Defeitos do Negócio Jurídico - COAÇÃO, LESÃO E ESTADO DE PERIGO

Defeitos do Negócio Jurídico - COAÇÃO, LESÃO E ESTADO DE PERIGO

Pré-visualização1 página
*
*
Direito Civil
Defeitos do negócio jurídico
*
*
COAÇÃO
Ameaça ou pressão injusta exercida sobre indivíduo, para que ele realize determinado negócio jurídico.
Art. 151. A coação, para viciar a declaração da vontade, há de ser tal que incuta ao paciente fundado temor de dano iminente e considerável à sua pessoa, à sua família, ou aos seus bens.
Parágrafo único. Se disser respeito a pessoa não pertencente à família do paciente, o juiz, com base nas circunstâncias, decidirá se houve coação.
*
*
COAÇÃO
Para que se configure a coação, que torna o negócio anulável:
Deve ser o motivo da realização do negócio jurídico. 
(se não houvesse a coação, ele não se efetivaria).
Deve ser grave (é preciso gerar o temor na vítima \u2013 depende da pessoa \u2013 Art. 152).
Deve se injusta (não pode ser consequência justa. Ex: se não pagar, vou protestar seu cheque).
Deve ser relativa a dano inevitável. (se a pessoa podia se safar, o dano é evitável).
Deve constituir ameaça à pessoa, família, bens (ou terceiros \u2013 a depender do que considerar o juiz)
*
*
COAÇÃO
Coação física ou absoluta:
Coação exercida com a força física do agente. Ex. forçar a pessoa a colocar a digital no papel.
Alguns autores afirmam que não existe o negócio jurídico, pois não há manifestação de vontade
Coação relativa ou moral:
Coação exercida com a ameaça à família, pessoa, ou bens (ou terceiros). 
Anulável
Coação exercida por terceiro:
Se o beneficiário não sabe, o negócio jurídico subsiste. Não é anulável. Cabe perdas e danos contra o terceiro.
SE O BENEFICIÁRIO SABE, o negócio é anulável e o beneficiário e terceiro respondem por perdas e danos.
*
*
ESTADO DE PERIGO
Alguém assume obrigação excessivamente onerosa, em decorrência de estado de perigo (seu, de sua família ou de terceiros), conhecido pela outra parte.
Ex: pessoa vende veículo por preço muito inferior (a pessoa que sabia da situação), para pagar tratamento do filho que está no hospital.
*
*
ESTADO DE PERIGO
Art. 156. Configura-se o estado de perigo quando alguém, premido da necessidade de salvar-se, ou a pessoa de sua família, de grave dano conhecido pela outra parte, assume obrigação excessivamente onerosa.
Parágrafo único. Tratando-se de pessoa não pertencente à família do declarante, o juiz decidirá segundo as circunstâncias.
*
*
ESTADO DE PERIGO
Elementos do estado de perigo:
Situação de necessidade \u2013 de salvar (de se salvar, ou salvar a família ou terceiros \u2013 a ser apreciado pelo Juízo).
Iminência de dano grave
Ligação entre a conduta e a solução da situação de necessidade.
Conhecimento do perigo pela outra parte
Obrigação excessivamente onerosa
*
*
ESTADO DE PERIGO
Efeitos do estado de perigo:
O negócio jurídico é anulável.
Alguns entendem que não deveria ser anulável, se não se configurasse o enriquecimento ilícito de uma das partes.
Alguns autores afirmam que o Código deveria permitir a manutenção do negócio, com a modificação da onerosidade excessiva.
*
*
LESÃO
É o prejuízo decorrente de má contratação (manifestamente desproporcional) por parte do indivíduo por inexperiência ou premente necessidade.
DESPROPORÇÃO CONTRATUAL / NECESSIDADE (OU INEXPERIÊNCIA)
Ex: O individuo vai ser despejado. Procura outro imóvel e acaba aceitando condições excessivamente onerosas, por medo de não ter como abrigar sua família.
*
*
LESÃO
Art. 157. Ocorre a lesão quando uma pessoa, sob premente necessidade, ou por inexperiência, se obriga a prestação manifestamente desproporcional ao valor da prestação oposta.
§ 1o Aprecia-se a desproporção das prestações segundo os valores vigentes ao tempo em que foi celebrado o negócio jurídico.
§ 2o Não se decretará a anulação do negócio, se for oferecido suplemento suficiente, ou se a parte favorecida concordar com a redução do proveito.
*
*
LESÃO
Elementos da lesão
Desproporção estabelecida no contrato (onerosidade / usura)
Acentuado desnível entre as contraprestações
Inexperiência ou premente necessidade
Premente necessidade = necessidade de contratar.
Inexperiência = Falta de conhecimentos técnicos ou habilidades relativas ao negócio. 
*
*
LESÃO
Efeitos da lesão
Pode ser anulado (caso configurada)
Não se decretará a anulação do negócio, se for oferecido suplemento suficiente, ou se a parte favorecida concordar com a redução do proveito.