LINGUAS DE SINAIS
18 pág.

LINGUAS DE SINAIS


DisciplinaLibras15.828 materiais104.679 seguidores
Pré-visualização4 páginas
1 - O que são língua de sinais? 
Resposta: É uma língua de modalidade gestual-visual porque utiliza, como 
meio de comunicação, movimentos gestuais e expressões faciais que são 
percebidos pela visão para captar movimentos, principalmente das mãos. 
 
2 - Os sinais são formados segunda a combinação dos seguintes 
componentes: 
Resposta: Ponto de articulação, movimento, expressões faciais, expressões 
corporais e configuração das mãos. 
 
3- A audição é essencial para o desenvolvimento da fala, da linguagem, 
da socialização e de outras formas de comportamento. 
I. Sem a audição a criança tende a se afastar do seu meio ambiente. 
II. Sem audição a criança pode ter aparência de criança retardada, com 
distúrbios emocionais e de aprendizagem. 
III. A audição deve ser testada em qualquer criança que venha para avaliação 
de distúrbios 
do desenvolvimento. 
IV. A audição não interfere na aquisição da fala. 
 
Estão corretas as: 
Resposta: I, II e III. 
 
4 - Em que ano aconteceu o Congresso de Milão? 
Resposta: 1880. 
 
5 -A partir do reconhecimento da libras em todo território nacional, são 
vários os profissionais especializados que participam do processo 
educacional da educação dos surdos, entre eles: 
I. Intérprete de Libras/língua portuguesa - Profissional com competência 
lingüística em 
Libras/língua portuguesa, que atua no contexto do ensino regular no qual há 
alunos surdos matriculados. 
 
 
 
II. Instrutor surdo de Libras - Profissional surdo que atua em serviços 
especializados, desenvolvendo atividades relacionadas ao ensino e a difusão 
da Língua Brasileira de Sinais \u2013 Libras e de aspectos socioculturais da surdez 
na comunidade escolar. 
III. Escola Especial para surdos - Serviço especializado com proposta 
pedagógica de educação bilíngüe que oferece escolarização não -formal. 
IV. Instituições especializadas - Serviço especializado que oferece atendimento 
educacional e/ou de natureza terapêutica (Psicologia e Fonoaudiologia entre 
outros), para alunos surdos matriculados na Educação Básica. 
V. Intérprete de Libras- ele substitui a figura do professor em relação à função 
central na mediação do processo de aprendizagem. Sua atuação é a de mediar 
a comunicação entre surdos e ouvintes, nas diferentes situações de 
aprendizagem e interação social. 
Estão corretas as afirmativas: 
 
Resposta: I, II, IV. 
 
6 - Os pilares da educação bilíngüe para surdos são: 
I. O modelo de educação bilíngüe contrapõe-se ao modelo oralista porque 
considera o canal visogestual de fundamental importância para a aquisição de 
linguagem da pessoa surda. 
II. E contrapõe-se à comunicação total porque defende um espaço efetivo para 
a língua de sinais no trabalho educacional; por isso advoga que cada uma das 
línguas apresentadas ao surdo mantenha suas características próprias e que 
não se "misture" uma com a outra. 
III. A educação bilíngüe para surdos propõe é que sejam ensinadas duas 
línguas, a língua de sinais e, secundariamente, a língua do grupo ouvinte 
majoritário, ou seja, a língua portuguesa. 
IV. A educação bilíngüe para surdos anula a língua portuguesa na modalidade 
oral e só aceita que o surdo aprenda a língua portuguesa na sua modalidade 
escrita. 
V. Na proposta bilíngüe para surdos todas as outras estão incluídas, ou seja, 
oralismo, comunicação total, gestos e português escrito. 
 
As afirmativas corretas são: 
 
Resposta: I, II, III. 
 
 
 
 
 
7 - As decisões tomadas no Congresso de Milão fez com que linguagem 
gestual fosse praticamente banida como forma de comunicação a ser 
utilizada por pessoas surdas no trabalho educacional em todo os países. 
É correto afirma que: 
 
I. A partir do Congresso de Milão, o oralismo foi o referencial assumido e as 
práticas educacionais vinculadas a ele foram amplamente desenvolvidas e 
divulgadas. 
 
II. Com o Congresso de Milão termina uma época de convivência tolerada na 
educação dos surdos entre a linguagem falada e a gestual e, em particular, 
desaparece a figura do professor surdo que, até então, era freqüente. 
 
III.A abordagem oralista na educação dos surdos não foi, praticamente, 
questionada por quase um século. 
 
IV. O oralismo como prática educacional revolucionou a educação de surdos 
trazendo somente benefícios para os mesmos. 
Resposta: I, II e III. 
8 - Quando começou a surgir estudos sobre as língua de sinais utilizadas 
pelas comunidades surdas? 
Resposta: Na década de 1960. 
 
9 - O alfabeto manual é: 
Resposta: Apenas um recurso utilizado para soletrar nomes próprios e 
empréstimos linguísticos do português. 
 
10 - A língua de sinais é considerada pela lingüística como a língua 
natural das pessoas surdas, isso se dá pelo fato de que: 
Resposta: A língua de sinais é de modalidade visual-gestual não tendo 
impedimento de ser adquirida pelas pessoas surdas. 
 
 
 
 
11 - Como se dá o aprendizado da língua portuguesa pelos surdos? 
Resposta: Devido ao seu impedimento auditivo, o aprendizado da língua 
portuguesa irá processar-se como o de uma língua estrangeira, pois o mesmo 
exigirá ambiente artificial e sistematização por meio de metodologias próprias 
de ensino. 
 
12 - Quais são os pilares da proposta de educação bilíngüe para surdos 
com relação a língua de sinais e a língua portuguesa? 
 
I. A língua de sinais é considerada a mais adaptada à pessoa surda. 
II. As crianças quando expostas a língua de sinais apresentam 
desenvolvimento semelhante a criança ouvinte. 
III. A linguagem de sinais é um meio para o surdo aprender o português. 
IV. A língua portuguesa é tida como segunda língua para o surdo. 
 Estão corretas as afirmativas: 
 
a) I e III; 
 
b) II e III; 
 
c) III e IV; 
 
d) I, III e IV; 
 
e) II, III e IV. 
 
Resposta: I, II e IV. 
13 - De forma genérica deficiência auditiva é definida da seguinte 
maneira: 
Resposta: Como a diferença existente entre a performance do individuo e a 
habilidade normal para a detecção sonora de acordo com padrões 
estabelecidos pela ANSI. 
 
 
 
 
14 - Desde 1960, a partir dos estudos do lingüista norte-americano 
Stokoe, as Línguas de Sinais são consideradas realmente línguas com 
estrutura gramatical e regras próprias. No Brasil, a oficialização da Língua 
Brasileira de Sinais ocorreu recentemente. Assinale a alternativa que 
corresponde a legislação federal que oficializou a Língua de Sinais no 
Brasil: 
Resposta: Lei n. 10.436, de 24 de abril de 2002. 
 
15 - A Lei de LIBRAS reconhece como meio legal de comunicação e 
expressão o sistema lingüístico de natureza visual-espacial, o qual se 
constitui em um sistema lingüístico de transmissão de idéias e fatos entre 
membros das comunidades surdas brasileiras. 
Diante do exposto, considerando-se a Língua Portuguesa escrita afirma-se 
que: 
Resposta: A LIBRAS não poderá substituir a modalidade escrita da Língua 
Portuguesa. 
 
16 - No Brasil a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) É usada pelas 
comunidades surdas dos centros urbanos e, ainda, pela tribo de índios 
(Urubu-Kaapor). Pode-se afirmar que as Línguas de Sinais caracterizam-
se como: 
Resposta: Não universais, visuais \u2013 espaciais, com estrutura e gramática 
próprias. 
 
17 - Quais são os tipos de deficiência auditiva? 
Resposta: Deficiência auditiva condutiva, mista e central e sensório-neural. 
 
18 - O grau de severidade da deficiência auditiva são variáveis, podendo 
ser: 
Resposta: Audição normal, deficiência auditiva leve, moderada, severa e 
profunda. 
19 - As causas da deficiência auditiva sensório-neural podem