A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
Arcos UEL

Pré-visualização | Página 2 de 3

apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
10 
Onde a mediatriz (m) cortar o segmento AB ou o seu prolongamento, teremos o 
ponto O3. Centre a ponta seca do compasso no centro O1 e trace uma 
circunferência de raio R1. Depois, centre a ponta seca do compasso no centro 
O2 e trace outra circunferência de raio R1. Ligue o centro O3 ao centro O1 e 
prolongue até cruzar com a circunferência de centro O1, obtendo o ponto D. 
 
Centre o compasso no centro O3 e com abertura O3D ou O3A trace um arco que 
começa no ponto D e termina no ponto A. O arco botante é definido pelos 
pontos C, D e A. 
 
 
8. CONSTRUIR UM ARCO "TUDOR" SENDO DADO O VÃO. 
Trace o segmento AB (vão). Em seguida, trace duas retas perpendiculares ao 
segmento AB pelos pontos A e B. Depois, divida o segmento AB em três partes 
iguais utilizando o processo de divisão de segmentos e marque os centros O3 e 
O1. 
 
Desenho, Geometria e Arquitetura On-Line 
www.mat.uel.br/geometrica 
 
 
Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
11 
 
Construa na parte do meio da divisão um quadrado de lado igual à medida de 
1/3 do vão, ou seja, O1O3 e marque os outros dois centros O2 e O4. Trace as 
duas diagonais do quadrado e prolongue-as para cima. Centre a ponta seca do 
compasso em O2 e com abertura igual a O2 1 trace o arco 1-3. 
 
Com a ponta seca do compasso no centro O1 e abertura O1B trace o arco B1. 
 
Repita o mesmo procedimento, só que agora do lado esquerdo da mediatriz de 
AB. Centre o compasso no centro O3 e com abertura igual à O3A trace o arco 
A2. 
 
 
Desenho, Geometria e Arquitetura On-Line 
www.mat.uel.br/geometrica 
 
 
Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
12 
 
Centre o compasso no centro O4 e com abertura O4_2 trace o arco 2-3. O arco 
tudor é formado pelos arcos B132A. 
 
9. CONSTRUIR UM ARCO OTOMANO SENDO DADO O VÃO 
Trace o segmento AB (vão). Em seguida, trace duas retas perpendiculares ao 
segmento AB pelos pontos A e B. Divida o segmento AB em seis partes iguais. 
Marque na segunda e quarta divisão os pontos D e E, respectivamente. 
 
Trace uma reta pelo ponto D que forme com o segmento AB um ângulo de 60°. 
Em seguida, trace outra reta pelo ponto E que forme com o segmento AB o 
mesmo ângulo. 
 
 
Desenho, Geometria e Arquitetura On-Line 
www.mat.uel.br/geometrica 
 
 
Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
13 
 
As retas se encontram no ponto C que está na mediatriz do segmento AB. Com 
o centro do compasso no ponto D e com abertura igual à DA trace o arco A1. 
Depois, com o centro do compasso no ponto E, e com abertura igual à EB trace 
o arco B2. Trace pelos pontos 1 e 2 retas perpendiculares à D1 e E2 
respectivamente. 
 
 
O arco otomano é formado pelos arcos B2P1A. 
 
 
 
 
Desenho, Geometria e Arquitetura On-Line 
www.mat.uel.br/geometrica 
 
 
Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
14 
10. CONSTRUIR UM ARCO MOURISCO SENDO DADO O VÃO 
Trace o segmento AB (vão) e em seguida duas retas perpendiculares ao 
segmento AB pelos pontos A e B. Prolongue para cima as duas perpendiculares 
e trace pelos pontos A e B duas retas que formam com AB um ângulo igual a 
30°. Marque os pontos C e D no cruzamento dessas duas retas com as duas 
perpendiculares. Coloque a ponta seca do compasso no ponto C e com abertura 
igual à CD, trace um arco que corte a perpendicular que passa pelo ponto A. 
Em seguida, coloque a ponta seca do compasso no ponto D e com abertura 
igual à DC trace um arco que corte a perpendicular que passa pelo ponto B. 
 
Coloque a ponta seca do compasso no ponto C e com abertura igual à CD, trace 
um arco que corte a perpendicular que passa pelo ponto A. Em seguida, 
coloque a ponta seca do compasso no ponto D e com abertura igual à DC trace 
um arco que corte a perpendicular que passa pelo ponto B. 
 
11. CONSTRUIR UM ARCO FERRADURA SENDO DADO O VÃO 
Trace o segmento AB (vão) e em seguida duas retas perpendiculares ao 
segmento AB pelos pontos A e B. Trace a mediatriz do segmento AB 
encontrando o ponto médio M. Coloque a ponta seca do compasso no ponto M e 
com abertura igual a MB trace o arco AOB encontrando o ponto O no 
cruzamento do arco com a mediatriz. Em seguida, coloque a ponta seca do 
compasso no ponto O e com abertura igual à OM trace um arco que corte o arco 
anterior nos pontos P e Q. 
 
 
Desenho, Geometria e Arquitetura On-Line 
www.mat.uel.br/geometrica 
 
 
Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
15 
 
O arco ferradura é determinado pelos pontos APQB em vermelho. 
 
12. CONSTRUIR UM ARCO TRILOBULADO SENDO DADO O VÃO 
Trace o segmento AB (vão) e em seguida duas retas perpendiculares ao 
segmento AB pelos pontos A e B. Em seguida, divida o segmento AB em quatro 
partes iguais encontrando os pontos C, D e E. Trace a mediatriz do segmento 
AB. 
 
Centre a ponta seca do compasso no ponto C, e com abertura igual a CA trace o 
arco AD. Coloque a ponta seca do compasso no ponto E, e com abertura igual à 
EB trace o arco DB. Coloque a ponta seca do compasso no ponto D, e com 
abertura igual à DE, trace o arco CE encontrando o ponto F onde o arco corta a 
mediatriz do segmento AB. Coloque a ponta seca do compasso no ponto F e 
 
Desenho, Geometria e Arquitetura On-Line 
www.mat.uel.br/geometrica 
 
 
Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
16 
com abertura igual à FD, trace um arco que corta os arcos AD e DB nos pontos 
G e H. O arco trilobado é definido pelos pontos A, G, H e B. 
 
13. CONSTRUIR UM ARCO CAPAZ SENDO DADOS O ÂNGULO E O 
VÃO 
Trace o segmento AB (vão) e em seguida duas retas perpendiculares ao 
segmento AB pelos pontos A e B. Construa o ângulo dado (65°) com vértice no 
ponto A ou B. Trace a mediatriz do segmento AB. 
 
Construa novamente o ângulo dado na extremidade A ou B, porém, para o lado 
de baixo do segmento AB. Em seguida, trace uma reta perpendicular ao lado do 
ângulo e passando pelo ponto B, encontrando assim, o ponto O onde a 
perpendicular cortar a mediatriz. Centre o compasso no ponto O e com abertura 
igual à OB ou OA trace o arco capaz do ângulo de 65°. Veja na figura abaixo 
que foi escolhido, aleatoriamente, um ponto C do arco e dele partem duas 
semi-retas que passam pelos pontos A e B formando assim, um ângulo ACB 
igual a 65°. 
 
 
Desenho, Geometria e Arquitetura On-Line 
www.mat.uel.br/geometrica 
 
 
Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta definições e generalidades sobre retas 
em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1a. 2005 
 
 
 
 
17 
Veja na figura abaixo que o ponto C do arco que é o vértice do ângulo ACB foi 
deslocado para a esquerda. Verifique que o ângulo permanece de igual valor 
(65°). Conclui-se então, que este arco capaz é o lugar geométrico dos pontos 
que enxergam o segmento AB sob um ângulo de 65°. 
 
 
BIBLIOGRAFIA 
BRAGA, Theodoro. Desenho Linear Geométrico. São Paulo : Ícone. 13° ed. 230 p. 
MELLO E CUNHA, G. N. de. Curso de Desenho Geométrico e Elementar. São Paulo: 
Livraria Francisco Alves, 460p, 1951. 
RIVERA, Félix ; NEVES, Juarenze; GONÇALVES, Dinei (1986). Traçados em Desenho 
Geométrico. Rio Grande: editora da Furg, 389 p.