DIREITO COMERCIAL EXERCICIOS 550 QUESTOES RESPONDIDAS
90 pág.

DIREITO COMERCIAL EXERCICIOS 550 QUESTOES RESPONDIDAS


DisciplinaDireito Administrativo I66.600 materiais1.164.638 seguidores
Pré-visualização43 páginas
que com eles fica habilitado a negociar a mercadoria depositada junto à emitente, passando a circular os títulos, ao invés da mercadoria por eles representada - Dá-se a esses títulos o nome de 
A) Letras de Câmbio. 
B) Duplicatas de Circulação. 
C) Conhecimentos de Depósito. 
D) Cédulas de Crédito Comercial. 
     
06 Entende-se por fusão, o ato pelo qual 
A) uma sociedade incorpora outra, assumindo seu ativo e seu passivo, sem que haja modificação em termos de razão social e composição do capital da incorporadora e da incorporada. 
B) duas sociedades dão origem a uma terceira, hipótese em que as duas primeiras deixam de existir e a nova assume os ativos e os passivos de ambas. 
C) parte do capital de uma sociedade é destacado e vendido a outra sociedade que, assim, torna-se sucessora de parte das obrigações da primeira, sem, contudo, interferir na sua continuidade e na sua administração. 
D) uma sociedade adquire o controle de outra so- ciedade, mediante a aquisição paulatina de suas ações no mercado de balcão, passando a deter o controle da primeira, de modo a assumir sua administração, incorporando-a, a seguir, ao seu grupo econômico, ou, simplesmente, extinguindo-a e assumindo seu ativo e passivo. 
     
07 O endosso produz, em regra, dois efeitos: 
A) transfere a titularidade do crédito e interrompe o prazo prescricional para a sua cobrança. 
B) transforma o título em ''ao portador'' e suspende o prazo prescricional para a sua cobrança. 
C) transfere a titularidade do crédito e vincula o endossante ao pagamento do título, na qualidade de co-obrigado. 
D) transfere a titularidade do título e vincula o endossatário ao pagamento do crédito, na qualidade de co-obrigado. 
     
08 Determinada financeira celebra com uma sociedade um contrato de abertura de crédito com alienação fiduciária em garantia de um automóvel. Dois meses depois, a sociedade tem sua falência decretada e o automóvel é arrecadado. À financeira cabe o direito de 
A) habilitar seu crédito como quirografário, uma vez que a falência implica no vencimento antecipado do contrato. 
B) habilitar seu crédito como preferencial, pois tem garantia real do próprio veículo. 
C) propor ação de busca e apreensão, pois a falência não interfere no contrato, a não ser para caracterizar o seu vencimento antecipado. 
D) formular pedido de restituição do bem. 
     
09 Durante a concordata preventiva, o concordatário 
A) perde a administração de seus bens, que será exercida pelo juiz da concordata, com o auxílio do comissário. 
B) perde a administração de seus bens, que será exercida pelo comissário. 
C) perde a administração de seus bens, que será exercida pelo conjunto de credores. 
D) pode praticar livremente quaisquer atos de administração de seus bens, com exceção da alienação de imóveis e constituição de garantias reais, sofrendo no mais a fiscalização do comissário. 
     
10 A sociedade anônima 
A) tem sempre natureza mercantil, seja qual for o seu objeto social. 
B) pode ter natureza civil ou mercantil, conforme o seu objeto social. 
C) tem sempre natureza civil, seja qual for o seu objeto social. 
D) tem natureza híbrida, civil e mercantil, seja qual for o seu objeto social. 
RESPOSTAS
Questão 1 alternativa A 
Questão 2 alternativa C 
Questão 3 alternativa B 
Questão 4 alternativa A 
Questão 5 alternativa C 
Questão 6 alternativa B 
Questão 7 alternativa C 
Questão 8 alternativa D 
Questão 9 alternativa D 
Questão 10 alternativa A 
Direito Comercial 19
01 Caracteriza-se a Fiança Mercantil quando o 
A) afiançado seja comerciante e a obrigação afiançada derive de causa comercial, embora o fiador não seja comerciante. 
B) fiador seja comerciante e a obrigação afiançada derive de causa comercial, embora o afiançado não seja comerciante. 
C) afiançado seja civil e a obrigação afiançada derive de causa comercial, embora o fiador não seja comerciante. 
D) fiador seja civil e a obrigação afiançada derive de causa comercial, embora o afiançado não seja comerciante. 
     
02 O mandato mercantil dá-se quando 
A) um comerciante ou um civil confiam a um comerciante a gestão de um ou mais negócios mercantis, obrando o mandatário e obrigando-se em nome do comitente. 
B) um comerciante confia a outrem a gestão de um ou mais negócios mercantis, obrando o mandatário e obrigando-se em nome do comitente. 
C) um civil confia a um comerciante a gestão de um ou mais negócios, obrigando-se o mandatário em nome do comitente. 
D) um comerciante confia a um civil a gestão de um ou mais negócios civis ou mercantis, obrigando o mandatário em nome do mandante. 
     
03 Se o portador não tirar o protesto da duplicata em forma regular e dentro do prazo de 30 dias contados da data de seu vencimento, perderá o direito de regresso contra 
A) os endossantes e os avalistas. 
B) o sacador e o sacado. 
C) o sacado e seu fiador. 
D) o cedente da duplicata. 
     
04 O que é arribada forçada? 
A) Quando um navio entra, por necessidade, em algum porto ou lugar distinto dos determinados na viagem a que se propusera. 
B) Quando um navio, em alto mar, por necessidade, se desfaz de toda a sua carga. 
C) Quando um navio entra, por engano, em algum porto ou lugar distinto dos determinados na viagem a que se propusera. 
D) É o dano acontecido ao navio ou a sua carga, desde o embarque e partida até a sua volta e desembarque. 
     
05 Assinale os endossos nulos no cheque: 
A) os endossos feitos aos emitentes ou a outro obrigado. 
B) o endosso parcial e o endosso do sacado. 
C) os endossos lançados no cheque ou em folha de alongamento e assinados pelos endossantes ou seus mandatários, com poderes especiais. 
D) os endossos feitos em cheques sem cláusula expressa à ordem. 
     
06 A Companhia ou Sociedade Anônima se extingue 
A) quando provado que não pode preencher o seu fim, em ação proposta por acionistas que representem 5% (cinco por cento) ou mais do capital social. 
B) pelo término do prazo de sua duração. 
C) em caso de falência, na forma prevista na respectiva lei. 
D) pela incorporação ou fusão e pela cisão com versão de todo o patrimônio em outras sociedades. 
     
07 A constituição de Companhia por subscrição pública depende 
A) de prévio registro da emissão no Banco Central do Brasil e na Bolsa de Valores. 
B) de prévio registro da emissão na Bolsa de Valores, na Comissão de Valores e na Comissão de Valores Mobiliários. 
C) de prévio registro da emissão na Comissão de Valores Mobiliários e a subscrição somente poderá ser efetivada com a intermediação de instituição financeira. 
D) de prévio registro de emissão no Banco Central do Brasil e a subscrição somente poderá ser efetuada por Corretora de Valores Mobiliários. 
     
08 Firmado contrato de abertura de crédito com alienação fiduciária em garantia, uma vez não pagas uma ou mais prestações e depois de lavrado o competente instrumento de protesto, poderá o credor propor 
A) ação de depósito, uma vez que o devedor é mero depositário do bem. 
B) medida cautelar de busca e apreensão, visando à imediata recuperação do bem alienado fiduciariamente e, em seguida, a ação principal de cobrança do crédito. 
C) ação de reintegração de posse do bem alienado fiduciariamente. 
D) ação de busca e apreensão do bem alienado fiduciariamente, com pedido de concessão liminar da medida. 
     
09 Uma sociedade comercial por quotas de responsabilidade limitada 
A) jamais pode adquirir quotas da própria sociedade porque seria absurdo tornar-se sócia dela mesma. 
B) poderá adquirir, sempre que o sócio gerente entender interessante ao objeto social, quotas da própria sociedade, tornando-se quotista de si mesma. 
C) poderá adquirir quotas da própria sociedade, desde que haja consenso de todos os quotistas e que o faça com recursos disponíveis ou reservas livres. 
D) somente poderá adquirir quotas da própria so- ciedade se os sócios aprovarem sua extinção, hipótese em que isso ocorreria
Maria Gabriela
Maria Gabriela fez um comentário
V V C
1 aprovações
Carregar mais