Aula 9 - Método dos Elos
6 pág.

Aula 9 - Método dos Elos

Disciplina:Projeto de Fábrica e Layout390 materiais1.474 seguidores
Pré-visualização1 página
Página 1

Professor: Leandro Lemos e Lemos

e-mail: leandro.lemos@newtonpaiva.edu.br

Aula 9

Método dos Elos

Página 2

Professor: Leandro Lemos e Lemos

e-mail: leandro.lemos@newtonpaiva.edu.br

1. O MÉTODO DOS ELOS

O Método dos Elos baseia-se na determinação de todas as inter-relações
possíveis entre as várias unidades que compõem o arranjo físico, de forma a
se poder estabelecer um critério de prioridade na localização dessas unidades.

O método parte da premissa que merecem prioridade na localização, as
unidades que estarão sujeitas a um maior fluxo de transporte.
É definido como ELO, o percurso de movimentação que liga duas unidades.
Assim, o elo AB é o percurso que liga a unidade A à unidade B.

Procedimento:

a)Determinar para cada produto (ou serviço) a sequencia de operação e
quantidade de transporte (volume de produção e capacidade do veículo), área
necessária para cada unidade de trabalho (bancada,máquina, etc; definir para
cada produto a sequencia de operação;

b)Determinar o fluxo do transporte, sendo que o fluxo de transporte
representa o número total de transportes entre as unidades

c)Elaborar o Quadro dos Elos. Nesse quadro faremos constar, na interseção de
cada linha com cada coluna, o número de elos existentes em ambos os
sentidos entre as unidades do arranjo físico. A soma dos elos que ligam cada
unidade às demais nos dá a maior um menor importância de cada unidade nos
ciclos de fabricação dos produtos.

Página 3

Professor: Leandro Lemos e Lemos

e-mail: leandro.lemos@newtonpaiva.edu.br

A unidade que tiver o maior número de elos deve ser localizada na posição
central, cercada pelas demais unidades. Procurar levar em consideração os
fluxos dos produtos para evitar retornos.

2. NORMAS REGULAMENTADORAS DO MINISTÉRIO DO

TRABALHO E EMPREGO

O método dos elos é uma técnica especial de estudo de layout, tendo como
arcabouço o estabelecimento dos principais pares de postos de trabalho
envolvidos no processamento do produto ou no andamento dos documentos,
identificando-se os elos ou postos mais solicitados, normalmente colocados em
posições centrais.

Adotando-se o método dos elos, é possível minimizar a movimentação de
produtos, processos, documentos e/ou pessoas, entre os vários postos de
trabalho envolvidos, tornando mais racional o fluxo de trabalho.
Para se desenvolver um estudo de layout, por meio do método dos elos, são
indispensáveis os seguintes procedimentos:

1 – identificação dos tipos de processamento que existem no órgão estudado,
definindo os postos de trabalho envolvidos e as respectivas quantidades
médias, por processo de trabalho, no tempo médio estudado.

2 – em seguida, definir a sequência dos postos de trabalho.

3 – Com os dados constantes dos itens 1 e 2, montar o quadro dos elos,
colocando em cada coluna os tipos de processos identificados.

4 – Elaborar o quadro das frequências, relatando o número de vezes que cada
elo ocorre no período considerado. Assim, identificamos em quantos
procedimentos cada elo interfere e quantas vezes cada um se verificam no
período.

5 – Por fim, com base nas frequências projeta-se o layout, sendo que o posto
de trabalho mais utilizado fica no centro, os postos de trabalho que iniciam o
processo no início e os postos de trabalho que finalizam o processo no final do
layout (observando sempre o espaço físico disponível).

Página 4

Professor: Leandro Lemos e Lemos

e-mail: leandro.lemos@newtonpaiva.edu.br

3. EXEMPLO

Página 5

Professor: Leandro Lemos e Lemos

e-mail: leandro.lemos@newtonpaiva.edu.br

Dessa forma, concluímos que os postos de trabalho números 2 e 12 são os
mais solicitados, seguidos pelos postos 1 e 13. Portanto, estes devem ser
centralizados no arranjo físico da empresa e os postos 1 e 13 devem ser
colocados logo após, seguindo essa sequencia ao longo do layout.

Página 6

Professor: Leandro Lemos e Lemos

e-mail: leandro.lemos@newtonpaiva.edu.br

Exercício de arranjo físico (layout) – Método dos elos