Buscar

CONSCIÊNCIA NEGRA

Prévia do material em texto

CONSCIÊNCIA 
NEGRA
PROF: CRISTIANE ROLDAN
OBJETIVO:
• Valorizar a cultura
afrodescendente, bem como
seus costumes, valores, lutas e
ensinamentos transmitidos a
sociedade.
• Conscientizar todos os
envolvidos quanto ao respeito
as diferenças, através de ações
de valores.
Zumbi dos Palmares por Antônio Parreiras.
CONSCIÊNCIA NEGRA 
• A Consciência Negra é uma expressão que designa a percepção
histórica e cultural que os negros têm de si mesmos. Também
representa a luta dos negros contra a discriminação racial e a
desigualdade social.
• É comemorado no dia 20 de novembro. A data reúne diferentes
ações de combate ao racismo e reacende o debate sobre a chegada
dos negros ao país, a escravidão no Brasil, o racismo estrutural da
sociedade, assim como sua inserção através de músicas, comidas e
religião na cultura nacional.
• Essa data foi escolhida em homenagem à morte de Zumbi dos
Palmares no ano de 1695, considerado um dos maiores líderes negros
que já lutou pela liberdade do povo negro da escravidão em solo
brasileiro.
ZUMBI DOS PALMARES 
• Zumbi que quer dizer “a força do espirito presente”, era filho de
guerreiros angolanos. Nascido livre num quilombo (povoado
formado por escravos fugidos). Foi capturado quando criança por
soldados e entregue a um padre chamado Antônio Melo. Esse padre
ensinou português e o latim para o menino, que era muito
inteligente e foi batizado com o nome de Francisco. Aos 15 anos,
fugiu e voltou para o quilombo. Onde tornou um líder e lutou para
defender seu povo contra a escravidão.
• Numa das batalhas entre os colonos portugueses e o Quilombo,
Zumbi foi morto. Como era costume na época, seu corpo ficou
exposto em praça pública para servir de exemplo para que
ninguém tentasse ir contra os colonizadores.
• Mesmo assim, seu exemplo de luta foi passando de geração e ele
acabou sendo escolhido como herói para o povo negro brasileiro
QUILOMBO DOS PALMARES
• Quilombo eram locais de refúgio dos escravizados negros
que viviam no Brasil.
• Os habitantes desses locais eram conhecidos como
quilombolas, fugitivos dos senhores no período colonial.
• Os quilombolas representavam uma das mais importantes
formas de resistência a escravidão.
• Localizavam-se, geralmente, em áreas afastadas dos
centros de colonização ou em locais de difícil acesso,
transformaram em aldeias onde dedicavam a agricultura e
ao comercio.
COMO SURGIU O DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA?
• O Dia da Consciência Negra foi instituído, através da Lei nº 10.639. O
documento inclui o tema “História e Cultura Afro-Brasileira” como
componente curricular obrigatório das escolas brasileiras. Além disso,
instituiu o 20 de novembro como o ‘Dia Nacional da Consciência Negra’.
Apesar da legislação reconhecer a data em 2003, a sua existência é bem
anterior.
• Em uma pesquisa sobre a consciência negra, é importante saber que em
1978 ativistas do Movimento Negro Unificado (MNU) se reuniram em
Salvador e acordaram que o dia da morte de Zumbi, 20 de novembro, seria
celebrado como o Dia da Consciência Negra. A ideia era usar a data para
relembrar a luta dos negros escravizados que se rebelaram contra o sistema
escravista da época.
• Já em 2011, por meio da Lei nº 12.519, a data foi oficializada como “Dia
Nacional de Zumbi e da Consciência Negra”. A escolha da data é uma
referência a morte de Zumbi dos Palmares, um dos maiores líderes
quilombolas do país.
COMO INFLUENCIOU EM NOSSO IDIOMA
• O português que falamos no brasil tem muitas palavras de origem
africanas. Os africanos trouxeram consigo sua religião – o candomblé –
e a sua cultura, que inclui as comidas, a música, o modo de ver a vida e
muitos mitos e lendas.Trouxeram ainda as línguas o dialeto que falavam.
• Muitos vocábulos que nós usamos, frequentemente, vieram desses
idiomas.
• Exemplos: bagunça, curinga, moleque, dengo, calango, gangorra,
cachimbo, fubá, macaco, quitanda, acarajé, canjica, inhaca, jiló, ginga,
zangado, zum-zum-zum, samba, xodó, jabá (carne seca), angu, pipoca,
dendê, cochilar, quitute, cuíca, cachaça, senzala, corcunda, zabumba,
bafafá, cangaço, quiabo, e axé que é uma saudação com votos de paz e
felicidade.
ATIVIDADES:
• 1. A prosperidade e a capacidade de organização desse imenso quilombo representaram uma séria 
ameaça para a ordem escravocrata vigente. Não por acaso, vários governos que controlaram a 
região organizaram expedições que tinham por objetivo estabelecer a destruição dele. Contudo, os 
quilombolas resistiram de maneira eficaz e, ao longo de oitenta anos, conseguiram derrotar 
aproximadamente trinta expedições militares organizadas com este mesmo objetivo.” O trecho 
acima se refere à resistência dos africanos escravizados em qual dos quilombos existentes na 
história brasileira?
A. Comunidade quilombo Kalunga, GO. 
B. Quilombo de Ambrósio, MG. 
C. Quilombo dos Palmares, AL.. 
D. Quilombo de Campo Grande, MG. 
E. Quilombo Sapucaí, SP.
2. POR QUE FOI ESCOLHIDA A DATA
DE 20 DE NOVEMBRO PARA O DIA DA
CONSCIÊNCIA NEGRA?
3. COMO ERAM CHAMADOS OS
HABITANTES QUE VIVIAM NO
QUILOMBO?
4. ESCREVA 5 EXEMPLOS DE PALAVRAS
AFRICANAS QUE INFLUENCIOU NO
NOSSO IDIOMA. (VOCÊ CONHECE).
5. ZUMBI DOS PALMARES FOI
BATIZADO PELO PADRE, QUAL ERA O
NOME QUE ELE RECEBEU?
SEJA CRIATIVO! SOBRE A CONSCIÊNCIA 
NEGRA - VOCÊ PODE CRIAR:
• UMA MÁSCARA AFRICANAS
• UM CARTAZ
• UMA FIGURINO (ROUPA)

Continue navegando

Outros materiais