Buscar

Relatório de Estágio Obrigatório

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 36 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 36 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 9, do total de 36 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

Relatório de Estágio Obrigatório I Ensino Fundamental 6º ao
9º ano
Licenciatura em História (Faculdade Unopar)
Digitalizar para abrir em Studocu
A Studocu não é patrocinada ou endossada por nenhuma faculdade ou universidade
Relatório de Estágio Obrigatório I Ensino Fundamental 6º ao
9º ano
Licenciatura em História (Faculdade Unopar)
Digitalizar para abrir em Studocu
A Studocu não é patrocinada ou endossada por nenhuma faculdade ou universidade
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
https://www.studocu.com/pt-br/document/faculdade-unopar/licenciatura-em-historia/relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano/81672813
https://www.studocu.com/pt-br/course/faculdade-unopar/licenciatura-em-historia/6554998?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
https://www.studocu.com/pt-br/document/faculdade-unopar/licenciatura-em-historia/relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano/81672813
https://www.studocu.com/pt-br/course/faculdade-unopar/licenciatura-em-historia/6554998?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
GABRIELLE JEANINE PINHO COSTA
RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO I:
ENSINO FUNDAMENTAL (6º AO 9º ANO)
UNIVERSIDADE PITÁGORAS UNOPAR ANHANGUERA
 LICENCIATURA EM HISTÓRIA
Caxias
2023
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
Caxias
2023
RELATÓRIO DO
ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO I: ENSINO
FUNDAMENTAL (6º AO 9º ANO)
Relatório apresentado à Universidade
Pitágoras Unopar Anhanguera, como requisito
parcial para o aproveitamento da disciplina de
Estágio Curricular Obrigatório I: Ensino
Fundamental (6º ao 9º ano) do curso de
Licenciatura em História
GABRIELLE JEANINE PINHO COSTA
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
SUMÁRIO
1 RELATO DAS LEITURAS OBRIGATÓRIAS.......................................................4
2 RELATO DA ANÁLISE DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO (PPP)..........5
3 RELATO DA ANÁLISE DO PLANO DE TRABALHO DOCENTE........................7
4 RELATO DA ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS DA ESCOLA....................9
5 PROPOSTA DE ATIVIDADE PARA ABORDAGEM DOS TEMAS 
CONTEMPORÂNEOS TRANSVERSAIS DA BNCC.........................................11
6 RELATO DA ENTREVISTA COM O PROFESSOR REGENTE........................13
7 RELATO DE REUNIÃO PEDAGÓGICA OU CONSELHO DE CLASSE...........15
8 RELATO DO LEVANTAMENTO DE MATERIAIS DE APOIO ESPECÍFICOS 
PARA ABORDAGEM DOS TEMAS TRANSVERSAIS CONTEMPORÂNEOS 16
9 RELATO DO PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DA BNCC NA ESCOLA.........18
10 RELATO DA ANÁLISE DOS INSTRUMENTOS AVALIATIVOS UTILIZADOS 
PELO PROFESSOR..........................................................................................20
11 RELATO DA ANÁLISE DA ATUAÇÃO DA EQUIPE PEDAGÓGICA NO 
ACOMPANHAMENTO DA DISCIPLINA............................................................22
12 RELATO DA OBSERVAÇÃO.............................................................................24
13 PLANOS DE AULA............................................................................................25
14 RELATO DA APRESENTAÇÃO DOS PLANOS DE aula AO PROFESSOR....28
15 RELATO DA REGÊNCIA...................................................................................30
16 VALIDAÇÃO DO RELATÓRIO..........................................................................32
CONSIDERAÇÕES FINAIS......................................................................................33
REFERÊNCIAS........................................................................................................34
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
3
INTRODUÇÃO
Este relatório tem por finalidade expor a experiência do Estágio Curricular
Obrigatório I: Ensino Fundamental II, o mesmo foi realizado de forma presencial,
desenvolvido pela Universidade Unopar, com propósito de avaliar os alunos dos
cursos de licenciatura.
O estágio de licenciatura é uma exigência da lei de diretrizes e bases da
educação nacional (n° 9394/96). É necessário à formação profissional a fim de
adequar essa formação às expectativas do mercado de trabalho onde o licenciado
irá atuar, sendo o estágio, a oportunidade de somar a teoria com a prática. 
Visando o fortalecimento dessa relação entre a teoria e a prática, baseado 
no princípio metodológico de que o desenvolvimento de competências profissionais 
implica em utilizar conhecimentos adquiridos, constituindo-se assim, um importante 
instrumento de conhecimento e de integração do aluno na realidade social em sua 
área de atuação.
O objetivo deste relatório apresentar a experiência do estágio Obrigatório I:
Fundamental do 6º ao 9º ano, que foi desenvolvido de modo presencial Faculdade
Anhanguera com a finalidade de avaliar o aluno.
No curso de Licenciatura é obrigatório por meio da lei nº 9394/96 que haja o
estágio
, pois é necessário que o aluno tenha conhecimento de campo na área que
deseja atuar, dessa forma é possível fazer com que a teoria e a prática andem
juntas.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
4
1 RELATO DAS LEITURAS OBRIGATÓRIAS
“Entre Continuidade e Ruptura: Um Estudo de Ensino e Aprendendo História
para a Transição do Ensino do quinto para o sexto ano do Ensino Fundamental”
pesquisa questões sobre os desafios pertinentes no processo de desenvolvimento
na transição do 5º para o 6º ano. O motivo de alguns problemas existirem nesse
momento de transição é que de certa forma, essa passagem de ciclo acarreta uma
certa pressão nos alunos.
Esse estresse pode ser causado nos alunos devido ao sentimento de
terminalidade, uma sensação de que uma fase foi encerrada, uma fase que o aluno
esteve durante muito tempo para que possa iniciar um momento novo na sua vida.
Um encontro com o desconhecido. É comum que essa mudança traga consigo um
misto de sensações. 
A problemática que aparece no texto é que o nosso sistema de ensino deveria
proporcionar ao aluno uma transição sutil, ajudando o aluno a não sentir um impacto
muito grande com essa alteração.
Esse efeito desfavorável nasce a partir de uma fissura que há entre município
e estado, levando em consideração que é de responsabilidade municipal a primeira
fase educacional e de responsabilidade estadual a segunda fase no ensino
fundamental. Dessa forma, é notório que a maioria dos municípios se preocuparam
mais com questões de cunho administrativo, financeiro e principalmente política,
abandonando assim a educação. 
Um exemplo desse abando é que ainda é provável que em algumas escolas
de cidades principalmente interioranas tenha apenas um professor, falta de meio de
transporte para os alunos, falta de infraestrutura, falta de merenda escolar, falta de
pagamento para os professores. Ou seja, se há uma extrema carência do básico,
como haverá uma educação de qualidade? Esse desprezo implica diretamenteno
desenvolvimento da educação desses alunos.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
5
2 RELATO DA ANÁLISE DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO (PPP)
O Projeto Político Pedagógico é uma ferramenta que tem como objetivo
retratar o plano educacional das instituições de ensino. Conhecido como PPP, é um
documento que segundo as Leis de Diretrizes e Bases da Educação deve ser
produzido por todas as escolas. Dessa forma torna-se um documento com
elaboração única, pois cada escola apresenta propostas de ensino diferentes umas
das outras.
O PPP de cada instituição deve ser objeto de reflexão e atualização
constante, pois conforme as necessidades da sociedade vão mudando, este
documento tende a ser modificado a ponto de atender a realidade de cada público
que o mesmo é direcionado.
Um ponto importante a ser destacado é que O Projeto Político Pedagógico
ampara o público que vem do Maternal ao Ensino Médio e tem como razão maior
alcançar os propósitos da Educação Nacional, cumprindo sempre todas as normas
da BNCC (Base Nacional Comum Curricular).
O PPP é um documento bastante conhecido no meio educacional, porém
algumas pessoas que trabalham no ambiente escolar acabam apresentando
diversas dúvidas sobre este documento, abrangendo tanto a elaboração desse
projeto e também como o mesmo deve ser aplicado e trabalhado na escola.
A verdade é que o PPP tem como finalidade estabelecer quais são os
objetivos reais da instituição de ensino e o que esta instituição pode fazer para
conseguir chegar a esse fim. 
Alguns pontos importantes que estarão presentes nesse documento serão:
diretrizes para a gestão administrativas, a proposta curricular da escola, diretrizes
para a formação dos professores, dentre outros.
Em resumo, o Projeto Político Pedagógico irá atuar como um mapa, um
gráfico que orientará a escola, fazendo com que a instituição consiga alcançar seus
objetivos para que haja um ensino de qualidade. Criar um documento como este é
querer garantir a todos que serão beneficiados por ele tenham um futuro mais digno
e livre.
É inegável que fazer com que o PPP se mantenha operante é fundamental
para que haja de fato uma melhoria na instituição de ensino. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
6
E foi através da Base Nacional Curricular Comum que o PPP ganhou mais
espaço e importância no meio educacional, já que é atribuição da BNCC apresentar
e introduzir habilidades e competências variadas que os alunos da educação básica
têm de mostrar.
Para que todo esse projeto siga as orientações apresentadas pela Base
Nacional Curricular Comum faz-se necessário que o documento abarque tanto a
equipe docente como também a equipe discente e seus familiares em busca de
construir um projeto democrático.
No que se trata de avaliação seguindo as normas do PPP, é importante
ressaltar que a mesma se dará conforme com a faixa etária de cada criança ou
adolescente, de acordo com o período em que o auno estará matriculado. Esta
avaliação será feita de maneira acompanhada e contínua. E mais que as notas, esta
avaliação levará em conta a capacidade que cada aluno terá em resolver problemas
apresentados e o desempenho de cada aluno, vista que o processo avaliativo é
realizado de forma cotidiana.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
7
3 RELATO DA ANÁLISE DO PLANO DE TRABALHO DOCENTE
O projeto de estágio supervisionado de regência escolar é construído através
das interações e observações entre os alunos dos cursos de licenciatura e a equipe
pedagógica da escola onde o estágio irá ser realizado.
a oportunidade de realização do estágio proporciona uma observação mais
ampla de como de fato é o trabalho do docente em sala de aula. Portanto, este
relato se baseia em interações, observações e entrevistas realizadas com o
professor regente. 
No início da manhã o professor entra na sala cumprimentando os alunos de
forma coletiva, isso gera um primeiro momento de interação entre aluno e professor.
Em seguida, com todos os alunos em sala inicia-se a frequência, com o objetivo de
saber quais alunos estão presentes em sala naquele horário de aula. 
Em seguida o professor explica aos alunos o conteúdo será trabalhado
naquela aula, mostrando-lhes onde encontrar tal assunto em seus livros didáticos.
Acontece a explanação do assunto, utilizando o quadro branco ou por vezes slides
em datas-show. 
Quando acontece dos alunos se distraírem com outros assuntos que não são
pertinentes naquele momento, o professor faz uso de sua autoridade em sala para
chamar a atenção dos que estão com o pensamento mais dispersos, retornando
assim a explicação do assunto.
Para comprovar que houve algum tipo de entendimento sobre aquela aula, o
professor elabora exercícios práticos para ter conhecimento até onde o corpo
discente entendeu o que foi explicado em sala. 
Há também rodas de conversas referente ao tema tratado em sala de aula no
fim de cada aula, isso ajuda o professor a perceber e analisar quem de fato
entendeu o assunto e quem não conseguiu absorver de forma almejada. Facilitando
perceber quais pontos precisam ser explicados novamente no tempo restante da
aula ou na próxima aula.
Essa interação aluno e professor também funciona como uma forma
avaliativa. Já que o processo de avaliação acontece de forma contínua. A percepção
de que tal aluno conseguiu entender e explanar o assunto em sala de aula, faz com
que o professor veja aquela interação como uma forma de avaliação.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
8
Por fim, é passado aos alunos um trabalho ou atividade para casa com a
finalidade de fixar ainda mais aquele assunto tratado em sala de aula. 
No momento seguinte o professor se faz disponível para que os alunos que
ainda apresentarem dificuldades possa sanar as suas dúvidas de forma individual. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
9
4 RELATO DA ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS DA ESCOLA
Levando em consideração o fato de que o professor tem em suas mãos um
grande número de possibilidades para fundamentar o assunto que será ministrado,
fazer o levantamento dos materiais didáticos disponíveis na escola é de suma
importância. É a partir dessa análise e desse conhecimento sobre os materiais
didáticos que estarão ao alcance do professor e dos alunos que o docente irá
elencar alguns métodos a serem utilizados em sala, para uma aula mais dinâmica.
Isso fará com que os alunos aprendam e absorvam o conteúdo de forma mais
estimulante.
Acompanhando a turma do 6º ano fundamental, foi notado que o professor fez
uso de slides e vídeos, com o objetivo de mostrar alguns exemplos do assunto que
foi explanado no dia da aula. Com vídeos sobre os assuntos após a explicação, fica
claro que os alunos aprendem mais e prestam mais atenção em como seria a
situação explicada na prática.
Em uma aula sobre o folclore brasileiro, utilizou-se os slides e vídeos sobre as
lendas e sobre os costumes que fazem parte do nosso folclore. Dessa forma os
alunos puderam relembrar as lendas e personagens que fazem partedo imaginário
folclórico. 
Nas outras aulas em que presenciei, foram utilizados outros materiais
didáticos como tv, livros, revistas e brinquedos educativos. Sempre com o intuito de
mostrar o assunto explicado na prática. 
Há na escola outros tipos de materiais didáticos que abrangem também
outras disciplinas, como por exemplo, a disciplina de educação física, onde os
alunos podem contar com bolas, bambolês, cones, cordas, etc. Na disciplina de
ciências os alunos contam com jogos educativos, quebra-cabeças, materiais para
experiências simples. Na disciplina de língua portuguesa os alunos contam com
quebra-cabeças, jogos de letras e palavras, caça-palavras, jogos de palavras
cruzadas.
Para a utilização desses materiais, o professor divide a turma em grupos de
no máximo cinco alunos, de forma que todos possam ter acesso aos jogos e
brincadeiras propostas. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
10
É importante ressaltar que alguns materiais didáticos presentes na escola
foram produzidos pelos professores e alunos, produzidos de forma manual utilizando
matérias simples presentes no nosso dia-a-dia. Servindo para o aprendizado do
auno sobre os assuntos estudados e consequentemente sobre a importância da
reutilização de materiais recicláveis. 
Outro ponto importante é a constatação de que a maioria desses materiais
são guardados em uma sala específica, separados das salas de aulas e usados
somente em momentos próprios. Isso ajuda na organização da sala de aula,
mesclando seu uso entre aulas práticas e teóricas. 
Por fim, o uso adequado de materiais didáticos em momento apropriados e
oportunos desperta nos alunos a curiosidade explorar mais sobre o conhecimento
obtido.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
11
5 PROPOSTA DE ATIVIDADE PARA ABORDAGEM DOS TEMAS 
CONTEMPORÂNEOS TRANSVERSAIS DA BNCC
A BNCC indica que é de competência da rede de ensino e das escolas a
incorporação dos Temas Contemporâneos Transversais (TCTs) às propostas e ao
currículo pedagógico, interferindo assim a vidas das pessoas que compõem aquela
comunidade escolar local. 
O Ministério da Educação apropria-se de uma conduta que tem como objetivo
criar, motivar, organizar e idealizar materiais que venham abordar as diversidades
no processo de ensino-aprendizagem.
Essa sugestão metodológica de abordagem dos Temas Contemporâneos
Transversais é fundada em quatro pontos importantes, sendo eles: integração das
habilidades e competências curriculares à resolução de problemas; problematização
da realidade e das situações de aprendizagem; promoção de um processo educativo
continuado e do conhecimento como uma construção coletiva; superação da
concepção fragmentada do conhecimento para uma visão sistêmica.
Os Temas Contemporâneos Transversais são formados por quinze temas,
elencados em seis macro áreas temáticas, conforme consta na lista abaixo:
Macro áreas temáticas:
TCTs
Meio ambiente
- Educação Ambiental
- Educação para o consumo
Ciência e Tecnologia
- Ciência e tecnologia
- Multiculturalismo
- Diversidade cultural
- Educação para valorização do multiculturalismo nas matrizes histórias e 
culturais brasileiras
- Cidadania e civismo
- Vida familiar e social
- Educação para o trânsito
- Educação em direitos humanos
- Direito das crianças e adolescentes
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
12
- Processo de envelhecimento e valorização do idoso
- Saúde
- Educação alimentar e nutricional
- Economia
- Trabalho
- Educação financeira
- Educação fiscal
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
13
6 RELATO DA ENTREVISTA COM O PROFESSOR REGENTE
Incluir o texto elaborado com base na entrevista com o professor regente,
conforme estipulado no Plano de Trabalho. Para a apresentação do texto, seguir
esta formatação, preenchendo de 1,5 a 2 páginas
A professora regente da disciplina de História na turma do 6º ano Único,
Cristiana dos Santos Pinho, concluiu sua graduação em licenciatura em História no
ano de 1999, logo após o fim da graduação realizou curso de pós-graduação em
História Política do Brasil. 
A professora já está atuando em seu campo de formação a mais de 24 anos,
trabalhando sempre em seu município pela rede estadual e particular de ensino.
Centro de Ensino Dias Carneiro, Unidade Integrada Izaura Costa, Unidade Integrada
Professora Rita de Cássia, Unidade Escolar Vespasiano Ramos e Educandário Raio
de Sol são os nomes de algumas escolas em que a professora contribuiu e contribui
para o aprendizado de algumas crianças e adolescentes.
Sobre a visão do ensino de história, a professora tem a percepção da
importância dessa disciplina e da forma correta m repassar os conhecimentos que a
história proporciona. Ela compreende que o ensino de história só tem a agregar na
vida educacional e social do aluno, pois a história dá a oportunidade de o estudante
conhecer o seu passado e lhe dá a ideia de pertencimento a uma sociedade.
Tornando-o um cidadão ativo no meio em que está inserido. 
A história ajuda o ser humano a se definir como indivíduo, é através do ensino
da história que se disponibiliza aos alunos alguns elementos que lhes fazem
compreender a nossa sociedade e cultura. Nos anos iniciais do ensino fundamental
é sempre importante começar essa compreensão pelo espaço e tempo em que
estão inseridos, pois o entendimento do aluno será maior através do uso de
exemplos vistos por eles no cotidiano. 
É através do ensino de história, do ensino da existência de sociedades,
culturas, acontecimentos e costumes diferentes na sociedade e no mundo que o
aluno desenvolverá um pensamento crítico e o entendimento sobre essas
diferenças.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
14
No que se tange a rotina de trabalho a professora acrescenta que a mesma
tem sido bem intensa e desafiadora, porém satisfatória em ver que alguns de seus
objetivos tem sido atingido.
A professora tem sempre o costume de desenvolver atividades relacionadas a
alguns temas específicos e pertinentes no que se diz respeito a cultura afro
brasileira, a cultura indígena, sobre o folclore brasileiro, sobre a identificação de
respeito das diferenças entre os indivíduos e diferentes camadas sociais. Essas
atividades são fundamentais no ensino da disciplina de história. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
15
7 RELATO DE REUNIÃO PEDAGÓGICA OU CONSELHO DE CLASSE
Em um primeiro momento, conversamos com os alunos que participariam do
conselho de classe, líder e vice-líder de cada turma, deixamos claro para os
mesmos a importância e relevância de suas colocações, assim como a objetividade
em deixar claro as mesmas. Dessa forma seria fundamental que os estudantes
citem fatos concretos que aconteceram em sala e na escola como um todo, fatos
esses que os levaram a explanar o que estão pensando. Nunca é permitido que os
estudantes façam uso de declarações infundadas sobre o corpo discente. Se trata
de uma conversa franca e objetiva.
No início do pré-conselho, o fato citado acima ocorreu.Alguns alunos citaram
atitudes infundadas sobre alguns professores, mas logo essa situação foi
contornada com sabedoria e firmeza dos discentes que estavam presentes naquele
momento.
A todo momento é deixado claro para os alunos que essa roda de conversa
inicial tem como finalidade identificar os problemas que os estão incomodando e
encontrar soluções para eles.
Portanto, apenas se fez necessário que as regras e o objetivo real das
conversas iniciais fossem deixados claros para que os alunos entendessem o
sentido e a importância desse trabalho.
Um fato que chamou a atenção durante a realização do pré-conselho foi que
os alunos falaram alguns pontos em que alguns professores precisariam melhorar,
mas também foi reconhecido algumas falhas por parte dos estudantes, como as
conversas paralelas em demasia e o uso contínuo e inadequado do celular em sala
de aula durante a explicação do professor. Nesse espaço de tempo o corpo discente
aproveitou para chamar a atenção desses alunos e que eles repassassem as
palavras utilizadas para o restante dos alunos de suas turmas. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
16
8 RELATO DO LEVANTAMENTO DE MATERIAIS DE APOIO ESPECÍFICOS 
PARA ABORDAGEM DOS TEMAS TRANSVERSAIS CONTEMPORÂNEOS
A função da instituição escolar ao utilizar os temas transversais é contribuir e
incorporar todas as ações de uma forma contextualizadas para os estudantes. O
emprego desses temas nas escolas tem como finalidade trabalhar o meio e a
realidade social de seus alunos e como é importante que os mesmos tenham
conhecimento sobre isso.
O Ministério de educação e Cultura tem como ideia que os temas
contemporâneos transversais sejam tratados de forma estruturada e interdisciplinar
e que os professores possuam uma visão macro e transparente do sentido dessa
questão no nosso atual meio social. 
Os temas transversais nas escolas empenham-se deixar claro que as
disciplinas não podem ser estudadas de forma isoladas, que todas as matérias estão
ligadas com a organização social e que se executam no espaço escolar.
A transversalidade é uma forma de proporcionar uma ligação com tema
presente no currículo com as ocupações coletivas, incluindo conhecimentos
extraescolares dentro dos muros escolares.
Infelizmente, um fato a ser constatado é que algumas escolas ainda
apresentam uma certa resistência para interpelar determinados assuntos, isso
acontece quando a escola não dispõe de uma equipe multidisciplinar. Na escola
Educandário Raio de Sol, a gestão está sempre a procura de profissionais, meios e
materiais que possibilitem a transmissão desses conhecimentos para os estudantes.
A escola está continuamente atrás de elaborar projetos onde os estudantes
estejam incluídos em tudo que acontece no seu dia-a-dia e no cotidiano da
sociedade. 
Então no que tange a esse assunto, a escola desenvolve diversos projetos
que são interligados com os temas transversais contemporâneos, como por
exemplo, palestras que informem aos alunos sobre temas ligados a saúde,
educação e identidade.
A escola dispõe de um jardim, piscina, e um espaço coberto para a realização
de atividades extracurriculares e de lazer entre os alunos e professores. O cuidado e
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
17
interação com o meio ambiente e a prática de exercício, está muito presente no
cotidiano escolar.
Com base nisso, existem várias possibilidades de propostas que são feitas,
assuntos como o lixo e sua reutilização, o desperdício de comida e água, atitudes
que devem ser feitas em domicílio. Tudo isso para que os estudantes tenham um
sentimento de pertencimento e conscientização do que deve ser feito no meio em
que vivem, tornando-os com isso cidadãos bons e ativos na sociedade.
Sobre o uso dos temas transversais contemporâneos na escola, a instituição
desfruta de equipamentos próprios como computadores, filmes e jogos educativos
para a aplicação de assuntos relevantes. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
18
9 RELATO DO PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DA BNCC NA ESCOLA
É fundamental que todas as instituições escolares realizem a implementação
da BNCC, já que esse documento que dará uma direção a todo o currículo dessa
escola, é nesse documento que possui todo o contexto de aprendizagem que os
estudantes deverão progredir no decorrer de seu tempo durante a educação básica. 
Os coordenadores e gestores escolares têm que irem atrás de informações e
conhecimentos para que estejam sempre esclarecidos a tudo que tange sobre a
BNCC, para além disso, é importante que esses conhecimentos obtidos sejam
levados para dentro dos muros escolares. 
Essa documentação tão importante pode ser encontrada em plataformas
virtuais e é importante frisar que qualquer pessoa é capaz de ter acesso a esse
documento. 
A secretaria de educação municipal, frequentemente disponibiliza aos
coordenadores e gestores escolares palestras e seminários que servem para
perpassar informações sobre a BNCC. Diversas áreas da educação são tratadas
nesses eventos.
Os coordenadores e gestores escolares frequentemente buscam atestar a
importância da aplicabilidade dessas normas nas escolas. Já se encontra dentro das
normas da BNCC os materiais didáticos utilizados na escola.
Da mesma forma que o Projeto Político Pedagógico, que também está de
certa forma engatinhando na área educacional e tem sua funcionalidade e
importância pautada na participação de todo o corpo docente, isso para que as
competências da BNCC sejam utilizadas adequadamente e da melhor maneira
possível. 
A instituição escolar alterou algumas características do que diz respeito aos
processos avaliativos de algumas séries. Nesse caso o corpo docente avalia os
estudantes de acordo com o desenvolvimento de cada um, onde são classificados
como bons, regulares ou irregulares. 
Portanto, para que de fato aconteça a implementação da Base Nacional
Comum Curricular (BNCC) faz-se necessário o uso de uma comunicação clara e
honesta entre todos os componentes do corpo escolar, principalmente com os pais
dos alunos. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
19
É fundamental que todos que fazem parte da vida escolar, tenha noção da
importância dessa documentação para elevar a educação básica no nosso país. 
Ter a participação efetiva da comunidade escolar é cabal para que haja uma
mudança positiva, onde passemos a prosperar no que tange a um desenvolvimento
de estudantes capazes de obter conhecimento de realidade.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
20
10 RELATO DA ANÁLISE DOS INSTRUMENTOS AVALIATIVOS UTILIZADOS 
PELO PROFESSOR
A partir das observações realizadas em sala de aula, foi possível notar que
cada professor é adepto de uma forma avaliativa diferente. Alguns ainda usam os
meios de avaliação como antigamente, crendo que dessa forma os estudantes
levem os estudos mais a sério e que sejam mais disciplinados.
Outros são a favor de novos métodos avaliativos como a avaliação individual
do aluno, o comportamento em sala de aula, a participação positiva nas aulas o
respeito com os outros estudantes e professores e o desenvolvimento da
aprendizagem sobre o assunto que está sendo explicado em sala de aula.O
professor observa todos esses pontos e registras a sua avaliação.
Após a pandemia, a escola Educandário Raio de Sol passou por algumas
mudanças e entre ela está incluída o processo avaliativo, devido ao período em que
os alunos passaram a ter aulas remotas os professores passaram por um processo
de readaptação no quesito avaliação.
Dessa maneira, a escola passou a elaborar uma espécie de mapeamento
sobre o desenvolvimento de cada aluno, isso acontece no fim de cada bimestre
onde professores e gestores passam a se reunir para avaliar cada aluno conforme o
seu desenvolvimento, comportamento, trabalhos e atividades realizados. 
Porém, faz-se necessário que nesse modelo de avaliação os professores têm
que elaborar atividades que supram as necessidades intelectuais e as dificuldades
também de cada estudante, dessa forma são realizados durante todo o período
bimestral trabalhos, leituras individuais, apresentação de seminários e trabalhos em
grupos.
Esse tipo de avaliação já é colocado em prática na educação infantil, onde
existe a avaliação do desenvolvimento de cada criança no final de cada semestre
através de um relatório seguindo sempre a lei de diretrizes e bases (LDB) que é
entregue aos pais.
De uma maneira geral, durante os conselhos de classe que acontecem no fim
de cada bimestre os professores se reúnem com os gestores e coordenadores para
relatem sobre o mapeamento da aprendizagem de cada aluno durante aquele
período.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
21
Sobre isso, a escola vem apresentando um bom trabalho, sempre buscando
bons resultados para todos.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
22
11 RELATO DA ANÁLISE DA ATUAÇÃO DA EQUIPE PEDAGÓGICA NO 
ACOMPANHAMENTO DA DISCIPLINA
A equipe pedagógica tem como responsabilidade coordenar algumas práticas
didáticas que acontecem na escola. Esse trabalho é de extrema importância e
orienta a instituição escolar a realizar um processo educativo mais apropriado,
gerando dessa forma mais qualidade no processo de ensino aprendizagem.
É papel da equipe pedagógica receber professores e familiares, para uma
reunião sobre os desenvolvimentos pedagógicos dos alunos e das atividades que
serão realizadas. Fazem parte do grupo pedagógico da escola, coordenadora, corpo
docente e a gestão.
Compete a coordenação pedagógica o desenvolvimento de ações didáticas,
trabalhar uma forma de ligação envolvendo as habilidades de ensino desenvolvidas
na escola e sociedade, contribuir com a construção da conexão com a equipe
diretiva, professores, alunos e responsáveis. 
Essas competências auxiliam no desenvolvimento de uma comunicação na
instituição escolar e consequentemente melhora a metodologia de ensino. 
No nosso momento atual para que esse profissional possa dar uma
assistência satisfatória é necessário oferecer para esse funcionário um suporte
maior e flexibilidade.
Colaborar para o aprendizado constante desse profissional é de suma
importância, oferecendo ao mesmo essa flexibilidade para desenvolver seus estudos
e estar sempre presente em cursos de formação continuada. 
Esse acompanhamento pedagógico melhora o desempenho do aluno em
todas as disciplinas em todas as áreas da educação, contribui para uma elevação na
confiança do aluno, auxilia na compreensão do estudante nas disciplinas tidas por
ele como difíceis, auxilia na amenização das dificuldades de cada aluno, faz com
que eles se organizem melhor nos estudos e ainda lhes dá a oportunidade de
compreender o meio social em que vivem.
Através de minhas observações na escola no período do estágio, foi
constatado que a escola está toda envolvida na questão da melhoria das relações
entre o quadro de funcionários, alunos e responsáveis. Notando que em todas as
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
23
reuniões mensais participam sempre o corpo docente, equipe pedagógica e equipe
diretiva.
É um fato que é preciso constatar a importância do trabalho da equipe
pedagógica e em especial do coordenador pedagógico, esse profissional que é tão
importante para comunidade escolar.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
24
12 RELATO DA OBSERVAÇÃO
A observação foi realizada na escola Educandário Raio de Sol, na turma do 6º
ano Único, durante os períodos matutino e vespertino. Inicialmente através da
observação foi possível notar na prática o papel do professor nos anos iniciais do
ensino fundamental. 
Alguns educadores desenvolvem suas atividades de forma dinâmica, animada
e respeitosa em sala de aula, foi possível observar que os que utilizam dessa
didática criam uma espécie de laço afetivo com os alunos. Outros são mais
metódicos nas realizações de suas atividades, utilizando a disciplina e obediência
como base de sua aula. 
Ainda se tratando da atuação do professore em sala, é de extrema
importância que os docentes estabeleçam uma relação boa e respeitosa com seus
alunos, porém nem todos conseguem. 
Em algumas aulas notei que os estudantes não despertaram seus interesses
pelo assunto explicado pelo professor, já em outra aula onde o professor se
comunicava de forma mais clara pelos alunos, os mesmos ficaram sempre atentos e
respondiam corretamente os questionamentos feitos pelo professor e também
tentavam esclarecer suas dúvidas sobre o assunto assim que surgiam indagações
em suas cabeças. O professor respondia prontamente. 
Uma aula monótona, leva o aluno a querer mudar o foco de sua atenção,
levando-o a ter conversas paralelas com o colega do lado e levantar de seus lugares
afim de se distraírem daquele sentimento de tédio.
Quando acontecem aulas externas os alunos ficam bastante animados e
ficam mais dispostos a participar das aulas, observam mais e são bem eficientes nas
atividades que são propostas pelo professor. 
No mais, foi constatado que a professora domina os assuntos tratados em
sala de aula, possui uma boa relação com os alunos. Foi identificado que a docente
usando sua didática de forma comunicativa, faz com que o aluno desperte seu
interesse pelo que está sendo trabalhado. Dessa forma ela transmite para todos os
presentes sua paixão pela profissão que segue. Porém é importante compreender
que somente a paixão não se faz suficiente, o professor tem que compreender a
importância da assistência e amizade com seus alunos. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
25
13 PLANOS DE AULA
Plano de aula 
Ano escolar: 6º ano único
Carga horária: 50 minutos
Tema: Mudanças históricas no tempo e no espaço
Material didático: Vontade de saber história 6º ano – Marco Pellegrini, Adriana 
Machado Dias, Keila Grinberg
Conteúdos:
 Reflexão cronológica: a passagem do tempo e suas inclinações
 Culturas e costumes ao longo do tempo
Objetivos:
 Assemelhar os itens de meios de comunicação, de transporte, vestimentas, 
ferramentas de trabalho, etc...
 Identificar a presença da História em situações e objetos cotidianos
 Identificar as diferenças culturais, sociais e estruturais ao longo da passagem 
do tempo
Materiais didáticos:
 Livros didático
 Computador
 Caixade som
Metodologia:
Aula expositiva a partir de conhecimentos prévios, aproximação da realidade dos 
alunos com os conteúdos aplicados; uso de recursos audiovisuais. Duração de 
cinquenta minutos.
Avaliação:
 A turma será dividida em 3 grupos de 4 componentes. Cada grupo ficará 
responsável por pesquisar sobre os temas já sorteados e direcionados a eles,
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
26
montando assim uma linha do tempo sobre o que permaneceu e o que mudou
dentro dos temas que lhes foram propostos. (5 pontos)
 Na próxima aula cada grupo realizará uma apresentação de suas pesquisas 
(5 pontos)
Referências bibliográficas:
https://www.youtube.com/watch?v=0LxMc3zKsnQ, acesso em 07/09/2023
DIAS, Adriana Machado; GRINBERG, Keila; PELLEGRINI, Marco César. Vontade 
de Saber: História. 6º ano.
Plano de aula 2
Ano escolar: 6º ano único
Carga horária: 50 minutos
Tema: Formas de Registro
Conteúdo:
 As diversas formas de registro e as maneiras de produzir conhecimento 
histórico
Objetivos: 
 Identificar a importância das fontes história
 Compreender como surgiram os primeiros registros históricos e quais foram 
eles
 Comparar as formas de registros históricos do passado com os do presente
Materiais didáticos:
 Livro
 Computador
 Caixa de som
 Fotografias 
Metodologia:
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.youtube.com/watch?v=0LxMc3zKsnQ
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
27
A aula acontecerá em um primeiro momento de forma expositiva, com a explicação 
do conceito de registro e fontes históricas, com a importância e a relevância dos 
registros históricos.
Em um segundo momento, um vídeo será exposto em sala de aula para que os 
alunos possam compreender quando surgiram os primeiros registros históricos e sua
evolução no decorrer do tempo.
No terceiro momento algumas fotografias serão expostas em sala de aula como um 
exemplo de forma de registro
Avaliação:
A turma será avaliada após a realização de trabalho de pesquisa que acontecerá de 
forma individual, conforme a explicação sobre o assunto. 
Cada aluno ficará responsável por fazer um resumo do assunto e escolher uma 
forma de registro e pesquisar sobre sua origem, apresentando em seu trabalho um 
registro feito com a técnica que escolheu. 
Referências bibliográficas:
BARROS, José D’Assunção. Fontes Históricas: uma introdução aos seus usos 
historiográficos. História & Parcerias, 2019, s.d. Disponível em: 
https://www.historiaeparcerias2019.rj.anpuh.org/resources/anais/11/
hep2019/1569693608_ARQUIVO_ bd3da9a036a806b478945059af9aa52e.pdf. 
Acesso em: 04 setembro de 2023.
JANOTTI, Maria de Lourdes. O livro Fontes Históricas como fonte. In: PINSKY, 
Carla Bassanezi. Fontes Históricas. ed. São Paulo: Contexto, 2005. pp. 9-22.
BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2017
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
28
14 RELATO DA APRESENTAÇÃO DOS PLANOS DE AULA AO PROFESSOR
Durante o período das observações das aulas, questões como o
comportamento dos professores e dos alunos durante o processo de ensino
aprendizagem, compreensão da relação entre professor e estudantes, as
metodologias e didáticas utilizadas foram fundamentais para que pudesse realizar o
plano de aula. 
O processo do estágio é uma etapa fundamental para o universitário, pois ali
acontece a aplicabilidade da vida educacional na prática. Trazendo para o mesmos
possiblidades reflexivas sobre a regência. 
A pratica na sala de aula é a oportunidade que o universitário tem de conduzir
uma aula juntamente com a professora que o acompanha e o orienta. Esse tempo
de regência me serviu para colaborar em meu crescimento pessoal e profissional,
assim também para contribuir de alguma forma no processo de ensino
aprendizagem dos alunos atendidos e da professora que me monitorou.
Ainda sobre os benefícios da realização do estágio, esse período de
observação serve para que o universitário veja e analise alguns pontos positivos e
negativos que estão presentes nas escolas e nas metodologias de ensino,
possibilitando que o mesmo tenha um entendimento maior e mais realista sobre tal
situação.
Sobre os planos de aula, os mesmos foram elaborados conforme as
coordenadas que me foram repassadas por parte da professora regente, que ao
longo desse período sempre esteve me orientando de forma assídua e direta. O
tema que foi proposto era coerente e estava em conformidade com aulas
ministradas. 
Antes de colocar o que havia sido planejado em prática, me encontrei em uma
reunião com a professora e lhe mostrei o que foi elaborado para ver se estava em
conformidade com o que ela provaria para ser tratado em sala de aula. Após alguns
minutos de reunião, sob uma orientação melhor por parte da professora sobre como
eu deveria agir em sala de aula, o plano foi aprovado.
Por fim, foi uma troca muito gratificante. Fui honesta com a professora e
relatei os objetivos que queria alcançar com aquele planejamento e qual seria minha
intenção sobre cada tema estudado. No momento aproveitamos para falar sobre o
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
29
comportamento de alguns alunos, o que foi fundamental para que eu me saísse bem
durante meu momento de ministrar aula. 
Relatei sobre algumas dificuldades que encontrei ao elaborar o plano de aula
e a mesma me falou que é normal que surja algumas dúvidas e que as mesmas vão
sendo sanadas com o tempo e a prática.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
30
15 RELATO DA REGÊNCIA
Durante todo o processo formativo da regência, processo esse que todos os
universitários dos cursos de licenciatura têm a chance de viver e desenvolver suas
ações como professor estagiário, foi uma parte da minha vida acadêmica na qual eu
me deparei com um misto de sentimentos. Vieram a tona os sentimentos de
insegurança, pois foi somente nesse período de regência que pude compreender a
dimensão da realidade escolar desenvolvendo o papel de professor; veio também o
sentimento de esperança, ao ver o quanto essas crianças tem habilidades
importantes e capacidades de mudarem a sua comunidade escolar e a sua
sociedade se para isso forem conduzidas. 
Lhe dar com crianças nessa fase da vida é uma atividade complexa e nem um
pouco simples, mas utilizando de empatia, paciência e amor pela profissão e pelo
ser humano em si, faz-se a educação um meio possível. Uma forma de abrir portas
e apresentar mundos de possibilidades para as novas gerações. 
O instrumento que é o estágio curricular obrigatório tem como finalidade além
de apresentar a realidade na prática para os universitários, no campo da licenciatura
ele apresenta características que são diferentes em casa âmbito profissional. Em
relação a licenciatura, pude sentir uma grande manifestação positiva com relação a
essa ocupação.
No período em que realizei minhas regências, aconteceram aulas que tinha a
duração de tempo de cinquenta minutos. Durante esse tempo, com a ajuda dos
planos de aula, pude estabelecer o tempo de cada atividade a ser realizada afim de
que fosse capaz de manter as crianças interessadas e atentas, incentivando e
acompanhando o desenvolvimento dos alunos.
Um ponto importante a ser salientado é que durante o tempo de observação
em sala de aula é que pude perceber e analisar o comportamento de alguns alunos
e issoauxiliou que eu tivesse uma maior facilidade de comunicação e interação com
os alunos em geral. 
Busquei a utilização de metodologias que eu fui orientada a usar a fim de
assegurar uma colaboração e um desenvolvimento satisfatório durante a aula. Foi
com o uso desses métodos que consegui prender a atenção deles.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
31
Outro fator que considero importante foi que antes da aula busquei estudar
bastante e adquirir conhecimentos extras sobre os assuntos que seriam tratados
durante a minha aula, afim de conseguir responder e sanar qualquer possível dúvida
que eles viessem a apresentar. Acredito que fiz o meu papel de forma satisfatória e
significativa.
Tivemos uma interação bem agradável, e todos os alunos e funcionários da
escola me trataram de forma respeitosa e acolhedora. Embora eu apresentasse uma
certa dificuldade no que diz respeito a elaboração dos planos de aula, acredito que
consegui superá-las e apresentei o assunto para a turma da maneira que planejei
que seria feito.
No momento que findei a aula surgiu um sentimento de gratidão, pois é muito
recompensador ver os alunos realizando as atividades que lhes propus com muita
dedicação e cuidado.
Poder observar eles interessados nos assuntos e conseguindo alcançar o
desenvolvimento esperado é uma sensação indescritível, uma sensação de
esperança, pois são nesses momentos em que vemos que a educação é o caminho
para um mundo melhor e mais justo.
A turma do 6º ano único contava com a quantidade de doze crianças, 7
meninas e 5 meninos. A turma em si era bem alegre e de fácil comunicação e muito
curiosos. A relação entre as crianças se desenrolava de maneira harmoniosa e
empática e em relação a todas as atividades que disponibilizei para que eles
realizassem, todos foram recíprocos. 
Nessa turma, não há nenhum aluno que apresente necessidades especiais ou
necessidade de acompanhamento especializado. 
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
32
16 VALIDAÇÃO DO RELATÓRIO
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
33
CONSIDERAÇÕES FINAIS
O estágio obrigatório realizado de forma presencial foi uma etapa
engrandecedora no meu processo de desenvolvimento acadêmico e para o início da
minha vida profissional no âmbito educacional. Pois foi através dessa oportunidade
de estar dentro dos muros escolares que eu pude fazer parte, compreender e
analisar sobre um pouco da realidade escolar no nosso país.
Contribui para que os acadêmicos possam colocar em práticas os
conhecimentos adquiridos em todas as disciplinas que nos foram ministradas no
decorrer do curso.
Foi a oportunidade de entender com acontece o funcionamento das etapas
iniciais do ensino fundamental tanto para os professores, coordenadores e demais
funcionários, como para os próprios alunos. 
Concluo este relatório com o sentimento de felicidade e gratidão por ter feito
parte da escola que me recebeu tão bem nesses dias, por ter conseguido viver essa
experiencia enriquecedora. Aproveito o espaço para deixar claro que fiz certo em
escolher o mundo da educação e realizarei meu trabalho como uma forma de
contribuir para um mundo melhor.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
34
REFERÊNCIAS
AGOSTINI, S. A organização e o desenvolvimento de estágios curriculares em 
cursos de licenciatura da UFSM: envolvimento de estagiários e orientadores. 
268p. Dissertação de Mestrado. Univ. Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2008.
BORGES, C. O professor de educação básica e seus saberes profissionais. 
Araraquara, SP, JM Editora, 2004.
BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2017
CARVALHO, A. M. P. Prática de ensino: os estágios na formação do professor. 
São Paulo: Biblioteca Pioneira de Ciências Sociais, 1985.
Baixado por José Luis (josezezinho_luis2@hotmail.com)
lOMoARcPSD|39601282
https://www.studocu.com/pt-br?utm_campaign=shared-document&utm_source=studocu-document&utm_medium=social_sharing&utm_content=relatorio-de-estagio-obrigatorio-i-ensino-fundamental-6o-ao-9o-ano
	SUMÁRIO
	1 RELATO DAS LEITURAS OBRIGATÓRIAS
	2 RELATO DA ANÁLISE DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO (PPP)
	3 RELATO DA ANÁLISE DO PLANO DE TRABALHO DOCENTE
	4 RELATO DA ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS DA ESCOLA
	5 PROPOSTA DE ATIVIDADE PARA ABORDAGEM DOS TEMAS CONTEMPORÂNEOS TRANSVERSAIS DA BNCC
	6 RELATO DA ENTREVISTA COM O PROFESSOR REGENTE
	7 RELATO DE REUNIÃO PEDAGÓGICA OU CONSELHO DE CLASSE
	8 RELATO DO LEVANTAMENTO DE MATERIAIS DE APOIO ESPECÍFICOS PARA ABORDAGEM DOS TEMAS TRANSVERSAIS CONTEMPORÂNEOS
	9 RELATO DO PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DA BNCC NA ESCOLA
	10 RELATO DA ANÁLISE DOS INSTRUMENTOS AVALIATIVOS UTILIZADOS PELO PROFESSOR
	11 RELATO DA ANÁLISE DA ATUAÇÃO DA EQUIPE PEDAGÓGICA NO ACOMPANHAMENTO DA DISCIPLINA
	12 RELATO DA OBSERVAÇÃO
	13 PLANOS DE AULA
	14 RELATO DA APRESENTAÇÃO DOS PLANOS DE aula AO PROFESSOR
	15 RELATO DA REGÊNCIA
	16 VALIDAÇÃO DO RELATÓRIO
	CONSIDERAÇÕES FINAIS
	REFERÊNCIAS

Continue navegando

Outros materiais