A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Abertura de Empresa Ltda

Pré-visualização | Página 1 de 2

Clique para editar o estilo do título mestre
Clique para editar o estilo do subtítulo mestre
*
*
*
ABERTURA DE EMPRESAS 	
*
*
*
Exemplos de Sociedade
Sociedade Simples
Sociedade Limitada
Empresário Individual
Micro empreendedor individual (MEI)
*
*
*
Sociedade Simples
	A sociedade simples é um tipo de sociedade constituída sobretudo para a exploração de atividade de prestação de serviços decorrentes de atividade intelectual. Assim, a sociedade simples é formada por pessoas que exercem profissão do gênero intelectual, tendo como espécie a natureza científica, literária ou artística, mesmo se contar com auxiliares ou colaboradores. 
*
*
*
Sociedade Simples
	Para adquirir personalidade jurídica deve arquivar seus atos constitutivos no cartório de Registro Civil das Pessoas Jurídicas, nos 30 dias subseqüentes a sua constituição.
	
	Além do registro inicial, devem ser registradas quaisquer alterações no ato constitutivo. 
*
*
*
Sociedade Simples
Documentos Necessários:
CPF dos Sócios 
RG dos Sócios 
Título Eleitoral dos Sócios 
Comprovante de Residência dos Sócios 
Comprovante IPTU(Endereço da Empresa)
Carteira de Registro Profissional de Classe
*
*
*
Sociedade Simples
	O próximo passo é montar o contrato social de acordo com as exigências do Cartório de Registros e levar ao Conselho de Classe cujo profissional esteja vinculado.(CREA, CRO, CRM, CRC..) Este procedimento se dá por motivo de averiguação da idoneidade e veracidade da documentação entregue para abertura da Sociedade Simples. 
*
*
*
Sociedade Simples
	Após liberação do Conselho, o Contrato é registrado no cartório e é preenchido o DBE no site da Receita Federal para pedido de CNPJ.
*
*
*
Sociedade Limitada
	É a sociedade onde os Sócios participam na formação do Capital Social, respondendo solidariamente pela integralização do Capital, isto é, são responsáveis pelas quotas subscritas pelos outros, quando não integralizadas. 
*
*
*
Sociedade Limitada
Documentos Necessários:
CPF dos Sócios 
RG dos Sócios 
Título Eleitoral dos Sócios 
Comprovante de Residência dos Sócios 
Comprovante IPTU(Endereço da Empresa)
Taxa de Expediente (DAE) 165,53
Subscrever o valor do Capital e como será integralizado
*
*
*
Sociedade Limitada
	Com a documentação em mãos montar o Contrato Social de acordo com o Código Civil. 
	No Site da Junta Comercial (JUCEMG) está disponível o modelo de Contrato Social para eventuais modificações.
*
*
*
Sociedade Limitada
	Se os sócios forem casados entre si, somente poderão abrir a empresa se casados em comunhão parcial de bens segundo exigência do código civil.
*
*
*
DBE (Documento Básico de Entradas)
Documento a ser preenchido e emitido pela Receita Federal para inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ).
DBE – Toda solicitação de serviços à Receita Federal deverá ter o DBE preenchido.
Site : receita.fazenda.gov.br 
Cadastro Sincronizado
*
*
*
Consulta de Viabilidade
Preencher no Site: 
www.jucemg.mg.gov.br
Acessar e Preencher Consulta de Viabilidade
Município : Pouso Alegre
Ato ( Exemplo : Inscrição )
Tipo de Órgão de Registro : Junta 
Natureza Jurídica : Sociedade Limitada
Enquadramento : (ME, EPP)
Dados do Requerente (dados do empresário)
Informar três opções para Razão Social. 
*
*
*
Requerimento de Sociedade Ltda
Preencher no Site:
www.jucemg.mg.gov.br
Acessar o Módulo Integrador;
		Colocar o número do protocolo da Consulta de Viabilidade (JUCEMG) e o número do recibo e identificador do DBE; 
		O módulo integrador vai buscar os dados oferecidos a Receita no momento do preenchimento do DBE e oferecidos a Junta no preenchimento da Consulta de Viabilidade.
		Após este processo serão disponibilizados o Contrato Social, a Capa do Processo, Enquadramento de Micro, Pequena, Média ou Grande Empresa com sua respectiva capa. Porém Média e Grande empresa não será mencionado no nome.
		Após os processos já explicados protocolar os documentos na Junta e aguardar a aprovação, após a liberação, o CNPJ, Inscrição Estadual se houver necessidade, serão disponibilizados e a empresa está criada.
		No caso do município que existir o processo Minas Fácil a Inscrição Municipal já é liberada juntamente com o CNPJ e IE. 
 
 
*
*
*
Empresário Individual
Documentos Necessários:
CPF
RG (Autenticado)
Título Eleitoral
Comprovante de Residência 
Comprovante IPTU(Endereço da Empresa)
Taxa de Expediente (DAE) 82,11
Subscrever o capital e como será integralizado
*
*
*
DBE (Documento Básico de Entradas)
Documento a ser preenchido e emitido pela Receita Federal para inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ).
DBE – Toda solicitação de serviços à Receita Federal deverá ter o DBE preenchido.
Site : receita.fazenda.gov.br 
Cadastro Sincronizado
*
*
*
Consulta de Viabilidade
Preencher no Site 
www.jucemg.mg.gov.br
Acessar e Preencher Consulta de Viabilidade
Município : Pouso Alegre
Ato ( Exemplo : Inscrição )
Tipo de Órgão de Registro : Junta 
Natureza Jurídica : Empresário Individual
Enquadramento : (ME, EPP)
Dados do Requerente (dados do empresário)
Informar três opções para Nome Empresarial que equivale a Razão Social. 
*
*
*
Requerimento de Empresário
Preencher no Site
www.jucemg.mg.gov.br
Acessar o Módulo Integrador;
		Colocar o número do protocolo da Consulta de Viabilidade (JUCEMG) e o número do recibo e identificador do DBE; 
		O módulo integrador vai buscar os dados oferecidos a Receita no momento do preenchimento do DBE e oferecidos a Junta no preenchimento da Consulta de Viabilidade.
		Após este processo serão disponibilizados o Requerimento de Empresário, a Capa do Processo, Enquadramento de Micro ou Pequena Empresa com sua respectiva capa.
		Após os processos já explicados, protocolar os documentos na Junta e aguardar a aprovação, após a liberação, o CNPJ, Inscrição Estadual se houver necessidade, serão disponibilizados e a empresa está criada.
		No caso do município que existir o processo Minas Fácil a Inscrição Municipal já é liberada juntamente com o CNPJ e IE. 
 
 
*
*
*
Micro empreendedor Individual
A formalização do Empreendedor Individual será feita pela Internet no endereço www.portaldoempreendedor.gov.br de forma gratuita.
Após o cadastramento, o CNPJ e o número de inscrição na Junta Comercial são obtidos imediatamente. Não é necessário encaminhar nenhum documento à Junta Comercial. Nenhuma cópia de documento precisa ser anexada.
O Empreendedor Individual também poderá fazer a sua formalização com a ajuda de empresas de contabilidade que são optantes pelo Simples Nacional e estão espalhadas pelo Brasil. Essas empresas irão realizar a formalização e a primeira declaração anual sem cobrar nada. 
*
*
*
Micro empreendedor Individual
Custos após a formalização Após a formalização, o empreendedor terá o seguinte custo: - Para a Previdência: R$ 56,10 por mês (representa 11% do salário mínimo que é reajustado no início de cada ano); - Para o Estado: R$ 1,00 fixo por mês se a atividade for comércio ou indústria; - Para o Município: R$ 5,00 fixos por mês se a atividade for prestação de serviços. 
*
*
*
Micro empreendedor Individual
Pagamento 
O pagamento desses valores será feito por meio de um documento chamado DAS - Documento de Arrecadação do Simples Nacional, que é gerado pela Internet. Esse documento pode ser gerado por qualquer pessoa em qualquer computador ligado à Internet. O pagamento será feito na rede bancária e casas lotéricas, até o dia 20 de cada mês.
*
*
*
Micro empreendedor Individual
Importante Lembre-se de que toda atividade a ser exercida, mesmo na residência, necessita de autorização prévia da Prefeitura, que nesse caso será gratuita. O SEBRAE é outro parceiro que oferecerá orientação de graça sobre a formalização.