A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
475 pág.
LIVRO Aplicativos em PHP

Pré-visualização | Página 21 de 50

122/475
Convertendo Explicitamente para Boleano
Usa-se o modificador (bool) ou (boolean).
Valores que são considerados FALSE
FALSE, 0, 0.0, "0", "", array vazio, objeto sem membros e NULL (e variáveis indefinidas).
Os demais são TRUE
Inteiros
Em PHP, inteiro é um número do conjunto matemático dos Inteiros (Z), que contem os negativos, o 
zero e os positivos.
Em PHP os inteiros podem ser decimais, octais ou hexadecimais.
octal - precedido por 0.
hexadecimal - precedido por 0x.
Exemplos
<?php
$a =1234;
echo $a."<br>"; // número decimal
$a =-123;
echo $a."<br>"; // um número negativo
$a =0123;
echo $a."<br>"; // número octal (equivalente a 83 em decimal)
$a =0x1A;
echo $a."<br>"; // número hexadecimal (equivalente a 26 em decimal)
?>
O tamanho dos inteiros depende da plataforma e é de 32 bits com sinal. O PHP não suporta inteiros 
sem sinal.
Overflow - caso seja especificado um número inteiro além dos limites, será interpretado como 
flutuante.
Convertendo Explicitamente para Inteiro
Usar o modificador (int) ou (integer).
Ou com a função intval().
De boleanos - FALSE será retornado como 0 e TRUE como 1.
De flutuantes - ao converter para inteiros serão truncados
http://pt.wikibooks.org/wiki/Aplicativos_em_PHP
Aplicativos em PHP (WikiBooks - democratizando o conhecimento) - Página 123/475
De strings - A string será avaliada como um ponto flutuante se contiver qualquer um dos caracteres 
'.', 'e', ou 'E'. Em outros casos, ela será avaliada como um inteiro.
De outros tipos - não têm precisão, exatidão, portanto é melhor evitar.
Alerta
echo (int) ((0.1 + 0.7 ) * 10); // Exibirá 7 ao invés do esperado 8
Ponto Flutuante
É o float, double ou real.
Exemplos
1.234 ou 1.2e3 ou 7E-10
<?php
$a = 1.234;
echo $a."<br>";
$b = 1.2e3;
echo $b."<br>";
$c = 7E-4;
echo $c;
?> 
O tamanho de um float depende também da plataforma e é de 64bits no formato IEEE(*).
Nunca compare números em ponto flutuante em igualdades, sob pena de cometer erros.
• - (Wikipedia - http://pt.wikipedia.org )O Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos 
ou IEEE (pronuncia-se I-3-E ) é uma organização profissional sem fins lucrativos, fundada 
nos Estados Unidos. É a maior (em número de sócios) organização profissional do mundo. O 
IEEE foi formado em 1963 pela fusão do Instituto de Engenheiros de Rádio (IRA) com o 
Instituto Americano de Engenheiros Elétricistas (AIEE). O IEEE tem filiais em muitas 
partes do mundo, sendo seus sócios engenheiros eletricistas, engenheiros da computação, 
cientistas da computação, profissionais de telecomunicações etc. Sua meta é promover 
conhecimento no campo da engenharia elétrica, eletrônica e computação. Um de seus papéis 
mais importantes é o estabelecimento de padrões para formatos de computadores e 
dispositivos. 
Strings
Em PHP um caractere ocupa um byte. Até a versão 5 o PHP não tem suporte a UNICODE, mas está 
previsto este suporte para a próxima versão (Fonte: Wikipedia - http://www.wikipedia.org).
Não há limite para o tamanho de uma string em PHP.
http://pt.wikibooks.org/wiki/Aplicativos_em_PHP
Aplicativos em PHP (WikiBooks - democratizando o conhecimento) - Página 124/475
Especificando Strings
- apóstrofos (chamados de aspas simples ' )
- aspas (chamadas de aspas duplas " )
- heredoc (<<<)
Exemplos
<?php
echo 'isto é uma string comum';
echo 'Você pode incluir novas linhas em strings,
dessa maneira que estará
tudo bem';
// Imprime: Arnold disse uma vez: "I\'ll be back"
echo 'Arnold once said: "I\'ll be back"';
// Imprime: Você tem certeza em apagar C:\*.*?
echo 'Você tem certeza em apagar C:\\*.*?';
// Imprime: Você tem certeza em apagar C:\*.*?
echo 'Você tem certeza em apagar C:\*.*?';
// Imprime: Isto não será substituido: \n uma nova linha
echo 'Isto não será substituido: \n uma nova linha';
// Imprime: Variaveis $também não $expandem
echo 'Variaveis $também não $expandem';
echo '<br>------------<br>';
$str = <<<EOD
Exemplo de uma string
distribuída em várias linhas
utilizando a sintaxe heredoc.
EOD;
/* Exemplo mais complexo, com variáveis */
class foo
{
 var $foo;
 var $bar;
 function foo()
 {
 $this->foo = 'Foo';
 $this->bar = array('Bar1', 'Bar2', 'Bar3');
 }
}
$foo = new foo();
$name = 'Meu nome';
echo <<<EOT
Meu nome é "$name". Eu estou imprimindo $foo->foo.
Agora, eu estou imprimindo {$foo->bar[1]}.
Isto deve imprimir um 'A' maiúsculo: \x41
http://pt.wikibooks.org/wiki/Aplicativos_em_PHP
Aplicativos em PHP (WikiBooks - democratizando o conhecimento) - Página 125/475
EOT;
?>
- VARIÁVEIS
Em PHP as variáveis são iniciadas por um sinal de dólar $.
Variáveis Predefinidas
São as que já vêm definidas no próprio PHP. A função phpinfo() mostra também estas variáveis.
Com o PHP 4.2 o valor default da diretiva register_globals passou a ser off. Com isso as variáveis 
passaram a ser acessadas de forma diferente e muitos scripts deixaram de funcionar quanto tiveram 
o PHP atualizado e outros novos scripts não funcionaram devido esperar uma semelhante a 
anteerior.
On Off
$DOCUMENT_ROOT $_SERVER['DOCUMENT_ROOT'];
$HOME $_ENV['HOME'];
$GLOBALS
$_SERVER
$_GET
$_POST
$_REQUEST
$_SESSION
Obs.: Agora, como o default do PHP é register_globals = Off, faz-se necessário usar 
$_POST['nomecampo'], para receber o valor de um campo de form em script PHP.
Escopo de Variáveis
O escopo de uma variável é o contexto onde ela foi definida e geralmente o escopo é local.
$a = 1;
include ("teste.php");
// $a estará disponível, será vista por teste.php, pois foi definida antes. 
include ("teste.php");
$a = 1;
// Aqui, como $a foi definida após a inclusão, não será visto pelo teste.php
http://pt.wikibooks.org/wiki/Aplicativos_em_PHP
Aplicativos em PHP (WikiBooks - democratizando o conhecimento) - Página 126/475
Escopo de variáveis em funções
A palavra-chave global pode preceder uma variável para tornar seu escopo global, como também 
$GLOBALS[].
Exemplos:
<?php
$a = 1; /* escopo global */
function Teste(){
 echo $a; /* referencia uma variável do escopo local (não definida) */
}
Teste();
?>
<?php
$a = 1; /* escopo global */
function Teste(){
 global $a;
 echo $a; /* referencia a variável do escopo global */
}
Teste();
?>
Usando $GLOBALS no lugar de global
<?php
$a = 1;
$b = 2;
function Soma(){
 $GLOBALS["b"] = $GLOBALS["a"] + $GLOBALS["b"];
}
Soma();
echo $b;
?>
Utilizando Variáveis Estáticas
Variáveis estáticas guardam o valor de variáveis entre execuções de funções.
Ao fechar o programa, ao fechar ou atualizar o browser, o valor da variável se perde.
Exemplos
<?php
http://pt.wikibooks.org/wiki/Aplicativos_em_PHP
Aplicativos em PHP (WikiBooks - democratizando o conhecimento) - Página 127/475
function Teste (){
 $a = 0;
 echo $a;
 $a++;
}
for ($x=1;$x<10;$x++){
 Teste();
}
echo "<br><br>";
function Teste2(){
 static $a = 0;
 echo $a;
 $a++;
}
for ($x=1;$x<10;$x++){
 Teste2();
}
echo "<br><br>";
// Função recursiva
function Teste3()
{
 static $count = 0;
 $count++;
 echo $count;
 if ($count < 10) {
 Teste3 ();
 }
 $count--;
}
for ($x=1;$x<5;$x++){
 Teste3();
 if ($x < 4) echo " - ";
}
echo "<br><br>";
//Declarando variáveis static
function foo(){
 static $int = 0; // correro
 //static $int = 1+2; // errado (é uma expressão)
 //static $int = sqrt(121); // wrong (é uma expressão também)
 $int++;
 echo $int;
}
foo();
 
?>
http://pt.wikibooks.org/wiki/Aplicativos_em_PHP
Aplicativos em PHP (WikiBooks - democratizando o conhecimento) - Página 128/475
Variáveis Variáveis
São variáveis cujos nomes podem ser criados dinamicamente.
Variável comun -> $variavel;
Variável variável -> $$variavelvariavel;
Ela torna o valor de uma variável e o trata como se fosse o nome de uma variável.
Obs.: variáveis variáveis não podem ser utilizadas com os arrays superglobais.
Determiando o Tipo das Variáveis
gettype
is_array, is_float, is_int,