cap_9_metais
8 pág.

cap_9_metais


DisciplinaMateriais Naturais e Artificiais323 materiais592 seguidores
Pré-visualização3 páginas
A aplicação de tinta eletrostática (líquida ou em pó) é feita automaticamente por meio de pistolas 
especiais em cabines de pintura. No processo de pintura eletrostática, é gerada uma elevada diferença 
de potencial (cerca de 100.000 Volts) entre as partículas pulverizadas da tinta e o objeto a ser pintado 
As partículas são atraídas pela superfície, produzindo uma cobertura uniforme, sem falhas e com 
economia de tinta. O processo termina com a polimerização (cura ou secagem) das tintas utilizadas. 
Materiais Naturais e Artificiais 
 
 
7 | P á g i n a 
MPBCastro 
Metais sanitários 
São componentes de instalações hidrosanitárias, envolvendo: torneiras, registros, válvulas de 
descarga, misturadores de água quente e fria e produtos complementares (sifões, válvulas de 
escoamento, etc.) 
Podem ser constituídos por diferentes matérias-primas e componentes, especificados em função das 
suas propriedades exigidas, por exemplo, resistência à corrosão, estanqueidade, acabamento 
superficial, etc. 
A fabricação dos metais sanitários envolve os processos de geração de componentes, usinagem ou 
estampagem, acabamento superficial, montagem, testes e embalagem 
Produtos do aço galvanizado 
O processo de galvanização associado com os produtos utilizados na construção civil é normalmente 
realizado pelo processo contínuo de imersão a quente (galvanização a quente) 
Neste processo, um substrato de aço (chapa ou bobina) é revestido em ambos os lados através da sua 
imersão contínua em um banho de zinco fundido 
As chapas ou bobinas galvanizadas são fornecidas, por exemplo, em espessuras entre 0,3mm a 2,7mm 
e larguras entre 700mm a 1534mm 
 
Materiais Naturais e Artificiais 
 
 
8 | P á g i n a 
MPBCastro 
QUADRO RESUMO - TIPOS E APLICAÇÕES DE MATERIAIS METÁLICOS 
Tipos Aplicações 
Aço Aços 
carbono 
comum 
Arames recozidos, telas de gabiões, telas soldadas (para cercamentos e 
alambrados), chapas lisas ou corrugadas (para revestimento de pisos e paredes), 
tubos para encanamentos e seus acessórios, painéis de andaimes, telhas e 
tapamentos laterais, painéis (arquitetônicos e termo-acústicos), forros, esquadrias 
e seus acessórios, calhas, rufos, condutores verticais de águas pluviais e 
eletrocalhas; 
Aços 
inoxidáveis 
Elemento decorativo de fachadas (revestimento de superfícies com chapas com 
acabamento espelhado, lixado, escovado ou colorido), elemento decorativo de 
interiores (corrimãos , divisórias, revestimento interno de elevadores, etc.), 
mobiliário urbano (sinalização, bancos, abrigos, lixeiras, etc.), caixas d'água, cubas, 
revestimento de pias, válvulas, metais sanitários, coifas, ralos, etc. 
Ferro fundido Tampões de pista de rolamento e de calçada (para visitas em redes de água, esgoto, 
telefonia e elétrica), grelhas para águas pluviais, grades decorativas, tubos para 
redes de água e seus acessórios (válvulas, conexões, etc.), ralos, caixas de correio, 
etc 
Alumínio e suas ligas Extrudados \u2013 destinados à fabricação de esquadrias (portas e janelas), forros, 
divisórias, acessórios para banheiros, estruturas pré-fabricadas e elementos 
decorativos de acabamento 
Chapas e laminados \u2013 destinados à produção de telhas e elementos de fachada; 
Transmissão de energia elétrica e ponteiras de pára-raios; 
Elementos de ligação, revestimentos impermeabilizantes, ferragens de esquadrias, 
elemento de remates (cantoneiras e tiras) e componente de tintas. 
Cobre e suas ligas Cobre e alta pureza: Fios e cabos para condução de energia elétrica. O mais comum 
é o uso do cobre cobre eletrolítico (EMR) 
Ligas de cobre (principalmente latões e bronzes): Fabricação de tubulações (para 
condução de água potável, gás, água quente e água fria) e de suas conexões 
rosqueáveis e soldáveis; Componentes de sistemas de combate a incêndio 
(hidrantes, sprinklers) e de sistemas de aquecimentos (solares, a gás e elétricos); 
Confecção total ou parcial de ferragens para esquadrias (fechos, puxadores, 
fechaduras, dobradiças, etc.) e de metais sanitários (válvulas, torneiras e 
acessórios) 
Zinco e suas ligas Galvanização de produtos siderúrgicos (aço carbono comum): Telhas, chapas lisas 
ou onduladas, arames, telas comuns ou soldadas, tubos para encanamentos e seus 
acessórios, elementos de ligação (pregos, parafusos e seus complementos e 
rebites), calhas, rufos, condutores verticais de águas pluviais e eletrocalhas. 
As ligas à base de zinco são utilizadas principalmente em: Componentes fundidos 
de ferragens para esquadrias; Pigmento em tintas (zinco na forma de óxido); 
Componente de outras ligas metálicas, como das ligas de cobre- zinco (latões).