A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
A02Ferramentas

Pré-visualização | Página 1 de 2

UNATEC Sistema Operacional Proprietário 
Prof. Thiérs Hofman A02 - Ferramentas 
Introdução ao Microsoft Windows 
 
 
Exemplo de Edições do Windows Server 2008 
 Windows Server 2008, Foundation Edition 
 Windows Server 2008 Standard. 
 Windows Server 2008 Enterprise. 
 Windows Server 2008 Datacenter Edition. 
 Windows Web Server 2008. 
 Windows Server 2008 for Itanium-based Systems. 
 
Requisitos de instalação do Windows Server 2008 
Seguem abaixo os requisitos mínimos e recomendados para a instalação do Windows 
Server 2008: 
 
Memória RAM 
 Mínimo: 512 MB (para ambos os tipos de instalação: Server Core e Full). 
 Recomendado: 1 GB (para o tipo de instalação Full). 
 Configuração ótima: 2 GB ou superior (para o tipo de instalação Full) ou 1 GB 
(para o tipo de instalação Server Core). 
 Máximo (32-bit systems): 4GB (Standard) ou 64GB (Enterprise e Datacenter). 
 Máximo (64-bit systems): 32GB (Standard) ou 2TB (Enterprise, Datacenter e 
sistemas baseados em Itanium). 
 Domain Controller 
File Server 
Print Server 
DNS Server 
Application 
Server 
Terminal Server 
UNATEC Sistema Operacional Proprietário 
Prof. Thiérs Hofman A02 - Ferramentas 
Processador 
 Mínimo: 1 GHz (para o tipo de instalação Full). 
 Recomendado: 2 GHz (para o tipo de instalação Full). 
 Configuração ótima: 3 GHz ou superior (para o tipo de instalação Full). 
Disco rígido 
 Mínimo: 8 GB (para ambos os tipos de instalação: Server Core e Full). 
 Recomendado: 40 GB (para o tipo de instalação Full) ou 8 GB (para o tipo de 
instalação Server Core). 
 Performance: 80 GB (para o tipo de instalação Full) ou 40 GB ou mais (para o 
tipo de instalação Server Core). 
Unidades 
 Unidade de DVD-ROM. 
Vídeo 
 Super VGA (800 × 600) ou superior. 
Outros 
 Teclado e Microsoft Mouse ou dispositivo apontador compatível. 
Observação: 
Computadores com mais de 16 GB de memória RAM precisarão de mais 
espaço em disco para o arquivo de paginação, hibernação e arquivos de dump. 
 
Novidades do Windows Server 2008 
 
Desde o início, a Miicrosoft se preocupa com a integridade e confiabilidade do 
sistema. Assim, o Windows Server 2008 foi concebido usando as técnicas SDM 
(secure development model – modelo seguro de desenvolvimento), resultando a nova 
versão Server Core e o Web Server melhorado. 
 
Na versão Server Core, é possível instalar servidores com somente os componentes 
necessários à aquela função de serviço designada a esta máquina. Introduz a 
instalação e manutenção através de comandos. 
 
O Web Server recebeu a nova versão do IIS, onde é possível controlar tudo o que será 
executado e instalado no servidor. Apresenta melhor desempenho, novos conjuntos de 
API que interage com o núcleo do IIS, e as configurações podem ser feitas através de 
arquivos XML. 
 
No aspecto de conectividade, o Windows 2008 apresenta suporte simultâneo de IPv4 
e IPv6 nativos, sem interferências entre eles. Apresenta também a ferramenta 
RemoteAPP que permite acessar programas remotos através do Terminal Service 
como se fossem aplicativos instalados localmente na máquina cliente. Para tornar esta 
tarefa mais fácil, foi criado o TS Web Access, que é uma forma de publicar os 
programas do Terminal Service em uma página web onde os usuários podem acessar 
de qualquer lugar e executar o aplicativo. 
 
No quesito segurança, a Microsoft criou o BitLocker que além de criptografar todos 
os dados nos servidor embaralha os bits de uma unidade e as chaves são armazenadas 
em um dispositivo no sistema ou USB , que é inserido na inicialização. Impedindo 
assim que seja utilizado outros sistemas operacionais para acessar dados protegidos. 
 
Ainda sobre segurança, o Windows 2008 permite usar políticas de grupos (GPO) para 
prevenir instalações e usos indevidos de dispositivos USB. Além disto, o Firewall 
UNATEC Sistema Operacional Proprietário 
Prof. Thiérs Hofman A02 - Ferramentas 
ficou mais fácil de gerenciar e mais eficiente. Foi incluída a Proteção de Acesso à 
Rede (NAP) onde é possível definir políticas para que computadores clientes 
ingressem na rede. 
 
Com a introdução do Power Shell, o Windows 2008 ganha uma nova linguagem de 
script Shell de linha de comando, ajudando assim a obter maior desempenho e 
produtividade na administração do sistema. Nesta ferramenta é possível administrar 
praticamente todo o sistema e seus serviços. 
 
A virtualização de servidor está presente no Windows Server 2008 através da 
ferramenta Hyper-V, que permite consolidar em uma máquina várias funções de 
serviços através de máquinas virtuais. 
 
A Microsoft no introduziu no Windows Server 2008 a idéia de RODC (Read Only 
Domain Controller), que permite ter um controlador de domínio gravável e os demais 
somente leitura onde a segurança física dos servidores não é a mesma, ou seria 
comprometida. 
 
 
Configurando o Servidor Windows Server: Ferramenta MMC 
O Microsoft Management Console (MMC) é a ferramenta primária para gerenciar um 
ambiente Windows. O MMC apresenta uma padronizada e comum interface para uma 
ou mais aplicações que são usadas para configurar elementos do ambiente do 
servidor. Estas aplicações são chamadas de snap-ins. Os snap-ins são individualizados 
para tarefas específicas, e podem ser ordenados e agrupados de acordo com suas 
preferências administrativas. 
 
UNATEC Sistema Operacional Proprietário 
Prof. Thiérs Hofman A02 - Ferramentas 
A funcionalidade do MMC é bastante simples, possuí apenas poucos botões. Um 
MMC vazio apresenta somente um console raiz (console Root) do qual será incluido 
os componentes de aplicativos (snap-ins). 
 
Usando o MMC 
Cada MMC contém uma coleção de uma ou mais ferramentas (snap-ins), dos quais 
acrescentam específicas habilidades e funcionabilidades no gerenciamento. Você 
pode combinar um ou mais snap-ins, ou partes dos snap-ins, para criar consoles MMC 
personalizados. 
Stand-alone snap-ins: completo e individual console usado para uma única unidade 
específica. 
Extension snap-ins: combinado de vários stand-alone snap-ins usado para llllum ou 
vários unidades computacionais. 
Opções de Console 
As opções de console determinam como um console MMC opera nos termos de quais 
nódulos da árvore do console se abrirão, quais snap-ins poderão ser incluídos e quais 
janelas poderão ser criadas. 
Author Mode (Modo Autor): permite acesso total a todas as funcionalidades do MMC. 
Modos Usuário (User Modes): acesso as ferramentas administrativas salvas no perfil 
do usuário poderão ser delimitadas (acesso total, Limitado com múltiplas ou única 
janela) 
 Um console MMC salvo tem uma extensão *.MSC 
UNATEC Sistema Operacional Proprietário 
Prof. Thiérs Hofman A02 - Ferramentas 
 
Praticando: Construindo e Salvando Consoles 
1. Clique no menu Iniciar, executar... 
2. Na caixa de texto digite, MMC e clique em OK. 
3. Maximize as janelas do console 
4. No menu Arquivo (file), escolha Opções para visualizar o modo de 
configuração de console. 
5. Verifique se está selecionado o modo Autor na caixa de diálogo, e clique em 
OK. 
6. No menu Arquivo (file), clique em Adicionar/Remover Snap-In. 
7. Na caixa de diálogo, clique em Adicionar para mostrar a caisa de diálogo para 
adição de Standalone Snap-Ins. 
8. Localize o Visualizador de Eventos (Event Viewer) snap-in e clique em 
Adicionar. 
9. Na caixa de diálogo de seleção de computadores, selecione computador local e 
clique em Finalizar. 
10. Clique em Fechar na janela de adição de Snap-ins e emseguida clique em OK 
na caixa de diálogo de adicionar/remover Snap-In. 
11. Adicione agora o snap-in para o gerenciador de dispositivos (local) 
12. Salve o MMC como MeusEventos 
Praticando: Construindo e Salvando Consoles Remotos 
1. Clique no menu Iniciar, executar... 
2. Na caixa de texto digite, MMC e clique em OK. 
3. Maximize as janelas do console 
4. No menu Arquivo (file), escolha Opções para visualizar o modo de 
configuração de console. 
5. Verifique se está selecionado o modo Autor na

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.