Buscar

Avaliação Final (Discursiva) - Individual microbiologia

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 3 páginas

Prévia do material em texto

13/04/2024, 16:50 Avaliação Final (Discursiva) - Individual
about:blank 1/3
Prova Impressa
GABARITO | Avaliação Final (Discursiva) - Individual
(Cod.:954398)
Peso da Avaliação 2,00
Prova 78253144
Qtd. de Questões 2
Nota 9,00
A progressão de uma doença autoimune pode acontecer de maneira discreta e gradual. As doenças 
autoimunes representam um conjunto de condições em que o sistema imunológico do organismo 
ataca tecidos saudáveis, confundindo-os com agentes invasores. Um exemplo notável é a doença 
celíaca, uma condição autoimune do trato gastrointestinal.
Sobre as doenças autoimunes, explique o que é Doença Celíaca.
Resposta esperada
Corresponde a um tipo de doença autoimune do trato gastrointestinal e que afeta especialmente o
funcionamento do intestino delgado, resultando na atrofia das vilosidades intestinais, hiperplasia
de criptas e inflamação. O principal gatilho para essa doença é a ingestão do glúten associado à
proteína gliadina, encontrado em alguns cereais, especialmente no centeio, cevada e trigo.
Minha resposta
A doença celíaca é uma condição autoimune crônica do trato gastrointestinal, desencadeada pela
ingestão de glúten, uma proteína encontrada no trigo, centeio e cevada. Quando uma pessoa com
doença celíaca consome glúten, o sistema imunológico reage de forma anormal, atacando e
danificando a mucosa do intestino delgado. Isso leva à inflamação e danos no revestimento do
intestino delgado, resultando em uma série de sintomas e problemas de saúde. Os sintomas da
doença celíaca podem variar amplamente de pessoa para pessoa e podem incluir diarreia crônica,
dor abdominal, inchaço, fadiga, perda de peso, deficiências nutricionais, erupções cutâneas, entre
outros. Em algumas pessoas, os sintomas podem ser leves ou até mesmo ausentes, o que torna o
diagnóstico desafiador. O diagnóstico da doença celíaca geralmente envolve uma combinação de
exames de sangue para detectar anticorpos específicos associados à doença e uma biópsia do
intestino delgado para examinar as alterações características na mucosa intestinal. O tratamento
principal da doença celíaca é a adoção de uma dieta isenta de glúten. Isso significa evitar
alimentos que contenham trigo, centeio, cevada e, em alguns casos, aveia, já que ela pode estar
contaminada com glúten durante o processamento. Com uma dieta sem glúten rigorosa, muitas
pessoas com doença celíaca podem controlar seus sintomas e evitar complicações a longo prazo.
Retorno da correção
Parabéns acadêmico, sua resposta se aproximou dos objetivos da questão, poderia apenas ter
apresentado mais argumentos acerca dos conteúdos disponibilizados nos materiais didáticos e
 VOLTAR
A+
Alterar modo de visualização
1
13/04/2024, 16:50 Avaliação Final (Discursiva) - Individual
about:blank 2/3
estudos.
[Laboratório Virtual – Conhecendo um Microscópio] Um certo dia, ao passar ao lado de uma lagoa da 
cidade, cujo aspecto geral era fortemente esverdeado, um acadêmico ficou curioso em saber o que 
havia deixado a água com aquela característica. Aproveitou a garrafa de água que tinha em mãos, 
terminou de beber a água e utilizou a embalagem para coletar uma amostra da lagoa. Realmente a 
água parecia estar verde. Essa amostra foi levada rapidamente na prefeitura e foi relatado o ocorrido e 
como poderiam ajudar a entender aquela situação da lagoa. Na secretaria, ele foi orientado a levar a 
amostra ao setor de meio ambiente ou da saúde, para conversar com um biólogo ou um biomédico da 
prefeitura, já que eles poderiam observar a amostra em um microscópio e, de repente, conseguiriam 
dizer o que deixou a lagoa esverdeada. Dessa forma, a amostra foi levada nos dois setores, passando 
primeiro pelo de meio ambiente (onde foi deixado parte da amostra) e depois no setor da saúde (onde 
ficou o restante da amostra).
Considerando o relato, disserte sobre a importância do microscópio para elucidação de questões 
práticas como essa e descreva as principais partes de um microscópio óptico.
Resposta esperada
O microscópio óptico é uma ferramenta essencial para o estudo dos microrganismos. No caso
relatado, espera-se observar microalgas ou cianobactérias que deixaram a água da lagoa com
coloração intensamente esverdeada, provavelmente relacionada a uma floração (crescimento
repentino e exagerado) destes microrganismos. Coletar uma amostra e observar ao microscópio o
mais rápido possível, por profissionais da área da microbiologia, auxilia na compreensão do que
existe naquela amostra e possibilita elucidar problemas ambientais e até de saúde pública
relacionado à qualidade da água de um manancial. Sobre as principais partes que compõem um
microscópio óptico, podemos citar de baixo para cima: a base, a fonte de luz (que fica na parte
debaixo do microscópio), o condensador, o diafragma, a platina (ou mesa), o charriot (onde a
lâmina é encaixada sobre a platina para movimentação horizontalmente), as lentes objetivas, o
revólver, o canhão, as lentes oculares, o macrométrico e o micrométrico, o braço do microscópio.
Minha resposta
O relato ilustra vividamente a importância do microscópio na elucidação de questões práticas
relacionadas ao meio ambiente e à saúde pública. Ao observar a amostra da água da lagoa em um
microscópio, os profissionais podem identificar organismos microscópicos, como algas, bactérias
ou protozoários, que podem ser responsáveis pela coloração esverdeada da água. Além disso, eles
podem examinar a estrutura desses organismos para determinar seu tipo e possíveis efeitos no
ecossistema local e na saúde humana. O microscópio óptico é uma ferramenta que desempenha
um papel para toda comunidade cientifica, pois permite a observação de objetos minúsculos que
não seriam visíveis a olho nu. Suas principais partes incluem: A base, a fonte de luz( que fica na
parte de baixo do microscópio), o condensador, o diagrama, a platina(ou mesa), o charriot ( onde
a lâmina é encaixada sobre a platina para a movimentação horizontalmente), as lentes objetivas,
o revólver, o canhão, as lentes oculares, o macrométrico e o micrométrico, o braço do
microscópio. Essas são as principais partes de um microscópio óptico, e cada uma desempenha
um papel fundamental na obtenção de imagens claras e detalhadas de amostras microscópicas,
como a água da lagoa descrita no relato.
2
13/04/2024, 16:50 Avaliação Final (Discursiva) - Individual
about:blank 3/3
Retorno da correção
Parabéns acadêmico, sua resposta se aproximou dos objetivos da questão, poderia apenas ter
apresentado mais argumentos acerca dos conteúdos disponibilizados nos materiais didáticos e
estudos.
Imprimir

Continue navegando

Outros materiais