A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
120 pág.
ApostilaANSI-C

Pré-visualização | Página 5 de 27

função scanf() é: 
scanf(<string_de_controle>, <lista_de_argumentos>); 
Usando a função scanf() podemos pedir dados ao usuário. Um exemplo pode ser 
visto no Programa 02. Mais uma vez devemos ficar atentos não esquecendo de 
colocar o mesmo número de especificadores de formato e de argumentos. Outra 
coisa importante é lembrarmos de colocar o & antes das variáveis da lista de 
argumentos. É impossível justificar isto agora, mas veremos a razão para este 
procediemtno. 
 
 
ATIVIDADES 
 
2.1 Execute o Programa 04 e verifique o seu funcionamento. 
 
2.2 Execute o programa a seguir: 
 
CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS 
Departamento de Ensino do 2o grau - Coordenação de Eletrônica 
Disciplina: Laboratório de Introdução a Programação 
Professora: Rosângela Fátima da Silva 
 
 
21 
 
#include <conio.h> 
#include <stdio.h> 
#include <stdlib.h> 
 
/***************************************************************************** 
Programa 07 
Este programa usa a função getche() para ler um caractere 
introduzido pelo teclado. Esta função requer o arquivo de 
cabeçalho conio.h. 
 
******************************************************************************/ 
int main () 
{ 
 char Ch; 
 printf ("Pressione uma tecla.\n\n"); 
 Ch= (char)getche(); 
 printf ("\n\n"); 
 system("pause"); 
 return(0); 
} 
 
2.3 Foi necessário mandar imprimir no console o caractere lido? Explique a 
diferença entre a função getch() e a função getche(). 
 
2.4 Troque a linha de programa “Ch= getche();” por “scanf("%c", &Ch);” no 
Programa 7 e descreva a diferença. 
 
 
Dica:Dica:Dica:Dica: 
 
� A função getche() permite que você digite mais de um caractere? 
� É necessária acionar a tecla Enter após ter sido digitado o caractere 
desejado usando a função getche()? 
� O que aconteceria se você digitasse um número com vários caracteres 
usando a função scanf()? 
� Se fosse necessário introduzir no seu programa um número inteiro, 
exemplo 123, e tivesse sido usado a função getch(), O que seria 
armazenado em uma variável tipo char? 
 
2.5 Execute os Programa 05 e Programa 06 e verifique o seu funcionamento. 
 
2.6 Escreva o que será impresso pelas seguintes linhas de programa e depois crie 
um programa para testá-los. Verifique se suas previsões estão corretas. 
 printf ("Teste %% %%") 
 printf ("%f",40.345”) 
 printf ("Um caractere %c e um inteiro %d.",'F',240) 
 printf ("%s e um exemplo:","Este") 
 printf ("%s%d%%.","Juros de ",10) 
 
CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS 
Departamento de Ensino do 2o grau - Coordenação de Eletrônica 
Disciplina: Laboratório de Introdução a Programação 
Professora: Rosângela Fátima da Silva 
 
 
22 
 
2.7 Escreva um programa que leia duas strings, imprima as duas strings e a 
terceira letra de cada uma delas. 
 
2.8 Escreva um programa que leia o seu nome e a sua idade e apresente o 
seguinte relatório: 
 
O meu nome é __________________________, tenho _______ anos. 
 
CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS 
Departamento de Ensino do 2o grau - Coordenação de Eletrônica 
Disciplina: Laboratório de Introdução a Programação 
Professora: Rosângela Fátima da Silva 
 
 
23 
 
AULA PRÁTICA 03 
 
 
OBJETIVO: 
 
� Conhecer as palavras reservadas do C. 
� Estudar as variáveis e constantes. 
� Estudar os operadores aritméticos, lógicos e operadores relacionais etc. 
 
 
INTRODUÇÃO 
 
Variáveis, constantes, operadores aritméticos e lógicos nós já estudamos na aula 
teórica. Neste guia de aula prático serão expostos alguns detalhes importantes e 
tabelas que possam ajudá-lo, maiores esclarecimentos consulte a sua apostila de 
teoria. 
 
 
PALAVRAS RESERVADAS DO C 
Todas as linguagens de programação têm palavras reservadas. As palavras 
reservadas não podem ser usadas a não ser nos seus propósitos originais, isto é, 
não podemos declarar funções ou variáveis com os mesmos nomes. Como o C é 
"case sensitive" podemos declarar uma variável For, apesar de haver uma palavra 
reservada for, mas isto não é uma coisa recomendável de se fazer pois pode 
gerar confusão. 
 Apresentamos a seguir, na Tabela 2, as palavras reservadas do ANSI C. 
Veremos o significado destas palavras chave à medida que o curso for 
progredindo: 
Tabela 2 - Palavras reservadas da linguagem C. 
auto 
break 
case 
char 
const 
continue 
default 
do 
double 
else 
enum 
extern 
float 
for 
goto 
if 
int 
long 
register 
return 
short 
signed 
sizeof 
static 
struct 
switch 
typedef 
union 
unsigned 
void 
volatile 
while 
 
CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS 
Departamento de Ensino do 2o grau - Coordenação de Eletrônica 
Disciplina: Laboratório de Introdução a Programação 
Professora: Rosângela Fátima da Silva 
 
 
24 
NOMES DE VARIÁVEIS 
As variáveis no C podem ter qualquer nome se duas condições forem satisfeitas: o 
nome deve começar com uma letra ou sublinhado (_) e os caracteres 
subsequentes devem ser letras, números ou sublinhado (_). Há apenas mais duas 
restrições: o nome de uma variável não pode ser igual a uma palavra reservada, 
nem igual ao nome de uma função declarada pelo programador, ou pelas 
bibliotecas do C. Variáveis de até 32 caracteres são aceitas. Mais uma coisa: é 
bom sempre lembrar que o C é "case sensitive" e portanto deve-se prestar 
atenção às letras maiúsculas e minúsculas. 
Dica:Dica:Dica:Dica: 
 
� É uma prática tradicional do C, usar letras minúsculas para nomes de 
variáveis e maiúsculas para nomes de constantes. Isto facilita na hora da 
leitura do código; 
� Quando se escreve código usando nomes de variáveis em português, 
evita-se possíveis conflitos com nomes de rotinas encontrados nas 
diversas bibliotecas, que são em sua maioria absoluta, palavras em 
inglês. 
 
 
TIPOS DE DADOS 
 
O C tem cinco tipos básicos, veja a definição de cada um deles na Tabela 3 a 
seguir: 
 
Tabela 3 - Tipos de dados 
Tipo Nº bits Faixa de valores Característica 
char 8 -128 a 127 Inteiro 
int 32 -32768 a 32767 Inteiro 
float 32 3.4x10-38 a 3.4x1038 Ponto Flutuante 
double 64 1.7x10-308 a 1.7x10308 Ponto Flutuante 
 
 
O quinto tipo é o tipo void, representa valores que não ocupam lugar na memória, 
isto é, é o tipo vazio. A aplicação desse "tipo" será vista posteriormente. 
 
 É importante mencionar que o tipo int normalmente tem o valor natural de uma 
determinada máquina. 
 
O C tem quatro modificadores de tipo que são: signed, unsigned, long e short. 
Eles estão relacionados aos tipos de dados de acordo com a Tabela 4, a seguir: 
 
CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS 
Departamento de Ensino do 2o grau - Coordenação de Eletrônica 
Disciplina: Laboratório de Introdução a Programação 
Professora: Rosângela Fátima da Silva 
 
 
25 
Tabela 4 - Modificadores de tipo 
Intervalo 
Tipo Num de bits 
Formato para 
leitura com 
scanf Inicio Fim 
char 8 %c -128 127 
unsigned char 8 %c 0 255 
signed char 8 %c -128 127 
int 32 %i -2.147.483.648 2.147.483.647 
unsigned int 32 %u 0 4.294.967.295 
signed int 32 %i -2.147.483.648 2.147.483.648 
short int 16 %hi -32.768 32.767 
unsigned short int 16 %uh 0 65535 
signed short int 16 %hi -32.768 32.767 
long int 32 %li -2.147.483.648 2.147.483.647 
signed long int 32 %li -2.147.483.648 2.147.483.647 
unsigned long int 32 %lu 0 4.294.967.295 
float 32 %f 3,4E-38 3.4E+38 
double 64 %lf 1,7E-308 1,7E+308 
long double 80 %Lf 3,4E-4932 3,4E+4932 
 
 
VARIÁVEIS 
 
Variável é um espaço de memória destinado a guardar um determinado tipo de 
dado. Cada linguagem de programação define os seus próprios tipos de dados, 
portanto possuem tamanho e formato distintos. 
As variáveis no C devem ser declaradas antes de serem usadas. A forma geral da 
declaração de variáveis é: 
tipo_da_variável <variável_1>, <variavela_2> ....<variável_N>; 
As e-nésimas variáveis listadas