo: Juiz
49- No que concerne à prescrição e à decadência, assinale a alternativa INCORRETA:
a) É possível renunciar à prescrição, de forma expressa ou tácita, mas somente será válida sendo feita sem prejuízo de
terceiro e depois que o prazo prescricional se consumar.
b) O juiz pode pronunciar de ofício a prescrição e a decadência, salvo se se tratar de decadência convencional.
c) Salvo disposição legal em contrário, não se aplicam à decadência as normas que impedem, suspendem ou interrompem a
prescrição.
d) O despacho que ordena a citação interrompe a prescrição, salvo se o pedido contido na ação for, por sentença de mérito,
ao final julgado improcedente.
Questão: 85127 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 15ª Região (Campinas) Cargo: Analista Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador
50- Considere as proposições abaixo, a respeito do penhor:
I. Em regra, o penhor se constitui pela transferência efetiva da posse. Contudo, há casos em que a coisa empenhada continua
em poder do devedor, que deve zelar por sua guarda e conservação, a exemplo do que se dá no penhor de veículos.
II. O credor é obrigado a devolver a coisa empenhada se o devedor pagar uma parte da dívida.
III. A restituição da posse ao devedor faz presumir renúncia ao penhor.
Está correto o que se afirma em
a) I e III, apenas.
b) I, II e III.
c) II, apenas.
d) II e III, apenas.
e) III, apenas.
Página 14/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85383 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: MPE-MS Cargo: Analista - Direito
51- Felipe reside e é proprietário de uma casa em Salvador. Elerecebeu uma proposta de trabalho irrecusável e decidiu
semudar para Campo Grande-MS, onde residirá e trabalharáem Dourados, cidade próxima de Campo Grande, deixandoa
casa de Salvador fechada.Após despachar todos os seus pertences para CampoGrande-MS, ele resolveu fazer o trajeto de
Salvador atéCampo Grande-MS de carro, pernoitando em Brasília.Chegando a Campo Grande-MS, só teve uma semana
paraarrumar a casa nova, pois já começou a trabalhar emDourados como advogado.Considerando o contexto fático
apresentado, assinale aafirmativa correta.
a) Felipe mudou de morada ao se transferir para o Campo Grande-MS.
b) Felipe está domiciliado em Brasília, pois pernoitou nesta cidade.
c) Felipe não tem domicílio profissional em Dourados, apesar de trabalhar nesta cidade.
d) Felipe ainda está domiciliado em Salvador, pois possui um imóvel nesta cidade.
e) Felipe alterou o seu domicílio de forma voluntária, ao se transferir para Campo Grande-MS.
Questão: 84616 Ano: 2013 Banca: COPS-UEL Instituição: PC-PR Cargo: Delegado de Polícia
52- Com relação às Pessoas Naturais, consoante disposto na Parte Geral do Código Civil vigente, considere as afirmativas a
seguir.
I. São objetos de registro público e versam sobre os fatos e atos da pessoa natural: o nascimento; os casamentos; o óbito;
eventualmente a emancipação; a interdição e sua eventual baixa; bem como a possível sentença declaratória de ausência ou
morte presumida.
II. Os atos que são objeto de averbação em registro público restringem-se ao casamento, às sentenças que decretarem a
nulidade ou a anulação deste, ao divórcio, à emancipação que restrinja de forma relativa ou absoluta a capacidade para os
atos da vida civil e os que reconhecerem a filiação.
III. Desaparecendo uma pessoa do seu domicílio sem dela haver notícia, se não houver deixado representante ou procurador
a quem caiba administrar-lhe os bens, o juiz, a requerimento de qualquer herdeiro, declarará a morte presumida e determinará
que se abra a sucessão provisória.
IV. Se o ausente regressar nos dez anos seguintes à abertura da sucessão definitiva, este haverá só os bens existentes no
estado em que se acharem, os sub-rogados em seu lugar, ou o preço que os herdeiros e demais interessados houverem
recebido pelos bens alienados depois daquele tempo.
Assinale a alternativa correta.
a) Somente as afirmativas I e II são corretas.
b) Somente as afirmativas I e IV são corretas.
c) Somente as afirmativas III e IV são corretas.
d) Somente as afirmativas I, II e III são corretas.
e) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.
Questão: 84872 Ano: 2013 Banca: UFPR Instituição: TJ-PR Cargo: Juiz
53- Tendo em vista as disposições da lei civil com relação ao regime matrimonial de bens, assinale a alternativa
INCORRETA:
a) O regime de bens entre os cônjuges, seja o legal seja o contratual, este estabelecido por meio do denominado pacto
antenupcial, somente começa a vigorar desde a data do casamento.
b) Mesmo não havendo convenção, ou sendo ela nula ou ineficaz, vigorará, quanto aos bens entre os cônjuges, o regime da
comunhão parcial.
c) Nada interferindo no regime de bens, pode qualquer dos cônjuges, livremente, independente um da autorização do outro,
reivindicar os bens comuns, sejam móveis sejam imóveis, doados ou transferidos pelo outro cônjuge ao concubino.
d) Estabelecido o regime matrimonial de bens, por força de pacto antenupcial ou adoção do regime legal, não é possível, por
conta da imutabilidade, a alteração posterior do regime matrimonial de bens.
Página 15/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85128 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: AL-RN Cargo: Assessor Técnico de Controle Interno
54- Em relação à indenização,
a) se o grau de culpa for muito grave, poderá o juiz majorá- la, por equidade.
b) mede-se pela extensão do dano, sempre, sendo irrelevante o grau de culpa ou dolo.
c) o grau de culpa poderá ser considerado pelo juiz para reduzi-la, equitativamente.
d) quando esta se der por danos morais, será tarifada de acordo com as circunstâncias do caso concreto.
e) o grau de culpa ou dolo só importa para os danos materiais, que se medem exclusivamente por sua extensão.
Questão: 84617 Ano: 2013 Banca: FUNRIO Instituição: INSS Cargo: Analista - Direito
55- Assinale a alternativa incorreta.
a) A propriedade é restrita quando o titular não tem todas as faculdades jurídicas inerentes ao domínio, como no caso do
usufruto e do penhor.
b) A função social da propriedade, explicitamente prevista na Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, no
Novo Código Civil de 2002, impõe limitações legais e axiológicas ao proprietário, o qual deverá exercer suas faculdades
jurídicas em consonância com interesses metaindividuais.
c) O proprietário pode vir a ser privado do bem por institutos de Direito Administrativo, tais como desapropriação e requisição,
hipóteses em que o interesse público prevalece sobre o interesse individual do dono.
d) A propriedade do solo abrange as jazidas, minas e demais recursos minerais.
e) O proprietário não pode ser privado do bem por institutos de Direito Administrativo, tais como requisição, hipótese em que
o interesse público prevalece sobre o interesse individual do dono.
Questão: 84873 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TRE-MS Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
56- Assinale a opção correta no tocante aos contratos em espécie.
a) A fiança admite interpretação extensiva.
b) Se o indivíduo X outorgar, por instrumento público, mandato ao indivíduo Y para, em nome de X, praticar determinados
atos e, nesse mesmo instrumento, permitir o substabelecimento dos poderes outorgados, Y poderá substabelecer tais poderes
por instrumento particular.
c) A venda a contento é cláusula inserida em contrato de compra e venda pela qual o vendedor se reserva o direito de reaver,
em certo tempo, o bem alienado.
d) Celebrado contrato de promessa de compra e venda de imóvel, o devedor caso esteja em dificuldades financeiras e
objetive não mais prosseguir na respectivaexecução poderá, no tocante à avença, postular a sua resolução.
e) De acordo com os regramentos relativos ao contrato de seguro e a jurisprudência do STJ, o atraso no pagamento de
prestação mensal acarreta o desfazimento automático do contrato, mesmo sem prévia notificação do segurado.
Questão: 85129 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: SEFAZ-SP Cargo: Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação - Prova 2
57- No tocante às pessoas naturais e jurídicas:
a) A existência legal das pessoas jurídicas de direito privado começa com o início efetivo de suas atividades civis ou
empresariais.
b) As autarquias, União, Estados e Municípios, bem como os partidos políticos, são pessoas jurídicas de direito público
interno.
c) As associações, as fundações, as organizações religiosas, os partidos políticos e as empresas individuais de
responsabilidade limitada são pessoas jurídicas de direito privado.
d) A personalidade civil da pessoa natural começa do nascimento com vida, evento a partir do qual serão protegidos também
os direitos do nascituro.
e) Somente as pessoas naturais possuem atributos da personalidade e, assim, apenas elas podem sofrer danos morais.
Página 16/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85385 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: OAB Cargo: Exame de Ordem Unificado - X - Primeira Fase
58- João, credor quirografário de Marcos em R$ 150.000,00, ingressou com Ação Pauliana, com a finalidade de anular ato
praticado por Marcos, que o reduziu à insolvência. João alega que Marcos transmitiu gratuitamente para seu filho, por contrato
de doação, propriedade rural avaliada em R$ 200.000,00.
Considerando a hipótese acima, assinale a afirmativa correta.
a) Caso o pedido da Ação Pauliana seja julgado procedente e seja anulado o contrato de doação, o benefício da anulação
aproveitará somente a João, cabendo aos demais credores, caso existam, ingressarem com ação individual própria.
b) O caso narrado traz hipótese de fraude de execução, que constitui defeito no negócio jurídico por vício de consentimento.
c) Na hipótese de João receber de Marcos, já insolvente, o pagamento da dívida ainda não vencida, ficará João obrigado a
repor, em proveito do acervo sobre que se tenha de efetuar o concurso de credores, aquilo que recebeu.
d) João tem o prazo prescricional de dois anos para pleitear a anulação do negócio jurídico fraudulento, contado do dia em
que tomar conhecimento da doação feita por Marcos.
Questão: 84618 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TJ-PB Cargo: Juiz Leigo
59- Assinale a opção correta acerca do negócio jurídico.
a) As condições de fazer coisas impossíveis, quando resolutivas, são inexistentes.
b) O termo inicial suspende a aquisição do direito.
c) Os negócios jurídicos benéficos devem ser interpretados de modo extensivo.
d) Em regra, o representante pode contratar consigo mesmo.
e) A condição integra o plano de validade do negócio jurídico.
Questão: 84874 Ano: 2013 Banca: CESGRANRIO Instituição: BNDES Cargo: Profissional Básico - Direito
60- RM, microempresário, obtém financiamento do BNDES para a aquisição de insumos e materiais para o desenvolvimento
de sua atividade empresarial.
Trata-se de contrato que
a) é atípico e, portanto, não se aplicam a ele os princípios contratuais da boa-fé objetiva e da função social do contrato.
b) é de adesão, cujos princípios são regulados, dentre outras leis, pelo Código Civil, que estabelece o princípio da
interpretação mais favorável ao proponente.
c) gera a obrigação de indenizar as perdas e danos sofridos em sua integralidade, em caso de inadimplemento, salvo se
aposta ao contrato cláusula limitativa do dever de indenizar.
d) pode ser declarado absolutamente nulo se provada a existência de lesão.
e) não permite a resolução por onerosidade excessiva, pois se trata de contrato com execução diferida no tempo.
Questão: 85130 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: SEFAZ-SP Cargo: Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação - Prova 2
61- A posse
a) só implicará a possibilidade de usucapião se for de boa-fé e com justo título.
b) é justa se o possuidor ignora o vício, ou o obstáculo que impede a aquisição da coisa.
c) é adquirida desde o momento em que se obtenha seu reconhecimento por meio de documento escrito.
d) do imóvel não tem qualquer vinculação com a posse das coisas móveis que nele estiverem.
e) é transmitida aos herdeiros ou legatários do possuidor com os mesmos caracteres.
Questão: 85386 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TRT - 17ª Região (ES) Cargo: Técnico Judiciário - Área Administrativa
62- No Brasil, não se admite a pluralidade de domicílios.
a) Certo
b) Errado
Página 17/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84619 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 12ª Região (SC) Cargo: Analista Judiciário - Especialidade Oficial de Justiça
Avaliador Federal
63- Está correto o que consta em :
a) II, apenas
b) I e II, apenas.
c) I e III, apenas.
d) II e III, apenas.
e) I, II e III.
Questão: 84875 Ano: 2013 Banca: CESGRANRIO Instituição: BNDES Cargo: Profissional Básico - Direito
64- JX contrata com o Banco do Estado a abertura de uma linha de crédito com a finalidade de aquisição de bens ou
serviços. Consta no contrato de compra e venda cláusula prevendo a possibilidade de desistência do contrato em prazo de 7
dias. Passados 5 dias da formação do vínculo contratual de compra e venda, JX exerce o seu direito de arrependimento.
Nesse caso, o contrato de crédito
a) deve ser declarado nulo por impossibilidade jurídica do objeto.
b) perde a eficácia, pois é contrato coligado ao de compra e venda, vinculando-se a este como sua causa jurídica.
c) permanece eficaz, desde que seja imediatamente realizado novo contrato de compra e venda para substituir o anterior.
d) resolve-se em perdas e danos, devidos em razão da conduta culposa do comprador.
e) é extinto, com base no princípio obrigacional da solidariedade.
Questão: 85131 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: MPE-MA Cargo: Técnico Ministerial - Execução de Mandados
65- Paulo é soldado do exército brasileiro e, após uma declaração de guerra entre o Brasil e outro país da América do Sul, é
deslocado para o local de confronto e feito prisioneiro pelas tropas inimigas. Neste caso, Paulo terá declarada a sua morte
presumida, independentemente de declaração de ausência, se não for encontrado até
a) um ano após o término da guerra.
b) dois anos após o término da guerra.
c) três anos, independentemente do término da guerra.
d) quatro anos após o término da guerra.
e) quatro anos, independentemente do término da guerra.
Questão: 84620 Ano: 2013 Banca: TRT 22 PI Instituição: TRT - 22ª Região (PI) Cargo: Juiz do Trabalho - Prova 2
66- Em matéria de responsabilidade civil, é INCORRETO afirmar que:
a) o código civil dispõe sobre a responsabilidade por atos ilícitos, por abuso de direito e por atividades perigosas;
b) a responsabilidade civil do devedor que já se encontra em mora é de natureza objetiva;
c) a responsabilidade negocial está vinculada à culpa do inadimplente, que se presume, em princípio, do próprio
inadimplemento; a extranegocial depende da culpa ou do risco, conforme o caso;
d) a responsabilidade por dano nuclear restringe-se ao Estado, que responderá no limite previsto em lei, mediante rateio da
indenização entre as vítimas;
e) a Fazenda Pública responde por danos que o servidor, nessa qualidade, acarretar a terceiros.
Página 18/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84876 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TJ-PE Cargo: Juiz
67- Só se permite o testamento público
a) aos analfabetos, devendo a escritura de testamento, neste caso, ser subscrita por cinco testemunhas indicadas pelo
testador.
b) às pessoas que contarem mais de setenta anos de idade.
c) ao cego, a quem lhe será lido, em voz alta, duas vezes, uma pelo tabeliãoou por seu substituto legal e a outra por uma das
testemunhas, designada pelo testador, fazendo-se de tudo circunstanciada menção no testamento.
d) à pessoa estrangeira, que não conheça o idioma nacional, devendo as testemunhas conhecerem a língua em que se
expressa o testador, e mediante tradução feita por tradutor juramentado.
e) ao indivíduo inteiramente surdo, que souber ler e escrever ou, não o sabendo, que designe quem o leia em seu lugar,
presentes cincos testemunhas.
Questão: 85132 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: MPE-MA Cargo: Técnico Ministerial - Execução de Mandados
68- Mauro e Mariana são casados e possuem um seguro residencial para o imóvel onde residem na cidade de São Luís. No
início deste ano de 2013, o imóvel é invadido por meliantes que roubam diversos pertences de propriedade do casal. Neste
caso, de acordo com o Código Civil brasileiro, havendo cobertura contratual para o caso de roubo, Mauro e Mariana deverão
acionar a seguradora e terão, para tanto, a partir do fato gerador, o prazo prescricional de
a) 3 anos.
b) 1 ano.
c) 2 anos.
d) 4 anos.
e) 5 anos.
Questão: 85388 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TRT - 8ª Região (PA e AP) Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
69- Considere que determinada pessoa tenha reunido as qualidades opostas de credor e devedor da obrigação, tendo, com
isso, desaparecido a pluralidade de situações jurídicas referentes à dívida. Essa situação configura a modalidade de
pagamento denominada
a) remissão.
b) assunção de dívida.
c) sub-rogação.
d) compensação.
e) confusão.
Questão: 84621 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRT - 5ª Região (BA) Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
70- No tocante ao contrato de compra e venda, é correto afirmar que
a) a compra e venda pode ter por objeto coisa atual ou futura, neste caso ficando o contrato sem efeito se a coisa não vier a
existir, salvo se a intenção das partes era a de concluir contrato aleatório.
b) é defeso às partes fixar o preço em função de índices ou parâmetros, ainda que suscetíveis de determinação objetiva, pois
é obrigatória a fixação em moeda corrente.
c) em obediência à autonomia da vontade, válido o contrato de compra e venda, quando se deixa ao arbítrio exclusivo de uma
das partes a fixação do preço.
d) até o momento da tradição, os riscos da coisa correm por conta do comprador, e os do preço por conta do vendedor,
inclusive em todas as situações nas quais possam ocorrer casos fortuitos.
e) não sendo a venda a crédito, o comprador não é obrigado a pagar o preço antes de receber a coisa.
Página 19/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 84877 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TJ-PE Cargo: Juiz
71- No seguro de vida ou de acidentes pessoais para o caso de morte,
a) a indenização sempre beneficiará o cônjuge sobrevivente casado sob o regime da comunhão universal ou parcial de bens.
b) o capital estipulado só fica sujeito às dívidas do segurado que gozem de privilégio geral ou especial.
c) é obrigatória a indicação de beneficiário, sob pena de ineficácia, revertendo o prêmio pago à herança do segurado falecido.
d) o capital estipulado não está sujeito às dívidas do segurado, nem se considera herança para todos os efeitos de direito.
e) o capital segurado só pode ser pago a herdeiros legítimos, não se admitindo a indicação de pessoa estranha à ordem de
vocação hereditária para recebê- lo.
Questão: 85133 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: MPE-MA Cargo: Analista Ministerial - Direito - Processual
72- Josué e Serafina foram casados durante 15 anos e tiveram apenas um filho, Téo, que completou 18 anos neste ano de
2013. Josué e Serafina resolvem se divorciar amigavelmente também neste ano de 2013 e estabelecem o pagamento de
pensão alimentícia mensal por Josué em favor de Téo, que iniciou o curso de Direito em uma Universidade Particular, no valor
de R$ 3.500,00. Havendo inadimplemento por parte de Josué, para cobrança das prestações vencidas, Téo deverá observar o
prazo prescricional de
a) 1 ano.
b) 2 anos.
c) 3 anos.
d) 4 anos.
e) 5 anos.
Questão: 84622 Ano: 2013 Banca: FCC Instituição: TRE-RO Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária
73- Paulo celebrou contrato de seguro de dano com uma determinadaseguradora que opera no mercado nacional,
envolvendoum veículo de passeio. Alguns meses depois, aesposa de Paulo, Larissa, dirigindo outro veículo dafamília,
segurado com outra seguradora, ao manobrá-lo nagaragem da residência onde residem, colide violentamentee culposamente
contra o veículo segurado de propriedadede Paulo. Paulo, então, aciona a seguradora deseu veículo após o acidente e recebe
o valor daindenização, nos termos previstos em contrato. Nestecaso, a seguradora do veículo de Paulo
a) não terá direito à sub-rogação, pois a causadora do sinistro é esposa do segurado.
b) terá direito à sub-rogação e poderá exercer direito regressivo contra Larissa, causadora do sinistro.
c) terá o direito à sub-rogação e poderá exercer direito regressivo contra Larissa, causadora do sinistro, mas poderá exigir
apenas o pagamento de 50% do valor da indenização que pagou para o segurado.
d) terá o direito à sub-rogação e poderá exercer direito regressivo contra Larissa, causadora do sinistro, mas poderá exigir
apenas o pagamento de 25% do valor da indenização que pagou para o segurado.
e) terá direito à sub-rogação e poderá exercer direito regressivo contra Larissa, causadora do sinistro, mas poderá exigir
apenas o pagamento de 75% do valor da indenização que pagou para o segurado.
Questão: 84878 Ano: 2013 Banca: IADES Instituição: EBSERH Cargo: Advogado
74- Perda do direito pelo transcurso de tempo, estabelecida por lei, deve ser conhecida de ofício, pelo Juiz e não é passível
de renúncia. O conceito refere-se à(ao)
a) encargo.
b) coisa julgada.
c) efcácia
d) prescrição.
e) decadência.
Página 20/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85134 Ano: 2013 Banca: FAURGS Instituição: TJ-RS Cargo: Oficial Escrevente
75- Assinale a alternativa que apresenta afirmação correta a respeito dos bens no Código Civil.
a) São úteis as benfeitorias que tornem o bem mais agradável ou sejam de elevado valor.
b) Não se consideram benfeitorias os melhoramentos ou acréscimos sobrevindos ao bem sem a intervenção do proprietário.
c) São necessárias as benfeitorias que aumentam ou facilitam o uso do bem.
d) São necessárias as benfeitorias que tornem o bem mais agradável ou sejam de elevado valor.
e) São úteis as benfeitorias que têm por fim conservar o bem ou evitar que se deteriore.
Questão: 84623 Ano: 2013 Banca: TJ-PR Instituição: TJ-PR Cargo: Assessor Jurídico
76- Sobre os direitos reais, assinale a alternativa correta
a) O direito de superfície não pode ser alienado pelo superficiário a terceiros, embora se admita, quanto a esse direito, a
sucessão mortis causa .
b) O direito real de habitação somente pode ser constituído mediante negócio jurídico entre o titular do direito real limitado e o
proprietário .
c) No penhor agrícola, o credor pignoratício não tem a posse direta sobre o bem empenhado, que permanece na posse do
devedor .
d) A servidão de trânsito é direito de vizinhança que se constitui em favor do titular do prédio encravado, tendo a natureza de
um direito potestativo cujo exercício se sujeita ao pagamento de indenização ao proprietário do prédio serviente pelo
proprietário do prédio dominante .
Questão: 84879 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TJ-MA Cargo: Juiz
77- Com base na jurisprudência do STJ, assinale a opção correta.
a) A aplicação financeira de proventos de aposentadoria mantida por um dos consortes durante a vigência do matrimônio, sob
o regime de comunhão universal de bens, não deve ser partilhada em inventário, dado o caráter alimentar do investimento.
b) A Caixa Econômica Federal é parte ilegítima para responder por vícios de construção nos casos em que ela, ao mesmo
tempo, promovao empreendimento, tenha responsabilidade na elaboração do projeto com suas especificações, escolha a
construtora e(ou) negocie os imóveis, visto que essas atividades, que visam garantir o sucesso do empreendimento, são
inerentes à de agente financeiro em estrito senso.
c) A aplicação da sanção imposta pelo Código Civil em referência à demanda de repetição de indébito, consistente na
exigência de pagamento em dobro por dívida já paga, pressupõe a existência de pagamento indevido, sendo prescindível a
demonstração de má-fé do credor.
d) A sucessão aberta é considerada bem imóvel, por isso a constituição de procurador com poder especial para renunciar a
herança de valor superior a trinta vezes o maior salário mínimo só terá validade se realizada por instrumento público ou termo
judicial.
Questão: 85135 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: OAB Cargo: Exame de Ordem Unificado - XI - Segunda Fase - Direito Civil
78- Dr. João, médico clínico geral, atende em seu consultório há vinte anos, sem ter constituído qualquer empresa, atuando,
portanto, como profissional liberal.
Levando-se em conta a responsabilização civil dos profissionais liberais, responda, de forma justificada, aos itens a seguir.
A) A relação de Dr. João com seus pacientes ostenta a natureza jurídica de relação de consumo? (Valor: 0,65)
B) Neste caso, a responsabilidade civil do Dr. João deve ser subjetiva ou objetiva? (Valor: 0,25)
C) Em eventual demanda envolvendo Dr. João e um paciente seu, poderia ser aplicada a inversão do ônus da prova, fundada
na teoria da carga dinâmica da prova? (Valor: 0,35)
a) a obrigação para pagamento é do fiador, independentemente da existência de bens do afiançado.
b) a alegação de benefício de ordem pode ser apresentada pelo fiador.
c) o locatário pode requerer que os bens do fiador sejam alienados para pagar sua dívida.
d) o fiador não responde com seu patrimônio pela dívida deixada pelo locatário.
e) os efeitos da fiança cessam se o locatário tiver viajado ao exterior.
Página 21/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85391 Ano: 2013 Banca: TJ-PR Instituição: TJ-PR Cargo: Assessor Jurídico
79- Sobre a classificação das obrigações e seus efeitos, assinale a alternativa correta
a) Nas obrigações de dar coisa certa, a mora do credor dispensa o devedor da obrigação de conservação da coisa, e autoriza
o devedor a consignar a coisa em juízo, com o fito de se desobrigar.
b) Nas obrigações de não fazer, a violação do dever de abstenção autoriza o credor a desfazer aquilo que foi feito pelo
devedor, sendo que, sendo essa a opção do credor, não poderá ele exigir do devedor indenização por perdas e danos .
c) Nas obrigações disjuntivas, há apenas uma prestação devida, mas o devedor se reserva a faculdade de substituí-la por
prestação diversa .
d) Se vários forem os credores de uma obrigação indivisível, a suspensão do prazo prescricional em favor de qualquer um
deles somente aproveita aos demais se a obrigação for também solidária .
Questão: 84624 Ano: 2013 Banca: TJ-PR Instituição: TJ-PR Cargo: Assessor Jurídico
80- A respeito dos direitos da personalidade, considere as seguintes afirmativas: 1 Prevalece no Brasil a tutela tipificadora dos
direitos da personalidade, de modo que não se pode reconhecer direito da personalidade que não esteja expressamente
previsto em lei 2 Os direitos da personalidade são intransmissíveis, o que implica afirmar que, falecido o seu titular, os
sucessores não terão legitimidade para exigir que cesse lesão ou ameaça de lesão aos direitos da personalidade do morto 3 O
nome da pessoa não pode ser empregado em publicações que a sujeitem ao desprezo público, sendo, porém, requisito
indispensável para essa proibição que o autor da publicação tenha intenção difamatória 4 Admite-se a tutela inibitória para
evitar a prática de ato ilícito consistente em violação da vida privada Assinale a alternativa correta
a) Somente as afirmativas 2, 3 e 4 são verdadeiras
b) Somente as afirmativas 1 e 4 são verdadeiras
c) Somente as afirmativas 1, 2 e 3 são verdadeiras
d) Somente a afirmativa 4 é verdadeira
Questão: 84880 Ano: 2013 Banca: CESPE Instituição: TJ-MA Cargo: Juiz
81- Assinale a opção correta acerca dos contratos em espécie.
a) No contrato de mútuo com fins econômicos, presumem-se devidos juros, os quais, sob pena de redução, não poderão
exceder a taxa previamente estipulada, permitida a capitalização mensal, desde que expressamente pactuada entre as partes.
b) De acordo com o estabelecido no Código Civil, quando a cláusula de irrevogabilidade for condição de um negócio bilateral,
ou tiver sido estipulada no exclusivo interesse do mandatário, o mandante que o revogar deverá pagar perdas e danos.
c) Consoante disposição expressa no Código Civil acerca do contrato de corretagem, o corretor funciona como mandatário,
obrigando-se a obter para o mandante um ou mais negócios conforme o disposto nas cláusulas do mandato.
d) Segundo a jurisprudência do STJ, descabe ação de terceiro prejudicado ajuizada, direta e exclusivamente, em face da
seguradora do causador do dano, porque, no seguro de responsabilidade civil facultativo, a obrigação da seguradora de
ressarcir os danos sofridos por terceiros pressupõe a responsabilidade civil do segurado, a qual, de regra, não poderá ser
reconhecida em demanda em que este não haja intervindo, sob pena de vulneração do devido processo legal e da ampla
defesa.
Página 22/127
Direito Civil - xProvas.com.br
Copyright © 2018 xProvas.com.br - Todos os direitos reservados.
Questão: 85136 Ano: 2013 Banca: FGV Instituição: OAB Cargo: Exame de Ordem Unificado - X - Segunda Fase - Direito Civil
82- Gabriel, proprietário de um apartamento localizado na Rua Boa Sorte, nº 168, Bairro Vila Madalena, São Paulo/SP,
celebrou com Mário, em 20.01.2010, contrato escrito de locação pelo prazo de um ano. Restou acordado que pela locação
Mário pagaria R$ 1.200,00 (um mil e duzentos reais) mensais, mais os encargos referentes a impostos e ao condomínio.
Estabeleceu-se, ainda, como modalidade de garantia, a fiança, no ato, prestada por Júlio, cunhado de Mário. Findo o prazo de
um ano, Mário continuou na posse do imóvel sem oposição de Gabriel e, por força de lei, mesmo sem que tenha havido
qualquer aditivo ao acordo, o contrato de locação de imóvel urbano transformou-se em contrato por prazo indeterminado. Face
aos fatos narrados, indaga-se:
a) Caso Júlio desentenda-se com Mário e resolva se exonerar da fiança prestada, como deverá proceder? Fundamente.
(Valor: 0,60)
b) Considerando que no contrato de locação não consta que a fiança se estenderá até a entrega do imóvel, qual a
consequência que a prorrogação da locação por prazo indeterminado trará para a fiança prestada? Fundamente de acordo
com a jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça. (Valor: 0,65)
A simples menção ou transcrição do dispositivo legal não pontua.
a) a obrigação para pagamento é do fiador, independentemente da existência de bens do afiançado.
b) a alegação de benefício de ordem pode ser apresentada pelo fiador.
c) o locatário pode requerer que os bens do fiador sejam alienados para pagar sua dívida.
d) o fiador não responde com seu patrimônio pela dívida deixada pelo locatário.
e) os efeitos da fiança cessam se o locatário tiver viajado ao exterior.
Questão: 85392 Ano: 2013 Banca: BIO-RIO Instituição: ELETROBRÁS Cargo: Profissional de Nível Superior - Direito
83- A lei põe a salvo, desde a concepção, os direitos donascituro, porém a personalidade civil da pessoa começa:
a) desde a concepção;
b) do nascimento com vida;
c) do registro público do nascimento;
d) do registro público do prenome e sobrenome;
e) do dia em que completar dezoito anos.
Questão: 84625 Ano: 2013 Banca: MB Instituição: MM Cargo: QT - Primeiro Tenente - Direito
84- Em relação ao Direito sucessório, assinale a opção correta.
a) Pode o testador, em qualquer situação, estabelecer cláusula de inalienabilidade, impenhorabilidade,

Continue navegando