A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
av1 Ètica na Saúde

Pré-visualização | Página 1 de 1

Fechar
	Avaliação: SDE0083_AV1_201301653594 » ÉTICA NA SAÚDE
	Tipo de Avaliação: AV1
	Aluno: 201301653594 - RAYANNE DE OLIVEIRA DE ANDRADE
	Professor:
	MICHEL SHPIELMAN
RAYMUNDO DE OLIVEIRA REIS NETO
	Turma: 9047/HF
	Nota da Prova: 7,5 de 8,0         Nota do Trab.: 0        Nota de Partic.: 0,5        Data: 14/10/2015 11:19:14
	
	 1a Questão (Ref.: 201302396532)
	Pontos: 0,0  / 0,5
	De acordo com os modelos éticos do povo grego, qual a visão de mundo para Sócrates?
		
	 
	O saber e a prudência não seriam essenciais para o entendimento da ética, pois não iriam influenciar o homem, de que modo ele deveria viver, conseguindo a felicidade.
	
	O não Entendimento do avanço da ética como elaboração de um método, que levasse os diversos cidadãos a uma vida virtuosa.
	
	Nenhuma das respostas anteriores.
	
	Utiliza o vocábulo éthos para situar a condição do homem ¿como aquela que necessita de um lugar¿ ou ¿morada¿, definindo um ¿modo de estar¿ no mundo.
	 
	Acreditar na estabilidade das leis, dos princípios verdadeiros e universais das normas, conferindo a elas um valor intrínseco.
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201302402491)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	I ¿ A Ética Medieval aceita que uma pessoa que não crê em Deus possa agir de maneira ética. II ¿ A Teodicéia diz que o mal tem origem em Deus. III ¿ A Ética Medieval é totalmente fundamentada na razão.
		
	 
	(b) Todas são falsas.
	
	(e) II e III são verdadeiras.
	
	(a) Todas são corretas.
	
	(c) I e II são verdadeiras.
	
	(d) I e III são verdadeiras.
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201302447482)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Um conceito que NÃO se aplica à bioética seria:
		
	
	A Bioética é um capítulo da ética. Trata-se de pensar eticamente os novos problemas humanos dos últimos cinquenta anos a luz das teorias éticas de hoje com apoio na experiência ética da história
	
	A bioética cuida da vida. Sendo a ética da vida, cuida especialmente da vida fragilizada
	
	A bioética é o cuidado das forças de vida em seu ambiente.
	
	Trata-se da vida e do ambiente cada vez mais dominados pela ciência, pela biotecnologia e explorados pelas políticas consumistas.
	 
	A bioética inclui apenas preocupações morais com os seres humanos.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201301769470)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	O termo "Bioética", foi utilizado pela primeira vez em 1971, no livro "Bioética: Ponte para o Futuro", do biólogo e oncologista americano Van R. Potter. Elaborado como um neologismo construído a partir das palavras gregas bios (vida) + ethos (relativo à ética) é normalmente compreendido como um campo disciplinar compromissado com o conflito moral na área da saúde e da doença dos seres humanos e dos animais não-humanos. Seu principal objetivo é deslocar a discussão acerca dos novos problemas impostos pelo desenvolvimento tecnológico, de um viés mais tecnicista para:
		
	
	um caminho mais econômico.
	
	um caminho mais político;
	
	um caminho mais pautado pelo tecnicismo, continuando com a fusão entre os fatos explicáveis pela ciência e os valores éticos.
	 
	um caminho mais pautado pelo humanismo, superando a dicotomia entre os fatos explicáveis pela ciência e os valores éticos.
	
	um caminho menos pautado pelo humanismo, estacionando a dicotomia entre os fatos explicáveis pela ciência e os valores éticos.
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201301987500)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Dr. Alberto se recusou a fazer parte de uma pesquisa no Hospital Geral onde trabalha alegando o ¿Princípio da Precaução¿. O que realmente ele quis dizer alegando este princípio é:
		
	
	Que desconhecia todos os voluntários e temia encontrar alguns amigos na pesquisa.
	
	Que não estava disponível fora do horário de trabalho para as reuniões.
	
	Não estava sendo devidamente remunerado para isto.
	
	Que, por ser religioso, não poderia atuar aos sábados e domingos por precaução.
	 
	Que temia pela existência de um risco na pesquisa mesmo que não soubesse exatamente qual era. Ou seja, temia um risco desconhecido.
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201301987502)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Os riscos de uma pesquisa com seres humanos são analisados pelos CEP´s (Comitês de Ética) que tem como maior preocupação:
		
	
	Diminuir o tempo de espera no Sistema Único de Saúde (SUS).
	
	Evitar custos altos que onerem o órgão financiador.
	
	Conseguir um maior número de votos para elegerem reitores em universidades.
	 
	Evitar os riscos possíveis entre os participantes e voluntários ou resultados danosos a população.
	
	Manter as patentes de medicamentos com selo de genérico para baixar custos.
	
	
	 7a Questão (Ref.: 201301805007)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	No que tange ao tema de tranplantes de órgãos e tecidos, o princípio através do qual se preserva o direito do indivíduo em decidir qual a informação que quer manter em anonimato, denomina-se:
		
	
	Princípio da divisão
	
	Princípio de Castel
	
	Princípio da arguição
	 
	Princípio da confidencialidade
	
	Princípio da bondade
	
	
	 8a Questão (Ref.: 201301805005)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	O princípio que considera que o ato de doar órgãos inclui-se na possibilidade que os individuos têm de sacrificar sua individualidade em detrimento do bem da comunidade, desde que estas não impliquem comprometimento da vida pessoal, denomina-se:
		
	 
	Princípio da solidariedade
	
	Princípio da funcionalidade
	
	Princípio da causalidade
	
	Princípio de reação
	
	Princípio de efeito
	
	
	 9a Questão (Ref.: 201301805012)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Um casal homossexual feminino decidiu adotar uma criança, mas a burocracia com papéis e documentos foi tanta, além do preconceito enfrentado, que o casal optou pela reprodução assistida. Isso só foi possível porque:
		
	
	A reprodução assistida é um método que beneficia homens e mulheres apesar de não ser prevista em lei.
	
	A adoção no Brasil não contempla casais homossexuais e a burocracia visa dificultar sua entrada na lista nacional de adoção.
	 
	A legislação autoriza que mulheres utilizem sêmen doado para gestação independente da existência de vínculo familiar formal.
	
	Um casal homossexual feminino tem mais dificuldades com a adoção do que um casal homossexual masculino.
	
	As dificuldades da reprodução assistida são excludentes para casais homossexuais masculinos e femininos, conforme o Princípio da Diferenciação.
	
	
	 10a Questão (Ref.: 201301892318)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Um casal homoafetivo feminino decidiu que um bebê seria muito bem vindo à família, e para isso optou por reprodução assistida através de doação de sêmen. No Brasil, a legislação:
		
	
	Autoriza apenas a adoção para casais homoafetivos femininos e masculinos, excluindo qualquer tipo de técnica de reprodução assistida, mesmo que para mulheres independentes.
	 
	Autoriza que mulheres utilizem sêmen doado para gestação independente da existência de vínculo familiar formal.
	
	Autoriza somente famílias com união formal a se utilizarem de técnicas de reprodução assistida.
	
	Autoriza que mulheres com problemas para engravidar se utilizem de técnicas de reprodução assistida, o que não é o caso do casal em questão.
	
	Autoriza adoção apenas para casais homoafetivos masculinos e exclui a possibilidade de reprodução assistida para casais homoafetivos femininos, oque impede o casal em questão de ampliar a família.