A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
230 pág.
Assédio Moral no Local de Trabalho - Estudo FGV

Pré-visualização | Página 2 de 50

_________________________________________________ 63 
1.1 Incidência ____________________________________________________________________ 63 
1.2 Sobre a duração ________________________________________________________________ 67 
1.3 Evolução de uma situação de assédio moral no trabalho _________________________________ 68 
1.4 Sobre as táticas usadas ___________________________________________________________ 71 
1.5 Sobre a lei do silêncio ___________________________________________________________ 76 
1.6 Sobre a reação das vítimas ________________________________________________________ 78 
2 Causas do assédio moral _____________________________________________________ 80 
3 Conseqüências do assédio moral ______________________________________________ 90 
3.1 Vítimas ______________________________________________________________________ 90 
3.2 Conseqüências para as testemunhas ________________________________________________ 99 
3.3 Conseqüências para as organizações _______________________________________________ 100 
4 Perfil da vítima ___________________________________________________________ 103 
4.1 Gênero ______________________________________________________________________ 104 
4.2 Idade _______________________________________________________________________ 111 
4.3 Setor ________________________________________________________________________ 113 
4.4 Tamanho da empresa ___________________________________________________________ 117 
5 Direções do assédio moral ___________________________________________________ 118 
6 Perfil do agressor __________________________________________________________ 124 
7 Custos do assédio moral ____________________________________________________ 127 
PARTE III – AS PESQUISAS FEITAS NO MUNDO ___________________________ 135 
1. Panorama geográfico _____________________________________________________ 135 
1.1 Europa ______________________________________________________________________ 135 
1.2 Austrália ____________________________________________________________________ 142 
1.3 Estados Unidos _______________________________________________________________ 143 
 x
1.4 Japão _______________________________________________________________________ 145 
1.5 África do Sul _________________________________________________________________ 146 
1.6 América Latina (exceto Brasil) ___________________________________________________ 146 
2 Estudos no Brasil __________________________________________________________ 150 
PARTE IV - MECANISMOS DE COMBATE E PREVENÇÃO ___________________ 166 
1 Sobre a prevenção _________________________________________________________ 166 
2 Combate _________________________________________________________________ 172 
2.1 Legislação ___________________________________________________________________ 172 
2.2 Sindicatos ___________________________________________________________________ 181 
2.3 Organizações _________________________________________________________________ 183 
2.4 Indivíduos ___________________________________________________________________ 189 
CONCLUSÃO ___________________________________________________________ 192 
 
 
 xi
LISTA DE FIGURAS 
 
 
Figura-1 Estrutura da dissertação ____________________________________________ 25 
Figura 2- Esquematização do aparecimento/crescimento das situações de assédio moral 41 
Figura 3- Fases de uma situação de assédio moral de acordo com Leymann __________ 69 
Figura 4- Dois enfoques – macro e micro - para o enfrentamento do assédio _________ 188 
 
 xii
LISTA DE TABELAS 
 
 
Tabela 1- Algumas definições de assédio moral __________________________________ 56 
Tabela 2- Comparação dos resultados dos estudos sobre incidência de assédio moral ___ 65 
Tabela 3- Táticas de assédio moral ____________________________________________ 74 
Tabela 4- Táticas de assédio moral ____________________________________________ 75 
Tabela 5- Aspectos relacionados à cultura e clima organizacional __________________ 83 
Tabela 6- Aspectos relacionados ao comportamento dos líderes _____________________ 85 
Tabela 7- Fatores ligados à organização do trabalho _____________________________ 86 
Tabela 8- Fatores ligados às mudanças dentro das organizações ____________________ 87 
Tabela 9- Efeitos sobre a saúde mental das vítimas _______________________________ 95 
Tabela 10- Gênero das vítimas de assédio moral ________________________________ 105 
Tabela 11- Direções do assédio moral ________________________________________ 122 
Tabela 12- Efeitos organizacionais das situações de assédio moral _________________ 129 
Tabela 13- Custos organizacionais de uma situação de assédio moral no Reino Unido _ 132 
Tabela 14- Exemplos de legislações sobre assédio moral _________________________ 176 
 
 xiii 
LISTA DE GRÁFICOS 
 
 
Gráfico 1- Matriz de influência dos estudos sobre assédio moral ____________________ 49 
Gráfico 2- Estratégia usada para enfrentar uma situação de assédio moral ___________ 79 
Gráfico 3- Causas e conseqüências de assédio moral segundo Zapf, 1999 ___________ 101 
Gráfico 4- Causas e conseqüências de assédio moral ____________________________ 102 
Gráfico 5 - Gênero dos agressores e das vítimas segundo Namie, 2003 ______________ 107 
Gráfico 6- Incidência de assédio moral por sexo e país na Europa _________________ 108 
Gráfico 7- Incidência de assédio moral por gênero e idade na Europa ______________ 112 
Gráfico 8- Percentual de trabalhadores assediados por segmento de atuação na Europa 115 
Gráfico-9 Diferenças entre vítimas e não-vítimas de assédio ______________________ 130 
Gráfico-10 Comparação de duas pesquisas sobre assédio moral conduzidas na Europa 142 
Gráfico 11- Medidas preventivas _____________________________________________ 171 
Gráfico 12- Variação na taxa de sindicalização entre 1992 e 2002 _________________ 182 
 
 
 xiv
LISTA DE ANEXOS 
 
 
Anexo 1- Lista de websites consultados _______________________________________ 226 
Anexo 2- Comparação entre metodologias e tamanhos da amostra _________________ 227 
Anexo 3- Questões do Inventário LIPT- desenvolvido por Leymann ________________ 228 
 
 
 15
INTRODUÇÃO 
 
 
Pensar. Eis um verbo reflexivo. 
Millôr Fernandes 
 
 
Inúmeros autores já escreveram sobre a importância do trabalho na vida das pessoas, Wallace 
(1995), por exemplo, diz que as pessoas extraem boa parte do significado de quem são de sua 
experiência profissional. Para Barreto (2000) o sentido do trabalho é símbolo e fonte de toda 
propriedade e dignidade humana. Hirigoyen (2001) diz que o trabalho ocupa um lugar central 
na estruturação da identidade, é onde afirmamos nossas competências e onde realizamos 
nossos projetos de vida e sonhos. Segundo Pellegrino (1983), o trabalho é o elemento 
mediador fundamental através do qual nos inserimos no circuito e intercâmbio social, e por 
meio do qual nos tornamos – de fato e de direito – sócios plenos da sociedade humana. Diz 
ainda que trabalhar é inserir-se no tecido social, aceitando a ordem simbólica que o constitui. 
Trabalhar é disciplinar-se, é abrir mão da onipotência e da arrogância primitivas, é poder 
assumir os valores da cultura com a qual, pelo trabalho, nos articulamos organicamente. Para 
Dejours (2001) a identidade raramente é produto de nós-mesmos, pois nós precisamos de sua 
confirmação através do olhar do outro. Grenier-Peze (2005) lembra que em contrapartida à 
sua contribuição para a organização o sujeito espera uma retribuição, não só o salário, mas 
também um reconhecimento. 
 
Portanto, é através do trabalho que nos reconhecemos, que descobrimos nossas 
potencialidades, que aprendemos sobre os “outros”, que amadurecemos com a valorização 
perante os pares, que reforçamos a nossa dignidade e temos a garantia de inserção no círculo 
social. Isto fica