Buscar

Balança comercial

Prévia do material em texto

5
Climatologia e MeteorologiaClimatologia e MeteorologiaBalança comercial
São Luís
2024
Introdução
A exportação que é a saída de mercadorias ou matérias-primas de um território, por conta da força de um contrato de venda, para outro território internacional, ou seja, é a venda de uma mercadoria de um país para outro. Toda vez que uma empresa exporta, ela recebe em dólar por essa venda (ou em outras moedas comumente aceitas nas transações internacionais, como o euro, o iene e a libra esterlina), já que as transações internacionais sempre são pagas com uma moeda que é aceita internacionalmente. 
A exportação pode se consolidar por diversos modais de transporte U4 - Conceitos e análises sobre a macroeconomia 207 (aéreo, terrestre, marítimo). É importante saber que não são apenas os bens tangíveis (mercadorias) que são exportados, já que, podem ser transacionados com outros países, serviços como: assistências, consultorias, seguros, fretes, traduções que são enviadas pela internet, mas que mesmo assim, por conta de sua oficialização fiscal, são computadas como exportação efetivada de bens intangíveis. No entanto, o foco do nosso estudo está sobre as exportações das mercadorias (bens tangíveis). 
Todas as relações de exportação são regidas por leis, tanto do país de origem da mercadoria, como do país de destino. E aí, por conta disso, podem acontecer barreiras ou obstáculos que protegem os produtores locais, e essas medidas têm efeito direto nos países exportadores. Uma medida protecionista, muito comum, é a medida antidumping. O dumping é a prática de exportar uma mercadoria a um preço inferior ao praticado no mercado interno do país exportador, com o objetivo de conquistar novos mercados (internacionais). Para esta prática existem sanções (medidas antidumping), que visam proteger a indústria nacional, como a colocação de alíquotas específicas (maiores) à importação dessas mercadorias. Para a colocação dessas sobretaxas existem.
DESENVOLVIMENTO 
as exportações e as importações, vemos que o idioma traz uma boa série de curiosidades. Arroz, em inglês, é rice. Laranja, em inglês, é orange. Banana é banana! Agora, imagine como essas mercadorias são chamadas nas centenas de idiomas que existem? Por isso, não temos como simplesmente comprar coisas do exterior pelo seu nome da língua nativa, ou da língua do país comprador, não é mesmo? Assim, para padronizar a “linguagem” das transações internacionais existem classificações conhecidas como SH (Sistema Harmonizado), que é o sistema internacional padrão de classificação de mercadorias, que contém uma estrutura de códigos numéricos que descrevem as características específicas dos produtos, como, por exemplo, origem do produto, materiais que o compõe e sua aplicação. Além desse sistema mundial, também existe a NCM (Nomenclatura Comum do MERCOSUL) que, baseado no Sistema Harmonizado (SH), criou uma padronização de códigos numéricos para as transações comerciais que acontecem entre os países do MERCOSUL .
CONSIDERAÇÕES FINAIS
um equilíbrio da Balança Comercial. A relação é bem simples. É como se você tivesse uma loja onde, em um determinado mês, você compra mais mercadorias do que vende, fazendo o seu caixa no final desse mês ficar negativo. Já, no caminho contrário, se em outro mês você vender mais do que comprar, nesse período, seu saldo será positivo. Há ainda uma remota possibilidade de as compras da empresa serem exatamente iguais às suas vendas, trazendo um saldo zero, nesse período. Muitos fatores afetam o volume das exportações e importações de um país: as restrições que mencionamos (como as medidas antidumping); os custos de produção, tanto do país destino quanto do país de origem da mercadoria; e a renda dos países (se a renda das pessoas dos outros países aumenta, a tendência é que comprem mais mercadorias do nosso país (nossas exportações aumentam); e se a renda das pessoas do nosso país aumenta, a tendência é que compremos mais mercadorias importadas). O principal fator que vai influenciar o volume de exportações e importações de um país é o nível da taxa de câmbio. Se a moeda nacional se desvalorizar, as exportações ficam mais baratas e as importações ficam mais caras. Dessa forma, o país passa a exportar mais e a importar Figura 4.11 | Modelo de balança Fonte: . Acesso em: 29 mar. 2016. 210 U4 - Conceitos e análises sobre a macroeconomia menos, fazendo o saldo da Balança Comercial ficar superavitário. A próxima Figura traz um exemplo numérico dessa situação.
image1.png

Continue navegando