Penal 3..alguem poderia me ajudar??
2 pág.

Penal 3..alguem poderia me ajudar??


Disciplina#penalespecial #4período12 materiais75 seguidores
Pré-visualização1 página
Aluno: TATIANE B. MARQUES
	Matrícula: 201402448201
	Disciplina: CCJ0110 - DIREITO PENAL III 
	Período Acad.: 2015.2 (G) / SM
	
Prezado (a) Aluno(a),
Lembre-se que este exercício é opcional, mas valerá ponto extra para sua avaliação AV3. Ele será composto de cinco questões de múltipla escolha. Após a finalização do exercício, você terá acesso ao gabarito.
Aproveite para se familiarizar com este modelo de questões que será usado na sua AV1, AV2 e AV3.
Atenção: você terá 120 minutos para realizar o exercício em cada disciplina!
	
	
		1.
		Assinale a opção correta acerca dos crimes contra a incolumidade pública:
		Quest.: 1
	
	
	
	
	os crimes de incêndio e explosão não admitem tentativa, pois consumam-se com a mera instalação da situação de perigo comum, iminente e concreto.
	
	
	se, dos crimes dolosos de incêndio, resultar lesão corporal de natureza grave ou morte, as penas serão, respectivamente, aumentadas da metade e aplicadas em dobro.
	
	
	os crimes de incêndio e explosão não admitem a modalidade culposa, pois não é possível verificar-se a existência de um crime de perigo na modalidade culposa.
	
	
	se, dos crimes culposos de incêndio, resultar lesão corporal de natureza grave ou morte, as penas serão, respectivamente, aumentadas da metade e aplicadas em dobro.
	
	
	os crimes de uso de gás tóxico ou asfixiante e de fabrico, fornecimento de explosivos, gás tóxico ou asfixiante admitem a modalidade culposa.
	
	
		2.
		A partir dos estudos sobre os Crimes contra o Estado de Filiação e contra a Assistência Familiar assinale a alternativa correta:
		Quest.: 2
	
	
	
	
	O crime de sonegação de estado de filiação somente se consuma se a vítima sofrer prejuízo em algum direito inerente ao estado civil.
	
	
	Quem registra como seu o filho de outra pessoa pode não ser punido.
	
	
	Quem promove registro de nascimento inexistente comete o crime de falsidade ideológica.
	
	
	Quem deixa de prover a subsistência de filho menor de 18 anos e de ascendente inválido responde por um único crime, aplicando-se o princípio da alternatividade.
	
	
		3.
		Artur, funcionário público, ao lançar os valores de uma obra licitada, é abordado por seu chefe que o faça com valores acima dos definidos para a compra do material e que não era para ele se preocupar, pois isto era normal, para cobrir qualquer eventualidade. Assim, mesmo Artur sabendo da falsidade, acata as ordens de seu superior. Sendo certo que a figura típica do art. 299, CP descreve a seguinte conduta: ¿Omitir, em documento público ou particular, declaração que dele devia constar, ou nele inserir ou fazer inserir declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, com o fim de prejudicar direito, criar obrigação ou alterar a verdade sobre fato juridicamente relevante: Pena - reclusão, de 1 (um) a 5 (cinco) anos, e multa, se o documento é público, e reclusão de 1 (um) a 3 (três) anos, e multa, se o documento é particular.)¿ é correto afirmar que a conduta de Artur:
		Quest.: 3
	
	
	
	
	será penalmente relevante e, portanto, punível, caso seu superior caso desvie o dinheiro, pois isto era previsível.
	
	
	não configura crime em razão de uma excludente de ilicitude.
	
	
	é atípica.
	
	
	configura o delito de falsificação.
	
	
	não configura crime em razão de uma excludente de culpabilidade.
	
	
		4.
		A partir dos estudos sobre os Crimes contra a Saúde Pública assinale a alternativa correta:
		Quest.: 4
	
	
	
	
	O exercício ilegal da medicina, arte dentária ou farmacêutica nunca poderá ser praticado por quem é médico;
	
	
	A consumação do charlatanismo exige a efetiva lesão a uma pessoa certa e determinada;
	
	
	O exercício ilegal da medicina, arte dentária ou farmacêutica é crime instantâneo;
	
	
	O charlatão é indivíduo sem conhecimento técnico acerca da medicina;
	
	
		5.
		Acerca dos crimes contra a família, assinale a alternativa correta:
		Quest.: 5
	
	
	
	
	O crime de abandono material resta caracterizado quando o agente deixa de pagar pensão alimentícia por não possuir recursos para manter a própria subsistência.
	
	
	Não há crime de bigamia quando uma pessoa judicialmente separada contrai novo casamento.
	
	
	No tocante à conduta ¿registrar como seu o filho de outrem¿ do art. 242, o prazo prescricional tem início com a consumação do crime.
	
	
	O delito de simulação de casamento é subsidiário em relação à violência sexual mediante fraude.